Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Candidatos à prefeitura opinam sobre empreguismo no setor público

Quinta, 1/9/2016 11:06.

Em debates na última semana no Facebook o administrador público formado pela Udesc e mestrando em Administração Pública pela Ebape/FGV/RJ, Leandro Índio da Silva e a mestre em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental pela Udesc, servidora de carreira e diretora técnica da Emasa, Kelli Dacol, questionaram a forma como prefeitos montam seus secretariados e indicam cargos de confiança. Ele é filiado ao PSDB e ela ao PMDB, mas dividem a mesma visão, a do abuso das nomeações políticas.

Atualmente estão nomeadas 309 pessoas em cargos de confiança na prefeitura, sendo 143 coordenadores. Esses coordenadores são cargos operacionais e nesse debate no Facebook uma das sugestões foi ocupar essas funções com pessoal de carreira.

A Sra. candidata e os Srs. candidatos têm opinião sobre o assunto e podem assumir algum compromisso publicamente?

Fabrício Oliveira

Nosso compromisso é sem dúvida por um governo decente, transparente e eficaz. Tanto que nosso Plano de Cidade traz esse tema como destaque. E para formar o nosso colegiado não será diferente. A indicação de secretários, diretores e coordenadores, terá como base o currículo, a experiência e qualificação técnica de acordo com o cargo que irá ocupar, e com a participação da sociedade civil organizada. E isso inclui, sem dúvida, utilizar a experiência e conhecimento dos servidores de carreira. E para isso, vamos criar um programa permanente de qualificação e valorização dos servidores municipais. Teremos uma governança compartilhada. Não podemos aceitar a troca de quase 100 secretários como foi nesse governo. Nossas alianças não foram pautadas em acordos políticos, mas sim, nos mesmos ideais e comprometimento com uma Balneário de Novas Ideias.

Fabrício Oliveira é candidato a prefeito pelo PSB coligado com Carlos Humberto Metzner Silva do PR.

Professor Ozawa

O PSOL já protocolou Carta Compromisso 2016 no registro da candidatura na Justiça Eleitoral e está nas redes sociais para livre acesso. Publicamos compromisso de fazer a partir de janeiro próximo uma grande auditoria em todos os contratos com terceiros firmados nos últimos anos e em vigência. Também uma Controladoria Independente com participação do Ministério Público, com assento permanente junto da sociedade civil e associação de bairros. O número de pessoas contratadas sem concurso público é uma ofensa à República. Inadmissível. Primeiro, segundo e terceiro escalões de governos recheados de correligionários políticos, partidários e pessoas com pouca afinidade com a coisa pública. Estamos no Século XXI, e precisamos dinamizar a gestão. Remanejar pessoas e funções. A tecnologia ajuda nesse sentido. O PSOL propõe revolucionar nesse sentido, radicalizar a democracia e incentivar a participação das pessoas através de uma cidadania plena.

Luiz Fernando Ozawa, o Japa, é candidato a prefeito pelo PSOL, coligado com Ana Carolina Christoff, do PT.

Leonel Pavan

A crise econômica que afeta municípios exigirá ainda mais, por parte do próximo gestor, ter equipe competente, experiente e reconhecidamente capacitada para as funções estratégicas de governo, que apresente melhores resultados para atender as crescentes demandas da população. Temos uma coligação que possui somente três partidos, pois não loteamos a prefeitura para ganhar as eleições. Uma coligação enxuta também nos garantirá a independência para compor um governo de qualidade, com os melhores nomes, acabando com a desnecessária troca permanente de secretários nas áreas prioritárias. Balneário Camboriú merece o que há de melhor! Reafirmamos publicamente o compromisso expresso em nosso plano de governo: vamos enxugar a máquina, cortando tudo que for supérfluo; vamos valorizar o servidor de carreira, priorizando-o na nomeação de cargos operacionais mas, também vamos buscar perfis de servidores comissionados que aliem competência técnica e aptidão para garantirmos a plena eficiência da máquina pública.

Leonel Arcângelo Pavan é candidato a prefeito pelo PSDB, coligado com Fábio Flôr do PP.

Jade Martins

Entendemos que as nomeações para os cargos em comissão devem obedecer tanto os critérios técnicos como políticos, sendo que neste último o que deve prevalecer principalmente é que as pessoas que ocuparão os cargos conheçam a cidade e as suas demandas. A administração atual sempre primou por isso, aliando técnicos do quadro efetivo do município dando-lhes oportunidades de chefiarem diversos departamentos e secretarias. Em respeito àqueles servidores que se prepararam, e inclusive com o novo plano de cargos e salários, puderam ascender na carreira, teremos o compromisso de utilizar estes quadros em nossa futura administração.

Jade Martins Ribeiro é candidata a prefeita pelo PMDB, tendo como vice Jone Antônio Moi, também do PMDB.


O Página 3 publica semanalmente respostas dos candidatos à prefeitura sobre questões em discussão na comunidade. Assine digital aqui e leia antes e de onde estiver.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Candidatos à prefeitura opinam sobre empreguismo no setor público

Quinta, 1/9/2016 11:06.

Em debates na última semana no Facebook o administrador público formado pela Udesc e mestrando em Administração Pública pela Ebape/FGV/RJ, Leandro Índio da Silva e a mestre em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Socioambiental pela Udesc, servidora de carreira e diretora técnica da Emasa, Kelli Dacol, questionaram a forma como prefeitos montam seus secretariados e indicam cargos de confiança. Ele é filiado ao PSDB e ela ao PMDB, mas dividem a mesma visão, a do abuso das nomeações políticas.

Atualmente estão nomeadas 309 pessoas em cargos de confiança na prefeitura, sendo 143 coordenadores. Esses coordenadores são cargos operacionais e nesse debate no Facebook uma das sugestões foi ocupar essas funções com pessoal de carreira.

A Sra. candidata e os Srs. candidatos têm opinião sobre o assunto e podem assumir algum compromisso publicamente?

Fabrício Oliveira

Nosso compromisso é sem dúvida por um governo decente, transparente e eficaz. Tanto que nosso Plano de Cidade traz esse tema como destaque. E para formar o nosso colegiado não será diferente. A indicação de secretários, diretores e coordenadores, terá como base o currículo, a experiência e qualificação técnica de acordo com o cargo que irá ocupar, e com a participação da sociedade civil organizada. E isso inclui, sem dúvida, utilizar a experiência e conhecimento dos servidores de carreira. E para isso, vamos criar um programa permanente de qualificação e valorização dos servidores municipais. Teremos uma governança compartilhada. Não podemos aceitar a troca de quase 100 secretários como foi nesse governo. Nossas alianças não foram pautadas em acordos políticos, mas sim, nos mesmos ideais e comprometimento com uma Balneário de Novas Ideias.

Fabrício Oliveira é candidato a prefeito pelo PSB coligado com Carlos Humberto Metzner Silva do PR.

Professor Ozawa

O PSOL já protocolou Carta Compromisso 2016 no registro da candidatura na Justiça Eleitoral e está nas redes sociais para livre acesso. Publicamos compromisso de fazer a partir de janeiro próximo uma grande auditoria em todos os contratos com terceiros firmados nos últimos anos e em vigência. Também uma Controladoria Independente com participação do Ministério Público, com assento permanente junto da sociedade civil e associação de bairros. O número de pessoas contratadas sem concurso público é uma ofensa à República. Inadmissível. Primeiro, segundo e terceiro escalões de governos recheados de correligionários políticos, partidários e pessoas com pouca afinidade com a coisa pública. Estamos no Século XXI, e precisamos dinamizar a gestão. Remanejar pessoas e funções. A tecnologia ajuda nesse sentido. O PSOL propõe revolucionar nesse sentido, radicalizar a democracia e incentivar a participação das pessoas através de uma cidadania plena.

Luiz Fernando Ozawa, o Japa, é candidato a prefeito pelo PSOL, coligado com Ana Carolina Christoff, do PT.

Leonel Pavan

A crise econômica que afeta municípios exigirá ainda mais, por parte do próximo gestor, ter equipe competente, experiente e reconhecidamente capacitada para as funções estratégicas de governo, que apresente melhores resultados para atender as crescentes demandas da população. Temos uma coligação que possui somente três partidos, pois não loteamos a prefeitura para ganhar as eleições. Uma coligação enxuta também nos garantirá a independência para compor um governo de qualidade, com os melhores nomes, acabando com a desnecessária troca permanente de secretários nas áreas prioritárias. Balneário Camboriú merece o que há de melhor! Reafirmamos publicamente o compromisso expresso em nosso plano de governo: vamos enxugar a máquina, cortando tudo que for supérfluo; vamos valorizar o servidor de carreira, priorizando-o na nomeação de cargos operacionais mas, também vamos buscar perfis de servidores comissionados que aliem competência técnica e aptidão para garantirmos a plena eficiência da máquina pública.

Leonel Arcângelo Pavan é candidato a prefeito pelo PSDB, coligado com Fábio Flôr do PP.

Jade Martins

Entendemos que as nomeações para os cargos em comissão devem obedecer tanto os critérios técnicos como políticos, sendo que neste último o que deve prevalecer principalmente é que as pessoas que ocuparão os cargos conheçam a cidade e as suas demandas. A administração atual sempre primou por isso, aliando técnicos do quadro efetivo do município dando-lhes oportunidades de chefiarem diversos departamentos e secretarias. Em respeito àqueles servidores que se prepararam, e inclusive com o novo plano de cargos e salários, puderam ascender na carreira, teremos o compromisso de utilizar estes quadros em nossa futura administração.

Jade Martins Ribeiro é candidata a prefeita pelo PMDB, tendo como vice Jone Antônio Moi, também do PMDB.


O Página 3 publica semanalmente respostas dos candidatos à prefeitura sobre questões em discussão na comunidade. Assine digital aqui e leia antes e de onde estiver.

Publicidade

Publicidade