Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Atletismo de Balneário Camboriú segue colhendo bons resultados

Segunda, 20/8/2018 13:59.
Divulgação
Anny prepara-se para repetir a boa marca nos Jasc

Publicidade

O atletismo de Balneário Camboriú alcançou bons resultados neste final de semana, nos Campeonatos Estaduais Caixa de Fundo e Meio Fundo e Provas Combinadas (decatlo e heptatlo) e também no Festival FCA Atletismo, em Jaraguá do Sul.

O técnico da equipe Diogo Gamboa comemorou o bom desempenho nas provas de decatlo masculino, que teve quatro locais: Lucas Buba (categoria Sub 20) faturou medalha de ouro; Brian Antunes (Sub 18) no salto com vara alcançou a marca dos 4m e hoje é dono da segunda melhor marca do país, foi medalha de prata; Antonio Joseph Aquino (categoria Adulto) foi bronze e Donavan Oliveira (Sub 18) foi quinto lugar.

“Com esses resultados FMEBC conquistou o troféu de 3° lugar no geral por equipes em mais um estadual”, comemorou o treinador.

Anny destaque no Festival

Durante o campeonato estadual, a Federação Catarinense de Atletismo realizou o Festival FCA. A velocista Anny Caroline de Bassi, de Balneário Camboriú, realizou o melhor tempo de sua carreira nos 100m rasos: 11´63.

“Fiquei muito feliz mas confesso que já esperava uma marca assim! Estava fazendo uma boa sequência de tempo nas últimas competições e nos treinos estava fazendo meus melhores testes! Vim bem esperançosa e confiante para a competição”, disse Anny ao Página3.

O tempo de Anny é um novo recorde, porém não reconhecido oficialmente porque o Festival não é uma competição oficial.

A atleta não desanimou, tem outras duas competições importantes pela frente, os Jogos Abertos (JASC) e o Troféu Brasil.

“O Jasc este ano estará bem forte, até por ser apenas uma semana antes do Troféu Brasil, mas eu vou bem confiante e pronta para dar meu melhor, acredito que no Jasc talvez até melhore um pouco mais minha marca. Quero muito também tentar estar entre as finalistas do troféu Brasil esse ano! Estou com a nona melhor marca do Brasil e pretendo correr bem lá para conseguir ficar entre as oito”, disse a velocista. No Festival de Jaraguá, ela disputou também os 200m, chegou em 24´92.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação
Anny prepara-se para repetir a boa marca nos Jasc
Anny prepara-se para repetir a boa marca nos Jasc

Atletismo de Balneário Camboriú segue colhendo bons resultados

Publicidade

Segunda, 20/8/2018 13:59.

O atletismo de Balneário Camboriú alcançou bons resultados neste final de semana, nos Campeonatos Estaduais Caixa de Fundo e Meio Fundo e Provas Combinadas (decatlo e heptatlo) e também no Festival FCA Atletismo, em Jaraguá do Sul.

O técnico da equipe Diogo Gamboa comemorou o bom desempenho nas provas de decatlo masculino, que teve quatro locais: Lucas Buba (categoria Sub 20) faturou medalha de ouro; Brian Antunes (Sub 18) no salto com vara alcançou a marca dos 4m e hoje é dono da segunda melhor marca do país, foi medalha de prata; Antonio Joseph Aquino (categoria Adulto) foi bronze e Donavan Oliveira (Sub 18) foi quinto lugar.

“Com esses resultados FMEBC conquistou o troféu de 3° lugar no geral por equipes em mais um estadual”, comemorou o treinador.

Anny destaque no Festival

Durante o campeonato estadual, a Federação Catarinense de Atletismo realizou o Festival FCA. A velocista Anny Caroline de Bassi, de Balneário Camboriú, realizou o melhor tempo de sua carreira nos 100m rasos: 11´63.

“Fiquei muito feliz mas confesso que já esperava uma marca assim! Estava fazendo uma boa sequência de tempo nas últimas competições e nos treinos estava fazendo meus melhores testes! Vim bem esperançosa e confiante para a competição”, disse Anny ao Página3.

O tempo de Anny é um novo recorde, porém não reconhecido oficialmente porque o Festival não é uma competição oficial.

A atleta não desanimou, tem outras duas competições importantes pela frente, os Jogos Abertos (JASC) e o Troféu Brasil.

“O Jasc este ano estará bem forte, até por ser apenas uma semana antes do Troféu Brasil, mas eu vou bem confiante e pronta para dar meu melhor, acredito que no Jasc talvez até melhore um pouco mais minha marca. Quero muito também tentar estar entre as finalistas do troféu Brasil esse ano! Estou com a nona melhor marca do Brasil e pretendo correr bem lá para conseguir ficar entre as oito”, disse a velocista. No Festival de Jaraguá, ela disputou também os 200m, chegou em 24´92.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade