Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Educação
MEC divulga resultado do ProUni do 2º semestre; 147 mil bolsas são oferecidas

Segunda, 12/6/2017 10:48.
EBC.

Publicidade

(FOLHAPRESS) - O MEC (Ministério da Educação) divulgou na manhã desta segunda-feira (12) o resultado do ProUni (Programa Universidade para Todos) referente ao segundo semestre de 2017. Os candidatos podem consultar a lista com os nomes dos selecionados na site do programa. O acesso ao portal é feito com o mesmo número de inscrição e senha usados no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2016, além do CPF. Os alunos que estão na primeira lista deverão comparecer na instituição de ensino para levar os documentos que constatem as informações dadas na inscrição até o dia 19 de fevereiro. A segunda chamada será divulgada no próximo dia 26.

A perda do prazo ou não comprovação das informações implica em perda da bolsa.

O estudante que quiser participar da lista de espera deve manifestar seu interesse na página do programa, entre 7 e 10 de julho. A lista estará disponível para consulta no dia 13 de julho.

Neste ano, o ProUni oferece 17% de bolsas a mais que o de 2016. Ao todo, são 147.492 bolsas em 1.706 instituições privadas, sendo 67.603 integrais e 79.889 parciais. No ano anterior, foram 125.442 bolsas de estudo, entre integrais e parciais.

Para se candidatar a uma bolsa parcial ou integral é necessário que o estudante tenha participado do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), obtido ao menos 450 pontos na média de notas do exame e não tenha zerado a redação. Além disso, o aluno deve ter concluído o ensino médio em uma escola pública ou ter sido bolsista na rede particular.

No caso da bolsa integral, os candidatos devem ter renda familiar bruta mensal per capita de, no máximo, um salário mínimo e meio. Para a bolsa parcial, o teto da renda familiar é de três salários mínimos.

Também podem participar pessoas com deficiência e professores da rede pública de educação básica.
O estado de São Paulo lidera no número de bolsas ofertadas (35.047), seguido de Minas Gerais, com 16.610 e Paraná, que tem 11.590 bolsas.

CALENDÁRIO

Comprovação de informações: 12 a 19 de junho

Resultado da 2ª chamada: 26 de junho

Comprovação de informações: 26 a 30 de junho

Prazo para manifestar interesse na lista de espera: 7 a 10 de julho

Comprovação de informações dos candidatos na lista de espera: 17 e 18 de julho


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
EBC.

MEC divulga resultado do ProUni do 2º semestre; 147 mil bolsas são oferecidas

Publicidade

Segunda, 12/6/2017 10:48.

(FOLHAPRESS) - O MEC (Ministério da Educação) divulgou na manhã desta segunda-feira (12) o resultado do ProUni (Programa Universidade para Todos) referente ao segundo semestre de 2017. Os candidatos podem consultar a lista com os nomes dos selecionados na site do programa. O acesso ao portal é feito com o mesmo número de inscrição e senha usados no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2016, além do CPF. Os alunos que estão na primeira lista deverão comparecer na instituição de ensino para levar os documentos que constatem as informações dadas na inscrição até o dia 19 de fevereiro. A segunda chamada será divulgada no próximo dia 26.

A perda do prazo ou não comprovação das informações implica em perda da bolsa.

O estudante que quiser participar da lista de espera deve manifestar seu interesse na página do programa, entre 7 e 10 de julho. A lista estará disponível para consulta no dia 13 de julho.

Neste ano, o ProUni oferece 17% de bolsas a mais que o de 2016. Ao todo, são 147.492 bolsas em 1.706 instituições privadas, sendo 67.603 integrais e 79.889 parciais. No ano anterior, foram 125.442 bolsas de estudo, entre integrais e parciais.

Para se candidatar a uma bolsa parcial ou integral é necessário que o estudante tenha participado do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), obtido ao menos 450 pontos na média de notas do exame e não tenha zerado a redação. Além disso, o aluno deve ter concluído o ensino médio em uma escola pública ou ter sido bolsista na rede particular.

No caso da bolsa integral, os candidatos devem ter renda familiar bruta mensal per capita de, no máximo, um salário mínimo e meio. Para a bolsa parcial, o teto da renda familiar é de três salários mínimos.

Também podem participar pessoas com deficiência e professores da rede pública de educação básica.
O estado de São Paulo lidera no número de bolsas ofertadas (35.047), seguido de Minas Gerais, com 16.610 e Paraná, que tem 11.590 bolsas.

CALENDÁRIO

Comprovação de informações: 12 a 19 de junho

Resultado da 2ª chamada: 26 de junho

Comprovação de informações: 26 a 30 de junho

Prazo para manifestar interesse na lista de espera: 7 a 10 de julho

Comprovação de informações dos candidatos na lista de espera: 17 e 18 de julho


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade