Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Eleições
Sopa de letrinhas lança Merísio ao governo de Santa Catarina

Não há nomes novos na disputa. Rede lançou Rogério Portanova. Convenções partidárias seguem até 5 de agosto.

Segunda, 23/7/2018 8:00.
Alesc.

Publicidade

O PSD confirmou no sábado (21) os nomes de Gelson Merísio ao governo de Santa Catarina e de Raimundo Colombo ao senado.

Outros nove partidos realizaram convenções simultâneas referendando aliança em torno de Merísio. São eles: PSB, PDT, Podemos, Solidariedade, PROS, PSC, PRB, PCdoB e PHS.

Unidos estes 10 partidos -além da possibilidade de atrair o PP com Esperidião Amin ao Senado- deverão indicar as chapas a deputados federais e estaduais.

São duas vagas ao Senado e a maioria dos partidos deixa uma em aberto para negociar alianças.

Na sexta-feira (20) o Rede realizou sua convenção lançando Rogério Portanova a governador, além de de Miriam Prochnow e Diego Mezzogiorno ao Senado.

As convenções prosseguem até 5 de agosto, da seguinte forma:

PP - 28 de julho em Florianópolis a confirmar. Não definiu posição até o momento.

PSDB - 29 de julho em Joinville. Deve lançar Paulo Bauer a governador e Napoleão Bernardes ao Senado.

MDB - 4 de agosto em Florianópolis. Mauro Mariani tende a concorrer a governador e se firmar aliança com o PR Jorginho Mello deve ser o nome ao Senado.

PSOL - 4 de agosto em data e local indefinidos.

PR - 5 de agosto em Florianópolis.

PT - 5 de agosto em Blumenau, tende a confirmar Décio Lima candidato a governador.

DEM - Sem data e local definidos, tem como pré-candidato João Paulo Kleinübing a governador.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Alesc.

Sopa de letrinhas lança Merísio ao governo de Santa Catarina

Não há nomes novos na disputa. Rede lançou Rogério Portanova. Convenções partidárias seguem até 5 de agosto.

Publicidade

Segunda, 23/7/2018 8:00.

O PSD confirmou no sábado (21) os nomes de Gelson Merísio ao governo de Santa Catarina e de Raimundo Colombo ao senado.

Outros nove partidos realizaram convenções simultâneas referendando aliança em torno de Merísio. São eles: PSB, PDT, Podemos, Solidariedade, PROS, PSC, PRB, PCdoB e PHS.

Unidos estes 10 partidos -além da possibilidade de atrair o PP com Esperidião Amin ao Senado- deverão indicar as chapas a deputados federais e estaduais.

São duas vagas ao Senado e a maioria dos partidos deixa uma em aberto para negociar alianças.

Na sexta-feira (20) o Rede realizou sua convenção lançando Rogério Portanova a governador, além de de Miriam Prochnow e Diego Mezzogiorno ao Senado.

As convenções prosseguem até 5 de agosto, da seguinte forma:

PP - 28 de julho em Florianópolis a confirmar. Não definiu posição até o momento.

PSDB - 29 de julho em Joinville. Deve lançar Paulo Bauer a governador e Napoleão Bernardes ao Senado.

MDB - 4 de agosto em Florianópolis. Mauro Mariani tende a concorrer a governador e se firmar aliança com o PR Jorginho Mello deve ser o nome ao Senado.

PSOL - 4 de agosto em data e local indefinidos.

PR - 5 de agosto em Florianópolis.

PT - 5 de agosto em Blumenau, tende a confirmar Décio Lima candidato a governador.

DEM - Sem data e local definidos, tem como pré-candidato João Paulo Kleinübing a governador.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade