Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Evento reúne deficientes visuais e cães-guia na Univali, neste sábado
Angelo Borba

Sexta, 26/8/2016 8:39.

Cerca de 40 cães-guias serão reunidos neste sábado (27), a partir das 9h, na Univali de Balneário Camboriú, onde acontece o 1º Encontro Nacional de Usuários e Amigos de Cães-guia. Além da integração, o evento tem como objetivo sensibilizar as pessoas e promover discussões sobre políticas públicas voltadas a esses cães e a pessoas com deficiência visual.

Um dos organizadores é Felipe Cristiano da Silva, acadêmico do curso de Relações Internacionais da Univali e usuário de cão-guia. Há dois anos ele é guiado por Thor, e junto de amigos que também vivem nessa condição surgiu a ideia de realizar o evento. Eles esperam contar com a participação da comunidade. Animais de estimação comuns não são permitidos.

Haverá uma mesa redonda que debaterá a importância do trabalho e da qualidade do treinamento de cães-guia, às 9h. Quem participa é Carlos Eduardo Rebelo, treinador e instrutor de cães-guia do Instituto Federal Catarinense (IFC – Campus Camboriú); George Thoaz Herrison, treinador, instrutor e fundador do Instituto Cão-Guia Brasil e Fabiano Pereira, treinador da Escola de Cães-Guia Helen Keller.

Quem mediará a conversa é Felipe Cristiano de Mardem Reifison, autor do canal Fotógrafo de Cães. Na parte da tarde, a partir das 14h, haverá um debate sobre a experiência coletiva de usuários de cães-guia, mediado pela jornalista Natália Alcântara, autora do livro ‘Amor de Guia’, que conta a história de alguns cães-guia.

Quem finaliza o evento é o professor do curso de Direito, Walter Amaro Baldi, que falará sobre a conscientização da sociedade em relação à lei 11.126, que garante o acesso do cão-guia a espaços públicos e privados de uso coletivo.

Balneário Camboriú abriga uma das mais antigas escolas de formação de cães-guia do Brasil, a Escola de Cães-Guia Helen Keller. Além disso, o Instituto Federal Catarinense de Camboriú conta com o primeiro centro da América Latina de formação de treinadores e instrutores de cães-guia.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Evento reúne deficientes visuais e cães-guia na Univali, neste sábado

Angelo Borba
Sexta, 26/8/2016 8:39.

Cerca de 40 cães-guias serão reunidos neste sábado (27), a partir das 9h, na Univali de Balneário Camboriú, onde acontece o 1º Encontro Nacional de Usuários e Amigos de Cães-guia. Além da integração, o evento tem como objetivo sensibilizar as pessoas e promover discussões sobre políticas públicas voltadas a esses cães e a pessoas com deficiência visual.

Um dos organizadores é Felipe Cristiano da Silva, acadêmico do curso de Relações Internacionais da Univali e usuário de cão-guia. Há dois anos ele é guiado por Thor, e junto de amigos que também vivem nessa condição surgiu a ideia de realizar o evento. Eles esperam contar com a participação da comunidade. Animais de estimação comuns não são permitidos.

Haverá uma mesa redonda que debaterá a importância do trabalho e da qualidade do treinamento de cães-guia, às 9h. Quem participa é Carlos Eduardo Rebelo, treinador e instrutor de cães-guia do Instituto Federal Catarinense (IFC – Campus Camboriú); George Thoaz Herrison, treinador, instrutor e fundador do Instituto Cão-Guia Brasil e Fabiano Pereira, treinador da Escola de Cães-Guia Helen Keller.

Quem mediará a conversa é Felipe Cristiano de Mardem Reifison, autor do canal Fotógrafo de Cães. Na parte da tarde, a partir das 14h, haverá um debate sobre a experiência coletiva de usuários de cães-guia, mediado pela jornalista Natália Alcântara, autora do livro ‘Amor de Guia’, que conta a história de alguns cães-guia.

Quem finaliza o evento é o professor do curso de Direito, Walter Amaro Baldi, que falará sobre a conscientização da sociedade em relação à lei 11.126, que garante o acesso do cão-guia a espaços públicos e privados de uso coletivo.

Balneário Camboriú abriga uma das mais antigas escolas de formação de cães-guia do Brasil, a Escola de Cães-Guia Helen Keller. Além disso, o Instituto Federal Catarinense de Camboriú conta com o primeiro centro da América Latina de formação de treinadores e instrutores de cães-guia.

Publicidade

Publicidade