Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Marta se torna embaixadora da ONU Mulheres
PNUD

Quinta, 12/7/2018 15:21.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A ONU Mulheres anunciou nesta quinta-feira (12) a atacante Marta como embaixadora da boa vontade para mulheres e meninas no esporte. A brasileira terá como função apoiar o trabalho das mulheres "pela igualdade de gênero e empoderamento das mulheres em todo o mundo".

"É uma honra me tornar uma embaixadora da Boa Vontade da ONU Mulheres para mulheres e meninas no esporte. Estou totalmente comprometida em trabalhar com a ONU Mulheres para garantir que mulheres e meninas em todo o mundo tenham as mesmas oportunidades que homens e meninos têm para realizar seu potencial e eu sei, da minha experiência de vida, que o esporte é uma ferramenta fantástica para o empoderamento", disse Marta, em nota oficial da entidade.

Essa não é a primeira participação de Marta em projetos da ONU. Anteriormente, a atacante participava como embaixadora do PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), que tem como objetivo promover o desenvolvimento e erradicar a pobreza no mundo.

Principal jogadora da seleção brasileira, Marta conquistou por cinco vezes o prêmio de melhor jogadora do mundo (2006 a 2010).

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Política

Uma das comissões legislativas é controlada pela oposição


Cidade

Governo terá que agir rápido para não ficar desarticulado


Geral

Bloqueio dos aparelhos começa em dezembro, usuários serão informados


Cidade

Balneário será a cidade mais azul de SC


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Marta se torna embaixadora da ONU Mulheres

PNUD

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A ONU Mulheres anunciou nesta quinta-feira (12) a atacante Marta como embaixadora da boa vontade para mulheres e meninas no esporte. A brasileira terá como função apoiar o trabalho das mulheres "pela igualdade de gênero e empoderamento das mulheres em todo o mundo".

"É uma honra me tornar uma embaixadora da Boa Vontade da ONU Mulheres para mulheres e meninas no esporte. Estou totalmente comprometida em trabalhar com a ONU Mulheres para garantir que mulheres e meninas em todo o mundo tenham as mesmas oportunidades que homens e meninos têm para realizar seu potencial e eu sei, da minha experiência de vida, que o esporte é uma ferramenta fantástica para o empoderamento", disse Marta, em nota oficial da entidade.

Essa não é a primeira participação de Marta em projetos da ONU. Anteriormente, a atacante participava como embaixadora do PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), que tem como objetivo promover o desenvolvimento e erradicar a pobreza no mundo.

Principal jogadora da seleção brasileira, Marta conquistou por cinco vezes o prêmio de melhor jogadora do mundo (2006 a 2010).

 

Publicidade

Publicidade