Jornal Página 3
Esportes
Com grande atuação de Diego Alves, Flamengo vence em estreia na Libertadores
Quarta, 6/3/2019 6:31.

EBC.

Publicidade

(UOL/FOLHAPRESS) - O Flamengo venceu o San José por 1 a 0, em Oruro, na estreia na fase de grupos da Libertadores, nesta terça-feira (5). O triunfo foi o primeiro do clube rubro-negro na Bolívia e só ocorreu graças a uma atuação heroica de Diego Alves.

O gol da partida foi anotado por Gabigol, em passe de Bruno Henrique, outro destaque flamenguista no duelo. Com o resultado, o Flamengo lidera momentaneamente o Grupo D. As outras duas equipes da chave, LDU (EQU) e Peñarol (URU), duelam na quinta-feira (7) em Quito.

A pressão inicial dos donos da casa já era esperada. A postura ofensiva, no entanto, surpreendeu. Os laterais Jair Torrico e Segovia eram praticamente pontas e empurravam o Flamengo para o campo de defesa. No entanto, nenhuma finalização perigosa veio nos primeiros minutos.

O time rubro-negro, por sua vez, mostrava sentir a altitude. Alguns erros de passe e corridas em "marcha lenta" deixaram clara a situação. Só aos 20min o Flamengo chegou pela primeira vez ao ataque. Diego recebeu e chutou de muito longe. A bola pegou muita força e saiu com perigo por cima do gol de Lampe.

O lance animou o Flamengo, que passou a encaixar boas jogadas de contra-ataque. Apagado na maior parte do duelo, Arrascaeta conseguiu fazer boa jogada pela direita e acionou Gabigol dentro da área. O camisa 9 chutou firme, mas isolou.

Os donos da casa, então, passaram a ser mais incisivos. Se no início do jogo a bola ficou rondando a grande área, mas sem finalização, a situação mudou a partir dos 22min. Fernandez chutou da intermediária e obrigou Diego Alves a fazer grande defesa.

Aos poucos, o goleiro foi se transformando no principal jogador em campo. Aos 38min, após grande jogada pela direita, Saucedo recebeu na grande área e chutou firme para grande defesa do arqueiro flamenguista. No lance seguinte, o jogador brilhou novamente, mas em chute de Didi Torrico.

Em oposição ao primeiro tempo corrido e com diversas oportunidades de gol, os minutos iniciais da etapa complementar tiveram os dois times em ritmo lento, com pouca objetividade em campo. O jogo ficou preso no meio, com muitos toques para o lado.

Mas aos 14min, Bruno Henrique, um dos raros jogadores que parecia não sentir a altitude de 3.700 m, tirou a monotonia da partida ao dar assistência perfeita para Gabigol. O camisa 9 deslocou o goleiro e finalizou para fazer 1 a 0.

A partir daí, coube a Diego Alves garantir de vez a vitória. O goleiro ainda apareceu bem em outras duas oportunidades. Gabigol, aos 36min, ainda teve oportunidade de ampliar, mas finalizou em cima de Lampe.

SAN JOSÉ
Lampe; Segovia, Rodríguez, Toco e Jair Torrico; Didí Torrico, Fernández (Gutierrez), Hernandéz (Alessandrini) e Sanguinetti (Marcelo Gomes); Ramallo e Saucedo. T.: Nestor Clausen.

FLAMENGO
Diego Alves; Pará, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Renê; Cuéllar, Willian Arão e Diego (Ronaldo); Bruno Henrique (Vitinho), Arrascaeta (Everton Ribeiro) e Gabigol. T.: Abel Braga

Estádio: Jesús Bermúdez, em Oruro (BOL)
Juiz: Néstor Pitana (ARG)
Auxiliares: Diego Bonfa e Maximiliano del Yesso (ARG)
Cartões amarelo: Segovia, Hernandéz e Alessandrini (SAN); Diego, Bruno Henrique, Diego Alves e Léo Duarte (FLA)
Gols: Gabigol (FLA), aos 14min do segundo tempo 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Destaques


Sexto lugar no ranking das 50 cidades catarinenses que mais abriram empresas em 2019


 Uma restauração histórica de fotos aéreas para o primeiro plano diretor do município



 Em 12 meses foram registradas 2,4 infrações desse tipo por hora


 “Afastar a corrupção é o dever de todos”, disse o prefeito


Geral


Economia

Sexto lugar no ranking das 50 cidades catarinenses que mais abriram empresas em 2019


Variedades

 Uma restauração histórica de fotos aéreas para o primeiro plano diretor do município


Variedades


Policia

 Em 12 meses foram registradas 2,4 infrações desse tipo por hora


Política

 “Afastar a corrupção é o dever de todos”, disse o prefeito


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Com grande atuação de Diego Alves, Flamengo vence em estreia na Libertadores

EBC.

Publicidade

Quarta, 6/3/2019 6:31.

(UOL/FOLHAPRESS) - O Flamengo venceu o San José por 1 a 0, em Oruro, na estreia na fase de grupos da Libertadores, nesta terça-feira (5). O triunfo foi o primeiro do clube rubro-negro na Bolívia e só ocorreu graças a uma atuação heroica de Diego Alves.

O gol da partida foi anotado por Gabigol, em passe de Bruno Henrique, outro destaque flamenguista no duelo. Com o resultado, o Flamengo lidera momentaneamente o Grupo D. As outras duas equipes da chave, LDU (EQU) e Peñarol (URU), duelam na quinta-feira (7) em Quito.

A pressão inicial dos donos da casa já era esperada. A postura ofensiva, no entanto, surpreendeu. Os laterais Jair Torrico e Segovia eram praticamente pontas e empurravam o Flamengo para o campo de defesa. No entanto, nenhuma finalização perigosa veio nos primeiros minutos.

O time rubro-negro, por sua vez, mostrava sentir a altitude. Alguns erros de passe e corridas em "marcha lenta" deixaram clara a situação. Só aos 20min o Flamengo chegou pela primeira vez ao ataque. Diego recebeu e chutou de muito longe. A bola pegou muita força e saiu com perigo por cima do gol de Lampe.

O lance animou o Flamengo, que passou a encaixar boas jogadas de contra-ataque. Apagado na maior parte do duelo, Arrascaeta conseguiu fazer boa jogada pela direita e acionou Gabigol dentro da área. O camisa 9 chutou firme, mas isolou.

Os donos da casa, então, passaram a ser mais incisivos. Se no início do jogo a bola ficou rondando a grande área, mas sem finalização, a situação mudou a partir dos 22min. Fernandez chutou da intermediária e obrigou Diego Alves a fazer grande defesa.

Aos poucos, o goleiro foi se transformando no principal jogador em campo. Aos 38min, após grande jogada pela direita, Saucedo recebeu na grande área e chutou firme para grande defesa do arqueiro flamenguista. No lance seguinte, o jogador brilhou novamente, mas em chute de Didi Torrico.

Em oposição ao primeiro tempo corrido e com diversas oportunidades de gol, os minutos iniciais da etapa complementar tiveram os dois times em ritmo lento, com pouca objetividade em campo. O jogo ficou preso no meio, com muitos toques para o lado.

Mas aos 14min, Bruno Henrique, um dos raros jogadores que parecia não sentir a altitude de 3.700 m, tirou a monotonia da partida ao dar assistência perfeita para Gabigol. O camisa 9 deslocou o goleiro e finalizou para fazer 1 a 0.

A partir daí, coube a Diego Alves garantir de vez a vitória. O goleiro ainda apareceu bem em outras duas oportunidades. Gabigol, aos 36min, ainda teve oportunidade de ampliar, mas finalizou em cima de Lampe.

SAN JOSÉ
Lampe; Segovia, Rodríguez, Toco e Jair Torrico; Didí Torrico, Fernández (Gutierrez), Hernandéz (Alessandrini) e Sanguinetti (Marcelo Gomes); Ramallo e Saucedo. T.: Nestor Clausen.

FLAMENGO
Diego Alves; Pará, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Renê; Cuéllar, Willian Arão e Diego (Ronaldo); Bruno Henrique (Vitinho), Arrascaeta (Everton Ribeiro) e Gabigol. T.: Abel Braga

Estádio: Jesús Bermúdez, em Oruro (BOL)
Juiz: Néstor Pitana (ARG)
Auxiliares: Diego Bonfa e Maximiliano del Yesso (ARG)
Cartões amarelo: Segovia, Hernandéz e Alessandrini (SAN); Diego, Bruno Henrique, Diego Alves e Léo Duarte (FLA)
Gols: Gabigol (FLA), aos 14min do segundo tempo 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Destaques


Sexto lugar no ranking das 50 cidades catarinenses que mais abriram empresas em 2019


 Uma restauração histórica de fotos aéreas para o primeiro plano diretor do município



 Em 12 meses foram registradas 2,4 infrações desse tipo por hora


 “Afastar a corrupção é o dever de todos”, disse o prefeito