Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Dupla de Marcelo Melo vira jogo e vai às quartas do Aberto da Austrália

Segunda, 22/1/2018 8:58.

Publicidade

(UOL/FOLHAPRESS) - O brasileiro Marcelo Melo garantiu vaga nas quartas de final do torneio de duplas do Aberto da Austrália ao vencer, ao lado do polonês Lukasz Kubot, a parceria formada pelo norte-americano Rajeev Ram e pelo indiano Divij Sharan na madrugada desta segunda-feira (22).

O jogo, no entanto, não foi fácil para a dupla do brasileiro. Depois de perderm o primeiro set, Melo e Kubot precisaram do tie-break para empatarem o jogo e, em mais um set equilibrado, conquistarem a vitória por 2 a 1, parciais de 3/6, 7/6 (7-4) e 6/4.

Na próxima rodada, a dupla enfrentará a parceria formada pelo alemão Jan-Lennard Struf e o japonês Ben Mclachlan, que venceram os espanhóis Pablo Carreño e Guillermo Garcia-Lopez por 2 sets 0, parciais de 6/4 e 7/6 (7-5).

Cabeças-de-chave número um, Melo e Kubot lideram o ranking de duplas do ATP e são os atuais campeões de Wimbledon. Enquanto o brasileiro tenta o título inédito em Melbourne, o polonês já tem dois troféus em seu histórico.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Dupla de Marcelo Melo vira jogo e vai às quartas do Aberto da Austrália

Publicidade

Segunda, 22/1/2018 8:58.

(UOL/FOLHAPRESS) - O brasileiro Marcelo Melo garantiu vaga nas quartas de final do torneio de duplas do Aberto da Austrália ao vencer, ao lado do polonês Lukasz Kubot, a parceria formada pelo norte-americano Rajeev Ram e pelo indiano Divij Sharan na madrugada desta segunda-feira (22).

O jogo, no entanto, não foi fácil para a dupla do brasileiro. Depois de perderm o primeiro set, Melo e Kubot precisaram do tie-break para empatarem o jogo e, em mais um set equilibrado, conquistarem a vitória por 2 a 1, parciais de 3/6, 7/6 (7-4) e 6/4.

Na próxima rodada, a dupla enfrentará a parceria formada pelo alemão Jan-Lennard Struf e o japonês Ben Mclachlan, que venceram os espanhóis Pablo Carreño e Guillermo Garcia-Lopez por 2 sets 0, parciais de 6/4 e 7/6 (7-5).

Cabeças-de-chave número um, Melo e Kubot lideram o ranking de duplas do ATP e são os atuais campeões de Wimbledon. Enquanto o brasileiro tenta o título inédito em Melbourne, o polonês já tem dois troféus em seu histórico.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade