Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Atleta de Balneário na seleção brasileira de handebol

Nathália Silva, 18, joga handebol desde os 13

Sexta, 23/3/2018 10:39.
Divulgação

Publicidade

Nathália Silva, 18, joga handebol desde os 13, foi convocada para a seleção brasileira que disputará o Campeonato Sul-Americano, que inicia no próximo dia 7, na Argentina.

“É prata da casa” comemora seu treinador há cinco anos Gérson Cabral, que não esconde sua alegria pela convocação, porque em agosto a mesma seleção disputará o Mundial Juvenil, na Polônia.

“Ela joga de central, começou na nossa equipe de base quando tinha 13 anos e jogava no colégio Presidente Médici. O professor sugeriu e ela aceitou treinar na escolinha da Fundação e desde então está conosco. Toda vida esportiva dela está aqui”, disse Cabral.

Nestes anos Nathália foi colecionando títulos e troféus: é bicampeã estadual, tricampeã da Olesc e tetracampeã dos Joguinhos.

Cabral disse que a jogadora se destacou durante curso realizado ano passado pela Fundação com o técnico da seleção brasileira, o espanhol Jorge Dueñas, que gostou do desempenho.

“Além disso tem o professor Graciano, de Blumenau, que joga muitas vezes contra nossa equipe e por isso conhece o desempenho dela dos Joguinhos e da nossa Liga. Ele faz parte da comissão técnica da seleção brasileira adulta e a convocou para os acampamentos ano passado em São Paulo com outras 70 jogadoras. Ela foi a três acampamentos e foi aprovada. Depois disso passou por duas fases de treinamento. Agora dia 30 ela vai para a última etapa de treinamento e dali segue para Buenos Aires”, comemora seu treinador Gerson Cabral.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação

Atleta de Balneário na seleção brasileira de handebol

Nathália Silva, 18, joga handebol desde os 13

Publicidade

Sexta, 23/3/2018 10:39.

Nathália Silva, 18, joga handebol desde os 13, foi convocada para a seleção brasileira que disputará o Campeonato Sul-Americano, que inicia no próximo dia 7, na Argentina.

“É prata da casa” comemora seu treinador há cinco anos Gérson Cabral, que não esconde sua alegria pela convocação, porque em agosto a mesma seleção disputará o Mundial Juvenil, na Polônia.

“Ela joga de central, começou na nossa equipe de base quando tinha 13 anos e jogava no colégio Presidente Médici. O professor sugeriu e ela aceitou treinar na escolinha da Fundação e desde então está conosco. Toda vida esportiva dela está aqui”, disse Cabral.

Nestes anos Nathália foi colecionando títulos e troféus: é bicampeã estadual, tricampeã da Olesc e tetracampeã dos Joguinhos.

Cabral disse que a jogadora se destacou durante curso realizado ano passado pela Fundação com o técnico da seleção brasileira, o espanhol Jorge Dueñas, que gostou do desempenho.

“Além disso tem o professor Graciano, de Blumenau, que joga muitas vezes contra nossa equipe e por isso conhece o desempenho dela dos Joguinhos e da nossa Liga. Ele faz parte da comissão técnica da seleção brasileira adulta e a convocou para os acampamentos ano passado em São Paulo com outras 70 jogadoras. Ela foi a três acampamentos e foi aprovada. Depois disso passou por duas fases de treinamento. Agora dia 30 ela vai para a última etapa de treinamento e dali segue para Buenos Aires”, comemora seu treinador Gerson Cabral.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade