Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Fama
'Ficar velho é uma desgraça', diz Sérgio Reis

Quarta, 23/5/2018 10:20.
Douglas Gomes / PRB
Sérgio Reis vota sim no Impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff

Publicidade

(UOL/FOLHAPRESS)

Sérgio Reis falou do peso da idade no Programa do Porchat desta terça-feira (22). O cantor, de 78 anos, enumerou os problemas de saúde que vem enfrentando.

"Ficar 'véio' é uma desgraça. Esse ano, eu já tive AVC hemorrágico voando, tive que operar o cérebro, operei tudo que você imagina. A última foi o fêmur. Tive que trocar a peça aqui", disse, apontado para o quadril.

Diabético, ele também já passou por outros momentos delicados, como em março de 2012. "Caí do palco, trinquei nove vértebras, perfurei costelas...", recorda. "Fico com raiva desses artistas que não se cuidam. Porque Elis Regina teve que morrer antes? Elvis era bonito, galã, ator... acho uma traição com o público, eu vivo, eu me cuido para vocês".

Apesar do currículo na TV e cinema, o sertanejo não se considera apenas cantor. "Não sou ator, mas fiz 3 filmes, quatro novelas, aprendi muito com eles". E ele nem pensa em parar. "Ainda vou lançar mais um [álbum] esse ano. Eu e a Ângela, minha esposa, que é vocalista de todos esses artistas que vocês têm aí. Eu e ela, e vai chamar 'Alma Gêmea".


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Douglas Gomes / PRB
Sérgio Reis vota sim no Impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff
Sérgio Reis vota sim no Impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff

'Ficar velho é uma desgraça', diz Sérgio Reis

Publicidade

Quarta, 23/5/2018 10:20.

(UOL/FOLHAPRESS)

Sérgio Reis falou do peso da idade no Programa do Porchat desta terça-feira (22). O cantor, de 78 anos, enumerou os problemas de saúde que vem enfrentando.

"Ficar 'véio' é uma desgraça. Esse ano, eu já tive AVC hemorrágico voando, tive que operar o cérebro, operei tudo que você imagina. A última foi o fêmur. Tive que trocar a peça aqui", disse, apontado para o quadril.

Diabético, ele também já passou por outros momentos delicados, como em março de 2012. "Caí do palco, trinquei nove vértebras, perfurei costelas...", recorda. "Fico com raiva desses artistas que não se cuidam. Porque Elis Regina teve que morrer antes? Elvis era bonito, galã, ator... acho uma traição com o público, eu vivo, eu me cuido para vocês".

Apesar do currículo na TV e cinema, o sertanejo não se considera apenas cantor. "Não sou ator, mas fiz 3 filmes, quatro novelas, aprendi muito com eles". E ele nem pensa em parar. "Ainda vou lançar mais um [álbum] esse ano. Eu e a Ângela, minha esposa, que é vocalista de todos esses artistas que vocês têm aí. Eu e ela, e vai chamar 'Alma Gêmea".


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade