Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Economia
Brasil tem quarta gasolina mais cara da América do Sul, mostra ranking

Quinta, 27/2/2020 16:37.
Agência Brasil

Publicidade

Por Denise Luna

O Brasil tem a quarta gasolina mais cara da América do Sul, segundo estudo divulgado nesta quinta-feira, 27, pela Cuponation, plataforma de descontos online da alemã Global Savings Group baseado em informações do Numbeo, banco de dados global de preços que realizou uma pesquisa no começo de 2020 com 100 países.

O preço da gasolina brasileira (R$ 4,45/litro) só não é mais cara que do Uruguai (R$ 6,27/l), do Peru (R$ 4,89/l) e do Chile (R$ 4,47/l).

No mundo, o Brasil ocupa o 60º lugar no ranking da Cuponation.

Na avaliação global, o preço mais caro da gasolina foi registrado em Hong Kong (R$ 9,69/l), seguido da Palestina (R$ 8,32/l) e Israel (R$ 8,05/l).

Por outro lado, sem nenhuma surpresa, a Arábia Saudita é o país que cobra mais barato pela gasolina (R$ 1,78/l), o mesmo cobrado no Cazaquistão. Em terceiro lugar ficou o Egito, com R$ 2,13/l. A Venezuela não entrou na pesquisa.

"Apesar do nosso País não possuir a gasolina mais cara do mundo, um ponto importante a ressaltar é que a população brasileira está deixando cada vez mais de usar o próprio carro - não somente pelo valor do combustível, mas também pelo estresse e tempo perdido no trânsito", avaliou o Cuponation.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Agência Brasil

Brasil tem quarta gasolina mais cara da América do Sul, mostra ranking

Publicidade

Quinta, 27/2/2020 16:37.
Por Denise Luna

O Brasil tem a quarta gasolina mais cara da América do Sul, segundo estudo divulgado nesta quinta-feira, 27, pela Cuponation, plataforma de descontos online da alemã Global Savings Group baseado em informações do Numbeo, banco de dados global de preços que realizou uma pesquisa no começo de 2020 com 100 países.

O preço da gasolina brasileira (R$ 4,45/litro) só não é mais cara que do Uruguai (R$ 6,27/l), do Peru (R$ 4,89/l) e do Chile (R$ 4,47/l).

No mundo, o Brasil ocupa o 60º lugar no ranking da Cuponation.

Na avaliação global, o preço mais caro da gasolina foi registrado em Hong Kong (R$ 9,69/l), seguido da Palestina (R$ 8,32/l) e Israel (R$ 8,05/l).

Por outro lado, sem nenhuma surpresa, a Arábia Saudita é o país que cobra mais barato pela gasolina (R$ 1,78/l), o mesmo cobrado no Cazaquistão. Em terceiro lugar ficou o Egito, com R$ 2,13/l. A Venezuela não entrou na pesquisa.

"Apesar do nosso País não possuir a gasolina mais cara do mundo, um ponto importante a ressaltar é que a população brasileira está deixando cada vez mais de usar o próprio carro - não somente pelo valor do combustível, mas também pelo estresse e tempo perdido no trânsito", avaliou o Cuponation.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade