Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Edital Bolsa Atleta Balneário Camboriú foi lançado na quarta-feira
Divulgação.
Bolsa Atleta rendendo frutos: Suelen Marcheski de Oliveira, campeã mundial de paraatletismo.

Quarta, 13/2/2019 11:17.

O edital do Bolsa Atleta deste ano, lançado nesta quarta-feira (13), disponibiliza R$ 1,1 milhão para distribuir entre atletas que se destacam em competições estaduais, nacionais e internacionais. O valor é R$ 300 mil a mais do que foi distribuído no ano passado.

A superintendente da Fundação Municipal de Esportes (FMEBC) Mariana Dalvesco está contente com o acréscimo, porque segundo ela, o grande objetivo do benefício é incentivar cada vez mais os atletas.

“Além de ter percebido em 2018 o crescimento do esporte em Balneário Camboriú e o número de atletas que despontaram no cenário catarinense, nacional e até internacional, nós também procuramos uma alternativa para valorizar melhor os nossos atletas, porque entendemos que o Bolsa é um estímulo para que o jovem atleta não precisa deixar o esporte quando apresenta uma evolução, porque precisa ir para o mercado de trabalho, ,ou precisa ajudar a família ou tem que custear seus estudos etc”, argumentou Mariana.

Atletas que queiram se candidatar ao benefício devem ter pelo menos 14 anos, dois anos de prática na modalidade,
comprovar as competições que participou, apresentar o planejamento anual. Menores devem ter autorização dos pais e comprovante de matrícula de ensino e todos devem apresentar RG.

Resultado

Os inscritos no Bolsa Atleta e os projetos do FundesporteBC serão avaliados por uma comissão definida pelo Conselho Municipal do Esporte (CME) e homologados pela superintendência da FMEBC. O prazo para recursos será nos dias 25 e 26 de março. Os resultados serão divulgados no dia 5 de abril e a assinatura dos contemplados do dia 8 a 12 de abril. O atleta deverá prestar conta para o município bimestralmente.

Modalidades

Olímpicas - atletismo, basquete, boxe, ciclismo, futebol, ginástica artística, ginástica rítmica, handebol, judô, taekwondo, tênis de mesa, triathlon, voleibol e vôlei de praia. Paralímpicas - atletismo, basquetebol, bocha, ciclismo, futsal, handebol, tênis de mesa e xadrez.

Não olímpicas - futsal; karatê, jiu-jitsu, surf, skate e xadrez.

Fundesporte

Segundo Mariana, as modalidades não contempladas pelo edital do Bolsa-Atleta poderão pleitear recursos através de projetos enviados Fundo Municipal de Esportes (FundesporteBC).

Inscrições: aAté 15 de março, na sede da Fundação Municipal de Esportes situada na Rua 2438, nº 146, de segunda a sexta-feira das 13h às 18h. 

Informações: Fundação Municipal de Esportes - (47) 3360-0444. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Negócios

Outras três empresas aguardam autorização 


Divulgação

Excelente opção para os micro empreendedores, pequenas empresas e freelancers.


Geral

Conselho Comunitário de Segurança Náutica e Cidadania de Balneário Camboriú


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Edital Bolsa Atleta Balneário Camboriú foi lançado na quarta-feira

Divulgação.
Bolsa Atleta rendendo frutos: Suelen Marcheski de Oliveira, campeã mundial de paraatletismo.
Bolsa Atleta rendendo frutos: Suelen Marcheski de Oliveira, campeã mundial de paraatletismo.
Quarta, 13/2/2019 11:17.

O edital do Bolsa Atleta deste ano, lançado nesta quarta-feira (13), disponibiliza R$ 1,1 milhão para distribuir entre atletas que se destacam em competições estaduais, nacionais e internacionais. O valor é R$ 300 mil a mais do que foi distribuído no ano passado.

A superintendente da Fundação Municipal de Esportes (FMEBC) Mariana Dalvesco está contente com o acréscimo, porque segundo ela, o grande objetivo do benefício é incentivar cada vez mais os atletas.

“Além de ter percebido em 2018 o crescimento do esporte em Balneário Camboriú e o número de atletas que despontaram no cenário catarinense, nacional e até internacional, nós também procuramos uma alternativa para valorizar melhor os nossos atletas, porque entendemos que o Bolsa é um estímulo para que o jovem atleta não precisa deixar o esporte quando apresenta uma evolução, porque precisa ir para o mercado de trabalho, ,ou precisa ajudar a família ou tem que custear seus estudos etc”, argumentou Mariana.

Atletas que queiram se candidatar ao benefício devem ter pelo menos 14 anos, dois anos de prática na modalidade,
comprovar as competições que participou, apresentar o planejamento anual. Menores devem ter autorização dos pais e comprovante de matrícula de ensino e todos devem apresentar RG.

Resultado

Os inscritos no Bolsa Atleta e os projetos do FundesporteBC serão avaliados por uma comissão definida pelo Conselho Municipal do Esporte (CME) e homologados pela superintendência da FMEBC. O prazo para recursos será nos dias 25 e 26 de março. Os resultados serão divulgados no dia 5 de abril e a assinatura dos contemplados do dia 8 a 12 de abril. O atleta deverá prestar conta para o município bimestralmente.

Modalidades

Olímpicas - atletismo, basquete, boxe, ciclismo, futebol, ginástica artística, ginástica rítmica, handebol, judô, taekwondo, tênis de mesa, triathlon, voleibol e vôlei de praia. Paralímpicas - atletismo, basquetebol, bocha, ciclismo, futsal, handebol, tênis de mesa e xadrez.

Não olímpicas - futsal; karatê, jiu-jitsu, surf, skate e xadrez.

Fundesporte

Segundo Mariana, as modalidades não contempladas pelo edital do Bolsa-Atleta poderão pleitear recursos através de projetos enviados Fundo Municipal de Esportes (FundesporteBC).

Inscrições: aAté 15 de março, na sede da Fundação Municipal de Esportes situada na Rua 2438, nº 146, de segunda a sexta-feira das 13h às 18h. 

Informações: Fundação Municipal de Esportes - (47) 3360-0444. 

Publicidade

Publicidade