Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Feira do Livro de Balneário Camboriú começa nesta quinta-feira
Tassiana Campos

Sexta, 28/10/2016 9:33.

A Feira do Livro de Balneário Camboriú acontece entre os dias 3 e 15 de novembro, através da Fundação Cultural.

Houve vários questionamentos, pela falta de divulgação e pela ‘redução’ na programação. Isto porque ano passado, a Feira do Livro foi muito elogiada, com programação diversificada e participantes de renome nacional, como Dado Villa-Lobos e Lourenço Mutarelli e plantou a expectativa de que esse ano seria nos mesmos moldes ou ainda melhor do que a anterior.

O presidente da Fundação Cultural Anderson Beluzzo argumentou que o foco dessa vez é valorizar os escritores e contadores de história catarinenses, especialmente da região. Por isso, foi fechada uma parceria com a Câmara Estadual do Livro. “Ano passado contratamos pessoas de renome e não contemplamos tantos agentes culturais da região. Foi uma fragilidade que tentamos combater dessa vez”, diz.

Inscrições abertas

Para os escritores, um chamamento público foi aberto recentemente, e qualquer um que quiser lançar ou fazer sessão de autógrafos pode se inscrever. “Tanto da região, quanto do Estado e do país. Não há distinção. Só no primeiro dia recebemos 15 inscrições. O chamamento segue aberto até segunda-feira (31), e depois disso fecharemos a programação, que por isso ainda não foi completamente definida”, destaca.

Detalhes sobre as inscrições aqui.

A Fundação abriu, mas já encerrou, um edital para inscrições de contadores de histórias. Nove foram selecionados e se apresentarão na Feira entre os dias 7 e 11, ocasião em que acontecerá a Maratona Literária.

Formato diferente

Questionado sobre as diferenças entre a última edição e essa, Beluzzo disse que o momento é de experimentação. “Nesse momento optamos por não trazer grandes personalidades e valorizar quem é daqui. Acontecerá nesse cenário. É um momento de experiência, pode ser que dê certo ou não”, afirma.

Ele lembra ainda que a estrutura será a mesma do ano passado, na Praça Higino Pio, com as tendas, palco para apresentações e espaço para as livrarias. “Teremos pelo menos 10 delas participando. Podemos garantir que haverá promoções e grande variedade de títulos e estilos”, garantiu.

Mais informações sobre a Feira aqui.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Feira do Livro de Balneário Camboriú começa nesta quinta-feira

Tassiana Campos
Sexta, 28/10/2016 9:33.

A Feira do Livro de Balneário Camboriú acontece entre os dias 3 e 15 de novembro, através da Fundação Cultural.

Houve vários questionamentos, pela falta de divulgação e pela ‘redução’ na programação. Isto porque ano passado, a Feira do Livro foi muito elogiada, com programação diversificada e participantes de renome nacional, como Dado Villa-Lobos e Lourenço Mutarelli e plantou a expectativa de que esse ano seria nos mesmos moldes ou ainda melhor do que a anterior.

O presidente da Fundação Cultural Anderson Beluzzo argumentou que o foco dessa vez é valorizar os escritores e contadores de história catarinenses, especialmente da região. Por isso, foi fechada uma parceria com a Câmara Estadual do Livro. “Ano passado contratamos pessoas de renome e não contemplamos tantos agentes culturais da região. Foi uma fragilidade que tentamos combater dessa vez”, diz.

Inscrições abertas

Para os escritores, um chamamento público foi aberto recentemente, e qualquer um que quiser lançar ou fazer sessão de autógrafos pode se inscrever. “Tanto da região, quanto do Estado e do país. Não há distinção. Só no primeiro dia recebemos 15 inscrições. O chamamento segue aberto até segunda-feira (31), e depois disso fecharemos a programação, que por isso ainda não foi completamente definida”, destaca.

Detalhes sobre as inscrições aqui.

A Fundação abriu, mas já encerrou, um edital para inscrições de contadores de histórias. Nove foram selecionados e se apresentarão na Feira entre os dias 7 e 11, ocasião em que acontecerá a Maratona Literária.

Formato diferente

Questionado sobre as diferenças entre a última edição e essa, Beluzzo disse que o momento é de experimentação. “Nesse momento optamos por não trazer grandes personalidades e valorizar quem é daqui. Acontecerá nesse cenário. É um momento de experiência, pode ser que dê certo ou não”, afirma.

Ele lembra ainda que a estrutura será a mesma do ano passado, na Praça Higino Pio, com as tendas, palco para apresentações e espaço para as livrarias. “Teremos pelo menos 10 delas participando. Podemos garantir que haverá promoções e grande variedade de títulos e estilos”, garantiu.

Mais informações sobre a Feira aqui.

Publicidade

Publicidade