Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Suspeito de mentir idade, jogador do Paulista some e clube deve ser punido

Segunda, 23/1/2017 15:09.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Suspeito de adulterar os documentos para participar da Copa SP, o jogador do Paulista Brendon Matheus não se reapresentou ao clube e está desaparecido. A informação foi divulgada pelo UOL e confirmada pela reportagem.

O atleta é acusado de ter modificado sua idade para participar da competição, que limita a inscrição à jogadores nascidos entre 1997 e 2001. Brendon, que de acordo com a denúncia obtida pela reportagem do UOL se chamaria Elton Rodrigues, está registrado com data de nascimento de 1997, mas teria nascido em 1994.

A denúncia partiu do Batatais, que foi derrotado neste domingo (22), por 5 a 1, na semifinal, pelo Paulista. Caso seja comprovada a irregularidade, a equipe do interior de São Paulo seria automaticamente eliminada do torneio e o Batatais disputaria a final contra o Corinthians, na quarta-feira (25).

Brendon Matheus era esperado pelo Tribunal de Justiça Desportiva para prestar esclarecimentos, mas não foi encontrado pelo Paulista e nem pelo seu empresário, Alberto Luiz de Souza, ex-atacante de Santos e Palmeiras.

O clube e Alberto já registraram um Boletim de Ocorrência na delegacia em Jundiaí para comunicar o desaparecimento do atleta. No BO, eles explicam a denúncia de falsidade ideológica contra o atleta, além de registrar que não conseguem contato com ele desde o início da manhã desta segunda (23).

À Fox Sports, o presidente do TJD, Antonio Olim, sinalizou que o Paulista dever receber a punição e não disputará a final.

"É bem provável que a final será Corinthians e Batatais. Esse indivíduo acabou prejudicando a todos, ao Paulista de Jundiaí e aos colegas", comentou. "Quem trouxe [a história] foi o presidente do Batatais [André Toffetti Dias] que parece que levantou e trouxe pra cá na quinta-feira. Hoje as investigações passaram na polícia", completou Olim.

Em nota oficial assinada pelo presidente José Verdugo Diaz, o Paulista disse aguardar o fim das investigações, mas afirmou que é vítima caso seja comprovada a irregularidade. Uma reunião está marcada para esta tarde, na federação Paulista de Futebol, para definir quem enfrentará o Corinthians na decisão.

CONFIRA O COMUNICADO DO PAULISTA:

"Tomamos da mesma perplexidade a nossos milhares de torcedores, fomos surpreendidos pelas notícias relacionadas à eventual irregularidade na documentação do atleta Brendon Matheus de Araújo Lima.

Após recebermos, na tarde de sábado (21/01/2017), cópia do ofício encaminhado à Federação Paulista de Futebol pela presidência do Batatais Futebol Clube, naquele momento tomamos todas as providências possíveis, para averiguação das informações nele contidas.

Analisando a documentação e tomando o depoimento do atleta diante de Diretores, Funcionários e do próprio Treinador, o mesmo ratificou a veracidade da documentação, protestando inocência, motivo pelo qual é, à míngua de outras provas, foi o mesmo escalado para a partida semifinal, após contato com a Federação Paulista de Futebol.

Importante ser frisado que o referido atleta disputou o Campeonato Paulista sub-20 de 2016 por outra equipe, no caso o Nacional EC, tendo vindo da referida agremiação para o Paulista FC.

Assim, caso as investigações sejam comprovadas, somos vítimas e de nenhum modo partícipes desta eventual fraude e nos colocamos à disposição da Federação Paulista de Futebol para esclarecimentos e revelação rigorosa da verdade.

O Paulista FC, clube centenário do Futebol Nacional, afirma que sempre e em todo momento agiu na mais estrita boa fé, não tendo nenhuma participação na possível confecção de eventuais falsificações.

Respeitosamente,

José 'Pepe' Verdugo Diaz - Presidente do clube." 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Suspeito de mentir idade, jogador do Paulista some e clube deve ser punido

Segunda, 23/1/2017 15:09.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Suspeito de adulterar os documentos para participar da Copa SP, o jogador do Paulista Brendon Matheus não se reapresentou ao clube e está desaparecido. A informação foi divulgada pelo UOL e confirmada pela reportagem.

O atleta é acusado de ter modificado sua idade para participar da competição, que limita a inscrição à jogadores nascidos entre 1997 e 2001. Brendon, que de acordo com a denúncia obtida pela reportagem do UOL se chamaria Elton Rodrigues, está registrado com data de nascimento de 1997, mas teria nascido em 1994.

A denúncia partiu do Batatais, que foi derrotado neste domingo (22), por 5 a 1, na semifinal, pelo Paulista. Caso seja comprovada a irregularidade, a equipe do interior de São Paulo seria automaticamente eliminada do torneio e o Batatais disputaria a final contra o Corinthians, na quarta-feira (25).

Brendon Matheus era esperado pelo Tribunal de Justiça Desportiva para prestar esclarecimentos, mas não foi encontrado pelo Paulista e nem pelo seu empresário, Alberto Luiz de Souza, ex-atacante de Santos e Palmeiras.

O clube e Alberto já registraram um Boletim de Ocorrência na delegacia em Jundiaí para comunicar o desaparecimento do atleta. No BO, eles explicam a denúncia de falsidade ideológica contra o atleta, além de registrar que não conseguem contato com ele desde o início da manhã desta segunda (23).

À Fox Sports, o presidente do TJD, Antonio Olim, sinalizou que o Paulista dever receber a punição e não disputará a final.

"É bem provável que a final será Corinthians e Batatais. Esse indivíduo acabou prejudicando a todos, ao Paulista de Jundiaí e aos colegas", comentou. "Quem trouxe [a história] foi o presidente do Batatais [André Toffetti Dias] que parece que levantou e trouxe pra cá na quinta-feira. Hoje as investigações passaram na polícia", completou Olim.

Em nota oficial assinada pelo presidente José Verdugo Diaz, o Paulista disse aguardar o fim das investigações, mas afirmou que é vítima caso seja comprovada a irregularidade. Uma reunião está marcada para esta tarde, na federação Paulista de Futebol, para definir quem enfrentará o Corinthians na decisão.

CONFIRA O COMUNICADO DO PAULISTA:

"Tomamos da mesma perplexidade a nossos milhares de torcedores, fomos surpreendidos pelas notícias relacionadas à eventual irregularidade na documentação do atleta Brendon Matheus de Araújo Lima.

Após recebermos, na tarde de sábado (21/01/2017), cópia do ofício encaminhado à Federação Paulista de Futebol pela presidência do Batatais Futebol Clube, naquele momento tomamos todas as providências possíveis, para averiguação das informações nele contidas.

Analisando a documentação e tomando o depoimento do atleta diante de Diretores, Funcionários e do próprio Treinador, o mesmo ratificou a veracidade da documentação, protestando inocência, motivo pelo qual é, à míngua de outras provas, foi o mesmo escalado para a partida semifinal, após contato com a Federação Paulista de Futebol.

Importante ser frisado que o referido atleta disputou o Campeonato Paulista sub-20 de 2016 por outra equipe, no caso o Nacional EC, tendo vindo da referida agremiação para o Paulista FC.

Assim, caso as investigações sejam comprovadas, somos vítimas e de nenhum modo partícipes desta eventual fraude e nos colocamos à disposição da Federação Paulista de Futebol para esclarecimentos e revelação rigorosa da verdade.

O Paulista FC, clube centenário do Futebol Nacional, afirma que sempre e em todo momento agiu na mais estrita boa fé, não tendo nenhuma participação na possível confecção de eventuais falsificações.

Respeitosamente,

José 'Pepe' Verdugo Diaz - Presidente do clube." 

Publicidade

Publicidade