Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Fama
Maestrini queria imitar IZA e Luan no Show dos Famosos, mas teve que desistir dos 'grandões'

Domingo, 10/6/2018 10:52.
Divulgação/ Rede Globo
Alessandra Maestrini do Show dos Famosos

Publicidade

FERNANDA PEREIRA NEVES (FOLHAPRESS)

No palco do Faustão, a atriz Alessandra Maestrini troca o cabelo, os gestos e o tom de voz. Dança empolgada numa dia e se veste de homem no outro. Mas garante que nem todos os seus desejos de imitação foram realizados desde o início do Show dos Famosos e diz que teve que desistir de homenagear IZA e Luan Santana.

Prestes a fazer sua sexta performance neste domingo (10), Maestrini conta que chegou a propor à produção do programa as duas imitações, mas foi aconselhada a desistir por conta da estrutura óssea muito diferente da dela. "Disseram que ia ficar estranho. Como televisão é imagem, se o público estranha a primeira coisa que recebe, atrapalha o quadro."

"Eles falaram: 'A Iza é muito grande e você é muito pequenininha'. Eu ia parecer a boneca Eva. A caracterização fala: 'Você pode fazer, mas a gente não aconselha'. Quando pedi pra fazer Luan Santana foi a mesma coisa, ele é muito grandão. Então personagens grandões não me deixaram fazer", afirma em meio a risos.

Assim, Maestrini já encarnou Céline Dion, Axl Rose, Tetê Spíndola eFernanda Abreu, além de Lady Gaga, que julgou o mais complexo até agora. "Tinha um monte de passos de dança. Eu não tenho um cotidiano de dança, nos meus musicais até fazia alguma coisa, mas eram danças feitas pra mim, com meses para ensaiar."

Comparando o Show dos Famosos com seus trabalhos anteriores, Maestrini diz que é muito difícil representar uma figura icônica, cuja música foi feita para sua voz e acoreografia foi feita pro seu corpo. "Aí você pega isso e tenta fazer com seu corpo e sua voz em uma semana. É muito doido! O bagulho é doido", brinca.

Ao todo, são de seis a nove horas de preparação para cada apresentação, conta ela, distribuídas em ensaio de voz, gestuale coreografia, além de um ensaio já com toda a caracterização. Nesse processo, os participantes às vezes se encontram na casa e até opinam naapresentação uns dos outros.

Além de Maestrini, mais sete outros famosos participam dessa segunda edição do quadro do Programa do Faustão. No grupo um, ao lado da atriz, estão Mumuzinho, Naiara Azevedo e Tiago Abravanel. No grupo dois estão Helga Nemeczyk, Paulo Ricardo, Sandra de Sá e Silvero Pereira.

"Um dos motivos maiores que me fez participar do Show dos Famosos foi o desafio corporal. Eu sabia que teria que teria que cantar e dançar ao mesmo tempo, especialmente com Claudia Raia na bancada", afirma rindo. "Tem muita coisa dos personagens que estão virando aprendizado, que vou colocar nos espetáculos quefaço".

Além do Show dos Famosos, Maestrinitambém está com a peça "O Som e a Sílaba", que conta a história deuma jovem autistae sua relação com Leonor Delise (Mirna Rubim), sua professora de canto. O espetáculoestará em São Paulo, no Teatro Vivo, entre os dias 20 e 22 de julho.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação/ Rede Globo
Alessandra Maestrini do Show dos Famosos
Alessandra Maestrini do Show dos Famosos

Maestrini queria imitar IZA e Luan no Show dos Famosos, mas teve que desistir dos 'grandões'

Publicidade

Domingo, 10/6/2018 10:52.

FERNANDA PEREIRA NEVES (FOLHAPRESS)

No palco do Faustão, a atriz Alessandra Maestrini troca o cabelo, os gestos e o tom de voz. Dança empolgada numa dia e se veste de homem no outro. Mas garante que nem todos os seus desejos de imitação foram realizados desde o início do Show dos Famosos e diz que teve que desistir de homenagear IZA e Luan Santana.

Prestes a fazer sua sexta performance neste domingo (10), Maestrini conta que chegou a propor à produção do programa as duas imitações, mas foi aconselhada a desistir por conta da estrutura óssea muito diferente da dela. "Disseram que ia ficar estranho. Como televisão é imagem, se o público estranha a primeira coisa que recebe, atrapalha o quadro."

"Eles falaram: 'A Iza é muito grande e você é muito pequenininha'. Eu ia parecer a boneca Eva. A caracterização fala: 'Você pode fazer, mas a gente não aconselha'. Quando pedi pra fazer Luan Santana foi a mesma coisa, ele é muito grandão. Então personagens grandões não me deixaram fazer", afirma em meio a risos.

Assim, Maestrini já encarnou Céline Dion, Axl Rose, Tetê Spíndola eFernanda Abreu, além de Lady Gaga, que julgou o mais complexo até agora. "Tinha um monte de passos de dança. Eu não tenho um cotidiano de dança, nos meus musicais até fazia alguma coisa, mas eram danças feitas pra mim, com meses para ensaiar."

Comparando o Show dos Famosos com seus trabalhos anteriores, Maestrini diz que é muito difícil representar uma figura icônica, cuja música foi feita para sua voz e acoreografia foi feita pro seu corpo. "Aí você pega isso e tenta fazer com seu corpo e sua voz em uma semana. É muito doido! O bagulho é doido", brinca.

Ao todo, são de seis a nove horas de preparação para cada apresentação, conta ela, distribuídas em ensaio de voz, gestuale coreografia, além de um ensaio já com toda a caracterização. Nesse processo, os participantes às vezes se encontram na casa e até opinam naapresentação uns dos outros.

Além de Maestrini, mais sete outros famosos participam dessa segunda edição do quadro do Programa do Faustão. No grupo um, ao lado da atriz, estão Mumuzinho, Naiara Azevedo e Tiago Abravanel. No grupo dois estão Helga Nemeczyk, Paulo Ricardo, Sandra de Sá e Silvero Pereira.

"Um dos motivos maiores que me fez participar do Show dos Famosos foi o desafio corporal. Eu sabia que teria que teria que cantar e dançar ao mesmo tempo, especialmente com Claudia Raia na bancada", afirma rindo. "Tem muita coisa dos personagens que estão virando aprendizado, que vou colocar nos espetáculos quefaço".

Além do Show dos Famosos, Maestrinitambém está com a peça "O Som e a Sílaba", que conta a história deuma jovem autistae sua relação com Leonor Delise (Mirna Rubim), sua professora de canto. O espetáculoestará em São Paulo, no Teatro Vivo, entre os dias 20 e 22 de julho.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade