Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Mazinho, chefe dos esportes de Balneário Camboriú, é o novo presidente do Colegiado de Esportes da Amfri

Sábado, 16/5/2020 9:59.
Arquivo pessoal.

Publicidade

O superintendente da Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú (FMEBC), Osmar de Miranda (Mazinho) foi eleito e empossado na presidência do Colegiado de Esportes da AMFRI, em reunião virtual, realizada nesta quinta-feira (14). Ele disse que ficou surpreso, mas como foi uma indicação por unanimidade, aceitou o desafio.

“Pretendo dar continuidade ao trabalho do Colegiado de Esportes, que é novo, foi criado em 2017, e acima de tudo representar nossa região perante o governo do Estado, ainda mais nesse momento difícil, que precisa de posicionamento e união para que bandeira do esporte seja defendida”.

O presidente da Fundação de Esportes de Bombinhas, Rogério Altair Pinheiro é o novo vice presidente.

Na próxima quinta-feira vai acontecer a primeira reunião desta nova diretoria. Nesta reunião será apresentado o resultado de uma pesquisa, elaborada para os gestores municipais esportivos, membros do colegiado, para avaliar os impactos da pandemia nos municípios da AMFRI. O Colegiado também sugeriu que seja aplicado um questionário com o setor esportivo, de forma online, para compreender a situação e dessa forma construir políticas públicas para apresentar soluções para esse momento.

Mas o assunto principal desse encontro será o calendário da Fesporte. Esta semana o presidente da Fesporte, Rui Godinho apresentou três opções para não deixar de promover as principais disputas estaduais, como Olesc, Joguinhos Abertos e Jasc e que serão apresentadas ao governo do Estado:

1 - Início das competições entre os dias 1º de julho e 5 de dezembro, com 10 programas esportivos (Jesc 12-14, Jesc 15-17, Olesc, Joguinhos Abertos, Jasc, Festival Dança Catarina, Moleque Bom de Bola, Parajasc, Parajesc e Jasti).

2 - Início das competições entre os dias 2 de agosto e 15 de dezembro, com seis programas (Jesc 12-14, Olesc, Joguinhos, Moleque Bom de Bola, Parajasc e Festival Dança Catarina).

3 - Início das competições entre 1º de setembro a 18 de dezembro com a realização de quatro programas (Olesc, Joguinhos Abertos, Moleque Bom de Bola e Jasc).

Segundo Mazinho, o que mais chamou atenção nestas sugestões colocadas pela direção da Fesporte é a ajuda oferecida aos municípios.

“Ele deixou claro para os municípios que vai custear a alimentação, a hospedagem/alojamentos, e demais gastos, exceto transporte da cidade até o local dos jogos. Isso faz com que os municípios participem, porque o maior problema é a crise financeira que vai nos afetar nos próximos meses e com esse formato, essa ajuda da Fesporte, caso venham a acontecer os Jogos, creio que será viável para todos participar. Acredito que ele vai deixar para fazer a última opção, 1 de setembro, Joguinhos, Olesc, Moleque Bom de Bola e Jasc, porque o cenário que estamos vendo é que essa pandemia vai se arrastar por mais um tempo”, disse o novo presidente do Colegiado de Esportes da Amfri.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Arquivo pessoal.

Mazinho, chefe dos esportes de Balneário Camboriú, é o novo presidente do Colegiado de Esportes da Amfri

Publicidade

Sábado, 16/5/2020 9:59.

O superintendente da Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú (FMEBC), Osmar de Miranda (Mazinho) foi eleito e empossado na presidência do Colegiado de Esportes da AMFRI, em reunião virtual, realizada nesta quinta-feira (14). Ele disse que ficou surpreso, mas como foi uma indicação por unanimidade, aceitou o desafio.

“Pretendo dar continuidade ao trabalho do Colegiado de Esportes, que é novo, foi criado em 2017, e acima de tudo representar nossa região perante o governo do Estado, ainda mais nesse momento difícil, que precisa de posicionamento e união para que bandeira do esporte seja defendida”.

O presidente da Fundação de Esportes de Bombinhas, Rogério Altair Pinheiro é o novo vice presidente.

Na próxima quinta-feira vai acontecer a primeira reunião desta nova diretoria. Nesta reunião será apresentado o resultado de uma pesquisa, elaborada para os gestores municipais esportivos, membros do colegiado, para avaliar os impactos da pandemia nos municípios da AMFRI. O Colegiado também sugeriu que seja aplicado um questionário com o setor esportivo, de forma online, para compreender a situação e dessa forma construir políticas públicas para apresentar soluções para esse momento.

Mas o assunto principal desse encontro será o calendário da Fesporte. Esta semana o presidente da Fesporte, Rui Godinho apresentou três opções para não deixar de promover as principais disputas estaduais, como Olesc, Joguinhos Abertos e Jasc e que serão apresentadas ao governo do Estado:

1 - Início das competições entre os dias 1º de julho e 5 de dezembro, com 10 programas esportivos (Jesc 12-14, Jesc 15-17, Olesc, Joguinhos Abertos, Jasc, Festival Dança Catarina, Moleque Bom de Bola, Parajasc, Parajesc e Jasti).

2 - Início das competições entre os dias 2 de agosto e 15 de dezembro, com seis programas (Jesc 12-14, Olesc, Joguinhos, Moleque Bom de Bola, Parajasc e Festival Dança Catarina).

3 - Início das competições entre 1º de setembro a 18 de dezembro com a realização de quatro programas (Olesc, Joguinhos Abertos, Moleque Bom de Bola e Jasc).

Segundo Mazinho, o que mais chamou atenção nestas sugestões colocadas pela direção da Fesporte é a ajuda oferecida aos municípios.

“Ele deixou claro para os municípios que vai custear a alimentação, a hospedagem/alojamentos, e demais gastos, exceto transporte da cidade até o local dos jogos. Isso faz com que os municípios participem, porque o maior problema é a crise financeira que vai nos afetar nos próximos meses e com esse formato, essa ajuda da Fesporte, caso venham a acontecer os Jogos, creio que será viável para todos participar. Acredito que ele vai deixar para fazer a última opção, 1 de setembro, Joguinhos, Olesc, Moleque Bom de Bola e Jasc, porque o cenário que estamos vendo é que essa pandemia vai se arrastar por mais um tempo”, disse o novo presidente do Colegiado de Esportes da Amfri.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade