Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Inglaterra sofre, mas vence a Tunísia com gol de Kane nos acréscimos

Copa do Mundo

Segunda, 18/6/2018 17:21.
Divulgação FIFA
Kane, capitão e autor dos gols da seleção inglesa

Publicidade

(FOLHAPRESS)

Foi suado, mas a Inglaterra estreou com vitória na Copa de 2018.

Com 15 minutos do primeiro tempo do duelo contra a Tunísia, em Volgogrado, a Inglaterra já havia feito um a zero na Tunísia, com Harry Kaneaproveitando rebote após milagre do goleiro Hassen,e criado ao menos três chances claríssimas de gol, todas desperdiçadas oupor milagres deHassenou pela incapacidade de conclusão de seus atacantes.

Os ingleses dominavam amplamente a partida e parecia que seria uma goleada.

Melhor jogador tunisiano nos primeirosminutos de jogo, Hassen se machucou numa disputa de bola e teve de ser substituído.

Depois disso, entretanto, a Tunísia achou um gol. Walkercometeupênalti tão infantil quanto duvidoso duvidoso em Ben Youssef após cruzamento despretensioso da direita.Sassi bateu muito bem, no cantinho. Pickfordacertou o canto etocou na bola, mas não evitou o empate.

Isso foi aos 34 da primeira etapa, e o placar se manteve até o intervalo.

No segundo tempo,a Inglaterra até ficou mais com a bola e teve uma ou outra chance, mas não com a mesma intensidade de antes. A Tunísia se limitava a se defender.

O time inglês só conseguiu assegurar a vitória nos acréscimos, aos 46 do segundo tempo.

Em cobrança de escanteio, Maguiredesviou e a bola sobrou para Harry Kane, sozinho, cabecear para o gole dar números finais à partida.

A vitória foi importante porque, com ela, os ingleses não deixaram a Bélgica disparar na liderança do grupo G. As duas equipes têmtrês pontos, mas osbelgas estão em primeiro por causa do saldo de gols, já que bateramo Panamá por 3 a 0 mais cedo.

Panamá e Tunísia ainda não pontuaram.

Os ingleses voltam a campo no próximo domingo (24), contra o Panamá, em NijniNovogrod. A Tunísia pega a Bélgica no dia anterior, às 9h, em Moscou.

TUNÍSIA
Hassen (Ben Mustapha); Meriah, S. Ben Youssef, Bronn, Maaloul; Skhiri, Badri, Sassi; F. Ben Youssef, Khazri (Saber Khalifa), Sliti (Ben Amor). T.: Nabil Maaloul

INGLATERRA
Pickford; Walker, Stones, Maguire; Trippier, Henderson, Dele Alli (Loftus-Cheek), Lingard, Young; Sterling (Rashford), Harry Kane. T.: Gareth Southgate

Local: Arena Volgogrado
Juiz: Wilmar Roldan (COL)
Cartões amarelos: Walker (ING)
Gols: Harry Kane (I), aos 11min do primeiro tempo; Sassi (T), aos 35min do primeiro tempo; Harry Kane (I), aos 46min do segundo tempo

Video FIFA TV


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação FIFA
Kane, capitão e autor dos gols da seleção inglesa
Kane, capitão e autor dos gols da seleção inglesa

Inglaterra sofre, mas vence a Tunísia com gol de Kane nos acréscimos

Copa do Mundo

Publicidade

Segunda, 18/6/2018 17:21.

(FOLHAPRESS)

Foi suado, mas a Inglaterra estreou com vitória na Copa de 2018.

Com 15 minutos do primeiro tempo do duelo contra a Tunísia, em Volgogrado, a Inglaterra já havia feito um a zero na Tunísia, com Harry Kaneaproveitando rebote após milagre do goleiro Hassen,e criado ao menos três chances claríssimas de gol, todas desperdiçadas oupor milagres deHassenou pela incapacidade de conclusão de seus atacantes.

Os ingleses dominavam amplamente a partida e parecia que seria uma goleada.

Melhor jogador tunisiano nos primeirosminutos de jogo, Hassen se machucou numa disputa de bola e teve de ser substituído.

Depois disso, entretanto, a Tunísia achou um gol. Walkercometeupênalti tão infantil quanto duvidoso duvidoso em Ben Youssef após cruzamento despretensioso da direita.Sassi bateu muito bem, no cantinho. Pickfordacertou o canto etocou na bola, mas não evitou o empate.

Isso foi aos 34 da primeira etapa, e o placar se manteve até o intervalo.

No segundo tempo,a Inglaterra até ficou mais com a bola e teve uma ou outra chance, mas não com a mesma intensidade de antes. A Tunísia se limitava a se defender.

O time inglês só conseguiu assegurar a vitória nos acréscimos, aos 46 do segundo tempo.

Em cobrança de escanteio, Maguiredesviou e a bola sobrou para Harry Kane, sozinho, cabecear para o gole dar números finais à partida.

A vitória foi importante porque, com ela, os ingleses não deixaram a Bélgica disparar na liderança do grupo G. As duas equipes têmtrês pontos, mas osbelgas estão em primeiro por causa do saldo de gols, já que bateramo Panamá por 3 a 0 mais cedo.

Panamá e Tunísia ainda não pontuaram.

Os ingleses voltam a campo no próximo domingo (24), contra o Panamá, em NijniNovogrod. A Tunísia pega a Bélgica no dia anterior, às 9h, em Moscou.

TUNÍSIA
Hassen (Ben Mustapha); Meriah, S. Ben Youssef, Bronn, Maaloul; Skhiri, Badri, Sassi; F. Ben Youssef, Khazri (Saber Khalifa), Sliti (Ben Amor). T.: Nabil Maaloul

INGLATERRA
Pickford; Walker, Stones, Maguire; Trippier, Henderson, Dele Alli (Loftus-Cheek), Lingard, Young; Sterling (Rashford), Harry Kane. T.: Gareth Southgate

Local: Arena Volgogrado
Juiz: Wilmar Roldan (COL)
Cartões amarelos: Walker (ING)
Gols: Harry Kane (I), aos 11min do primeiro tempo; Sassi (T), aos 35min do primeiro tempo; Harry Kane (I), aos 46min do segundo tempo

Video FIFA TV


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade