Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
A 8 dias da Copa, hóquei rivaliza com futebol em maior jornal esportivo russo

Quarta, 6/6/2018 16:02.
Alex Grimm / FIFA

Publicidade

FÁBIO ALEIXO /MOSCOU, RÚSSIA (FOLHAPRESS)

Faltam apenas oito dias para a abertura da Copa do Mundo e na terça-feira (5), a Rússia fez seu último amistoso de preparação para o torneio e empatou em 1 a 1 com a Turquia.

Mas na edição desta quarta-feira (6) do Sport Express, o principal jornal esportivo do país, a cobertura do jogo da seleção tem praticamente o mesmo espaço dedicado ao hóquei no gelo. E nem se tratava do campeonato russo, e sim da liga americana, a NHL.

Na capa, o futebol é o tema principal, mas o hóquei ocupa um terço da página.

Já na cobertura interna, duas páginas são dedicas para o empate com os turcos e duas para o hóquei.

A explicação para isso é o fato do Washington Capitals, equipe dos russos Alexander Ovechkin e Evgeni Kuznetsov, estar a apenas um triunfo do título da Stanley Cup. Vai liderando a série melhor de sete contra o Vegas Golden Knights por 3 a 1.

Ovechkin é ídolo na Rússia, uma espécie de Pelé do hóquei no gelo do país. Já foi até condecorado com a medalha da Ordem de Honra pelo presidente Vladimir Putin.

Além disso, o hóquei é o segundo esporte mais popular da Rússia, não ficando tão atrás do futebol.

E também há algo importante. Os russos sempre montam seleções fortes e já foram campeões mundiais cinco vezes. Nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, em fevereiro, o time formado pelos atletas russos também levou o ouro.

Já no futebol, a Rússia desde o fim da União Soviética jamais avançou da primeira fase em uma Copa.

A cobertura do Sport Express foi bem crítica quanto ao amistoso de terça-feira. A manchete foi: "Tudo ruim".

Em reportagem interna, o jornal lembra que na derrota para a Áustria (1 a 0) e no empate com os turcos o time só deu um chute a gol.

Já no hóquei o tom é de euforia e o jornal pedem para os atletas levarem o troféu da Copa Stanley para a Praça Vermelha e jogos da Copa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Alex Grimm / FIFA

A 8 dias da Copa, hóquei rivaliza com futebol em maior jornal esportivo russo

Publicidade

Quarta, 6/6/2018 16:02.

FÁBIO ALEIXO /MOSCOU, RÚSSIA (FOLHAPRESS)

Faltam apenas oito dias para a abertura da Copa do Mundo e na terça-feira (5), a Rússia fez seu último amistoso de preparação para o torneio e empatou em 1 a 1 com a Turquia.

Mas na edição desta quarta-feira (6) do Sport Express, o principal jornal esportivo do país, a cobertura do jogo da seleção tem praticamente o mesmo espaço dedicado ao hóquei no gelo. E nem se tratava do campeonato russo, e sim da liga americana, a NHL.

Na capa, o futebol é o tema principal, mas o hóquei ocupa um terço da página.

Já na cobertura interna, duas páginas são dedicas para o empate com os turcos e duas para o hóquei.

A explicação para isso é o fato do Washington Capitals, equipe dos russos Alexander Ovechkin e Evgeni Kuznetsov, estar a apenas um triunfo do título da Stanley Cup. Vai liderando a série melhor de sete contra o Vegas Golden Knights por 3 a 1.

Ovechkin é ídolo na Rússia, uma espécie de Pelé do hóquei no gelo do país. Já foi até condecorado com a medalha da Ordem de Honra pelo presidente Vladimir Putin.

Além disso, o hóquei é o segundo esporte mais popular da Rússia, não ficando tão atrás do futebol.

E também há algo importante. Os russos sempre montam seleções fortes e já foram campeões mundiais cinco vezes. Nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, em fevereiro, o time formado pelos atletas russos também levou o ouro.

Já no futebol, a Rússia desde o fim da União Soviética jamais avançou da primeira fase em uma Copa.

A cobertura do Sport Express foi bem crítica quanto ao amistoso de terça-feira. A manchete foi: "Tudo ruim".

Em reportagem interna, o jornal lembra que na derrota para a Áustria (1 a 0) e no empate com os turcos o time só deu um chute a gol.

Já no hóquei o tom é de euforia e o jornal pedem para os atletas levarem o troféu da Copa Stanley para a Praça Vermelha e jogos da Copa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade