Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Escolinhas esportivas e paradesportistas com matrículas abertas
Bruna Horvath

Terça, 21/2/2017 16:35.

A diretora de esportes comunitários da Fundação Municipal de Esportes (FME) Mariana Dalvesco disse que depois do Carnaval todas as escolinhas deverão estar funcionando. A maioria já começou, mas beach tênis, handebol e futebol paradesporto ainda estão em construção.

O handebol feminino reiniciou as equipes de rendimento e uma professora está percorrendo as escolas para convidar alunos a frequentar as escolinhas.

“O beach tênis está montando uma nova infraestrutura, o futevôlei vai começar com material reduzido, porque as bolas sumiram e o processo de compra de novas está em andamento.

O futebol para paradesportistas depende das associações cadastrar e no momento a técnica Fayola Bueno está em São Paulo acompanhando paratletas convocados para seleção brasileira”, comentou Mariana.

“Quase todas estão ativas, algumas precisam ser reestruturadas, tem falta de material ou até de professores, que ainda estão sendo chamados”, completou.

As inscrições devem ser feitas nos locais de funcionamento com o professor da escolinha. 

Veja neste link a listagem de modalidades e seus respectivos locais.

Informações: 3360-0444.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Política


Saúde

Evento é especial para mulheres e inscrições estão abertas


Publicidade

Revestimento que já foi sucesso é tendência novamente


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Escolinhas esportivas e paradesportistas com matrículas abertas

Bruna Horvath
Terça, 21/2/2017 16:35.

A diretora de esportes comunitários da Fundação Municipal de Esportes (FME) Mariana Dalvesco disse que depois do Carnaval todas as escolinhas deverão estar funcionando. A maioria já começou, mas beach tênis, handebol e futebol paradesporto ainda estão em construção.

O handebol feminino reiniciou as equipes de rendimento e uma professora está percorrendo as escolas para convidar alunos a frequentar as escolinhas.

“O beach tênis está montando uma nova infraestrutura, o futevôlei vai começar com material reduzido, porque as bolas sumiram e o processo de compra de novas está em andamento.

O futebol para paradesportistas depende das associações cadastrar e no momento a técnica Fayola Bueno está em São Paulo acompanhando paratletas convocados para seleção brasileira”, comentou Mariana.

“Quase todas estão ativas, algumas precisam ser reestruturadas, tem falta de material ou até de professores, que ainda estão sendo chamados”, completou.

As inscrições devem ser feitas nos locais de funcionamento com o professor da escolinha. 

Veja neste link a listagem de modalidades e seus respectivos locais.

Informações: 3360-0444.

Publicidade

Publicidade