Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
No Rio, Atlético-MG vence Botafogo por 3 a 0 e se aproxima do G-4

Segunda, 20/8/2018 6:45.

Publicidade

(FOLHAPRESS) - O Atlético-MG venceu o Botafogo por 3 a 0, no Engenhão, na tarde deste domingo (19), e se aproximou da zona de classificação para a Copa Libertadores.

Os gols da partida, válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, foram marcados por Luan, Cazares e Tomas Andrade.

O Atlético-MG construiu sua vitória sendo fatal nas jogadas ofensivas. Enquanto o Botafogo teve mais volume de jogo, arriscando chutes de fora da área, a equipe mineira foi cirúrgica no segundo tempo e matou o jogo em contra-ataques.

O primeiro gol saiu apenas aos 16min do segundo tempo. O Atlético-MG fez uma linda jogada em trocas de passes e Matheus Galdezani achou Luan livre para abrir o placar.

A equipe mineira ampliou aos 35min, quando o colombiano Chará saiu em disparada pela esquerda e cruzou para Cazares empurrar para o fundo das redes.

Após o segundo gol, o lateral direito Luiz Ricardo passou a ser bastante vaiado pela torcida do Botafogo.

Aos 44, Moisés deu um passe errado para Ricardo Oliveira, que rolou para Tomás Andrade bater de canhota, para fazer o 3 a 0.

Ainda no primeiro tempo, o atacante Aguirre protagonizou dois momentos ofensivos perigosos do time carioca. Primeiro, chutou uma falta de longa distância direto para o gol. A bola quicou e quase complicou o goleiro Vitor.

Também no primeiro tempo, Aguirre arrancou com a bola, brigando com os zagueiros, e rolou para Luiz Fernando, que chutou de fora da área, mas Vitor estava lá novamente para fazer a defesa.

O Atlético-MG agora ocupa a quinta colocação, com 33 pontos, três a menos que o Grêmio, quarto colocado. Já os cariocas ficaram na 11ª posição com 22 pontos.

Na próxima quarta-feira o Botafogo visita o Palmeiras em São Paulo. Na quinta, o Atlético-MG recebe o Vasco em Belo Horizonte.

Estádio: Engenhão, no Rio
Juiz: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Cartões amarelos: Matheus Galdezani, Victor, Emerson, José Welison (A)
Gols: Luan, aos 16min do 2º tempo; Cazares, aos 35min do 2º tempo; Tomás Andrade, aos 44min do 2º tempo
Público/Renda: 7.465 pagantes e 8.470 presentes / R$ 155.440,00

BOTAFOGO
Saulo; Luis Ricardo, Carli, Igor Rabello e Moisés; Bochecha (Brenner), Rodrigo Lindoso (Marcelo) e Renatinho (Rodrigo Pimpão); Luiz Fernando, Valencia e Aguirre. T.: Zé Ricardo

ATLÉTICO-MG
Victor; Emerson, Léo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; José Welison, Matheus Galdezani (Lucas Cândido), Nathan (Luan) e Cazares (Tomas Andrade); Chará e Ricardo Oliveira. T.: Thiago Larghi.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

No Rio, Atlético-MG vence Botafogo por 3 a 0 e se aproxima do G-4

Publicidade

Segunda, 20/8/2018 6:45.

(FOLHAPRESS) - O Atlético-MG venceu o Botafogo por 3 a 0, no Engenhão, na tarde deste domingo (19), e se aproximou da zona de classificação para a Copa Libertadores.

Os gols da partida, válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, foram marcados por Luan, Cazares e Tomas Andrade.

O Atlético-MG construiu sua vitória sendo fatal nas jogadas ofensivas. Enquanto o Botafogo teve mais volume de jogo, arriscando chutes de fora da área, a equipe mineira foi cirúrgica no segundo tempo e matou o jogo em contra-ataques.

O primeiro gol saiu apenas aos 16min do segundo tempo. O Atlético-MG fez uma linda jogada em trocas de passes e Matheus Galdezani achou Luan livre para abrir o placar.

A equipe mineira ampliou aos 35min, quando o colombiano Chará saiu em disparada pela esquerda e cruzou para Cazares empurrar para o fundo das redes.

Após o segundo gol, o lateral direito Luiz Ricardo passou a ser bastante vaiado pela torcida do Botafogo.

Aos 44, Moisés deu um passe errado para Ricardo Oliveira, que rolou para Tomás Andrade bater de canhota, para fazer o 3 a 0.

Ainda no primeiro tempo, o atacante Aguirre protagonizou dois momentos ofensivos perigosos do time carioca. Primeiro, chutou uma falta de longa distância direto para o gol. A bola quicou e quase complicou o goleiro Vitor.

Também no primeiro tempo, Aguirre arrancou com a bola, brigando com os zagueiros, e rolou para Luiz Fernando, que chutou de fora da área, mas Vitor estava lá novamente para fazer a defesa.

O Atlético-MG agora ocupa a quinta colocação, com 33 pontos, três a menos que o Grêmio, quarto colocado. Já os cariocas ficaram na 11ª posição com 22 pontos.

Na próxima quarta-feira o Botafogo visita o Palmeiras em São Paulo. Na quinta, o Atlético-MG recebe o Vasco em Belo Horizonte.

Estádio: Engenhão, no Rio
Juiz: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Cartões amarelos: Matheus Galdezani, Victor, Emerson, José Welison (A)
Gols: Luan, aos 16min do 2º tempo; Cazares, aos 35min do 2º tempo; Tomás Andrade, aos 44min do 2º tempo
Público/Renda: 7.465 pagantes e 8.470 presentes / R$ 155.440,00

BOTAFOGO
Saulo; Luis Ricardo, Carli, Igor Rabello e Moisés; Bochecha (Brenner), Rodrigo Lindoso (Marcelo) e Renatinho (Rodrigo Pimpão); Luiz Fernando, Valencia e Aguirre. T.: Zé Ricardo

ATLÉTICO-MG
Victor; Emerson, Léo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; José Welison, Matheus Galdezani (Lucas Cândido), Nathan (Luan) e Cazares (Tomas Andrade); Chará e Ricardo Oliveira. T.: Thiago Larghi.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade