Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Educação
Governo do Estado lança Carteira para Autistas

Sexta, 7/2/2020 18:04.
Mauricio Vieira / Secom
Governador Moisés, Lino e sua mãe Cátia foto catia2 7fev - Cátia e seu filho Lino com o governador

Publicidade

Quatro famílias catarinenses receberam a Carteira de Identificação do Autista de Santa Catarina, na solenidade de lançamento do documento, realizada na manhã desta quinta-feira (6), no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis.

Entre elas, a família de Lino Carlos Franzoi Junior, 29, diagnosticado com autismo aos 7 anos. Ele é filho de Cátia e Lino Franzoi, que desde então passaram a dedicar-se à causa. Eles fazem parte do grupo de fundadores da AMA Litoral SC, com sede em Balneário Camboriú (Lino é o atual presidente) e Cátia preside a Associação Catarinense de Autismo (ASCA).

Cátia explicou que a carteira tem alguns princípios, como garantir a contabilização, para sabermos quantas pessoas com autismo temos em Santa Catarina. Além disso, com este documento, as famílias terão preferência de atendimento, sem precisar aguardar em filas.

“A Carteira de Identificação do Autista garantirá ao usuário a preferência no acesso e atendimento em instituições públicas do Estado, especialmente nos serviços públicos das áreas de saúde, educação e assistência social, inclusive quando representado por seu responsável legal. Garante também a gratuidade no transporte intermunicipal de passageiros”, acrescentou.

O documento terá validade de cinco anos, permitindo assim a atualização dos dados cadastrais sem modificação do número da carteira no processo de renovação.

Durante o lançamento do documento em Santa Catarina, o governador Moisés anunciou investimento de R$ 365 milhões para educação especial neste ano. Estes valores serão repassados para as 224 instituições parceiras da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE) e beneficiarão perto de 21 mil alunos.

A carteirinha será feita pela FCEE em parceria com instituições credenciadas em todo o estado, AMAs ou APAE.

Para solicitar a Carteira de Identificação do Autista, os usuários deverão apresentar um relatório médico com a indicação do código da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID).

CPF, RG, tipo sanguíneo, endereço, número de telefone, fotografia.

Além de nome completo, documento de identificação, endereço residencial, telefone e e-mail do responsável legal ou do cuidador.

A FCEE publicará nos próximos dias resolução que definirá mais detalhes do processo de avaliação e emissão da carteira, assim como as instituições credenciadas para recebimento dos documentos.

Informações - (48) 3664-4948 ou no email [email protected]


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Mauricio Vieira / Secom
Governador Moisés, Lino e sua mãe Cátia foto catia2 7fev - Cátia e seu filho Lino com o governador
Governador Moisés, Lino e sua mãe Cátia foto catia2 7fev - Cátia e seu filho Lino com o governador

Governo do Estado lança Carteira para Autistas

Publicidade

Sexta, 7/2/2020 18:04.

Quatro famílias catarinenses receberam a Carteira de Identificação do Autista de Santa Catarina, na solenidade de lançamento do documento, realizada na manhã desta quinta-feira (6), no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis.

Entre elas, a família de Lino Carlos Franzoi Junior, 29, diagnosticado com autismo aos 7 anos. Ele é filho de Cátia e Lino Franzoi, que desde então passaram a dedicar-se à causa. Eles fazem parte do grupo de fundadores da AMA Litoral SC, com sede em Balneário Camboriú (Lino é o atual presidente) e Cátia preside a Associação Catarinense de Autismo (ASCA).

Cátia explicou que a carteira tem alguns princípios, como garantir a contabilização, para sabermos quantas pessoas com autismo temos em Santa Catarina. Além disso, com este documento, as famílias terão preferência de atendimento, sem precisar aguardar em filas.

“A Carteira de Identificação do Autista garantirá ao usuário a preferência no acesso e atendimento em instituições públicas do Estado, especialmente nos serviços públicos das áreas de saúde, educação e assistência social, inclusive quando representado por seu responsável legal. Garante também a gratuidade no transporte intermunicipal de passageiros”, acrescentou.

O documento terá validade de cinco anos, permitindo assim a atualização dos dados cadastrais sem modificação do número da carteira no processo de renovação.

Durante o lançamento do documento em Santa Catarina, o governador Moisés anunciou investimento de R$ 365 milhões para educação especial neste ano. Estes valores serão repassados para as 224 instituições parceiras da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE) e beneficiarão perto de 21 mil alunos.

A carteirinha será feita pela FCEE em parceria com instituições credenciadas em todo o estado, AMAs ou APAE.

Para solicitar a Carteira de Identificação do Autista, os usuários deverão apresentar um relatório médico com a indicação do código da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID).

CPF, RG, tipo sanguíneo, endereço, número de telefone, fotografia.

Além de nome completo, documento de identificação, endereço residencial, telefone e e-mail do responsável legal ou do cuidador.

A FCEE publicará nos próximos dias resolução que definirá mais detalhes do processo de avaliação e emissão da carteira, assim como as instituições credenciadas para recebimento dos documentos.

Informações - (48) 3664-4948 ou no email [email protected]


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade