Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Eleições
A bola está com o Supremo, diz Haddad sobre assumir a vaga de Lula

Quarta, 5/9/2018 16:05.
Eduardo Anizelli/ Folhapress
Fernando Haddad, candidato a vice-presidente na chapa do PT, em frente a fábrica da Mercedes Benz, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, na manhã desta quarta-feira. Manuela D'Ávila e o candidato do PT ao Governo de São Paulo, Luiz Marinho,

Publicidade

CATIA SEABRA(FOLHAPRESS)

Vice de Luiz Inácio Lula da Silva na corrida presidencial, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) falou abertamente, nesta quarta-feira (5), sobre a hipótese de ocupar a cabeça da chapa no lugar do ex-presidente.

Questionado ao longo de um dia dedicado a corpo-a-corpo nas portas de fábricas, foi explícito ao responder quando substituiria Lula. "A bola está com o Supremo Tribunal Federal".

Em São Bernardo do Campo, Haddad foi chamado de "futuro presidente do Brasil" até por amigos de Lula e disse que tão importante quanto um homem é seu projeto. Em breves discursos nas portas de montadoras, Haddad repetiu que Lula é 13.

À porta da Volkswagen, ele criticou o Ministério Público por apresentar denúncias às vésperas das eleições.

"Hoje eu ouvi que entraram contra o Alckmin também. Eu tenho um entendimento de que o Ministério Público é importante demais pra ter esse tipo de postura, se deixar usar eleitoralmente, para um lado ou pro outro."


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Eduardo Anizelli/ Folhapress
 Fernando Haddad, candidato a vice-presidente na chapa do PT, em frente a fábrica da Mercedes Benz, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, na manhã desta quarta-feira. Manuela D'Ávila e o candidato do PT ao Governo de São Paulo, Luiz Marinho,
Fernando Haddad, candidato a vice-presidente na chapa do PT, em frente a fábrica da Mercedes Benz, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, na manhã desta quarta-feira. Manuela D'Ávila e o candidato do PT ao Governo de São Paulo, Luiz Marinho,

A bola está com o Supremo, diz Haddad sobre assumir a vaga de Lula

Publicidade

Quarta, 5/9/2018 16:05.

CATIA SEABRA(FOLHAPRESS)

Vice de Luiz Inácio Lula da Silva na corrida presidencial, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) falou abertamente, nesta quarta-feira (5), sobre a hipótese de ocupar a cabeça da chapa no lugar do ex-presidente.

Questionado ao longo de um dia dedicado a corpo-a-corpo nas portas de fábricas, foi explícito ao responder quando substituiria Lula. "A bola está com o Supremo Tribunal Federal".

Em São Bernardo do Campo, Haddad foi chamado de "futuro presidente do Brasil" até por amigos de Lula e disse que tão importante quanto um homem é seu projeto. Em breves discursos nas portas de montadoras, Haddad repetiu que Lula é 13.

À porta da Volkswagen, ele criticou o Ministério Público por apresentar denúncias às vésperas das eleições.

"Hoje eu ouvi que entraram contra o Alckmin também. Eu tenho um entendimento de que o Ministério Público é importante demais pra ter esse tipo de postura, se deixar usar eleitoralmente, para um lado ou pro outro."


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade