Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Santos e Corinthians não saem do zero a zero

Segunda, 11/3/2019 5:38.

(FOLHAPRESS) - Santos e Corinthians empataram em 0 a 0 na tarde deste domingo (10) no Itaquerão, em partida válida pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Em duelo esperado entre dois técnicos de diferentes escolas, Fábio Carille e Jorge Sampaoli, o primeiro defensivo e o segundo mais ofensivo, o Corinthians foi superior na primeira etapa, quando não deixou o Santos jogar e teve mais chances de gol, as principais em chutes de Sornoza, para fora, e de Danilo Aguilar, defendido por Vanderlei.

No segundo tempo, Sampaoli pôs Cueva e Rodrygo em campo, no lugar dos volantes Jean Lucas e Alison, e o Santos equilibrou a partida, tendo mais posse de bola.

Ainda assim, as chances mais perigosas foram do Corinthians também na segunda etapa, com finalizações de Vágner Love e Junior Urso.

As melhores chances do Santos na partida foram no segundo tempo, com Derlis González e Cueva -a do peruano após bobeada de Cásssio, que tentou sair jogando com os pés e o acertou.

Com o resultado, o Santos vai aos 23 pontos e segue líder do Grupo A da competição. O Corinthians, com 15, também lidera sua chave, o Grupo C.

A equipe do litoral já está classificada para as quartas de final do torneio. O Corinthians pode garantir sua vaga na próxima rodada -o fará em caso de vitória.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Júnior Urso e Sornoza; Pedrinho (Vagner Love), Clayson (André Luis) e Boselli (Mateus Vital).
T.: Fábio Carille.

SANTOS
Vanderlei; Victor Ferraz, Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Felipe Jonatan; Alison (Cueva), Diego Pituca e Jean Lucas (Rodrygo); Carlos Sánchez (Matheus Ribeiro), Jean Mota e Derlis González.
T.: Jorge Sampaoli.

Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)
Assistentes: Marco Antonio de Andrade Motta Junior e Evandro de Melo Lima (ambos de SP)
Amarelos: Alison, Matheus Ribeiro e Derlis González, do Santos; Fágner, do Corinthians 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Santos e Corinthians não saem do zero a zero

Publicidade

Segunda, 11/3/2019 5:38.

(FOLHAPRESS) - Santos e Corinthians empataram em 0 a 0 na tarde deste domingo (10) no Itaquerão, em partida válida pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Em duelo esperado entre dois técnicos de diferentes escolas, Fábio Carille e Jorge Sampaoli, o primeiro defensivo e o segundo mais ofensivo, o Corinthians foi superior na primeira etapa, quando não deixou o Santos jogar e teve mais chances de gol, as principais em chutes de Sornoza, para fora, e de Danilo Aguilar, defendido por Vanderlei.

No segundo tempo, Sampaoli pôs Cueva e Rodrygo em campo, no lugar dos volantes Jean Lucas e Alison, e o Santos equilibrou a partida, tendo mais posse de bola.

Ainda assim, as chances mais perigosas foram do Corinthians também na segunda etapa, com finalizações de Vágner Love e Junior Urso.

As melhores chances do Santos na partida foram no segundo tempo, com Derlis González e Cueva -a do peruano após bobeada de Cásssio, que tentou sair jogando com os pés e o acertou.

Com o resultado, o Santos vai aos 23 pontos e segue líder do Grupo A da competição. O Corinthians, com 15, também lidera sua chave, o Grupo C.

A equipe do litoral já está classificada para as quartas de final do torneio. O Corinthians pode garantir sua vaga na próxima rodada -o fará em caso de vitória.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Júnior Urso e Sornoza; Pedrinho (Vagner Love), Clayson (André Luis) e Boselli (Mateus Vital).
T.: Fábio Carille.

SANTOS
Vanderlei; Victor Ferraz, Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Felipe Jonatan; Alison (Cueva), Diego Pituca e Jean Lucas (Rodrygo); Carlos Sánchez (Matheus Ribeiro), Jean Mota e Derlis González.
T.: Jorge Sampaoli.

Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)
Assistentes: Marco Antonio de Andrade Motta Junior e Evandro de Melo Lima (ambos de SP)
Amarelos: Alison, Matheus Ribeiro e Derlis González, do Santos; Fágner, do Corinthians 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade