Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Em jogo com duas viradas, Sport bate Atlético-MG na Ilha do Retiro

Quinta, 31/5/2018 8:43.

Publicidade

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - A liderança do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro ruiu nesta última semana. Depois da derrota em casa para o Flamengo, o time alvinegro perdeu para o Sport por 3 a 2, nesta quarta-feira (30), na Ilha do Retiro, pela oitava rodada.

O jogo foi cheio de reviravoltas. Após sair atrás no placar, o Atlético-MG virou no começo do segundo tempo, mas levou dois gols em um intervalo de quatro minutos e voltou para casa com uma derrota na capital pernambucana.

Com o resultado, o Atlético-MG fica estacionado nos 13 pontos e tem urgência pela recuperação. Na próxima rodada, o time dirigido por Thiago Larghi recebe a Chapecoense no estádio Independência.

Já o Sport venceu pela quarta vez no Brasileirão, passou o adversário mineiro na tabela de classificação e vai terminar a rodada entre os primeiros colocados. Já são três partidas sem derrota do time pernambucano, que vinha de uma surpreendente vitória sobre o Palmeiras no Allianz Parque.

O volante Anselmo, do Sport, provou que vive uma grande fase. Após marcar dois gols no triunfo por 3 a 2 sobre o Palmeiras, o camisa 8 deu a assistência para Rogério abrir o placar diante do Atlético, aos 29min do primeiro tempo.

E não foi um passe qualquer, já que o volante estava no campo de defesa e encontrou o companheiro entre os zagueiros do Galo. Anselmo também comandou o meio do Sport, com várias roubadas de bola.

A derrota parcial por 1 a 0 ao término do primeiro tempo foi bastante lamentada pelos jogadores alvinegros, especialmente pelas oportunidades criadas antes do gol anotado pelo Sport. Assim como aconteceu na rodada anterior, na derrota para o Flamengo, mais uma vez o Atlético-MG criou chances de abrir o placar e não aproveitou, fazendo valer o famoso ditado "quem não faz, leva".

Na etapa final, o Atlético-MG conseguiu a virada em 20 minutos. Primeiro, com Cazares em uma jogada confusa dentro da área, envolvendo Luan, que terminou com o gol livre para o equatoriano apenas empurrar a bola. Posteriormente, Ricardo Oliveira, que voltou ao time após ter ficado fora diante do Flamengo, anotou o segundo gol.

A reação do Sport não demorou. O gol de empate veio aos 22min, com Gabriel, em um chute de fora da área. Quatro minutos mais tarde, Michel Bastos marcou de pênalti o gol que decretou o triunfo pernambucano.

SPORT
Magrão; Fabrício, Ronaldo Alves, Ernando, Sander; Anselmo, Fellipe Bastos (Deivid), Gabriel; Rogério (Carlos Henrique), Marlone (Michel Bastos), Rafael Marques. T.: Claudinei Oliveira

ATLÉTICO-MG
Victor; Emerson, Gabriel, Bremer, Fábio Santos; Adilson (Elias), Gustavo Blanco (Alerrandro), Luan (Matheus Galdezani), Cazares; Róger Guedes, Ricardo Oliveira. T.: Thiago Larghi (interino)

Estádio: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Juiz: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)
Cartões amarelos: Anselmo, Fabrício, Magrão e Ernando (Sport); Adilson e Matheus Galdezani (Atlético-MG)
Gols: Rogério, aos 29min do primeiro tempo, Gabriel, aos 22min, e Michel Bastos, aos 26min do segundo tempo (Sport); Cazares aos 3min, e Ricardo Oliveira, aos 20min do segundo tempo (Atlético-MG).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Em jogo com duas viradas, Sport bate Atlético-MG na Ilha do Retiro

Publicidade

Quinta, 31/5/2018 8:43.

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - A liderança do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro ruiu nesta última semana. Depois da derrota em casa para o Flamengo, o time alvinegro perdeu para o Sport por 3 a 2, nesta quarta-feira (30), na Ilha do Retiro, pela oitava rodada.

O jogo foi cheio de reviravoltas. Após sair atrás no placar, o Atlético-MG virou no começo do segundo tempo, mas levou dois gols em um intervalo de quatro minutos e voltou para casa com uma derrota na capital pernambucana.

Com o resultado, o Atlético-MG fica estacionado nos 13 pontos e tem urgência pela recuperação. Na próxima rodada, o time dirigido por Thiago Larghi recebe a Chapecoense no estádio Independência.

Já o Sport venceu pela quarta vez no Brasileirão, passou o adversário mineiro na tabela de classificação e vai terminar a rodada entre os primeiros colocados. Já são três partidas sem derrota do time pernambucano, que vinha de uma surpreendente vitória sobre o Palmeiras no Allianz Parque.

O volante Anselmo, do Sport, provou que vive uma grande fase. Após marcar dois gols no triunfo por 3 a 2 sobre o Palmeiras, o camisa 8 deu a assistência para Rogério abrir o placar diante do Atlético, aos 29min do primeiro tempo.

E não foi um passe qualquer, já que o volante estava no campo de defesa e encontrou o companheiro entre os zagueiros do Galo. Anselmo também comandou o meio do Sport, com várias roubadas de bola.

A derrota parcial por 1 a 0 ao término do primeiro tempo foi bastante lamentada pelos jogadores alvinegros, especialmente pelas oportunidades criadas antes do gol anotado pelo Sport. Assim como aconteceu na rodada anterior, na derrota para o Flamengo, mais uma vez o Atlético-MG criou chances de abrir o placar e não aproveitou, fazendo valer o famoso ditado "quem não faz, leva".

Na etapa final, o Atlético-MG conseguiu a virada em 20 minutos. Primeiro, com Cazares em uma jogada confusa dentro da área, envolvendo Luan, que terminou com o gol livre para o equatoriano apenas empurrar a bola. Posteriormente, Ricardo Oliveira, que voltou ao time após ter ficado fora diante do Flamengo, anotou o segundo gol.

A reação do Sport não demorou. O gol de empate veio aos 22min, com Gabriel, em um chute de fora da área. Quatro minutos mais tarde, Michel Bastos marcou de pênalti o gol que decretou o triunfo pernambucano.

SPORT
Magrão; Fabrício, Ronaldo Alves, Ernando, Sander; Anselmo, Fellipe Bastos (Deivid), Gabriel; Rogério (Carlos Henrique), Marlone (Michel Bastos), Rafael Marques. T.: Claudinei Oliveira

ATLÉTICO-MG
Victor; Emerson, Gabriel, Bremer, Fábio Santos; Adilson (Elias), Gustavo Blanco (Alerrandro), Luan (Matheus Galdezani), Cazares; Róger Guedes, Ricardo Oliveira. T.: Thiago Larghi (interino)

Estádio: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Juiz: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)
Cartões amarelos: Anselmo, Fabrício, Magrão e Ernando (Sport); Adilson e Matheus Galdezani (Atlético-MG)
Gols: Rogério, aos 29min do primeiro tempo, Gabriel, aos 22min, e Michel Bastos, aos 26min do segundo tempo (Sport); Cazares aos 3min, e Ricardo Oliveira, aos 20min do segundo tempo (Atlético-MG).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade