Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Grêmio refina busca por 'fazedor de gols' e cria lista com cinco alvos
Reprodução.
Tudo indica que a contratação virá de fora do Brasil.

Quinta, 29/12/2016 5:35.

JEREMIAS WERNEK
PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Grêmio levantou dezenas de nomes, mas a busca pelo seu reforço ofensivo chegou a um estágio avançado. O 'fazedor de gols' desejado sairá de uma lista que envolve cinco nomes. O único parâmetro revelado, no momento, é que a contratação não será cara. A falta de recursos impede que o time gaúcho realize um investimento pesado agora.

Carente de um jogador para o ataque, o Grêmio refinou a pesquisa nos últimos dias. A lista com cinco nomes renderá o reforço ofensivo mais aguardado para 2017.

"Posso dizer que não será jogador caro. A torcida não pode esperar jogador caro, mas jogador que resolva a necessidade do Grêmio", disse Odorico Roman, novo vice-presidente de futebol do Grêmio, em entrevista ao 'Donos da Bola RS', da TV Bandeirantes.

O parâmetro revelado pelo dirigente indica que a contratação virá de fora do Brasil. O mercado sul-americano é analisado com atenção. O conceito ainda é de que um destaque em outros países do continente sai mais barato do que atletas no mercado nacional.

Emanuel Herrera, 29 anos, foi um dos nomes analisados. O argentino está no Emelec-EQU e jogou junto a Miller Bolaños. O Grêmio, contudo, não confirma tratativa em andamento.

Além do resultado da lista de cinco nomes, o Grêmio pretende contratar outros dois atacantes. Kayke, ex-Flamengo, é um deles. O jogador aguarda aval do Yokohama Marinos, do Japão, para concluir tratativa junto ao Grêmio. O negócio deve ser fechado por empréstimo, com opção de compra após 12 meses.

Além dos reforços para o ataque, o Grêmio observa o mercado atrás de um lateral direito e lateral esquerdo. Demais contratações só deverão ocorrer se algum jogador do grupo campeão da Copa do Brasil for negociado. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Política

Enquanto a maioria quer aumentar quantidade de leis ele deseja o contrário


Geral

Houve um vazamento de grande proporção e reparos estão sendo feitos


Cidade

Prefeitos nunca investiram em reservação de água bruta  


Opinião

No Brasil isso é quase um diploma de honestidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Grêmio refina busca por 'fazedor de gols' e cria lista com cinco alvos

Reprodução.
Tudo indica que a contratação virá de fora do Brasil.
Tudo indica que a contratação virá de fora do Brasil.
Quinta, 29/12/2016 5:35.

JEREMIAS WERNEK
PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Grêmio levantou dezenas de nomes, mas a busca pelo seu reforço ofensivo chegou a um estágio avançado. O 'fazedor de gols' desejado sairá de uma lista que envolve cinco nomes. O único parâmetro revelado, no momento, é que a contratação não será cara. A falta de recursos impede que o time gaúcho realize um investimento pesado agora.

Carente de um jogador para o ataque, o Grêmio refinou a pesquisa nos últimos dias. A lista com cinco nomes renderá o reforço ofensivo mais aguardado para 2017.

"Posso dizer que não será jogador caro. A torcida não pode esperar jogador caro, mas jogador que resolva a necessidade do Grêmio", disse Odorico Roman, novo vice-presidente de futebol do Grêmio, em entrevista ao 'Donos da Bola RS', da TV Bandeirantes.

O parâmetro revelado pelo dirigente indica que a contratação virá de fora do Brasil. O mercado sul-americano é analisado com atenção. O conceito ainda é de que um destaque em outros países do continente sai mais barato do que atletas no mercado nacional.

Emanuel Herrera, 29 anos, foi um dos nomes analisados. O argentino está no Emelec-EQU e jogou junto a Miller Bolaños. O Grêmio, contudo, não confirma tratativa em andamento.

Além do resultado da lista de cinco nomes, o Grêmio pretende contratar outros dois atacantes. Kayke, ex-Flamengo, é um deles. O jogador aguarda aval do Yokohama Marinos, do Japão, para concluir tratativa junto ao Grêmio. O negócio deve ser fechado por empréstimo, com opção de compra após 12 meses.

Além dos reforços para o ataque, o Grêmio observa o mercado atrás de um lateral direito e lateral esquerdo. Demais contratações só deverão ocorrer se algum jogador do grupo campeão da Copa do Brasil for negociado. 

Publicidade

Publicidade