Jornal Página 3
Coluna
Economia & Negócios
Por Augusto Cesar Diegoli

Economia na Semana

Supremo garante correção
O Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou dia 3 que, em processos judiciais contra órgãos públicos no período entre 2009 e 2015, os valores atrasados têm de ser corrigidos pelo IPCA-E (Índice de Preços ao Consumidor Amplo Especial). A decisão beneficia segurados que têm valores do INSS a receber. O governo deve gastar R$ 40 bilhões a mais.

Mais grana para dívidas
A pesquisa do IBGE divulgada na última semana concluiu que as despesas médias das famílias brasileiras é de R$ 4.650. Deste total, 92% são destinados com moradia, transporte, educação e consumo, percentual praticamente estável em relação à pesquisa anterior. A parcela que vai para pagar dívidas cresceu de 21% para 32%, puxada pela quitação de empréstimos. A fatia de outras despesas, como pagamento de impostos e contribuições trabalhistas, por exemplo, ocupa 12% do orçamento. Houve grande alta das tarifas bancárias.

STF piora
O vergonhoso voto de ministros do STF, anulando sentenças da Lava Jato, teve um voto primoroso: mais uma vez do ministro Luiz Roberto Barroso. Textual: “A sociedade mudou, a economia mudou e as instituições estão mudando. Só a Justiça parece que não quer mudar”. A Nação que exige moralidade pública e apoia a Lava Jato aplaude de pé o ministro Barroso.

Loterias
A Caixa Econômica Federal lançou o aplicativo Loterias Caixa, uma plataforma de venda de apostas, via celular. Maiores de 18 anos de idade podem fazer apostas em nove tipos de loterias: megasena, lotofácil, quina, lotomania, timemania, dupla sena, loteca, lotogol e dia da sorte. O valor mínimo é de R$ 30 e o máximo de R$ 500 por dia. O aplicativo está disponível para usuários da plataforma IOS.

Briga em casa
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) ignorou recurso das Lojas Hering e dessa forma ficou mantida decisão do TJ-SC que reconheceu a Cia. Hering como real detentora do direito sobre a milionária marca Hering e sobre o sinal figurativo caracterizado por dois peixinhos, além de fixar indenização pelo uso indevido das marcas. A disputa pela famosa marca vinha desde 1999.

Tocando e trocando cervejas
Uma dúzia para os músicos! O baile ia longe, noite a dentro. O salão estava repleto. A música era boa: era o Jazz Band América que tocava (composta de cinco Krieger e cinco Diegoli), todos parentes entre si. O baile estava animado. As pessoas dançavam a valer. Alguém então gritava lá no meio do salão: “uma dúzia para os músicos”. E, em seguida, se via o garçom saindo do bar do clube, ajudado às vezes. Levava para o Jazz uma dúzia de cervejas, que eram colocadas atrás do conjunto. A música não parava. Eles tocavam e bebiam e as oferendas continuavam: “mais meia dúzia para os músicos ... mais uma dúzia ...” até que chegava a um ponto em que o palco ficava cheio de cervejas. Lá vinha o garçom, mãos vazias. Estranho? Não! Ele agora, vinha comprar cervejas dos músicos, porque o estoque no bar tinha acabado: estava todo em cima do palco! Estamos falando da década de 30.

Indicadores
O faturamento e as horas trabalhadas na indústria nacional aumentaram 0,6% em agosto na comparação com julho. Mas a massa salarial caiu 0,7% e o rendimento médio recuou 0,4%. Os números são da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Mais profissionais
Santa Catarina terá de qualificar 785 mil trabalhadores em ocupações industriais nos níveis superior, técnico, qualificação e aperfeiçoamento entre 2019 e 2023. Os dados são do Mapa do Trabalho Industrial, elaborado pelo Senai para subsidiar a oferta de cursos da instituição. A demanda prevista pelo estado inclui, em sua maioria, o aperfeiçoamento (formação continuada) de trabalhadores que já estão empregados. Em parcela menor (30%) estão aqueles que precisam de capacitação para ingressar no mercado de trabalho (formação inicial).

Kohler Tinturaria
A Kohler & Cia. Tinturaria e Estamparia está comemorando 70 anos de história. Fundada pelos irmãos Paulo, Érico e Alois Kohler, a empresa cresceu ao longo dos anos, fortaleceu os ideais de sustentabilidade e trouxe inovações para a produção. A empresa é uma prestadora de serviços que atua em todo o Brasil, de forma mais concentrada em SC e SP. Com duas unidades, uma no centro de Guabiruba e outra no bairro Pomerânia, tem cerca de 30 mil m² de parque fabril. A capacidade de produção é de 64 toneladas por dia e conta com quase 500 colaboradores.

Maiores demandas
As áreas que mais vão demandar a capacitação de profissionais com formação técnica em SC são os transversais, metalmecânica, informática, energia, telecomunicações e eletrônica. Profissionais com qualificação transversal trabalham em qualquer segmento, como técnicos em eletrotécnica e técnicos de controle da produção. As demandas mais significativas para quem tem formação superior estão nas áreas de gestão, informática, construção e metalmecânica.

Balança comercial
A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 2,24 bilhões em setembro, segundo o Ministério da Economia, no pior resultado para o mês desde 2014, quando houve déficit de US$ 946,4 milhões. Fortemente afetado pelo recuo nas exportações, o dado também veio abaixo da expectativa de um saldo positivo de US$ 3,2 bilhões. Em setembro, as vendas de produtos brasileiros ao exterior caíram 11,6% ante igual mês de 2018. Houve queda de 32% nas exportações de produtos semimanufaturados e de 14% na de básicos, com destaque, neste último grupo, para a redução de 38% nas vendas de petróleo bruto. Os produtos manufaturados subiram 4,4% em relação a igual mês de 2018.

Só o começo
A população de SC teve um fim de semana diferente, próprio para merecidas celebrações, pelo início do programa de inauguração do novo aeroporto internacional Hercílio Luz, em Florianópolis. A obra fala por si, em termos de beleza, amplos espaços, modernidade, conforto aos usuários e um leque de serviços qualificados, alguns inéditos no Estado. O novo terminal vai oferecer o que já de melhor o Brasil oferece aos que viajam. Mas o produto está fora do aeroporto. A partir de agora, por exemplo, incentivar o conhecimento da língua inglesa de seus funcionários que atendem os turistas. Espanhol, então, é obrigação de todos. A consciência de que o turismo e não o turista deve ser explorado é fundamental nesta nova fase.

Zurich mundial
A Zurich Airport, que opera o novo aeroporto Hercílio Luz, tem uma expressiva presença na América Latina. Tem também 100% dos aeroportos de Iquique e Antofogasta (Chile), 12,5% do aeroporto de Belo Horizonte e 10% do aeroporto de Curaçao, além de atuar no aeroporto de Bogotá. Sua presença mais premiada é a do aeroporto de Zurich, que movimenta 30 milhões de passageiros por ano, em três pistas de pouso e decolagem.

Mais empregos
Além do número expressivo de novos empregos gerados em Brusque no mês de agosto, os municípios da região também tiveram saldo positivo: Guabiruba (+19), Botuverá (+4), São João Batista (+166) foram alguns dos resultados.

Biergartenplatz
Foi aberto oficialmente no último sábado em Guabiruba, o 1º Biergartenplat. A festa alemã já demonstrou sucesso e veio para ficar. É um verdadeiro “esquenta” para as festas de outubro na região. A presidente da Associação Visite Guabiruba (AVIGUA), Rosemari Glatz idealizadora do evento, estava eufórica com o grande público. Assim começou as grandes festas em Santa Catarina.

Investimentos da BMW
A fábrica da BMW Group em Araquari completou cinco anos em 30 de setembro. Já foram produzidos mais de 55 mil carros. A unidade ocupa 1,5 milhão de m², dos quais 500 mil m² são pavimentados. O investimento feito entre 2014 e 2018 soma R$ 1 bilhão e mais R$ 130 milhões adicionais foram aplicados nos últimos 12 meses para os novos BMW série 3, X3 e X4. Outros números que impressionam são os 98 mil m² de compensação ambiental, a redução de 39% no consumo de água e 26% de energia. Além de investimentos contínuos em novas tecnologias, tudo parte do Strategy number one, que visa tornar a BMW uma empresa não só criadora de veículos do futuro, mas de mobilidade. A empresa investe também em projetos sociais e ambientais.

Investimento em Garuva
A SuperFrio inaugurou sua 14ª unidade frigorificada em Garuva. O investimento é de R$ 120 milhões feito pelo fundo Pátria Investimentos, que é parceiro da empresa desde 2014. O fundo administra recursos de R$ 54 bilhões. A nova unidade da SuperFrio é a primeira em SC. A companhia já atua em São Paulo e no Paraná. O empreendimento no Norte catarinense vai atender demandas de grandes grupos do setor de alimentos, como Seara, BRF e Marfrig, que exportam ou importam pelo porto de Itapoá. O grupo é o único operador logístico frigorificado do Brasil a adotar o sistema WMS, da JDA, referência global em tecnologia de armazéns. Em Garuva, a unidade tem câmaras frias para armazenar 15 mil pallets, pátio para 500 contêineres e tem 200 tomadas.

Economia do Vale
A economia do Vale do Itajaí se saiu pior no primeiro semestre deste ano na comparação com o mesmo período de 2018. Elaborado pela Facisc, o mais novo boletim do Índice de Perfomance Econômica das Regiões (Iper-SC), mostra retração de 0,2% na região entre janeiro e junho. O indicador estadual ficou positivo, com leve avanço de 0,6%. O Iper engloba 13 subregiões catarinenses e considera variáveis como geração de emprego nos setores da economia (indústria, comércio, serviços e agronegócio), exportações e importações, operações de crédito, financiamentos imobiliários, depósitos, consumo de energia elétrica e frota de veículos. Trata-se de uma metodologia própria a pedido dos empresários que querem atualizações mais frequentes sobre a economia local, já que o IBGE divulga dados oficiais do PIB com dois anos de defasagem.

Regra 86/96
A reforma da Previdência, em fase final de aprovação no Congresso, vaia acabar com a regra 86/96. Hoje, ela garante o benefício integral com a soma da idade e o tempo de contribuição do segurado. Quando a reforma começar a valer, só terá direito a esta regra quem estiver cumprido as exigências até a véspera.

Odebrecht
A Caixa pediu a liquidação do conglomerado de construção Odebrecht, de acordo com um documento judicial visto pela Reuters. A Caixa também quer que o juiz permite aos credores nomear novos administradores para o conglomerado e suas subsidiárias em uma assembleia. A Odebrecht, que pediu recuperação em junho, apresentou um plano de reestruturação que foi contestado por credores.

Duplicação da Antônio Heil
A Associação Empresarial de Brusque (Acibr) teve papel fundamental para que a duplicação da rodovia Antônio Heil (SC-486), que liga o município a Itajaí, saísse do papel. Desde a sua fundação, a entidade atuou com afinco para melhorias na malha viária regional, o que beneficia o empresariado para escoamento da produção e, em última instância, a sociedade em geral. A Acibr atuou fortemente para pleitear a duplicação desta rodovia. O caminho sempre foi difícil devido a burocracia governamental e a morosidade do poder público.

Obras paradas
Em Santa Catarina há 120 obras paralisadas ou com o andamento comprometido que resultam em um total contratado de R$ 6,9 bilhões e afetam 66 cidades, mostra levantamentos realizados pela Fiesc e TCE-SC. Audiência pública está debatendo o tema. As obras rodoviárias respondem por R$ 4 bilhões das obras contratadas.

Proteção de Dados
Que atire a primeira pedra quem nunca teve a sensação de ter a vida vigiada ou exposta na internet. Com acessos cada vez mais simplificados e interações que vão de redes sociais a aplicativos bancários, a preocupação com a proteção de nossas informações pessoais é uma realidade e um tema necessário a ser debatido. Foi neste cenário que a Lei Geral de Proteção de Dados nasceu. Prevista para entrar em vigor em fevereiro de 2020, destaca, entre outras questões, que empresas só poderão coletar ou compartilhar dados de seus clientes se estes permitirem. Vazamentos de informações estarão sujeitos a penalidades severas, como multas que podem chegar a R$ 50 milhões.

Reforma da Previdência
Aprovada no Senado em primeiro turno na última semana, as novas regras para quem se aposenta pelo INSS estão entre as maiores mudanças da história da Previdência no país. A reforma muda não só as regras de acesso ao benefício, mas também o cálculo e endurece as condições mínimas que garantem diversos direitos previdenciários.

Informalidade no emprego
O mercado de trabalho apresentou aumento dos postos de trabalho para 93,6 milhões e redução da taxa de desemprego, para 11,8%, no trimestre encerrado em agosto deste ano. No entanto, essa melhora dos indicadores tem sido puxada pelo aumento da informalidade no país. De acordo com o IBGE, os trabalhadores na informalidade atingiram o recorde de 41,4% do total da população ocupada no país. Esse é o maior nível desde que o indicador passou a ser medido em 2016. Dos 684 mil novos postos de trabalho criados no trimestre terminado em agosto deste ano, 87% foram postos informais, ou seja, trabalhos sem carteira assinada, trabalhadores por conta própria e aqueles sem remuneração. Segundo os dados do IBGE, os trabalhadores sem carteira assinada totalizaram 11,8 milhões de pessoas em agosto.

Vazamento
A Polícia Federal e o Ministério Público Federal investigam se a cúpula do banco BTG Pactual obteve informações das reuniões do Copom – Comitê de Política Monetária do Banco Central, órgão que define a taxa básica de juros da economia do país. Segundo os investigadores, a operação conjunta investiga vazamentos de resultados de reunião do Copom ocorridos nos anos de 2010, 2011 e 2012, inseridos em contexto de obtenção de vantagens ilícitas mútuas entre banqueiro e agentes públicos do alto escalão do governo federal da época.

Outubro de festas
O mês de outubro no Vale do Itajaí pode ser analisado de várias formas: período para celebrar a tradição, incentivo para a economia local, oportunidade para provar da gastronomia típica ou estímulo à cultura cervejeira. Com diferentes motivações, moradores da região e milhares de turistas de outros estados percorrem Blumenau, Brusque, Timbó, Itajaí e Porto Belo para visitas as populares festas de outubro.

Turnê pela Alemanha
A orquestra do Colégio Cônsul fará uma turnê pela Alemanha em 2020. Formada por 35 alunos entre 9 e 18 anos, a orquestra está em atividade ininterrupta desde 2008 e se apresentará pela primeira vez na Europa. O grupo passará pelas cidades co-irmãs de Brusque e Guabiruba: Bruchsal, Karlsdorf e Karlsruhe, além de Stuttagart, Munique e Augsburg. A viagem está marcada para o mês de setembro.

Radiação
O Tribunal Superior do Trabalho, a partir de uma demanda de SC, posicionou-se contrário ao pagamento de adicional de periculosidade a empregados de hospitais que atuam em áreas com aparelhos móveis de Raio X. No julgamento considerou-se o que se discutiu em audiência pública sobre o assunto, no ano passado, com a presença de físicos, especialistas em medicina, juristas e representantes da administração pública.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 08/10/2019 às 11h24 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Geração de empregos (1)
Pelo quinto mês seguido, o Brasil teve saldo positivo no emprego formal. Em agosto, a expansão foi de 121.387 vagas, decorrente de 1.382.407 admissões contra 1.261.020 desligamentos. O resultado de agosto é equivalente à variação de 0,31% ao estoque anterior. Foi o melhor agosto no Caged desde 2013. No período, seis setores econômicos tiveram saldo positivo e outros dois, negativos. Tiveram saldo positivo: serviços (+61.730), comércio (+23.626), indústria (+19.517), construção civil (+17.306), administração pública (+1.391) e extração mineral (+1.235). Apresentaram saldo negativo: agropecuária (-3.341) e serviços de utilidade pública (-77).

Geração de empregos (2)
Santa Catarina gerou 6.529 novos empregos em agosto, com destaques para os setores de serviços (+3.089), indústria (+1.533) e construção civil (+961). No acumulado do ano, o Estado tem saldo positivo de 60.322 empregos gerados, com destaques para a indústria (+31.425), serviços (+20.583) e construção civil (+7.963). Cidades que mais geraram empregos ao longo de agosto: Florianópolis (+1.060), Tubarão (+375) e Navegantes (+359). Já as cidades que mais demitiram, e por isso registram os piores desempenhos na manutenção de vagas formais estão Araranguá (-216), Caçador (-96) e Videira (-76). No acumulado do ano temos os seguintes números por cidade: Joinville (+7.173), Chapecó (+4.199), São José (+3.801), Blumenau (+3.312) e Brusque (+3.006). Os piores desempenhos no ano estão com Balneário Camboriú (-1.049) e Florianópolis (-909).

Geração de empregos (3)
Brusque teve saldo positivo de 219 empregos gerados em agosto, com destaques para a indústria (+142), serviços (+96), administração pública (+22) e a construção civil (+14). O setor de comércio teve saldo negativo (-52). No acumulado do ano, Brusque se destaca em SC, com um saldo de 3.006 novos empregos gerados, destaques para a indústria (+1.256), administração pública (+1.057), serviços (+364), comércio (+283) e a construção civil com (+33).

Fraudes no INSS
A Polícia Federal iniciou a Operação Cronocinese, que investiga a participação de advogados, contadores e servidores do INSS em fraudes contra a Previdência. Em São Paulo, as fraudes possibilitaram a concessão de aposentadorias a quem informou vínculos de trabalho inexistentes por meio de guias de recolhimento de empresas inativas. Foram investigadas centenas de benefícios, sendo que todos os requerimentos de aposentadorias com indícios de fraudes eram concentrados em seis servidores do INSS. As investigações indicam que eles aprovavam os pedidos sem conferir se obedeciam a requisitos previstos na legislação, como período de carência e análise de documentos. A estimativa de economia com a desarticulação do esquema pode chegar a R$ 347 milhões.

Variação do IGP-M
O IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) variou -0,01% em setembro, percentual superior ao apurado em agosto, quando a taxa foi de -0,67%. Com este resultado, o IGP-M acumula alta de 4,09% no ano e de 3,37% nos últimos 12 meses. Esse é o índice usado para reajustar os contratos de aluguel com vencimento em outubro. Em setembro de 2018, o índice havia subido 1,52% no mês e acumulado alta de 10,04% em 12 meses.

Nova troca na Justiça
A Justiça Federal autorizou uma bancária de 69 anos a trocar a aposentadoria por tempo de contribuição por uma por idade, na chamada reaposentação. O benefício vai subir de R$ 1.989 para R$ 4.330. A primeira aposentadoria foi concedida em 1992. A segurada continuou trabalhando e atingiu a idade mínima. O INSS pode recorrer.

Imprimindo crescimento
Fabricante de papéis sanitários, com destaque para guardanapos, papel higiênico e papel toalha, a Ipel, em Indaial, vai concluir até o final do primeiro trimestre do ano que vem um ciclo de investimentos que começou ainda em 2017. Nesse período, a empresa desembolsou R$ 80 milhões, em boa parte para modernizar a produção. Uma das aquisições mais recentes é uma máquina que começou a rodar no início de setembro, capaz de produzir até 22 mil toneladas ao ano, ampliando a capacidade total para cerca de 60 mil. O parque fabril da Ipel tem 60 mil m². A área física vai ganhar 12 mil m² adicionais. A empresa iniciou o ano com 540 funcionários, número que beira os 600. Desde 2015, a Ipel dobrou a produção e o faturamento.

Bradesco
O Bradesco é o segundo maior banco privado do Brasil, atrás apenas do Itaú-Unibanco. Controlado pela Cia. Cidade de Deus e Fundação Bradesco, o banco tem mais de 71 milhões de clientes, aproximadamente 4,6 mil agências e cerca de 99 mil funcionários. O banco consolidou-se por meio de incorporações de várias instituições financeiras, ao longo de sua trajetória. Somente entre 2000 e 2007, foram quase 20 incorporações. Em 2016, a maior delas: aquisição das operações do HSBC Bank no Brasil, por R$ 16 bilhões. Com a operação, os ativos do Bradesco chegaram a R$ 1,27 trilhão. Outra aquisição ocorreu somente três anos depois, quando o Bradesco anunciou a compra do norte-americano BAC Florida, aproximadamente por R$ 2 bilhões.

Cancelamento de benefícios
Desde janeiro deste ano, o INSS já cancelou ou suspendeu 254 mil benefícios com indícios de fraude ou irregularidades. Com os cortes, o INSS calcula uma economia de R$ 4,37 bilhões. A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de S.Paulo e confirmada pelo INSS. Os números representam 24% dos benefícios analisados no pente-fino das irregularidades. Os dados não incluem os benefícios por incapacidade, que ainda vão passar por perícia e só devem sofrer cortes em 2020. Entre as irregularidades mais comuns estão saques de benefícios de segurados falecidos e servidores públicos estaduais e municipais que recebiam o BPC (Benefício de Prestação Continuada), pagos a idosos e pessoas com deficiência com renda familiar de até um quarto do salário mínimo por pessoa (hoje R$ 249,50). Até o momento, 4,7 mil funcionários públicos praticaram este tipo de fraude. A expectativa do instituto é analisar até 3 milhões de benefícios com indícios de irregularidades até o ano que vem.

Uso da Arbitragem
A empresa Alô Equipe, com sede em Palhoça, locadora de equipamentos para todos os tipos de construções, tem usado a cláusula de arbitragem em todos os contratos de locação. Atualmente, entre 600 a 800 contratos mensais, todos com cláusula, são feitos pela empresa junto a clientes na Grande Florianópolis. Trabalha com mais de 100 marcas de equipamentos. Depois que começou a usar a cláusula nos contratos, os problemas de inadimplência diminuíram significativamente. Esta informação foi prestada pelos proprietários durante a realização do 9º Secmasc, em Palhoça (Seminário de Conciliação, Mediação e Arbitragem de SC), no último final de semana.

Justiça tira prêmio
A Justiça decidiu que um ganhador da quina da Mega-Sena não terá o direito de receber o prêmio de R$ 16,3 mil porque demorou para apresentar o bilhete. O período para o apostador requerer a premiação é de até 90 dias após o sorteio, segundo a TNU (Turma Nacional de Uniformização) dos Juizados Especiais Federais. O apostador acionou a Justiça alegando que fez a aposta no dia 21 de novembro de 2014, mas que o bilhete havia sido extraviado. Quando o papel foi encontrado, em 5 de março de 2015, o ganhador verificou que havia acertado cinco números o sorteio (quina) e tentou receber o prêmio, mesmo depois do prazo estabelecido pela legislação.

Porto para cruzeiros
O Ministério da Infraestrutura concedeu, oficialmente, autorização para a instalação do porto de transatlânticos BC Port em Balneário Camboriú. O secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários, assinou em Brasília, o contrato de concessão que é válido por 25 anos, com possibilidade de prorrogação por igual período. O governo federal autorizou a PDBS, empresa dona do projeto do BC Port, explorar uma parte do Molhe da Barra Sul e da lâmina d’água a partir da estrutura. No contrato, o projeto prevê investimento de R$ 312 milhões e movimentação de 300 mil passageiros ao ano. A empresa terá participação de investidores para tirar o porto do papel. O modelo do porto de transatlânticos de Balneário deve ser replicado em outras cidades no país. O Ministério da Infraestrutura anunciou que a concessão é um alinhamento ao Ministério do Turismo, o que indica atuação conjunta.

Patagônia
Por ser um porto de transatlânticos, o BC Port prevê embarque e desembarque de passageiros, com estrutura alfandegária pera Polícia Federal e Receita Federal. A expectativa é que atenda às exigências das companhias de cruzeiros de operar a “rota do fim do mundo”, levando os turistas do Brasil à Patagônia, um roteiro cobiçado especialmente por turistas internacionais.

Itapema
A prefeita de Itapema apresentou ao mercado, durante o São Paulo Boat Show, o projeto do píer turístico que será construído na Foz do Rio Perequê. Anunciou que o projeto inclui uma pequena marina pública com 40 vagas, para embarcações de até 60 pés. Investidores de São Paulo, Rio de Janeiro e Mato Grosso procuraram mais informações. O projeto foi avaliado em R$ 19 milhões, com espaço para restaurantes e lojas. A marina que será construída no local será de curta permanência e deve servir como porta de entrada para os turistas que chegam embarcados à cidade. Depois do píer turístico, a prefeitura pretende lançar uma outra proposta de parceria público-privada para infraestrutura turística. Será uma marina de grande porte, no Canto da Praia, com previsão de 400 vagas para embarcações. O modelo de concessão será semelhante ao da Marina Itajaí.

Pontualiti
Assistência técnica especializada em relógios de ponto, softwares e suprimentos. Um software de ponto atualizado e corretamente configurado evita gastos com causas trabalhistas. A Pontualiti auxilia sua empresa na gestão do ponto com assistência técnica via whatsapp (9-8819-3343), assistência técnica presencial e acesso remoto. Mais informações: 3091-0362. A Pontualiti está localizada na rua Poço-Fundo, 675 em Brusque.

Fluxo de caixa
Aconteceu na última semana (24), no auditório da Prefeitura de Guabiruba, o curso Como Controlar o Fluxo de Caixa, oferecido pela Profomento, Sebrae (através da Sala do Empreendedor) e Sebrae Empreendedor Individual. O evento, aberto e gratuito, teve como público-alvo, os microempreendedores individuais (MEIs) do município. Além do controle de caixa, os participantes puderam esclarecer algumas dúvidas a respeito da gestão de uma empresa no modelo MEI. A Prefeitura de Guabiruba, ainda em parceria com a Profomento, pretende realizar novos eventos desse tipo ao longo dos próximos meses, sempre abordando temas pertinentes à gestão de uma microempresa individual com o objetivo de esclarecer o máximo possível de dúvidas dessa faixa de empreendedores no município.

Grupo de metais
Pomerode, no Vale do Itajaí, recebeu recentemente, quase 600 instrumentistas de toda a IECLB e também do exterior para o 8º Encontro Nacional de Coros de Metais. Participaram grupos do Espirito Santo, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Um grupo de 26 pessoas veio da Alemanha. O maior grupo veio do Espirito Santo, que lotou uma caravana de 8 ônibus, com o objetivo de “abraçar” os pomeranos catarinenses, um sonho há muito acalentado por muitos capixabas.

Dívida pública
A Dívida Pública Federal ultrapassou a barreira de R$ 4 trilhões pela primeira vez na história. O indicador que inclui o endividamento interno e externo, subiu 2,03% em termos nominais, passando de R$ 3,99 trilhões em julho para R$ 4,07 trilhões em agosto. Os dados foram divulgados pelo Tesouro Nacional. A Dívida Pública Externa subiu 9,55% em agosto. O estoque passou de R$ 146,85 bilhões para R$ 160,87 bilhões, motivado pela valorização de 9,92% da moeda norte-americana ocorrida em agosto.

Restauração capilar
Balneário Camboriú passará a contar com a 1ª clínica especializada em cirurgia plástica, com foco em restauração capilar com uso de inteligência artificial do robô Artas. A Diamond Medicina terá 400 m² e contará com seis consultórios e duas salas de cirurgias equipadas para atender pacientes de todas as idades em diversos segmentos.

Nova Havan em BC
A Havan inaugurou sábado (28) sua segunda loja em Balneário Camboriú. É a 132ª loja da rede. Com 16 mil m² construídos, está gerando 150 empregos diretos e o investimento somou R$ 40 milhões. Contará com área de alimentação e fachada estilizada da Casa Branca americana. A marca está presente em 17 Estados. De março a setembro deste ano foram inauguradas 11 lojas. Com isso, a empresa passa de 16 mil colaboradores para mais de 20 mil. O faturamento da Havan para este ano deve chegar aos R$ 12 bilhões, com R$ 750 milhões de investimentos.

Brasileiro gasta menos
Com o dólar em alta, as despesas dos brasileiros em viagens ao exterior caíram em agosto. Os gastos totalizaram US$ 1,30 bilhão, com queda de 5,24% em relação ao mesmo mês de 2018 (US$ 1,38 bilhão). Os dados foram divulgados pelo Banco Central. Nos oito meses do ano, esses gastos com viagens ao exterior também estão menores. No período, as despesas chegaram a US$ 12,10 bilhões, queda de 5,3%.

Amor pela costura
A Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região deu início a mais uma importante parceria com o projeto “Amor pela Costura”. A iniciativa tem como objetivo ensinar e capacitar pessoas que buscam novas oportunidades na área da costura, mão de obra esta que tem sido requisitada por muitas empresas e nem sempre encontrada na cidade. O curso é gratuito e conta com quatro turmas de 15 alunos, com aulas uma vez por semana. A duração do curso é de três meses. É um projeto que vai contribuir muito para a economia de Brusque, pois temos muitas pessoas em busca de emprego e também outras que chegam na cidade e querem trabalhar, entretanto precisam de qualificação.

Portos privados
O ministro da Infraestrutura assinou portaria que garante adesão de terminais de uso privado. Destaque para o contrato da Mar Azul Logística e Armazenamento Terminal e Transporte, em São Francisco do Sul, que vai movimentar carga geral. E também para o terminal de passageiros em Balneário Camboriú, da Port Developed. Desde o início do ano, o governo assinou 20 contratos de adesão em terminais de uso privado.

Atrasados do INSS
A Justiça liberou R$ 1,1 bilhão para o pagamento de atrasados de até 60 salários mínimos (R$ 59.880) a 89,3 mil segurados que venceram ações de revisão ou de concessão contra o INSS. Quem tem ação contra o INSS em fase final pode verificar se está neste lote.

LinkLab
A terceira unidade do LinkLab Acate acaba de ser inaugurado em Joinville e já na largada, recebe dez corporates a ele conectadas: Arcelor Mittal, Catarinense Pharma, Cisa, Tigre, Schulz, Whirlpool, Weg, FCDL, Porto Itapoá e Orbenk já estão integradas ao programa. Juntas somam mais de R$ 30 bilhões em faturamento anual. O objetivo é criar ambientes de inovação aberta, onde ocorram trocas e conexões entre essas grandes empresas com seus times de inovação e as startups por elas selecionadas, que também convivem no mesmo espaço. Também haverá espaço Sebrae de inovação, com objetivo de estimular ainda mais a inovação e viabilizar novos negócios na cidade.

Risco do ensino à distância (1)
Cada vez mais gente opta por fazer um curso superior à distância. Os dados oficiais mostram que, em 2018, o número de vagas oferecidas nessa modalidade ultrapassou pela primeira vez a do ensino presencial: foram 7,2 milhões ante 6,4 milhões. A quantidade de cursos saltou de 2.108, no ano anterior, para 3.177. Esse é um mercado dominado pelo setor privado e que apresenta grande concentração. Os dados mostram que mais de 80% dos alunos à distância estão matriculados em 20 instituições (somente uma delas pública) e 52% estudam em cinco grandes faculdades particulares. O crescimento registrado no ano passado veio a reboque de uma mudança na lei. Em 2017, o governo afrouxou as regras: a criação de novas unidades passou a não depender mais da visita de técnicos do Ministério da Educação, mas apenas do cumprimento de indicadores de qualidade.

Risco do ensino à distância (2)
A modalidade que enfrenta custos menores e, por isso, cobra mensalidades mais baixas, virou opção preferencial de universidades privadas após a desidratação do Fies, fundo que financia alunos matriculados em cursos presenciais. Com a crise econômica, que encolheu o orçamento das famílias, muitos estudantes também fizeram essa escolha. Se essa tendência persistir, o risco mais óbvio é de queda da qualidade da educação superior do país, que já não é lá grande coisa. Os exames de desempenho de estudantes apontam que apenas 15% dos cursos à distância tiraram as notas mais altas, enquanto nos cursos presenciais a proporção foi de 29%. A tarefa de impedir a proliferação de alunos e profissionais mal preparados cabe ao poder público. É preciso muito cuidado com as arapucas no ensino.

Lista de bilionários
A lista de bilionários brasileiros divulgada pela revista Forbes, incluiu pela primeira vez o empresário brusquense Luciano Hang. De acordo com a publicação, o dono da rede de lojas Havan tem uma fortuna estimada em US$ 2,2 bilhões, o que equivale a R$ 9 bilhões, com a 36ª posição da lista dos brasileiros mais ricos. De acordo com a publicação, o faturamento do empresário foi de R$ 7 bilhões em 2018 com um crescimento de 62% no primeiro semestre deste ano. A lista de bilionários brasileiros conta com 206 nomes, 26 a mais do que a do ano passado. A edição especial da revista foi publicada no final do mês de setembro e a foto do empresário brusquense é uma das que estampam a capa da publicação. O ranking da Forbes traz o empresário Jorge Paulo Lemann, da Ambev, no topo da lista dos bilionários brasileiros, com um patrimônio estimado em R$ 104 bilhões. Em segundo lugar está Joseph Safra, do Banco Safra, com uma fortuna de R$ 96 bilhões.

Governo trava perícias
Uma lei sancionada pelo governo deve destravar as perícias judiciais em ações que pedem na Justiça, a concessão de auxílio e aposentadoria por invalidez pelo INSS. Com a medida, o governo pode antecipar o pagamento dos honorários aos peritos dessas ações, paradas atualmente por falta de verba. Segundo advogados, em alguns Juizados peritos sem receber entraram em greve. A lei prevê que o governo federal pagará os honorários da primeira perícia. Se houver novo pedido, ela será custeada pela Justiça. A medida vale por dois anos.

Acordo trabalhista
O segurado do INSS pode incluir em pedidos de aposentadoria ou de revisão de benefícios, valores de 13º salário, férias, adicional noturno e diferenças salariais obtidos em acordos trabalhistas. Nova lei definiu que esses valores estão sujeitos à cobrança de Imposto de Renda e contribuição do INSS. Se por um lado o trabalhador pode receber menos ao fechar os acordos, por outro ficará mais fácil comprovar esses valores ao INSS. Conheça quais verbas o segurado pode incluir nos pedidos.

Fábrica própria
A inauguração do primeiro Centro de Distribuição da Fruki, indústria de bebidas com matriz em Lageado (RS), fora do Rio Grande do Sul, marca uma nova etapa nos planos de expansão da empresa. A unidade fica em Blumenau e ajudará a abastecer a clientela da região. A Fruki produz energéticos, sucos, água mineral e a cerveja Bellavista, mas é no mercado de refrigerantes onde mais se destaca. Mas se a carteira crescer como o imaginado, não está descartada para o futuro a construção de uma fábrica em SC.

Empresas familiares
A CDL de Guabiruba, em parceria com o Sistema de Cooperativas de Crédito Rural e o Sebrae, acaba de realizar palestra com o tema “empresa familiar”. Os principais desafios de gerir uma empresa familiar são: o conflito de gerações e a informalidade. A expectativa de vida do brasileiro está cada vez maior e que hoje temos três gerações que se encontram na empresa, o que causa diversos conflitos. Outro fator é a intimidade familiar, que prejudica a gestão e ainda mais a profissionalização da empresa. Um desses conflitos é entre irmãos, que estão assumindo a empresa fundada pelo pai ou avô. Quando eles querem assumir a empresa não são totalmente capacitados e podem não ter áreas de atuação bem definidas e um começa a interferir na área do outro. O melhor conselho é a profissionalização. As pessoas certas no lugar certo. Não é porque é parente, que é competente. Não é porque é parente que tem de ser líder da empresa. As vezes, é um técnico e tem alguém dele gerenciado a empresa, tomando as decisões estratégicas. Isso tudo para garantir a perpetuidade do negócio.

Edital de falência
O edital serve para dar conhecimento a todos os credores e demais interessados que foi decretada a falência da sociedade Metalúrgica Duque S/A e MH Administração e Participações, em 02 de setembro de 2019.

Justiça antecipa aposentadoria
A comprovação de tempo de serviço na Justiça será uma saída para se aposentar pelo INSS com as regras válidas antes da reforma da Previdência. Foram selecionadas sete ações com grande número de decisões a favor dos trabalhadores na segunda instância da Justiça Federal e em tribunais superiores. Outra ação pode ajudar o segurado a comprovar vínculo de emprego.

Passarela
O Estado retomou as obras da passarela na Rodovia Antônio Heil, nas proximidades da escola Monsenhor Vendelino Hobold, em Itajaí. Esta, e outras travessias, são cobradas pela comunidade que se arrisca entre os dois lados da estrada. O prazo para entrega das obras da passarela não foi divulgado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura.

Aplicadores roubados
Em fevereiro de 1967, durante a administração Castello Branco, foi promulgado o Decreto-lei 157, através do qual os contribuintes podiam destinar 10% de seu imposto de renda a pagar para a compra de ações através do que chamávamos de Fundos 157, o nome oficial era Certificado de Compra de Ações. Não há uma maneira mais suave e diplomática para dizer isso: os aplicadores foram miseravelmente roubados. Todas as más compras em Bolsa eram lançadas nos 157, que não fazia outra coisa a não ser perder dinheiro. Tivesse sido diferente, o mercado brasileiro de ações teria tido um impulso fantástico. Muitos anos mais tarde, começaram a surgir fundos melhor administrados. Mas se destinavam a uma minoria.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 01/10/2019 às 09h16 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Oportunidade
O IX Secmasc (Seminário de Conciliação, Mediação e Arbitragem de Santa Catarina) terá palestra sobre a formação para o mercado de trabalho para novos advogados. Será dias 26 e 27 deste mês de setembro, na Unisul (Universidade do Sul de SC) em Palhoça (SC). Uma das palestrantes do evento será sobre a “Formação para o Mercado de Trabalho”, que será proferida por Simone Regina Medeiros, assistente social do TJ-SC. Oportunidade para jovens advogados que estão saindo das universidades a procura de emprego. Inscrições: www.fecema.org.br/secmasc.

Leilão a caminho
Sessenta e sete imóveis da Buettner espalhados por Brusque, Guabiruba, Botuverá e Canelinha, entre eles terrenos e o complexo fabril de uma das mais tradicionais indústrias têxteis de Santa Catarina, vão a leilão no dia 26 de novembro. O pacote inteiro está avaliado em R$ 141,6 milhões. Se não surgirem interessados nessa data, nova tentativa de venda ocorrerá dia 10 de dezembro, com propostas de pelo menos 75% deste valor. O vencedor precisará pagar 25% do lance à vista, podendo parcelar o restante em até 30 vezes. O edital completo está disponível em bit.ly/leilaobuettner.

Ninho da Moda
O ponto turístico de Brusque e símbolo do Stop Shop, o novo Ninho da Moda, foi reinaugurado no último sábado (21). Mais moderno e interativo, o monumento é uma obra de arte que homenageia a cidade, polo têxtil e berço da fiação catarinense, um presente para Brusque e para todo o Estado de Santa Catarina. O evento abriu as comemorações dos 25 anos do empreendimento, que ajudou a transformar a cidade, em um dos principais roteiros de compras a pronta-entrega do Brasil. Feito em fibra de vidro, o novo Ninho tem 12 metros de altura por 6 metros de largura. O público pode vivenciar uma experiência única ao entrar no Ninho pelo caule da árvore, ao som do canto dos pássaros, quando foram levados a conhecer a história do monumento, sua ligação com a natureza e com a história da cidade.

Stop Shop
O Stop Shop nasceu com o objetivo de promover bons negócios, desenvolver a economia da região e gerar novos empregos, se consolidou como um dos principais roteiros de compras de agentes de viagem e lojistas de todo o Brasil. São muitos os segmentos, desde confecções femininas, masculinas e infantis, fitness, lingerie, moda praia, jeans, joias e acessórios, perfumes, cosméticos, pijamas, cama, mesa e banho, calçados, bolsas e acessórios. Com uma estrutura completa, o Stop Shop é um shopping moderno e funcional. Os detalhes podem ser percebidos tanto na área externa como na interna, pensada estrategicamente para oferecer comodidade e segurança. Está localizado na Rodovia Antônio Heil nº 635, em Brusque (SC).

Corpo perfeito a todo custo
Investigação aponta que medicamentos vendidos indiscriminadamente na internet como naturais na verdade possuem substâncias sintéticas e podem levar à morte. Coquetéis de substâncias químicas perigosas são vendidos como emagrecedores feito à base de plantas. Os supostos produtos naturais prometem emagrecimento rápido, saudável, sem grande esforço e seduzem quem precisa ou quer perder peso. Até 13 quilos em um mês, segundo um dos anúncios que circulam pelas redes sociais, escondendo os riscos de produtos que nada tem de inofensivos. Segundo análises pelo Instituto de Perícias (IGP) mostram que, por trás da fórmula milagrosa, existe uma combinação de estimulantes sintéticos, inibidores de apetites, antidepressivos e calmantes.

Economia avança
A economia catarinense cresceu 2,65% de janeiro a julho mostra cálculo do Índice de Atividade Econômica Regional (IBCR-SC). O desempenho catarinense só é menor do que o Rio Grande do Sul, com alta de 3,17% e do Amazonas, evolução de 2,68%.

Boletim especial
Dia 1º de setembro deste ano, completou 80 anos do início da Segunda Guerra Mundial, conflito que deixou profundas marcas, não só pelas táticas de guerra aplicadas, mas, e sobretudo, pelas perseguições e extermínio ocorridos. A Segunda Guerra Mundial é um tema muito colecionado e estudado no âmbito da filatelia, principalmente, e também na numismática. Por isso, o Clube Filatélico Brusquense oferece para sua leitura uma “edição especial” sobre o assunto, com textos curtos e imagens relacionadas.

Dívidas antigas
A Procuradoria Geral do Estado de Santa Catarina abriu a terceira rodada em 2019 de acordo para antecipação do recebimento de precatórios, que são dívidas antigas do poder público com pessoas físicas ou empresas, já reconhecidas em decisões judiciais. O prazo para envio das propostas encerra dia 4 de outubro. Nas duas primeiras rodadas, foram pagos mais de R$ 146 milhões em precatórios, com uma economia aos cofres públicos de quase R$ 40 milhões. Para a terceira rodada, estão disponíveis para acordo mais de R$ 208 milhões. Quem não o fizer, permanece na ordem cronológica de pagamento de precatórios, sem nenhum prejuízo, e receberá os valores conforme disponibilidade financeira prevista no orçamento anual do Poder Executivo.

Agonia na Venezuela
A Venezuela atual é um triste exemplo de como uma nação pode se afundar rapidamente. De 2014 para cá, a economia encolheu 60%. A inflação anual bate os 10 milhões por cento para se ter uma ideia, os preços dobram a cada 20 dias. O pesadelo não para por aí. Doenças como difteria se espalham, pacientes morrem nos hospitais por falta de luz e não há remédios. Pobres desnutridos passam horas em filas para receber alimento. Meninas se prostituem por comida e a gravidez precoce disparou. Quatro milhões de venezuelanos, quase 15% da população, já fugiram do país. Quem se opõe ao governo costuma se dar mal. Adversários são presos às centenas, impedidos de disputar eleições, exilados e, suspeita-se, torturados. Maduro negou a realidade. Disse que tudo não passa de um complô estrangeiro, sob ordens dos EUA.

Reforma tributária
O ponto principal da proposta de emenda à Constituição (PEC) prevê a criação do chamado Imposto sobre Operações com Bens e Serviços (IBS). A ideia é que o novo imposto substitua nove impostos: sete deles federais (IPI, IOF, PIS/Pasep, Cofins, Salário-Educação e Cid-Combustíveis), além de um estadual (ICMS) e um municipal (ISS). Nesse novo imposto haverá uma alíquota para a União e outras para Estados e municípios.

Rede SIM
A SIM Rede de Postos, com sede em Flores da Cunha (RS) incorporou a rede Mime, de Jaraguá do Sul. A transação ainda precisa do aval do CADE. O negócio cria a mais ampla rede de varejo de combustíveis da região Sul do país, com 200 postos, localizados nos três Estados do Sul. A SIM já tem 140 unidades antes da compra da Mime.

Unimed
É de 109 mil o número de beneficiários dos planos oferecidos pela Unimed no Vale do Itajaí. A empresa está celebrando 48 anos de atuação com o lançamento de uma nova versão do seu aplicativo voltado a clientes.

Centro de eventos
A Santur está adequando o edital de concessão do Centro de Eventos de Balneário Camboriú para enviar ao Tribunal de Contas. O chamamento público é previsto para dezembro, com assinatura de contrato em abril. A estimativa é que a estrutura esteja em funcionamento no segundo semestre do ano que vem.

Tirol no PR
O grupo Tirol, de Treze Tilias (SC), vai instalar uma fábrica de laticínios em Ipiranga, a 50 km a Oeste de Ponta Grossa, no Paraná. Investirá R$ 150 milhões para produzir, numa primeira etapa, 600 mil litros de leite por dia, a partir de 2021. A direção da Tirol definiu o projeto com o governador do vizinho estado, que viabilizou incentivos para sua implantação.

Regularização imobiliária
Imóvel regularizado vale a pena? Vamos citar alguns benefícios de se ter um imóvel regularizado: aumenta o valor do imóvel; concede alvará de funcionamento; evita a cobrança de multas; proporciona benefícios no seguro do imóvel; disponibiliza a venda por meio de financiamento bancário; possibilita o uso do imóvel como garantia de financiamento. O que é o projeto de regularização? O projeto é feito com a finalidade de legalizar a situação de edificações que não possuem licença prévia na prefeitura, segundo a lei de zoneamento e o código de obras de cada cidade, funcionando como uma identidade do imóvel. Precisando regularizar seu imóvel, entre em contato com a Notar – Regularização Imobiliária, em Brusque, na Rua Rodrigues Alves, 21 – Centro.

Calote
A Prefeitura e a população de Florianópolis são vítimas do maior calote já aplicado por uma empresa privada. A Dom Parking Estacionamento deve mais de R4 20 milhões pela exploração do Zona Azul. Nunca pagou um real ao município, mesmo arrecadando milhões todos os meses. Foi contratada em 2013, nunca recolheu o FGTS dos empregados. A Dom Parking virou caso de polícia.

Confiança
O índice de confiança dos empresários da indústria catarinense se manteve praticamente estável em setembro, passando de 60,5 em agosto para 60,4 no mês seguinte, um leve recuo de 0,1 ponto. No Brasil, o índice ficou em 59,4 pontos. Dos componentes do ICEI de Santa Catarina, houve aumento de 1,2 ponto do indicador de condições atuais, influenciado pela melhora da percepção das condições da economia brasileira e da própria empresa. Na contramão, as expectativas futuras registraram piora, passando de 64,2 para 63,4 pontos.

Investimento
Cerca de mil operários estão neste momento construindo a nova fábrica da WestRock, em Três Barras, no Planalto Norte de SC. A ampliação vai transformar a indústria na maior produtora de embalagens do Brasil e do mundo, com faturamento de quase 20 bilhões de dólares. A empresa está investindo R$ 5 bilhões em SC.

Novas regras
O trabalhador que pretende receber o teto do INSS, hoje em R$ 5.839,45 deve se encaixar em alguns requisitos. Atualmente, deve ter feito contribuições pelo teto desde julho de 1994 e ter mais de 60 anos. Após a reforma, o teto ficará mais difícil, pois o benefício será a média de todas as contribuições do trabalhador, tanto altas quanto baixas.

Roubo de cargas
Autoridades da segurança pública de oito Estados se reuniram em Florianópolis. Na pauta o problema dos roubos de cargas. No ano passado ocorreram 22 mil roubos. Em 2017 foram anotados quase 26 mil, segundo a NT&CLogística. O roubo de cargas é a nova fronteira do crime organizado. No encontro foram tratadas propostas de ações de combate a este tipo de crime.

Modelo de Justiça
Saiba porque a Arbitragem está se tornando a melhor opção para empresas e empresários. O professor Joel Dias Figueira Jr., que é PhD pela Universidade de Florença e Árbitro da Câmara de Mediação e Arbitragem da ACIF, estará proferindo palestra tratando do tema, considerando o momento e a crise na Justiça no Brasil, com o título “Arbitragem – modelo de Justiça para o século 21”. A palestra é destinada a empresários e comerciantes de todos os segmentos e apresenta uma nova oportunidade no meio jurídico. Será dias 26 e 27 de setembro, no Secmasc (Seminário de Conciliação, Mediação e Arbitragem de SC), na Unisul (Pedra Branca), em Palhoça. As inscrições podem ser feitas pelo site: www.fecema.org.br/secmasc.

Benefício maior
Três ações que afetam as aposentadorias e pensões do INSS poderão ser julgadas ainda neste ano pelos tribunais superiores do país: a revisão da vida toda, a do adicional de 25% para quem precisa de cuidados e a sobre a devolução ao INSS de valores pagos de forma indevida. Conheça o que leva em conta ao decidir se entra com ação na Justiça.

Salário mínimo
O Ministério da Economia estuda uma forma de autorizar o congelamento do salário mínimo quando houver crise. A ideia é retirar da Constituição a obrigatoriedade de que o valor seja corrigido pela inflação. A medida seria incluída na PEC que altera as regras fiscais e está em tramitação no Congresso.

Sem sair de casa
O segurado do INSS que deseja pedir a revisão de sua aposentadoria não precisa mais ir até uma agência. A solicitação pode ser feita pela internet, no portal Meu INSS. É preciso se cadastrar no site e enviar documentos que comprovem que o segurado tem direito a um benefício maior.

Contra decisão do INSS
Os segurados têm até dez anos para contestar uma decisão da Previdência. O prazo vale para quem considera o benefício baixo. Quem teve aposentadoria negada ou quem sofreu corte no pente-fino. Há o direito de receber atrasados de até cinco ano. A Procuradoria-Geral da República considerou o prazo ilegal no caso do pente-fino. A Justiça dará a palavra final.

Regra de transição
O trabalhador que hoje está na casa dos 50 anos e já pode se aposentar tem uma difícil decisão a tomar: se aposentar agora, com a aplicação do fator previdenciário no benefício, ou esperar as novas regras. O cálculo da reforma será mais vantajoso, em geral será preciso esperar mais anos para entrar em uma regra de transição.

Balanço
A Expo Concórdia gerou R$ 100 milhões em negócios. Contou com mais de 300 expositores, com estandes ligados ao agronegócio, tecnologia e robótica e mais de 300 mil visitantes. Voltou a ser realizada depois de seis anos. Expositores e autoridades lamentaram a não presença do governador de SC, da vice-governadora que é de Chapecó, nem do secretário da Agricultura, que já morou em Concórdia. Eles deveriam estar aqui em Concórdia para ver a pujança da região, eram os comentários.

Bom cidadão
Com o apoio da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de SC, está praticamente pronto para apreciação em plenário na Assembleia Legislativa importante projeto de lei que cria o Cadastro do Bom Cidadão, com incentivos para consumidores que pedirem nota fiscal, como já existe em vários estados. Ao acumular notas fiscais, o consumidor ganha uma pontuação que gera descontos para pagamentos diversos, como o IPVA. Na outra ponta, quem ganha é o Estado, com a redução da sonegação, o que gera aumento de receita. Iniciativa que merece total apoio.

Disney brasileira
O prefeito de Penha (SC) apresentou ao atual ministro do Turismo, o projeto do Distrito Turístico, que pretende transformar a cidade na versão brasileira de Orlando (EUA). A proposta vinha sendo acompanhada de perto pelo ex-ministro Vinicius Lummertz e a reaproximação é importante para que o projeto tenha o apoio de Brasília. Penha busca um financiamento de R$ 30 milhões para o projeto. O ministro pode vir a SC para conhecer de perto a proposta. A viabilização do Distrito Turístico começou pela redução do ISS para empreendimentos de lazer de 5% para 3%. Pelo menos 10 atrações nacionais e internacionais já demonstraram interesse em se instalar em Penha nos últimos meses, incluindo grupos chineses e norte-americanos. O prefeito citou a entrada da cidade no mercado de transatlânticos como parte do projeto do Distrito Turístico. A manobra-teste será feita na Praia da Armação.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 24/09/2019 às 16h24 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Perdas da poupança
Faltando pouco mais de oito meses para o final do prazo de pagamento formalizado no acordo de revisão da poupança, os bancos deixam 80% dos poupadores sem receber a grana, segundo o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor). Os pedidos de adesão ao acordo para pagamento das perdas dos planos econômicos Bresser, Verão e Collor 2 (vigentes entre 1987 e 1991), somam cerca de 176 mil, segundo a Febraban (Federação Brasileira dos Bancos). O número está longe do total inicialmente previsto, de mais de 2 milhões de poupadores. O prazo de pagamentos termina em abril de 2020. A estimativa é que entre 300 e 500 mil pessoas vão aderir aos acordos até o final do prazo.

Lunelli reforça portfólio
Sem muito alarde, a Lunelli, grupo têxtil com matriz em Guaramirim, reforçou o portfólio de marcas de vestuário com a compra da Fico, grife de surfwear presente em 23 estados. O valor da aquisição não foi divulgado, mas integra a estratégia da companhia em diversificar a atuação, entrando em nichos novos de mercado. Com a aquisição, o grupo agora administra seis marcas. Completam o portfólio as grifes Lunelli, Lumender, Lez a Lez, Hangar e Alakazzo, que atendem aos públicos masculino, feminino e infantil. Ao todo, soma 4,8 mil funcionários em 16 fábricas, uma delas de camisas em Luiz Alves, no mesmo espaço onde operava a Dudalina.

Avanço
O IBGE divulgou os dados da pesquisa industrial mensal (PIM) regional. O levantamento aponta que a indústria nacional avançou em oito estados no mês de julho, na comparação com o mesmo período de 2018. Santa Catarina cresceu 1,4% e aparece na sexta colocação. O Rio de Janeiro com 4,8%, lidera a expansão.

Destaques
Duas reportagens destacaram Joinville no jornal Valor da última semana. O jornal apresenta a cidade como um oásis que escapou da desindustrialização e, em outro texto, mostra a romaria de pais de alunos do Bolshoi para morar na cidade, acompanhando o ideal dos filhos em serem bailarinos profissionais.

Demora do INSS
O órgão tem 45 dias para analisar pedidos, mas está levando seis meses em média. Ação no Juizado Federal pode agilizar solicitação. Segurados do INSS que esperam há mais de um mês e meio a resposta do pedido de aposentadoria podem recorrer à Justiça. Oficialmente, o instituto deve responder em até 45 dias, mas leva até seis meses em média. Neste caso, o caminho mais comum é mover uma ação no Juizado Federal para que o INSS faça a análise do pedido do segurado.

Refaz Ajuste
O governo do Estado de SC publicou decreto nº 54.785 que institui o programa “Refaz Ajuste-ST” para regularização de débitos referentes ao ICMS. Enquadram-se no programa os contribuintes com créditos tributários, inscritos ou não em dívida ativa, inclusive ajuizados. A medida é uma maneira de auxiliar aqueles que estão com débitos referentes à complementação do ICMS da substituição tributária, depois que mudanças no processo de restituição e cobrança do imposto foram instituídas pelo STF. Os valores devidos, relativos ao período de 1º de março a 30 de junho deste ano, terão redução total dos juros e multas relativos ao atraso do pagamento e deverão ser pagos em parcela única até o dia 19 de setembro. Com o decreto, também fica dispensada a multa pela não entrega no prazo.

FGTS
Em decisão do dia 6 de setembro, o ministro do STF, Roberto Barroso, determinou a suspensão de todos os processos sobre a correção dos depósitos vinculados ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), atualizados pela Taxa Referencial (TR).

Investimento
O atual ministro da Economia acena com a intenção de acabar com as isenções de Imposto de Renda (IR) para as aplicações em LCI e LCA. A se confirmar, elas tendem a sumir do mercado porque perderão atratividade para os investidores.

Regime especial
Empresa que quer manter benefício fiscal concedido por meio de regime especial deve desembarcar mercadorias em portos catarinenses. Esse foi o entendimento da Justiça após defesa apresentada pela Procuradoria Geral do Estado em ação movida por importadora questionando a cobrança da diferença do ICMS.

Reestruturação
Em novo passo do processo de reestruturação operacional e financeira, que já incluiu vendas de fábricas na Argentina, na Europa e na Tailândia, a BRF anunciou na última semana a venda da participação societária em um negócio de processamento e distribuição de alimentos em Cingapura até então mantidos com a SATS, que comprou as ações da empresa catarinense. A operação foi concluída por R$ 51 milhões e incluiu a assinatura de um novo contrato de distribuição e licenciamento de marcas pertencentes à BRF.

Naturismo
As praias do Pinho, em Balneário Camboriú, e Pedras Altas, em Palhoça, as duas de SC dedicadas ao nudismo, passarão a ter um suporte legal proximamente. A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou projeto que regulamenta a prática em âmbito nacional. Cria regras gerais, mas deixa a cargo de cada Estado ou município a determinação de normas específicas. O texto segue para análise em plenário.

Hotelaria
Também há otimismo na hotelaria: o levantamento do governo federal mostra disposição dos hoteleiros em investir nos estabelecimentos. No país, 66% se declararam dispostos a fazer investimentos nos próximos seis meses. Em Santa Catarina, o índice é semelhante. Empresários estão aproveitando a baixa temporada para renovar os estabelecimentos, antes da volta dos turistas.

Pente-fino do INSS
O pente-fino do INSS nos auxílios-doença e nas aposentadorias por invalidez ainda não começou. Isso acontece porque o sistema para agendamento das perícias não está pronto. A previsão é que as convocações dos segurados comecem em outubro. Por outro lado, o pente-fino contra fraudes nos benefícios em geral já está ocorrendo.

Impostos injustos (1)
Parece que o governo enfim desistiu da péssima ideia de ressuscitar de mais um tributo. São tantos no país que nem existe um cálculo preciso para ficar só nos casos mais conhecidos, são 14 impostos e 35 tipos diferentes de contribuições sociais e econômicas. Como todo mundo sabe, a conta para os contribuintes é salgada. Em média, cada brasileiro entrega um terço da sua grana para bancar o governo federal, os estados e as prefeituras. Essa média, porém, esconde várias injustiças da cobrança de impostos no país. A maior delas é que quase metade da arrecadação vem de tributos disfarçados nos preços dos produtos e dos serviços. Muita gente não sabe, mas paga ICMS, PIS, Cofins, IPI e ISS todos os dias, ao fazer compras no mercado, ao tomar um ônibus ou pagar o plano de saúde.

Impostos injustos (2)
A taxação do consumo no Brasil é uma das mais altas do mundo. Só ela leva uns 16% do dinheiro dos contribuintes. Mas o pior é que os mais pobres saem perdendo como o imposto é o mesmo em cada mercadoria, o sacrifício para quem ganha menos acaba sendo maior. Num sistema justo, quem tem mais deve contribuir com uma parcela maior do salário ou do lucro. É o que acontece, por exemplo, no Imposto de Renda. O país poderia arrecadar mais com o IR, porque a alíquota máxima de 27,5% não é grande coisa. Em boa parte dos outros países, incluindo vizinhos, a mordida nos mais ricos vai a 35% ou mais. Não dá para imaginar que os tributos vão baixar, porque o governo está na pindaíba. Mas pelo menos seria possível simplificar as coisas, reduzindo o número de tributos e distribuir melhor a conta entre os contribuintes.

Atraso de imóvel
Os mutuários que compram imóvel na planta pelo programa Minha Casa, Minha Vida serão beneficiados por quatro novas decisões do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Os julgamentos favoráveis envolvem as faixas 1,5, 2 e 3 e dizem respeito a atraso na entrega do imóvel e à correção das parcelas. Um dos entendimentos prevê que, caso a entrega atrase (já com o período legal de tolerância), o comprador tem direito à indenização que pode ser na forma de aluguel mensal a ser pago pela construtora. Outro ponto é a alteração da correção monetária. Hoje, a taxa das prestações e do valor total do imóvel a ser quitado, até a entrega, é o INCC (Índice Nacional de Custo da Construção).

Semana do Brasil
Movimentar a economia, gerar oportunidade e valorizar o País. Este foi o objetivo do Governo Federal com a campanha Semana do Brasil. A Havan, varejista presente em 17 estados com 131 lojas em todo o País, foi uma das lojas participantes, pois acreditou que este foi um momento único de resgatar o verde e amarelo. O crescimento nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado foi de 65%. Só em SC foram 600 empresas que participaram da Semana do Brasil, oferecendo produtos e serviços com descontos.

Prejuízo
Magazine Luiza, Casas Bahia, B2W e Americanas perderam R$ 5 bilhões de valor de mercado em um dia com o anúncio da chegada de Amazor Prime ao Brasil. Comparado ao estrago que a Amazon fez com o valor de mercado das concorrentes nos EUA, isto ainda não é nada.

Têxtil
A Dohler (Joinville) faturou R$ 233,9 milhões no primeiro semestre deste ano. O lucro foi de R$ 573 mil. Entre janeiro e junho do ano passado, a receita totalizou R$ 226 milhões e o lucro somou R$ 16,9 milhões.

Fôlego
Após um período de crise, reforçado pela recessão econômica brasileira, a Ricardo Eletro – rede varejista com quase 500 lojas pertencentes ao grupo Máquina de Vendas, que desde março deste ano recebeu investimento da gestora StaboardAsset, apresentou um aumento de 50% no faturamento no primeiro semestre de 2019 comparado ao mesmo período do ano passado. A empresa que faturou R$ 2 bilhões no ano passado, poderá fechar 2019 em R$ 3 bilhões. A loja em Brusque foi fechada recentemente.

Prêmio internacional
A Al Fero Birrificio, cervejaria de Nova Trento, conquistou a medalha de prata na categoria American Pale Ale, no concurso Copa Cervezas de América 2019, realizado em Valparaiso, no Chile. A competição contou com participantes de toda a América. O bronze ficou com os EUA e o ouro com a Argentina. O concurso avaliou 1.844 cervejas de 459 cervejarias, originárias de 16 países. A Al Fero apresentou no concurso a Mérica 1875, a mais nova cerveja da empresa, lançada neste ano. Segundo a direção da empresa, ela nasceu da ideia de homenagear os imigrantes de língua italiana que vieram para o continente. Esse estilo, abreviado como APA, costuma ser um dos mais acirrados por medalhas, devido ao elevado número de competidores.

Inadimplência recorde
Em Santa Catarina, a inadimplência subiu 3,5% no primeiro semestre de 2019, na comparação com igual período do ano passado, revela pesquisa da Boa Vista e da Federação das Associações Empresariais de SC. A maior inadimplência foi observada em Blumenau: 7% e em Joinville, onde marcou 6,2%. Apenas em Lages houve recuo: 0,7% de queda. É o maior valor obtido para o acumulado dos primeiros semestres de cada ano, segundo a Facisc.

Atrasados do INSS
Os atrasados do INSS, como os de revisão de aposentadoria, ficam disponíveis para saque por dois anos. Depois desse período, lei determina que a grana parada seja devolvida para a União. O aposentado só é avisado quando o dinheiro já voltou ao Tesouro Nacional. Por isso, é importante que os segurados verifiquem se têm algum atrasado parado.

Dificultando as revisões
O governo está tentando dificultar o acesso dos segurados do INSS a revisões dos benefícios. Projeto de lei aprovado pelo Congresso nos últimos dias e a reforma da Previdência são parte desta investida. O primeiro prevê que os segurados só podem entrar com ação contra o INSS na Justiça estadual se não houver vara federal a 70 km de distância. Hoje, o processo é possível quando não há vara federal na cidade. Já na reforma, algumas mudanças também dificultarão as revisões. Uma delas acabará com a conversão do trabalho de risco em tempo especial após as novas regras entrarem em vigor.

Novos mantenedores
Jovens de escola públicas e privadas de SC têm ainda mais oportunidades de aprender sobre empreendedorismo, finanças pessoais e preparação para o trabalho. As empresas Unicred Florianópolis, Mueller Fogões e Eletrodomésticos, Hércules Motores e Thor Condutores Elétricos agora fazem parte do exército de voluntários e mantenedores da Junior Achievement no Estado. Atuando desde 1997 no Estado, a entidade teve até agora o apoio de 15 mil voluntários, beneficiando mais de 620 mil jovens de 300 escolas em 80 cidades catarinenses.

Na UTI
Não é a toa que os consumidores estão abandonando planos de saúde privados. Foram 3 milhões entre 2015 e 2017. Aqui em SC quem parece estar em agonia é a Agemed. Quem ainda atende como credenciado, seja através de consultas ou procedimentos e até cirurgias, recebe a seguinte orientação por parte da atendente: “Você encaminha a solicitação de pagamento antecipada para o plano, assim que for pago, a gente atende”. Pode isso?

Expansão no varejo
Em expansão no varejo, a Marisol acaba de inaugurar nova loja de moda infantil no Brava Mall, shopping de alto padrão de Itajaí. O espaço tem mais de 2 mil itens, a maioria ligados aos personagens Lilica Ripilica e Tigor T. Tigre. Até o final do ano, outros nove pontos de venda serão abertos em todo o país.

Nova revisão na Justiça
O Juizado Especial Federal em São Paulo determinou que o INSS revisasse a aposentadoria de um segurado que foi limitada ao teto em outubro de 2016, mas ficou menor que o valor máximo ao ser reajustada no ano seguinte. A Justiça entendeu que o cálculo inicial demonstrou que o benefício tinha que seguir o teto.

Moda na região
O evento denominado O Negócio da Moda terminou dia 12, semana passada, no Centro de Eventos Maria’s, em Camboriú. No local, grandes nomes do setor debateram sobre o tema em diferentes frentes e promoveram o fechamento de novos negócios. O evento, já em sua 5ª edição, contou com palestras e talks dentro de três nichos: business & marketing, design e comportamento, inovação e sustentabilidade. Foram mais de 60 palestrantes e mais de 20 horas de conteúdo. Segundo Ivan Jasper, que é de Brusque, o evento para todos que gostam de moda, desde estudantes ao design, ao comunicador e ao empreendedor. Debates de assuntos importantes dentro da área, proporcionando uma experiência enriquecedora, focada em aprendizado e conexões.

Inauguração
O presidente da OAB/SC inaugurou a nova sede da subseção de Balneário Piçarras. A nova estrutura, que vai atender a cerca de 300 advogados e à comunidade, com orientações jurídicas, coincide com o aniversário de 10 anos d subseção.

Cadastramento
Quem ganha BPC (Benefício de Prestação Continuada) precisa se cadastrar no CadÚnico para não ter o pagamento suspenso. Mais de 750 mil têm o BPC no Estado e 159 mil não foram cadastrados, segundo a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência. É preciso ir a um Cras (Centro de Referência de Assistência Social) ou postos de cadastramento do CadÚnico e levar o CPF da família. Para aniversariantes em abril o prazo acaba no dia 30.

Precatórios
A Câmara dos Deputados liberou a lista dos precatórios que serão pagos pela União no ano que vem, incluindo os valores para quem tem a receber atrasados do INSS acima de 60 salários mínimos (R$ 59.880). A grana é liberada uma vez por ano.

Segurança
Todos os produtores cadastrados nas Centrais de Abastecimento do Estado (Ceasa) têm que informar, em rótulos, a origem das frutas e hortaliças produzidas em Santa Catarina. O consumidor vai poder saber desde o local de plantio, até os agrotóxicos que foram usados no cultivo. A rotulagem é lei no país desde o ano passado, mas o Estado implantou uma certificação de procedência, o e-origem, que promete ser um diferencial competitivo. O sistema funciona online, e permite que os produtores identifiquem digitalmente os produtos.

Reforma reduz participação
A proposta de reforma tributária apresentada pelos secretários de Fazenda estaduais na Câmara dos Deputados aumenta a participação de estados e municípios na arrecadação nacional de tributos. De acordo com o texto do projeto, a parcela que fica com os municípios subirá de 19% para 21%. Para os estados, de 27% para 30%. Com isso, o governo federal ficará com menos da meta da receita tributária (49%, ante 55%, atualmente). A proposta conta com o apoio dos 27 secretários estaduais. Até o momento, 23 governadores assinaram o texto.

?Atrasados do INSS
Na queda de braço, a Cia. Hering levou a melhor no Tribunal de Justiça de SC. Os desembargadores que avaliaram o caso levaram em conta o pedido de registro no INPI da marca homônima e da figura dos dois peixinhos feito pela companhia em 1952. A Lojas Hering recorreu então ao STJ, mas o tribunal considerou que não havia como questionar a propriedade e negou o recurso.

Pentacampeã
A catarinense Prodapys, de Araranguá, conquistou pela 5ª vez consequtiva o troféu de Melhor Mel do mundo durante o 46º Congresso da Apimondia, realizado em Quebec, no Canadá. A empresa produz mel de qualidade, exportado para vários países, além de cosméticos e suplementos alimentares. Tudo começou com o farmacêutico e bioquímico Célio Silva, em 1977, montando o primeiro apiário.

Negócios
As viagens de negócios cresceram 14,7% no Brasil no primeiro semestre e movimentaram mais de R$ 5 bilhões considerando passagens aéreas e rodoviárias, hospedagens, aluguéis de veículos e toda a infraestrutura de eventos. Os números são da Abracorp e dão a dimensão do upgrade que o Centro de Eventos, um dos maiores do Sul do país, pode representar na economia do Balneário Camboriú. Só falta abrir.

Rodovias
O Tribunal de Contas do Estado vai fiscalizar, em tempo real, rodovias que estão em construção em SC. A seleção será feita por amostragem. Auditores e técnicos examinarão detalhes dos contratos, o uso dos materiais e a qualidade dos projetos. Isto será possível graças ao Laboratório de Obras Rodoviárias, já em funcionamento na Corte. Uma unidade móvel, devidamente equipada, vai circular pelo Estado. A primeira inspeção será na SC-390 na região de Lages. Perguntar não ofende: como fica a Rodovia Brusque/Itajaí (SC-486) paralisada há meses, com mais de 80% concluída? 

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 17/09/2019 às 14h09 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Direito
A expansão descontrolada de cursos de Direito no Brasil mereceu nova posição contra do Conselho Federal da OAB. Participando de reunião em Brasília, o conselheiro catarinense Tulio Cavallazi, defendeu o aprimoramento do Exame de Ordem e maior fiscalização no ensino. Revelou que em 2018 foram criados 322 novos Cursos de Direito no Brasil. O país conta hoje com 1.156 mil advogados.

Clube do bilhão
O Brasil tem pelo menos 650 empresas bilionárias. São companhias, nacionais ou estrangeiras que mantêm subsidiárias no país, cujas vendas líquidas ultrapassaram a barreira de R$ 1 bilhão em 2018, conforme levantamento Maiores e Melhores, publicado pela revista Exame. Este seleto grupo tem quatro representantes do Vale: Bunge (R$ 372 bilhões em vendas líquidas em 2018, 10ª posição), BRF (R$ 24,8 bilhões, 18ª), Havan (R$ 5,62 bilhões, 119ª) e Hering (R$ 1,56 bilhões, 465ª). As duas primeiras não surgiram na região, mas entram na lista por manterem sedes administrativas aqui, Gaspar, no caso da Bunge e Itajaí, em relação à BRF. As duas últimas, estas sim, são legítimas nascidas em Brusque e Blumenau, respectivamente.

Transporte de cargas
A Azul Cargo está inaugurando, no bairro Santa Rita, em Brusque. A empresa é uma representação de um dos braços da Azul Linhas Aéreas e vai ser a primeira no município desde o encerramento das atividades da Varig. A Azul Cargo trabalha com entregas de encomendas express, atendendo pessoas físicas e jurídicas. Com uma representação no município, o atendimento será mais flexível, pois a base da empresa será na cidade, com serviço diário das 8h às 18h. Para embarque da encomenda no mesmo dia, serão aceitos até as 16h.

Ações trabalhistas
Ações trabalhistas podem ser utilizadas pelo segurado do INSS ao pedir a aposentadoria ou ao solicitar a revisão do benefício. Assim, verbas que não foram pagas por um ex-patrão, como férias e horas extras, e posteriormente foram concedidas por decisão da Justiça, entram no cálculo e aumentam a aposentadoria.

FGTS atrasado
Mais de 8 milhões de brasileiros estão com o depósito do FGTS atrasado, segundo a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. Existem cerca de 225 mil patrões devedores do FGTS inscritos na dívida ativa da União, com um débito que gira em torno de R$ 32 bilhões. Com as liberações do Fundo, é importante saber se não é sua grana que está sendo desfalcada. Se a empresa não fizer o depósito, você não terá nada a receber e perderá a oportunidade. A recomendação é sempre acompanhar se o patrão está depositando o FGTS. A empresa deve recolher mensalmente no FGTS o valor de 8% sobre o salário bruto e qualquer outro tipo de remuneração extra.

Investimento chinês
O secretário de Turismo e Lazer de Blumenau fez contatos com investidores, apresentando o pacote de concessões que o município lançou no final de julho. O roteiro incluiu Brusque (Havan) e ao Centro Intercâmbio Comercial Brasil-China. Se em Brusque ouviu que o dono da Havan não tem interesse imediato em participar, de São Paulo trouxe a promessa de uma visita de empresários chineses a Blumenau. Uma comitiva deve vir acompanhar a abertura da Oktoberfest, dia 9 de outubro. Será uma oportunidade para apresentar em detalhes a cidade as alternativas de concessões. Outros empresários já manifestaram interesse nos projetos, segundo o secretário.

Mundo dos tecidos
Há uma linha condutora nas histórias dos empreendedores do design artesanal contemporâneo que passa pelo desejo incontrolável de produzir algo a partir de suas vivências pessoais. Foi assim que surgiu a Stampa, criada por Camila Menezes, depois de mais de 15 anos de uma vida nômade pelo mundo. Ela não estudou moda, mas as temporadas entre a Europa, a Ásia e a Índia lhe apresentaram uma gama de produção têxtil que não passou despercebida. A partir daí, já instalada em Florianópolis, montou a marca que produz peças artesanais e exclusivas com tecidos trazidos e enviados por amigos. Desenvolver uma marca é muito gratificante, comenta.

Moda e arquitetura
Nascida em Florianópolis, a design Gabriela Faraco começou a montar as suas bijus há 20 anos, em casa mesmo. A mãe vendia para as tias e a mesma, na época com 14 anos, vendia para as amigas no colégio. Típica história de adolescente que poderia ter caído no esquecimento, caso o talento já não fosse nato. Hoje Gabi cria quatro coleções ao ano, vende para lojas de todo o Brasil e no exterior, como Miami e Amsterdan e toca uma loja no centro da capital. A intenção é estar presente em mais de 300 pontos de vendas no Brasil em dois anos. Atualmente, se estrutura para abrir franquias.

Ronco e apneia do sono
O ronco é um dos principais sinais de indicação de Apneia do Sono, quando não tratada pode desenvolver problemas de saúde potencialmente graves relacionados à síndrome metabólica, diabetes tipo II, pressão alta, doenças cardiovasculares (como infarto e arritmia cardíaca), AVC (acidente vascular cerebral) e obesidade. A Sonomax está aparelhada para cuidar do seu sono. Marque uma consulta com a fisioterapeuta, na rua Alvin Bauer, 655 sala 01, em Balneário Camboriú. Telefone 99251-7205, fale com Tatiane Kremer.

Cultura da sentença
O Judiciário brasileiro precisa abandonar a “cultura da sentença” para ser uma instância que encontra soluções para conflitos entre pessoas, entre empresas, defende o presidente do STF. Segundo o ministro, ainda prevalece no Brasil a “visão míope de que a Justiça é uma instância para resolver processos”. O foco não deveria ser quem perde e quem ganha, quem está certo e quem está errado, mas a pacificação do conflito da forma que melhor atender aos interesses dos envolvidos.

Conciliação
A obrigação de nossa profissão, segundo o ministro, é o de sermos conciliadores de conflitos humanos. Para cumprir com nossas obrigações tradicionais, devemos fornecer mecanismos que possam produzir resultados aceitáveis no menor tempo possível, com o menor gasto possível e com o menor nível de desgaste possível para os envolvidos. Isso é Justiça.

Negativa
A família herdeira do Beto Carrero desistiu de vender o parque, segundo informações publicadas na última semana pelo jornal O Estado de São Paulo. Nos últimos meses, o complexo de entretenimento de Penha teria sido alvo de propostas que chegaram a R$ 1 bilhão. A direção, por outro lado, sempre negou que a operação estivesse à venda.

Mais em conta
Em agosto, o tomate caiu -24,49%, seguido por passagens aéreas, com corte de -15,66% e pela batata-inglesa, que diminuiu -9,11%. A gasolina ficou -0,45% mais em conta, segundo a inflação oficial do país, medida pelo IBGE. Já a cebola, frutas, etanol e conta de luz ficaram mais caros. O IPCA desacelerou para 0,11% em agosto, abaixo da taxa de 0,19% registrada em julho.

Fim da estabilidade
Em fase de ajustes finais, a reforma administrativa que será apresentada pelo governo deve prever o fim da estabilidade para a maioria dos servidores públicos, uma drástica redução no número de carreiras, salários mais alinhados com o setor privado, rigorosa avaliação de desempenho e travas para as promoções. O pacote será enviado ao Congresso ainda neste semestre. As principais mudanças valerão só para quem se tornar servidor após a aprovação. Os atuais também serão afetados, mas por mudanças pontuais. Será criado um novo formato de contratação por tempo indeterminado sem essa proteção que hoje dificulta as demissões.

Acidente de trabalho
O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu que o empregador tem responsabilidade civil em acidente de trabalho em atividades de risco. Assim, o trabalhador terá direito de receber indenização acidentária e civil.

Chance de se aposentar
Para ampliar as suas chances de conseguir a aposentadoria ou uma revisão, o trabalhador pode incluir no processo uma carta ao INSS detalhando a sua situação. É possível, por exemplo, explicar um processo trabalhista que pode melhorar a média salarial do segurado.

Gestão participativa
Itajaí é a primeira cidade do país a desenvolver uma ferramenta online de gestão participativa. O modelo é inspirado em Madrid, capital da Espanha, e permite que os moradores opinem em tempo real sobre diferentes assuntos que estão em debate na prefeitura. É um novo jeito de exercitar a democracia. O site itajaidecide.com.br estreou perguntando o que o cidadão pensa sobre o transporte coletivo e soluções para a mobilidade urbana. O espaço é aberto para opinar, como um fórum online.

Para garantir aposentadoria
Segurados do INSS têm de fazer a atualização cadastral a cada 12 meses, sob o risco de terem o benefício bloqueado, suspenso ou cortado. Atualmente, 2 milhões não fizeram a prova de vida. Em geral, o segurado faz o recadastramento no banco onde recebe. Recentemente, o INSS definiu casos em que não é preciso ir até a agência bancária.

Proibição de cartazes e placas
A Coordenadoria de Fiscalização e a Coordenadoria de Placas do Instituto Brusquense de Planejamento realizam desde o início do ano campanha com o comércio central para o cumprimento da Lei Complementar 139/2008, referente à proibição de cartazes e placas de publicidade em calçadas, postes e muros. A medida visa garantir o deslocamento sem obstáculos dos pedestres e diminuir a poluição visual. Perguntar não ofende: como ficam as bicicletas sobre as calçadas em plenas ruas do centro de Brusque?

Falência
A Metalúrgica Duque, uma das mais tradicionais indústrias de Joinville, teve a falência decretada na última semana pela Justiça. A medida já era esperada depois que os credores rejeitaram, em abril, o plano de recuperação judicial proposto pela empresa.

Premiação internacional
A Zen, empresa do setor metalmecânico de Brusque, foi indicada como finalista do Global Kaizen Award, um dos maiores prêmios internacionais destinados a reconhecer práticas de melhoria continua aplicadas por meio da filosofia Lean. “Este é um motivo de orgulho para Brusque e toda Santa Catarina, afinal uma empresa catarinense representará o Brasil numa importante premiação mundial. Junto à Zen, por exemplo, concorrem grandes empresas representantes de outros países, como a italiana Ducati Motor e a portuguesa Galp”, comemora a empresa, em nota divulgada recentemente.

Girassol
Todas as manhãs o girassol parte em busca do sol, seguindo a luminosidade insistentemente, porque precisa dela para crescer e florescer. Mesmo quando o sol está escondido entre as nuvens, a flor gira persistente, apesar da dificuldade, em direção à luz. Em alusão a esse comportamento da natureza, o girassol foi escolhido como símbolo da campanha. Na Direção da Vida – Depressão sem Tabu, iniciativa do movimento mundial Setembro Amarelo, que tem o objetivo de abrir o diálogo e alertar a sociedade sobre o tema.

Devedor contumaz
Quem não conhece algum velhaco na vida, aquele que não paga o que deve, mesmo em condições de fazê-lo? Pois a vida destes tipos repugnantes tende a não ficar mais tão fácil. Uma comissão especial do Congresso analisou o projeto do Executivo 1646/19 em sua primeira audiência pública. O projeto quer punir o devedor contumaz, aquele que extrapola os limites da inadimplência e se situa no campo da ilicitude e que tem por principal estratégia de negócio burlar as obrigações tributárias.

Fábrica na China
A WEG inaugurou sua quarta fábrica na China. Voltada para a produção de equipamentos de automação industrial, amplia o portfólio de produtos no país. Situada em Changzhou, província de Jiangsu, onde a WEG possui outras duas unidades de fabricação de motores elétricos e componentes, a nova unidade tem 14.500 m2 de área construída e nesta primeira fase produzirá inversores de frequência de baixa tensão, mini-disjuntores e dispositivos diferenciais-residuais. Ao todo a companhia emprega 2.200 pessoas na China. A WEG é uma das mais importantes multinacionais do Brasil e tem atividades em diferentes continentes.

Escândalo
Estourou como uma bomba política em Balneário Camboriú a notícia sobre a aquisição do helicóptero PR-HGH pela Polícia Militar. O aparelho, comprado da Helisul pela Volare Táxi Aéreo por R$ 680 mil foi adquirido pela PM por R$ 8,3 milhões. Helisul e Volare são do mesmo grupo.

Valor da aposentadoria
Ao se aposentar pelo INSS, o trabalhador que não concordar com o valor do benefício concedido pode contestar o cálculo e até desistir da aposentadoria se achar que é melhor continuar na ativa. O pedido de revisão do valor deve ser feito diretamente ao INSS. Durante a análise da solicitação, o trabalhador não pode sacar o benefício.

Ótima Moderna
A Ótima Moderna está abrindo nova loja em Guabiruba. Atuando há 56 anos no mercado, a empresa tem como carro chefe a confecção e venda de óculos, mas também atua no ramo de joalheira e relojoaria. Atualmente, conta com duas unidades em Brusque e uma em Nova Trento.

Sulfabril
Caberá ao professor Edson Roberto Scharf (Furb) a responsabilidade de fazer uma nova análise sobre o valor da marca Sulfabril. Ele foi nomeado para o trabalho pela juíza Quitéria Tamanini Peres, na mesma decisão da magistrada que determinou um novo pagamento aos ex-funcionários. O prazo para a apresentação do laudo é de 60 dias. Assim que essa perícia for concluída, um novo leilão da marca Sulfabril será marcada. A expectativa é que isso aconteça ainda em 2019.

Difícil retomada
Não bastasse a fraca procura interna por produtos e serviços a economia brasileira encontra, no cenário externo, dificuldade adicional a sua tentativa de retomada. Sem sinais de trégua na guerra comercial entre EUA e China, o crescimento do PIB mundial deve perder fôlego, o que acende a ameaça de crise global nos próximos anos. Além de provocar efeitos no mercado financeiro, com a desvalorização do real frente ao dólar, o quadro tende a abalar exportações de países emergentes, como é o caso do Brasil. Os temores ganham força no momento em que a economia nacional ainda patina. No segundo trimestre, o PIB do país avançou 0,4%, conforme dados do IBGE. Apesar de ter afastado o fantasma da recessão técnica, o resultado reforça a leitura de que a reação caminha a passos lentos.

Sistema de monitoramento
A empresa brusquense Pros & Vigs, que atua no ramo de monitoramento, tem expandido atividades na região. A empresa criou uma central de monitoramento com câmeras que possuem tecnologia de reconhecimento ótico de caracteres que está sendo utilizado pela Prefeitura de Navegantes para vigilância, assim como pelas polícias, na investigação de crimes, já que o sistema permite detectar placas de veículos, sua situação, se alvo de furto ou roubo, assim como identificar pessoas.

Grande Hotel
O novo empreendedor do Grande Hotel é do Grupo Paraíso, que atua no ramo hoteleiro em Rondônia e Ceará, além de atuar no comércio varejista com 10 lojas na região Norte. Em Blumenau, a intensão é instalar um novo hotel. Ainda não sabem quanto vão investir para renovar completamente o prédio, mas arriscam prever que o novo empreendimento pode ser inaugurado em três anos.

Souza Cruz
A Souza Cruz comunicou o encerramento das atividades da unidade de Blumenau. A medida faz parte de uma reestruturação do negócio, viando alcançar maior competitividade na operação. A empresa também anunciou que vai desativar o posto de compra localizado em Sombrio, no Sul do Estado. A compra de tabaco dos produtores na região será redistribuída para o novo posto de Timbó e outras unidades da companhia no Rio Grande do Sul e no Paraná, de acordo com a melhor opção logística para os 8 mil produtores integrados no Estado. O processamento do tabaco será direcionado para as plantas de Rio Negro (PR) e Santa Cruz do Sul (RS), que têm estrutura para suprir a demanda. Além dos 71 funcionários efetivos, a empresa gerava centenas de empregos temporários durante a safra do tabaco, em Blumenau. Foram 745 vagas em 2018 e 760 neste ano. São postos de trabalho, ainda que sazonais, que deixarão de abrir a partir de 2020.

Fugindo da reforma
Com a reforma cada vez mais perto de entrar em vigor, segurados do INSS buscam meios de aumentar o tempo de contribuição para conseguir regras mais brandas. Pagar contribuições atrasadas pode melhorar o cálculo do trabalhador, mas é preciso ficar atento para não perder grana. Algumas dicas são quitar períodos curtos, pagar débitos à vista, analisar a dívida com cautela e até mesmo parcelá-la.

Turismo
O trade turístico do Bombinhas trouxe à cidade representantes de alguns dos maiores players do setor no país para a estreia do projeto Visite Bombinhas. A ideia é colocar a cidade, frequentemente na lista das melhores praias do Brasil, a na linha de frente dos pacotes de viagem.

Desemprego em queda
A taxa de desemprego no país recuou para 11,8% no trimestre finalizado em julho deste ano. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, divulgada pelo IBGE, a taxa é inferior aos 12,5% do trimestre encerrado em abril deste ano e aos 12,3% de julho de 2018. A população desocupada ficou em 12,6 milhões de pessoas no trimestre finalizado em julho, 4,6% abaixo do trimestre encerrado em abril (menos 609 mil pessoas). Estatisticamente estável em relação a igual período de 2018. Já a população ocupada ficou em 93,6 milhões de pessoas e chegou ao maior número da série histórica iniciada em 2012. 

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 10/09/2019 às 14h29 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Aplicações Financeiras
O mês de agosto fechou com as seguintes alterações: CDI (+0,50%) acumulado no ano de (+4,18%); CDB (+0,45%) acumulado/ano (+4,08%); Poupança (+0,34%) acumulado/ano (+2,98%); Ibovespa (-0,67%) acumulado/ano (+15,07%); Dólar (+8,46%) acumulado/ano (+6,90%); Euro (+7,66%) acumulado/ano (+2,70%); Ouro (+17,95%) acumulado/ano (+34,13%); IGP-M (-0,67%) acumulado/ano (+4,09%). Últimos 12 meses, o IGP-M teve variação de (+4,95%) índice que servirá para reajuste dos alugueis em setembro deste ano.

Livro sobre Arbitragem
O desembargador aposentado Joel Figueira Junior será um dos palestrantes no IX Secmasc, que será realizado dias 26 e 27 de setembro em Palhoça (SC), na Unisul. Renomado desembargador catarinense, está iniciando sua atuação como árbitro e lança neste mês de setembro um livro de sua autoria intitulado “Arbitragem, um novo Modelo de Justiça”. As inscrições para o evento podem ser feitas pelo site: www.fecema.org.br/secmasc.

Argentina vive descontrole
O assunto mais recorrente nas ruas, mercados e cafés de Buenos Aires é como o país chegará até 10 de dezembro, quando assume o novo presidente. O atual presidente encontra-se desmoralizado. Apenas as grandes redes, como Carrefour e Coto, respeitam o congelamento de preços. Os produtos que são vendidos a menor preço estão em geral em estantes separadas, num canto dos mercados. Já nos supermercados chineses ou pequenos mercados, onde a maioria da população de classe média faz suas compras, não há controle. Ninguém fiscaliza. O mesmo ocorre em bares e restaurantes sobre os quais não há regras estipuladas de congelamento de preço. Uma refeição para duas pessoas num restaurante de Palermo, sem bebida, não sai por menos de 1.800 pesos. Há poucas semanas atrás, por 1.200 pesos era possível comer bem e tomar uma garrafa de vinho.

Sul reage
O Boletim Regional Porto Alegre, do Banco Central, anima: enquanto o ritmo da atividade econômica no resto do Brasil é quase desolador, os números de SC, Paraná e Rio Grande do Sul são mais animadores. O Índice de Atividade Econômica aponta 3,1% nos últimos 12 meses, quase o dobro da região Centro-Oeste (1,6%).

Dudalina
O número de lojas da marca Dudalina mantidas pela varejista Restoque em todo o país ao final do primeiro semestre deste ano era de 66. São oito a menos do que havia no mesmo período de 2018.

Indicadores
O índice de produção da indústria brasileira subiu 9,6 pontos em julho frente a junho, atingindo a marca de 53 pontos. O indicador está cinco pontos acima da média histórica e é o maior desde outubro do ano passado, segundo dados divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Novo Centro
A catarinense Aurora acaba de inaugurar o Centro de Distribuição e Logística em Arujá, na região de Guarulhos (SP). Investimentos de R$ 130 milhões, com geração de 300 empregos diretos e 600 indiretos. Tem área construída de 23.660 m2 em terreno de 191,5 mil m2.

Exclusividade
Os vários de fabricantes de prosecco em SC, tidos como os melhores do Brasil e até premiados internacionalmente, não sabem ainda o que fazer diante de um impasse. Com a formalização do tratado de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia, será chamada prosecco apenas a bebida fabricada pelos italianos. O tratado prevê a exclusividade de nomes às regiões de origem. Compensatoriamente, será chamada cachaça só a bebida produzida no Brasil. O mais provável é que o prosecco receba uma adaptação e se encaixe como espumante, expressão genérica que também é usada pelos brasileiros para a champanhe.

Aposentados que trabalham
Toda a grana guardada no FGTS é liberada assim que o trabalhador consegue sua aposentadoria e fica mais fácil sacar os novos depósitos para quem continua trabalhando. Em caso de demissão, há garantia da multa de 40% sobre o período trabalhado. Quem pagava parte do plano de saúde da empresa pode manter a cobertura médica.

Inflação do aluguel
O IGP-M (Índice Geral de Preços-Mercado), índice usado para reajustar a maior dos contratos de aluguel no país, caiu 0,67% em agosto e fechou os últimos 12 meses cotado a 4,95%. O percentual é inferior a julho, quando a taxa foi de 0,40%. No ano, o IGP-M acumula alta de 4,09%. Em agosto de 2018, o índice havia subido 0,70% no mês e acumulava alta de 8,89% em 12 meses. O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, caiu 1,14%.

Novo prazo dos precatórios
O Senado Federal prepara uma moratória no pagamento de precatórios com potencial para prejudicar mais de um milhão de credores no país. Há casos de pessoas que aguardam desde os anos 80. Se aprovada, será a sexta moratória. A última foi há menos de dois anos.

Sem boné
Foi publicada pelo Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJ-SC) uma resolução que define diretrizes de segurança em todas as unidades judiciárias e administrativa do Estado. Entre as novas normas, há a proibição do acesso a fóruns com uso de bonés e gorros. O texto proíbe, a partir de 23 de setembro, o uso de bonés, gorros ou outros itens de uso na região na cabeça. Isso porque, segundo o TJ-SC, estes artigos atrapalham o reconhecimento em sistemas de videomonitoramento.

Outras definições
O texto afirma ainda que “independentemente do cargo, função ou profissão, todas as pessoas que queiram ter acesso às unidades judiciárias e administrativas do poder judiciário deverão se submeter a identificação e cadastramento em meio eletrônico, preferencialmente, ou em livros próprios e à inspeção de segurança pessoal, de objetos, de volumes e de bagagens pelos instrumentos de detecção eletrônica, a fim de identificar itens que coloquem em risco a integridade física ou o patrimônio público”.

Revisões milionárias
O segurado que está aposentado pode ter direito a uma revisão seja porque o INSS errou no cálculo ou porque ele mesmo conseguiu novos documentos. Algumas revisões garantem uma bolada em atrasados, como a do teto para benefícios concedidos entre 1988 e 1991, a do buraco negro, em 1992, ou uma combinação de revisões.

Trégua comercial
Após duas semanas muitos ruins, a Bolsa brasileira teve boa alta na última semana por conta do cenário mais tranquilo no exterior. Por incrível que pareça, Trump (EUA) indicou avanços nas negociações com os chineses, o que trouxe alívio ao mercado, mesmo que as taxas às exportações de ambos os países continuem de pé. Internamente, a economia brasileira finalmente mostrou números positivos. Ainda é cedo para comemorar, mas depois de muito tempo o PIB surpreendeu positivamente. O desemprego também reforçou o otimismo, já o IGP-M pede cautela. A Oi dispara quase 50% em meio a sinalizações de uma possível aquisição pela americana AT&T.

Mais lojas em Joinville
A Havan tem ambicioso plano de expansão para Joinville. A rede de lojas de departamentos, com sede em Brusque, planeja abrir mais três lojas no maior município de SC. Uma delas, na avenida Santa Catarina, região Sul, um projeto antigo, que ainda não se efetivou porque há a necessidade de obter licença ambiental para o empreendimento por parte da prefeitura. As outras duas unidades futuras na cidade serão erguidas nos bairros Costa e Silva e Aventureiro, mas não há data de inauguração prevista. No total, estes investimentos vão somar R$ 100 milhões. Em Santa Catarina, a Havan ainda vai abrir estabelecimentos em Balneário Camboriú, no dia 28 de setembro, e mais uma em Itajaí que será inaugurada em 26 de outubro. Também estão no radar do grupo outras unidades em Florianópolis (Ilha Shopping e Campeche) e mais uma em Palhoça, estas ainda sem data definida para começar.

Vida centenária
Estilo de vida influencia mais que a genética, medicina avança e a chance de ultrapassar a marca dos 100 anos de idade cresce a cada dia. A medicina avança diariamente e até as estatísticas apontam que a chance de chegar lá aumenta a cada década. Mas quem quer passar dos 100 anos precisa se cuidar desde já. Na pior das hipóteses, caso não atinja essa meta que é para poucos, terá uma velhice bem mais saudável. A chance de se tornar centenário vem dos hábitos do dia a dia. Quanto mais cedo puder ter um estilo de vida saudável, maior a possibilidade de chegar com mais reservas funcionais e estar bem. Em resumo, beber muito e acender um cigarro atrás do outro são vícios que não vão prolongar a vida de ninguém, mesmo com boa vontade dos gens.

Cheque especial
Estão em vigor, desde julho, as novas regras para o uso do cheque especial. Os clientes que utilizarem mais de 15% do limite de crédito concedido pelo banco por 30 dias seguidos serão convidados a optarem por outra forma de financiamento menos cara. O cheque especial e o cartão de crédito são as duas modalidades que mais corroem as finanças pessoais.

Turismo
Cidades da região Costa Verde & Mar tiveram “upgrade” na classificação de desempenho no Mapa do Turismo Brasileiro, do Ministério do Turismo. Itapema, que era categoria B, passou para A, que representa os municípios com maior fluxo turístico e número de empregos e estabelecimentos no setor de hospedagem. Já estão nesta categoria, em SC, as cidades de Balneário Camboriú, Bombinhas, Florianópolis e Joinville. Os municípios de Navegantes, Balneário Piçarras também subiram de categoria: passaram de C para B.

Espantoso
Espantosa, pelos volumes anunciados, a Operação Alba Virus, realizada pela Polícia Federal, para desarticular um grupo de traficantes de drogas que enviou ao menos seis toneladas de cocaína para países da Europa por meio dos portos de Navegantes, Santos e Paranaguá. Mobilizou 180 agentes para cumprimento de 18 mandados de prisão temporária e 42 buscas, em várias cidades de país, incluindo Balneário Camboriú, Itajaí, Blumenau, Balneário Piçarras e Ilhota.

Investimentos
Entre 2011 e 2018 os imigrantes residentes no Brasil investiram mais de R$ 1,5 bilhão em negócios no País, conforme o Observatório das Migrações Internacionais (OBMigra) e dados sobre fluxos migratórios do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Apenas no ano passado foram mais de R$ 180 milhões aplicados em diversos setores.

Aposentadoria especial
Quem trabalhou em condições prejudiciais à saúde até 1995 pode incluir o período especial e antecipar a aposentadoria se provar que a atividade era parecida com uma das profissões que estão na lista do INSS. A Turma Nacional de Uniformização (TNU), dos Juizados Especiais Federais, garante o direito para quem comprovar essa similaridade.

Emprego para jovens
O governo federal lançará um modelo de contrato inédito no país para tentar aumentar a chance de emprego de jovens de baixa renda. Na iniciativa, chamada de contrato de impacto social, uma organização privada será responsável por qualificar mil jovens de forma a que eles consigam trabalho e se mantenham nas vagas por pelo menos quatro meses. A entidade só será paga se um avaliador independente comprovar que as metas foram cumpridas. Comum em vários países, o modelo não deslanchou nas duas vezes em que foi tentado no Brasil.

Aposentadoria automática
Desde maio de 2019, o INSS concede aposentadorias e pensões sem o segurado precisar ir até uma agência. O novo sistema exige mais cuidado na hora de verificar o cálculo e de selecionar os documentos a serem enviados pela internet. Além de conferir se há erro ou se aparecem pendências no cadastro de contribuições, é preciso atenção ao agendar o benefício na internet. No agendamento, o segurado tem de responder a algumas perguntas e, após essa etapa, também há a opção de enviar documentos. Se o trabalhador informou que já foi servidor, por exemplo, deve encaminhar a certidão do órgão que trabalhava.

SOS Joinville
A reestruturação do Joinville Esporte Clube foi abordada recentemente numa reunião da Associação Empresarial. Na pauta discutiu-se a grave crise financeira do clube. O evento aconteceu dia 26 de agosto e movimentou todo o potencial empresarial da maior cidade do Estado de SC.

Economia menos ruim (1)
Muita gente comemorou o resultado geral da economia do país, que demonstrou crescimento de 0,4% no segundo trimestre, em comparação com o primeiro. Mas isso é bom mesmo? O número foi de fato melhor do que o 0,2% esperado, mas essa diferença pequena depois da vírgula tem muito pouco efeito na vida real. Boa parte do alívio aconteceu porque não veio um valor negativo, que mostraria a renda do país encolhendo mais uma vez. De janeiro a março ocorreu queda de 0,1%. Já havia quem tivesse medo de uma recaída na recessão, que acontece quando toda a economia piora por um período prolongado. Esse risco parece afastado, pelo menos por ora. Os dados do IBGE apontaram até uma boa melhora nos investimentos (os gastos com obras e compra de equipamentos), que aumentaram 3,2%.

Economia menos ruim (2)
Mas, olhando para o quadro geral, não há muito a celebrar. O Brasil continua crescendo num ritmo em torno de 1% ao ano, o que é uma mixaria, ainda mais, depois da crise de 2014/2016, quando houve um empobrecimento. Antes da recessão, desempenho a ser comemorado era de 4% ao ano para cima. Hoje existe torcida para que o número chegue aos 2% em 2020. Mas nem assim conseguiremos retornar o nível de renda de 2013. É muito tempo perdido. Com o governo sem grana, o impulso precisa vir do setor privado. Por isso é importante liberar para empresas a exploração de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos, por exemplo. Os juros também precisam baixar mais. O governo pode até comemorar o 0,4%, mas não deveria se conformar com tão pouco.

Agora é regra
Segundo o governo federal, o presidente ao assinar a MP 891/2019, transformou a antecipação dos pagamentos em regra. Anteriormente, a gratificação em agosto era determinada com assinatura de decreto presidencial a cada ano. Com a medida, a partir de agora, haverá previsibilidade para que, no futuro, os aposentados e pensionistas do INSS possam se programar, uma vez que terão uma garantia real de que receberão esse adiantamento no mês de agosto.

Cebola
A Epagri recebeu na última semana cerca de R$ 430 mil em royalties sobre a comercialização de duas variedades de cebola desenvolvidas pela empresa em Ituporanga (SC). Os recursos serão usados para custear novas pesquisas. Santa Catarina é o maior produtor brasileiro do bulbo, em torno de 500 mil toneladas a cada colheita. A cultura movimenta cerca de R$ 370 milhões por ano em SC.

Arrecadação em alta
A arrecadação das receitas federais somou R$ 137,7 bilhões em julho de 2019, segundo a Secretaria da Receita Federal do Ministério da Economia. O crescimento real (descontada a inflação) comparado ao mesmo mês de 2018, chegou a 2,95%. É o maior resultado para o mês desde julho de 2011 (R$ 141,8 bilhões). O resultado do mês foi influenciado por eventos atípicos. O principal motivo foi aumento da arrecadação de receitas extraordinárias de aproximadamente R$ 3,2 bilhões com Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido. Isso aconteceu devido a reorganizações societárias, em que há incidência dos tributos sobre o ganho de capital com a nova organização societária das empresas. Também houve influência do crescimento da arrecadação de depósitos judiciais.

Koch em Brusque
Com 23 lojas em SC, a rede de supermercados Koch pretende inaugurar uma filial em Brusque no primeiro semestre de 2020. A loja ficará localizada nas proximidades da ponte do Trabalhador, no bairro Santa Rita, em um terreno de 17 mil m2.

Veículos
O superintendente do Porto de Itajaí e o diretor superintendente da APM Terminais apresentaram o potencial do terminal à Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), em Moema (SP). A ideia é captar novas operações de importação de carros para o terminal, que já atende à GM.

No ranking
Em 2018 a Clamed (marcas Drogaria Catarinense e Preço Popular, entre outras) ultrapassou a marca de 500 lojas em mais de 150 cidades das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste, com faturamento de R$ 2,19 bilhões. A perspectiva para 2019 é consolidar a presença das marcas nos locais onde já está presente com a abertura de 70 novas lojas. A meta é faturar R$ 2,4 bilhões este ano. O grupo figura na posição 306 no ranking das maiores e melhores empresas da revista Exame.

Mais tempo
A Caixa prorrogou até o fim do ano o prazo para empresas e pessoas físicas renegociarem suas dívidas com o banco.

No ar
O turismo catarinense pode festejar. A companhia aérea chilena JetSmart, pediu autorização à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para iniciar operações no Brasil. Se junta à companhia de baixa tarifa e custo Sky Airline, que já tem ligações de Santiago para Rio, São Paulo e Florianópolis. A capital catarinense também nas intenções das argentinas Flybondi e Avian.

Conforto
Lava um pouco a alma saber que a Advocacia-Geral da União está cobrando R$ 3,6 bilhões em 1.116 ações ajuizadas contra autores de irregularidades nos primeiros sete meses deste ano. Na lista estão ações de improbidade, execução de condenações impostas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e outros pedidos de ressarcimento ao erário e cobranças por ilícitos cometidos por ex-agentes públicos ou particulares.

Aumento populacional
Santa Catarina ganhou 89,2 mil habitantes no último ano. O dado da Pesquisa de Estimativa Populacional do IBGE aponta um crescimento de 1,3% na população do Estado, puxado especialmente por cidades do litoral e do Norte. Conforme o IBGE, 186 cidades catarinenses (63%) tiveram aumento na população, enquanto 101 (34%) perderam habitantes e oito (3%) mantiveram estabilidade populacional de 2018 para 2019. O destaque está com Araquari, que aumentou 3,9% em um ano, tendo a maior taxa de crescimento do Estado e a 23ª do Brasil. Entre as 10 maiores cidades, somente Lages perdeu habitantes. Brusque cresceu 2,23%, Guabiruba 2,4% e São João Batista 3,25% foram os destaques na região.

Mercado americano
Indústrias catarinenses tiveram a oportunidade de conhecer a SelectUSA, programa do governo norte-americano que incentiva a internacionalização dos negócios, em um encontro que aconteceu na última semana na Federação das Indústrias (Fiesc). Especialistas debateram as tendências para internacionalização.

Trabalho perigoso
Os trabalhadores de áreas insalubres terão regras mais duras na reforma da Previdência. Eles deixarão de ter o benefício integral, passarão a ter idade mínima e ainda ficarão sem a conversão do período especial em comum. Entre os afetados estão metalúrgicos, químicos, eletricitários, funcionários da saúde e de segurança patrimonial.

Fruki em SC
Três anos depois de atravessar pela primeira vez a fronteira e desembarcar com seus produtos em Santa Catarina, a Fruki, quase centenária indústria gaúcha de bebidas, vai reforçar sua presença no Estado com a abertura do Centro de Distribuição próprio. A estrutura funcionará em um galpão no bairro Itoupava Central, em Blumenau, que será o primeiro da Fruki fora do Rio Grande do Sul e vai empregar 40 pessoas.

OAB em Brusque
O presidente da seccional de Santa Catarina, Rafael Horn, esteve em Brusque na última semana, para mais uma edição dos projetos “Papo de Colega” e “Conversa com a Advocacia”. A proposta dos dois programas é estreitar os laços entre a seccional e os advogados do estado, ouvindo os profissionais mais jovens e os mais experientes sobre as necessidades e o mercado de trabalho.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 03/09/2019 às 13h24 | acdiegoli@gmail.com



1 2 3 4 5 6

Augusto Cesar Diegoli

Assina a coluna Economia & Negócios

Contabilista aposentado, graduado em Direito pela Univali (ex-Fepevi), pós graduado em Direito tributário e Finanças Empresariais pela Furb, árbitro/mediador e diretor da Câmara de Mediação e Arbitragrem de Brusque e diretor da Facema - Federação Catarinense das Entidades de Mediação e Arbitragem.














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
Economia & Negócios
Por Augusto Cesar Diegoli

Economia na Semana

Supremo garante correção
O Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou dia 3 que, em processos judiciais contra órgãos públicos no período entre 2009 e 2015, os valores atrasados têm de ser corrigidos pelo IPCA-E (Índice de Preços ao Consumidor Amplo Especial). A decisão beneficia segurados que têm valores do INSS a receber. O governo deve gastar R$ 40 bilhões a mais.

Mais grana para dívidas
A pesquisa do IBGE divulgada na última semana concluiu que as despesas médias das famílias brasileiras é de R$ 4.650. Deste total, 92% são destinados com moradia, transporte, educação e consumo, percentual praticamente estável em relação à pesquisa anterior. A parcela que vai para pagar dívidas cresceu de 21% para 32%, puxada pela quitação de empréstimos. A fatia de outras despesas, como pagamento de impostos e contribuições trabalhistas, por exemplo, ocupa 12% do orçamento. Houve grande alta das tarifas bancárias.

STF piora
O vergonhoso voto de ministros do STF, anulando sentenças da Lava Jato, teve um voto primoroso: mais uma vez do ministro Luiz Roberto Barroso. Textual: “A sociedade mudou, a economia mudou e as instituições estão mudando. Só a Justiça parece que não quer mudar”. A Nação que exige moralidade pública e apoia a Lava Jato aplaude de pé o ministro Barroso.

Loterias
A Caixa Econômica Federal lançou o aplicativo Loterias Caixa, uma plataforma de venda de apostas, via celular. Maiores de 18 anos de idade podem fazer apostas em nove tipos de loterias: megasena, lotofácil, quina, lotomania, timemania, dupla sena, loteca, lotogol e dia da sorte. O valor mínimo é de R$ 30 e o máximo de R$ 500 por dia. O aplicativo está disponível para usuários da plataforma IOS.

Briga em casa
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) ignorou recurso das Lojas Hering e dessa forma ficou mantida decisão do TJ-SC que reconheceu a Cia. Hering como real detentora do direito sobre a milionária marca Hering e sobre o sinal figurativo caracterizado por dois peixinhos, além de fixar indenização pelo uso indevido das marcas. A disputa pela famosa marca vinha desde 1999.

Tocando e trocando cervejas
Uma dúzia para os músicos! O baile ia longe, noite a dentro. O salão estava repleto. A música era boa: era o Jazz Band América que tocava (composta de cinco Krieger e cinco Diegoli), todos parentes entre si. O baile estava animado. As pessoas dançavam a valer. Alguém então gritava lá no meio do salão: “uma dúzia para os músicos”. E, em seguida, se via o garçom saindo do bar do clube, ajudado às vezes. Levava para o Jazz uma dúzia de cervejas, que eram colocadas atrás do conjunto. A música não parava. Eles tocavam e bebiam e as oferendas continuavam: “mais meia dúzia para os músicos ... mais uma dúzia ...” até que chegava a um ponto em que o palco ficava cheio de cervejas. Lá vinha o garçom, mãos vazias. Estranho? Não! Ele agora, vinha comprar cervejas dos músicos, porque o estoque no bar tinha acabado: estava todo em cima do palco! Estamos falando da década de 30.

Indicadores
O faturamento e as horas trabalhadas na indústria nacional aumentaram 0,6% em agosto na comparação com julho. Mas a massa salarial caiu 0,7% e o rendimento médio recuou 0,4%. Os números são da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Mais profissionais
Santa Catarina terá de qualificar 785 mil trabalhadores em ocupações industriais nos níveis superior, técnico, qualificação e aperfeiçoamento entre 2019 e 2023. Os dados são do Mapa do Trabalho Industrial, elaborado pelo Senai para subsidiar a oferta de cursos da instituição. A demanda prevista pelo estado inclui, em sua maioria, o aperfeiçoamento (formação continuada) de trabalhadores que já estão empregados. Em parcela menor (30%) estão aqueles que precisam de capacitação para ingressar no mercado de trabalho (formação inicial).

Kohler Tinturaria
A Kohler & Cia. Tinturaria e Estamparia está comemorando 70 anos de história. Fundada pelos irmãos Paulo, Érico e Alois Kohler, a empresa cresceu ao longo dos anos, fortaleceu os ideais de sustentabilidade e trouxe inovações para a produção. A empresa é uma prestadora de serviços que atua em todo o Brasil, de forma mais concentrada em SC e SP. Com duas unidades, uma no centro de Guabiruba e outra no bairro Pomerânia, tem cerca de 30 mil m² de parque fabril. A capacidade de produção é de 64 toneladas por dia e conta com quase 500 colaboradores.

Maiores demandas
As áreas que mais vão demandar a capacitação de profissionais com formação técnica em SC são os transversais, metalmecânica, informática, energia, telecomunicações e eletrônica. Profissionais com qualificação transversal trabalham em qualquer segmento, como técnicos em eletrotécnica e técnicos de controle da produção. As demandas mais significativas para quem tem formação superior estão nas áreas de gestão, informática, construção e metalmecânica.

Balança comercial
A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 2,24 bilhões em setembro, segundo o Ministério da Economia, no pior resultado para o mês desde 2014, quando houve déficit de US$ 946,4 milhões. Fortemente afetado pelo recuo nas exportações, o dado também veio abaixo da expectativa de um saldo positivo de US$ 3,2 bilhões. Em setembro, as vendas de produtos brasileiros ao exterior caíram 11,6% ante igual mês de 2018. Houve queda de 32% nas exportações de produtos semimanufaturados e de 14% na de básicos, com destaque, neste último grupo, para a redução de 38% nas vendas de petróleo bruto. Os produtos manufaturados subiram 4,4% em relação a igual mês de 2018.

Só o começo
A população de SC teve um fim de semana diferente, próprio para merecidas celebrações, pelo início do programa de inauguração do novo aeroporto internacional Hercílio Luz, em Florianópolis. A obra fala por si, em termos de beleza, amplos espaços, modernidade, conforto aos usuários e um leque de serviços qualificados, alguns inéditos no Estado. O novo terminal vai oferecer o que já de melhor o Brasil oferece aos que viajam. Mas o produto está fora do aeroporto. A partir de agora, por exemplo, incentivar o conhecimento da língua inglesa de seus funcionários que atendem os turistas. Espanhol, então, é obrigação de todos. A consciência de que o turismo e não o turista deve ser explorado é fundamental nesta nova fase.

Zurich mundial
A Zurich Airport, que opera o novo aeroporto Hercílio Luz, tem uma expressiva presença na América Latina. Tem também 100% dos aeroportos de Iquique e Antofogasta (Chile), 12,5% do aeroporto de Belo Horizonte e 10% do aeroporto de Curaçao, além de atuar no aeroporto de Bogotá. Sua presença mais premiada é a do aeroporto de Zurich, que movimenta 30 milhões de passageiros por ano, em três pistas de pouso e decolagem.

Mais empregos
Além do número expressivo de novos empregos gerados em Brusque no mês de agosto, os municípios da região também tiveram saldo positivo: Guabiruba (+19), Botuverá (+4), São João Batista (+166) foram alguns dos resultados.

Biergartenplatz
Foi aberto oficialmente no último sábado em Guabiruba, o 1º Biergartenplat. A festa alemã já demonstrou sucesso e veio para ficar. É um verdadeiro “esquenta” para as festas de outubro na região. A presidente da Associação Visite Guabiruba (AVIGUA), Rosemari Glatz idealizadora do evento, estava eufórica com o grande público. Assim começou as grandes festas em Santa Catarina.

Investimentos da BMW
A fábrica da BMW Group em Araquari completou cinco anos em 30 de setembro. Já foram produzidos mais de 55 mil carros. A unidade ocupa 1,5 milhão de m², dos quais 500 mil m² são pavimentados. O investimento feito entre 2014 e 2018 soma R$ 1 bilhão e mais R$ 130 milhões adicionais foram aplicados nos últimos 12 meses para os novos BMW série 3, X3 e X4. Outros números que impressionam são os 98 mil m² de compensação ambiental, a redução de 39% no consumo de água e 26% de energia. Além de investimentos contínuos em novas tecnologias, tudo parte do Strategy number one, que visa tornar a BMW uma empresa não só criadora de veículos do futuro, mas de mobilidade. A empresa investe também em projetos sociais e ambientais.

Investimento em Garuva
A SuperFrio inaugurou sua 14ª unidade frigorificada em Garuva. O investimento é de R$ 120 milhões feito pelo fundo Pátria Investimentos, que é parceiro da empresa desde 2014. O fundo administra recursos de R$ 54 bilhões. A nova unidade da SuperFrio é a primeira em SC. A companhia já atua em São Paulo e no Paraná. O empreendimento no Norte catarinense vai atender demandas de grandes grupos do setor de alimentos, como Seara, BRF e Marfrig, que exportam ou importam pelo porto de Itapoá. O grupo é o único operador logístico frigorificado do Brasil a adotar o sistema WMS, da JDA, referência global em tecnologia de armazéns. Em Garuva, a unidade tem câmaras frias para armazenar 15 mil pallets, pátio para 500 contêineres e tem 200 tomadas.

Economia do Vale
A economia do Vale do Itajaí se saiu pior no primeiro semestre deste ano na comparação com o mesmo período de 2018. Elaborado pela Facisc, o mais novo boletim do Índice de Perfomance Econômica das Regiões (Iper-SC), mostra retração de 0,2% na região entre janeiro e junho. O indicador estadual ficou positivo, com leve avanço de 0,6%. O Iper engloba 13 subregiões catarinenses e considera variáveis como geração de emprego nos setores da economia (indústria, comércio, serviços e agronegócio), exportações e importações, operações de crédito, financiamentos imobiliários, depósitos, consumo de energia elétrica e frota de veículos. Trata-se de uma metodologia própria a pedido dos empresários que querem atualizações mais frequentes sobre a economia local, já que o IBGE divulga dados oficiais do PIB com dois anos de defasagem.

Regra 86/96
A reforma da Previdência, em fase final de aprovação no Congresso, vaia acabar com a regra 86/96. Hoje, ela garante o benefício integral com a soma da idade e o tempo de contribuição do segurado. Quando a reforma começar a valer, só terá direito a esta regra quem estiver cumprido as exigências até a véspera.

Odebrecht
A Caixa pediu a liquidação do conglomerado de construção Odebrecht, de acordo com um documento judicial visto pela Reuters. A Caixa também quer que o juiz permite aos credores nomear novos administradores para o conglomerado e suas subsidiárias em uma assembleia. A Odebrecht, que pediu recuperação em junho, apresentou um plano de reestruturação que foi contestado por credores.

Duplicação da Antônio Heil
A Associação Empresarial de Brusque (Acibr) teve papel fundamental para que a duplicação da rodovia Antônio Heil (SC-486), que liga o município a Itajaí, saísse do papel. Desde a sua fundação, a entidade atuou com afinco para melhorias na malha viária regional, o que beneficia o empresariado para escoamento da produção e, em última instância, a sociedade em geral. A Acibr atuou fortemente para pleitear a duplicação desta rodovia. O caminho sempre foi difícil devido a burocracia governamental e a morosidade do poder público.

Obras paradas
Em Santa Catarina há 120 obras paralisadas ou com o andamento comprometido que resultam em um total contratado de R$ 6,9 bilhões e afetam 66 cidades, mostra levantamentos realizados pela Fiesc e TCE-SC. Audiência pública está debatendo o tema. As obras rodoviárias respondem por R$ 4 bilhões das obras contratadas.

Proteção de Dados
Que atire a primeira pedra quem nunca teve a sensação de ter a vida vigiada ou exposta na internet. Com acessos cada vez mais simplificados e interações que vão de redes sociais a aplicativos bancários, a preocupação com a proteção de nossas informações pessoais é uma realidade e um tema necessário a ser debatido. Foi neste cenário que a Lei Geral de Proteção de Dados nasceu. Prevista para entrar em vigor em fevereiro de 2020, destaca, entre outras questões, que empresas só poderão coletar ou compartilhar dados de seus clientes se estes permitirem. Vazamentos de informações estarão sujeitos a penalidades severas, como multas que podem chegar a R$ 50 milhões.

Reforma da Previdência
Aprovada no Senado em primeiro turno na última semana, as novas regras para quem se aposenta pelo INSS estão entre as maiores mudanças da história da Previdência no país. A reforma muda não só as regras de acesso ao benefício, mas também o cálculo e endurece as condições mínimas que garantem diversos direitos previdenciários.

Informalidade no emprego
O mercado de trabalho apresentou aumento dos postos de trabalho para 93,6 milhões e redução da taxa de desemprego, para 11,8%, no trimestre encerrado em agosto deste ano. No entanto, essa melhora dos indicadores tem sido puxada pelo aumento da informalidade no país. De acordo com o IBGE, os trabalhadores na informalidade atingiram o recorde de 41,4% do total da população ocupada no país. Esse é o maior nível desde que o indicador passou a ser medido em 2016. Dos 684 mil novos postos de trabalho criados no trimestre terminado em agosto deste ano, 87% foram postos informais, ou seja, trabalhos sem carteira assinada, trabalhadores por conta própria e aqueles sem remuneração. Segundo os dados do IBGE, os trabalhadores sem carteira assinada totalizaram 11,8 milhões de pessoas em agosto.

Vazamento
A Polícia Federal e o Ministério Público Federal investigam se a cúpula do banco BTG Pactual obteve informações das reuniões do Copom – Comitê de Política Monetária do Banco Central, órgão que define a taxa básica de juros da economia do país. Segundo os investigadores, a operação conjunta investiga vazamentos de resultados de reunião do Copom ocorridos nos anos de 2010, 2011 e 2012, inseridos em contexto de obtenção de vantagens ilícitas mútuas entre banqueiro e agentes públicos do alto escalão do governo federal da época.

Outubro de festas
O mês de outubro no Vale do Itajaí pode ser analisado de várias formas: período para celebrar a tradição, incentivo para a economia local, oportunidade para provar da gastronomia típica ou estímulo à cultura cervejeira. Com diferentes motivações, moradores da região e milhares de turistas de outros estados percorrem Blumenau, Brusque, Timbó, Itajaí e Porto Belo para visitas as populares festas de outubro.

Turnê pela Alemanha
A orquestra do Colégio Cônsul fará uma turnê pela Alemanha em 2020. Formada por 35 alunos entre 9 e 18 anos, a orquestra está em atividade ininterrupta desde 2008 e se apresentará pela primeira vez na Europa. O grupo passará pelas cidades co-irmãs de Brusque e Guabiruba: Bruchsal, Karlsdorf e Karlsruhe, além de Stuttagart, Munique e Augsburg. A viagem está marcada para o mês de setembro.

Radiação
O Tribunal Superior do Trabalho, a partir de uma demanda de SC, posicionou-se contrário ao pagamento de adicional de periculosidade a empregados de hospitais que atuam em áreas com aparelhos móveis de Raio X. No julgamento considerou-se o que se discutiu em audiência pública sobre o assunto, no ano passado, com a presença de físicos, especialistas em medicina, juristas e representantes da administração pública.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 08/10/2019 às 11h24 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Geração de empregos (1)
Pelo quinto mês seguido, o Brasil teve saldo positivo no emprego formal. Em agosto, a expansão foi de 121.387 vagas, decorrente de 1.382.407 admissões contra 1.261.020 desligamentos. O resultado de agosto é equivalente à variação de 0,31% ao estoque anterior. Foi o melhor agosto no Caged desde 2013. No período, seis setores econômicos tiveram saldo positivo e outros dois, negativos. Tiveram saldo positivo: serviços (+61.730), comércio (+23.626), indústria (+19.517), construção civil (+17.306), administração pública (+1.391) e extração mineral (+1.235). Apresentaram saldo negativo: agropecuária (-3.341) e serviços de utilidade pública (-77).

Geração de empregos (2)
Santa Catarina gerou 6.529 novos empregos em agosto, com destaques para os setores de serviços (+3.089), indústria (+1.533) e construção civil (+961). No acumulado do ano, o Estado tem saldo positivo de 60.322 empregos gerados, com destaques para a indústria (+31.425), serviços (+20.583) e construção civil (+7.963). Cidades que mais geraram empregos ao longo de agosto: Florianópolis (+1.060), Tubarão (+375) e Navegantes (+359). Já as cidades que mais demitiram, e por isso registram os piores desempenhos na manutenção de vagas formais estão Araranguá (-216), Caçador (-96) e Videira (-76). No acumulado do ano temos os seguintes números por cidade: Joinville (+7.173), Chapecó (+4.199), São José (+3.801), Blumenau (+3.312) e Brusque (+3.006). Os piores desempenhos no ano estão com Balneário Camboriú (-1.049) e Florianópolis (-909).

Geração de empregos (3)
Brusque teve saldo positivo de 219 empregos gerados em agosto, com destaques para a indústria (+142), serviços (+96), administração pública (+22) e a construção civil (+14). O setor de comércio teve saldo negativo (-52). No acumulado do ano, Brusque se destaca em SC, com um saldo de 3.006 novos empregos gerados, destaques para a indústria (+1.256), administração pública (+1.057), serviços (+364), comércio (+283) e a construção civil com (+33).

Fraudes no INSS
A Polícia Federal iniciou a Operação Cronocinese, que investiga a participação de advogados, contadores e servidores do INSS em fraudes contra a Previdência. Em São Paulo, as fraudes possibilitaram a concessão de aposentadorias a quem informou vínculos de trabalho inexistentes por meio de guias de recolhimento de empresas inativas. Foram investigadas centenas de benefícios, sendo que todos os requerimentos de aposentadorias com indícios de fraudes eram concentrados em seis servidores do INSS. As investigações indicam que eles aprovavam os pedidos sem conferir se obedeciam a requisitos previstos na legislação, como período de carência e análise de documentos. A estimativa de economia com a desarticulação do esquema pode chegar a R$ 347 milhões.

Variação do IGP-M
O IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) variou -0,01% em setembro, percentual superior ao apurado em agosto, quando a taxa foi de -0,67%. Com este resultado, o IGP-M acumula alta de 4,09% no ano e de 3,37% nos últimos 12 meses. Esse é o índice usado para reajustar os contratos de aluguel com vencimento em outubro. Em setembro de 2018, o índice havia subido 1,52% no mês e acumulado alta de 10,04% em 12 meses.

Nova troca na Justiça
A Justiça Federal autorizou uma bancária de 69 anos a trocar a aposentadoria por tempo de contribuição por uma por idade, na chamada reaposentação. O benefício vai subir de R$ 1.989 para R$ 4.330. A primeira aposentadoria foi concedida em 1992. A segurada continuou trabalhando e atingiu a idade mínima. O INSS pode recorrer.

Imprimindo crescimento
Fabricante de papéis sanitários, com destaque para guardanapos, papel higiênico e papel toalha, a Ipel, em Indaial, vai concluir até o final do primeiro trimestre do ano que vem um ciclo de investimentos que começou ainda em 2017. Nesse período, a empresa desembolsou R$ 80 milhões, em boa parte para modernizar a produção. Uma das aquisições mais recentes é uma máquina que começou a rodar no início de setembro, capaz de produzir até 22 mil toneladas ao ano, ampliando a capacidade total para cerca de 60 mil. O parque fabril da Ipel tem 60 mil m². A área física vai ganhar 12 mil m² adicionais. A empresa iniciou o ano com 540 funcionários, número que beira os 600. Desde 2015, a Ipel dobrou a produção e o faturamento.

Bradesco
O Bradesco é o segundo maior banco privado do Brasil, atrás apenas do Itaú-Unibanco. Controlado pela Cia. Cidade de Deus e Fundação Bradesco, o banco tem mais de 71 milhões de clientes, aproximadamente 4,6 mil agências e cerca de 99 mil funcionários. O banco consolidou-se por meio de incorporações de várias instituições financeiras, ao longo de sua trajetória. Somente entre 2000 e 2007, foram quase 20 incorporações. Em 2016, a maior delas: aquisição das operações do HSBC Bank no Brasil, por R$ 16 bilhões. Com a operação, os ativos do Bradesco chegaram a R$ 1,27 trilhão. Outra aquisição ocorreu somente três anos depois, quando o Bradesco anunciou a compra do norte-americano BAC Florida, aproximadamente por R$ 2 bilhões.

Cancelamento de benefícios
Desde janeiro deste ano, o INSS já cancelou ou suspendeu 254 mil benefícios com indícios de fraude ou irregularidades. Com os cortes, o INSS calcula uma economia de R$ 4,37 bilhões. A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de S.Paulo e confirmada pelo INSS. Os números representam 24% dos benefícios analisados no pente-fino das irregularidades. Os dados não incluem os benefícios por incapacidade, que ainda vão passar por perícia e só devem sofrer cortes em 2020. Entre as irregularidades mais comuns estão saques de benefícios de segurados falecidos e servidores públicos estaduais e municipais que recebiam o BPC (Benefício de Prestação Continuada), pagos a idosos e pessoas com deficiência com renda familiar de até um quarto do salário mínimo por pessoa (hoje R$ 249,50). Até o momento, 4,7 mil funcionários públicos praticaram este tipo de fraude. A expectativa do instituto é analisar até 3 milhões de benefícios com indícios de irregularidades até o ano que vem.

Uso da Arbitragem
A empresa Alô Equipe, com sede em Palhoça, locadora de equipamentos para todos os tipos de construções, tem usado a cláusula de arbitragem em todos os contratos de locação. Atualmente, entre 600 a 800 contratos mensais, todos com cláusula, são feitos pela empresa junto a clientes na Grande Florianópolis. Trabalha com mais de 100 marcas de equipamentos. Depois que começou a usar a cláusula nos contratos, os problemas de inadimplência diminuíram significativamente. Esta informação foi prestada pelos proprietários durante a realização do 9º Secmasc, em Palhoça (Seminário de Conciliação, Mediação e Arbitragem de SC), no último final de semana.

Justiça tira prêmio
A Justiça decidiu que um ganhador da quina da Mega-Sena não terá o direito de receber o prêmio de R$ 16,3 mil porque demorou para apresentar o bilhete. O período para o apostador requerer a premiação é de até 90 dias após o sorteio, segundo a TNU (Turma Nacional de Uniformização) dos Juizados Especiais Federais. O apostador acionou a Justiça alegando que fez a aposta no dia 21 de novembro de 2014, mas que o bilhete havia sido extraviado. Quando o papel foi encontrado, em 5 de março de 2015, o ganhador verificou que havia acertado cinco números o sorteio (quina) e tentou receber o prêmio, mesmo depois do prazo estabelecido pela legislação.

Porto para cruzeiros
O Ministério da Infraestrutura concedeu, oficialmente, autorização para a instalação do porto de transatlânticos BC Port em Balneário Camboriú. O secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários, assinou em Brasília, o contrato de concessão que é válido por 25 anos, com possibilidade de prorrogação por igual período. O governo federal autorizou a PDBS, empresa dona do projeto do BC Port, explorar uma parte do Molhe da Barra Sul e da lâmina d’água a partir da estrutura. No contrato, o projeto prevê investimento de R$ 312 milhões e movimentação de 300 mil passageiros ao ano. A empresa terá participação de investidores para tirar o porto do papel. O modelo do porto de transatlânticos de Balneário deve ser replicado em outras cidades no país. O Ministério da Infraestrutura anunciou que a concessão é um alinhamento ao Ministério do Turismo, o que indica atuação conjunta.

Patagônia
Por ser um porto de transatlânticos, o BC Port prevê embarque e desembarque de passageiros, com estrutura alfandegária pera Polícia Federal e Receita Federal. A expectativa é que atenda às exigências das companhias de cruzeiros de operar a “rota do fim do mundo”, levando os turistas do Brasil à Patagônia, um roteiro cobiçado especialmente por turistas internacionais.

Itapema
A prefeita de Itapema apresentou ao mercado, durante o São Paulo Boat Show, o projeto do píer turístico que será construído na Foz do Rio Perequê. Anunciou que o projeto inclui uma pequena marina pública com 40 vagas, para embarcações de até 60 pés. Investidores de São Paulo, Rio de Janeiro e Mato Grosso procuraram mais informações. O projeto foi avaliado em R$ 19 milhões, com espaço para restaurantes e lojas. A marina que será construída no local será de curta permanência e deve servir como porta de entrada para os turistas que chegam embarcados à cidade. Depois do píer turístico, a prefeitura pretende lançar uma outra proposta de parceria público-privada para infraestrutura turística. Será uma marina de grande porte, no Canto da Praia, com previsão de 400 vagas para embarcações. O modelo de concessão será semelhante ao da Marina Itajaí.

Pontualiti
Assistência técnica especializada em relógios de ponto, softwares e suprimentos. Um software de ponto atualizado e corretamente configurado evita gastos com causas trabalhistas. A Pontualiti auxilia sua empresa na gestão do ponto com assistência técnica via whatsapp (9-8819-3343), assistência técnica presencial e acesso remoto. Mais informações: 3091-0362. A Pontualiti está localizada na rua Poço-Fundo, 675 em Brusque.

Fluxo de caixa
Aconteceu na última semana (24), no auditório da Prefeitura de Guabiruba, o curso Como Controlar o Fluxo de Caixa, oferecido pela Profomento, Sebrae (através da Sala do Empreendedor) e Sebrae Empreendedor Individual. O evento, aberto e gratuito, teve como público-alvo, os microempreendedores individuais (MEIs) do município. Além do controle de caixa, os participantes puderam esclarecer algumas dúvidas a respeito da gestão de uma empresa no modelo MEI. A Prefeitura de Guabiruba, ainda em parceria com a Profomento, pretende realizar novos eventos desse tipo ao longo dos próximos meses, sempre abordando temas pertinentes à gestão de uma microempresa individual com o objetivo de esclarecer o máximo possível de dúvidas dessa faixa de empreendedores no município.

Grupo de metais
Pomerode, no Vale do Itajaí, recebeu recentemente, quase 600 instrumentistas de toda a IECLB e também do exterior para o 8º Encontro Nacional de Coros de Metais. Participaram grupos do Espirito Santo, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Um grupo de 26 pessoas veio da Alemanha. O maior grupo veio do Espirito Santo, que lotou uma caravana de 8 ônibus, com o objetivo de “abraçar” os pomeranos catarinenses, um sonho há muito acalentado por muitos capixabas.

Dívida pública
A Dívida Pública Federal ultrapassou a barreira de R$ 4 trilhões pela primeira vez na história. O indicador que inclui o endividamento interno e externo, subiu 2,03% em termos nominais, passando de R$ 3,99 trilhões em julho para R$ 4,07 trilhões em agosto. Os dados foram divulgados pelo Tesouro Nacional. A Dívida Pública Externa subiu 9,55% em agosto. O estoque passou de R$ 146,85 bilhões para R$ 160,87 bilhões, motivado pela valorização de 9,92% da moeda norte-americana ocorrida em agosto.

Restauração capilar
Balneário Camboriú passará a contar com a 1ª clínica especializada em cirurgia plástica, com foco em restauração capilar com uso de inteligência artificial do robô Artas. A Diamond Medicina terá 400 m² e contará com seis consultórios e duas salas de cirurgias equipadas para atender pacientes de todas as idades em diversos segmentos.

Nova Havan em BC
A Havan inaugurou sábado (28) sua segunda loja em Balneário Camboriú. É a 132ª loja da rede. Com 16 mil m² construídos, está gerando 150 empregos diretos e o investimento somou R$ 40 milhões. Contará com área de alimentação e fachada estilizada da Casa Branca americana. A marca está presente em 17 Estados. De março a setembro deste ano foram inauguradas 11 lojas. Com isso, a empresa passa de 16 mil colaboradores para mais de 20 mil. O faturamento da Havan para este ano deve chegar aos R$ 12 bilhões, com R$ 750 milhões de investimentos.

Brasileiro gasta menos
Com o dólar em alta, as despesas dos brasileiros em viagens ao exterior caíram em agosto. Os gastos totalizaram US$ 1,30 bilhão, com queda de 5,24% em relação ao mesmo mês de 2018 (US$ 1,38 bilhão). Os dados foram divulgados pelo Banco Central. Nos oito meses do ano, esses gastos com viagens ao exterior também estão menores. No período, as despesas chegaram a US$ 12,10 bilhões, queda de 5,3%.

Amor pela costura
A Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região deu início a mais uma importante parceria com o projeto “Amor pela Costura”. A iniciativa tem como objetivo ensinar e capacitar pessoas que buscam novas oportunidades na área da costura, mão de obra esta que tem sido requisitada por muitas empresas e nem sempre encontrada na cidade. O curso é gratuito e conta com quatro turmas de 15 alunos, com aulas uma vez por semana. A duração do curso é de três meses. É um projeto que vai contribuir muito para a economia de Brusque, pois temos muitas pessoas em busca de emprego e também outras que chegam na cidade e querem trabalhar, entretanto precisam de qualificação.

Portos privados
O ministro da Infraestrutura assinou portaria que garante adesão de terminais de uso privado. Destaque para o contrato da Mar Azul Logística e Armazenamento Terminal e Transporte, em São Francisco do Sul, que vai movimentar carga geral. E também para o terminal de passageiros em Balneário Camboriú, da Port Developed. Desde o início do ano, o governo assinou 20 contratos de adesão em terminais de uso privado.

Atrasados do INSS
A Justiça liberou R$ 1,1 bilhão para o pagamento de atrasados de até 60 salários mínimos (R$ 59.880) a 89,3 mil segurados que venceram ações de revisão ou de concessão contra o INSS. Quem tem ação contra o INSS em fase final pode verificar se está neste lote.

LinkLab
A terceira unidade do LinkLab Acate acaba de ser inaugurado em Joinville e já na largada, recebe dez corporates a ele conectadas: Arcelor Mittal, Catarinense Pharma, Cisa, Tigre, Schulz, Whirlpool, Weg, FCDL, Porto Itapoá e Orbenk já estão integradas ao programa. Juntas somam mais de R$ 30 bilhões em faturamento anual. O objetivo é criar ambientes de inovação aberta, onde ocorram trocas e conexões entre essas grandes empresas com seus times de inovação e as startups por elas selecionadas, que também convivem no mesmo espaço. Também haverá espaço Sebrae de inovação, com objetivo de estimular ainda mais a inovação e viabilizar novos negócios na cidade.

Risco do ensino à distância (1)
Cada vez mais gente opta por fazer um curso superior à distância. Os dados oficiais mostram que, em 2018, o número de vagas oferecidas nessa modalidade ultrapassou pela primeira vez a do ensino presencial: foram 7,2 milhões ante 6,4 milhões. A quantidade de cursos saltou de 2.108, no ano anterior, para 3.177. Esse é um mercado dominado pelo setor privado e que apresenta grande concentração. Os dados mostram que mais de 80% dos alunos à distância estão matriculados em 20 instituições (somente uma delas pública) e 52% estudam em cinco grandes faculdades particulares. O crescimento registrado no ano passado veio a reboque de uma mudança na lei. Em 2017, o governo afrouxou as regras: a criação de novas unidades passou a não depender mais da visita de técnicos do Ministério da Educação, mas apenas do cumprimento de indicadores de qualidade.

Risco do ensino à distância (2)
A modalidade que enfrenta custos menores e, por isso, cobra mensalidades mais baixas, virou opção preferencial de universidades privadas após a desidratação do Fies, fundo que financia alunos matriculados em cursos presenciais. Com a crise econômica, que encolheu o orçamento das famílias, muitos estudantes também fizeram essa escolha. Se essa tendência persistir, o risco mais óbvio é de queda da qualidade da educação superior do país, que já não é lá grande coisa. Os exames de desempenho de estudantes apontam que apenas 15% dos cursos à distância tiraram as notas mais altas, enquanto nos cursos presenciais a proporção foi de 29%. A tarefa de impedir a proliferação de alunos e profissionais mal preparados cabe ao poder público. É preciso muito cuidado com as arapucas no ensino.

Lista de bilionários
A lista de bilionários brasileiros divulgada pela revista Forbes, incluiu pela primeira vez o empresário brusquense Luciano Hang. De acordo com a publicação, o dono da rede de lojas Havan tem uma fortuna estimada em US$ 2,2 bilhões, o que equivale a R$ 9 bilhões, com a 36ª posição da lista dos brasileiros mais ricos. De acordo com a publicação, o faturamento do empresário foi de R$ 7 bilhões em 2018 com um crescimento de 62% no primeiro semestre deste ano. A lista de bilionários brasileiros conta com 206 nomes, 26 a mais do que a do ano passado. A edição especial da revista foi publicada no final do mês de setembro e a foto do empresário brusquense é uma das que estampam a capa da publicação. O ranking da Forbes traz o empresário Jorge Paulo Lemann, da Ambev, no topo da lista dos bilionários brasileiros, com um patrimônio estimado em R$ 104 bilhões. Em segundo lugar está Joseph Safra, do Banco Safra, com uma fortuna de R$ 96 bilhões.

Governo trava perícias
Uma lei sancionada pelo governo deve destravar as perícias judiciais em ações que pedem na Justiça, a concessão de auxílio e aposentadoria por invalidez pelo INSS. Com a medida, o governo pode antecipar o pagamento dos honorários aos peritos dessas ações, paradas atualmente por falta de verba. Segundo advogados, em alguns Juizados peritos sem receber entraram em greve. A lei prevê que o governo federal pagará os honorários da primeira perícia. Se houver novo pedido, ela será custeada pela Justiça. A medida vale por dois anos.

Acordo trabalhista
O segurado do INSS pode incluir em pedidos de aposentadoria ou de revisão de benefícios, valores de 13º salário, férias, adicional noturno e diferenças salariais obtidos em acordos trabalhistas. Nova lei definiu que esses valores estão sujeitos à cobrança de Imposto de Renda e contribuição do INSS. Se por um lado o trabalhador pode receber menos ao fechar os acordos, por outro ficará mais fácil comprovar esses valores ao INSS. Conheça quais verbas o segurado pode incluir nos pedidos.

Fábrica própria
A inauguração do primeiro Centro de Distribuição da Fruki, indústria de bebidas com matriz em Lageado (RS), fora do Rio Grande do Sul, marca uma nova etapa nos planos de expansão da empresa. A unidade fica em Blumenau e ajudará a abastecer a clientela da região. A Fruki produz energéticos, sucos, água mineral e a cerveja Bellavista, mas é no mercado de refrigerantes onde mais se destaca. Mas se a carteira crescer como o imaginado, não está descartada para o futuro a construção de uma fábrica em SC.

Empresas familiares
A CDL de Guabiruba, em parceria com o Sistema de Cooperativas de Crédito Rural e o Sebrae, acaba de realizar palestra com o tema “empresa familiar”. Os principais desafios de gerir uma empresa familiar são: o conflito de gerações e a informalidade. A expectativa de vida do brasileiro está cada vez maior e que hoje temos três gerações que se encontram na empresa, o que causa diversos conflitos. Outro fator é a intimidade familiar, que prejudica a gestão e ainda mais a profissionalização da empresa. Um desses conflitos é entre irmãos, que estão assumindo a empresa fundada pelo pai ou avô. Quando eles querem assumir a empresa não são totalmente capacitados e podem não ter áreas de atuação bem definidas e um começa a interferir na área do outro. O melhor conselho é a profissionalização. As pessoas certas no lugar certo. Não é porque é parente, que é competente. Não é porque é parente que tem de ser líder da empresa. As vezes, é um técnico e tem alguém dele gerenciado a empresa, tomando as decisões estratégicas. Isso tudo para garantir a perpetuidade do negócio.

Edital de falência
O edital serve para dar conhecimento a todos os credores e demais interessados que foi decretada a falência da sociedade Metalúrgica Duque S/A e MH Administração e Participações, em 02 de setembro de 2019.

Justiça antecipa aposentadoria
A comprovação de tempo de serviço na Justiça será uma saída para se aposentar pelo INSS com as regras válidas antes da reforma da Previdência. Foram selecionadas sete ações com grande número de decisões a favor dos trabalhadores na segunda instância da Justiça Federal e em tribunais superiores. Outra ação pode ajudar o segurado a comprovar vínculo de emprego.

Passarela
O Estado retomou as obras da passarela na Rodovia Antônio Heil, nas proximidades da escola Monsenhor Vendelino Hobold, em Itajaí. Esta, e outras travessias, são cobradas pela comunidade que se arrisca entre os dois lados da estrada. O prazo para entrega das obras da passarela não foi divulgado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura.

Aplicadores roubados
Em fevereiro de 1967, durante a administração Castello Branco, foi promulgado o Decreto-lei 157, através do qual os contribuintes podiam destinar 10% de seu imposto de renda a pagar para a compra de ações através do que chamávamos de Fundos 157, o nome oficial era Certificado de Compra de Ações. Não há uma maneira mais suave e diplomática para dizer isso: os aplicadores foram miseravelmente roubados. Todas as más compras em Bolsa eram lançadas nos 157, que não fazia outra coisa a não ser perder dinheiro. Tivesse sido diferente, o mercado brasileiro de ações teria tido um impulso fantástico. Muitos anos mais tarde, começaram a surgir fundos melhor administrados. Mas se destinavam a uma minoria.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 01/10/2019 às 09h16 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Oportunidade
O IX Secmasc (Seminário de Conciliação, Mediação e Arbitragem de Santa Catarina) terá palestra sobre a formação para o mercado de trabalho para novos advogados. Será dias 26 e 27 deste mês de setembro, na Unisul (Universidade do Sul de SC) em Palhoça (SC). Uma das palestrantes do evento será sobre a “Formação para o Mercado de Trabalho”, que será proferida por Simone Regina Medeiros, assistente social do TJ-SC. Oportunidade para jovens advogados que estão saindo das universidades a procura de emprego. Inscrições: www.fecema.org.br/secmasc.

Leilão a caminho
Sessenta e sete imóveis da Buettner espalhados por Brusque, Guabiruba, Botuverá e Canelinha, entre eles terrenos e o complexo fabril de uma das mais tradicionais indústrias têxteis de Santa Catarina, vão a leilão no dia 26 de novembro. O pacote inteiro está avaliado em R$ 141,6 milhões. Se não surgirem interessados nessa data, nova tentativa de venda ocorrerá dia 10 de dezembro, com propostas de pelo menos 75% deste valor. O vencedor precisará pagar 25% do lance à vista, podendo parcelar o restante em até 30 vezes. O edital completo está disponível em bit.ly/leilaobuettner.

Ninho da Moda
O ponto turístico de Brusque e símbolo do Stop Shop, o novo Ninho da Moda, foi reinaugurado no último sábado (21). Mais moderno e interativo, o monumento é uma obra de arte que homenageia a cidade, polo têxtil e berço da fiação catarinense, um presente para Brusque e para todo o Estado de Santa Catarina. O evento abriu as comemorações dos 25 anos do empreendimento, que ajudou a transformar a cidade, em um dos principais roteiros de compras a pronta-entrega do Brasil. Feito em fibra de vidro, o novo Ninho tem 12 metros de altura por 6 metros de largura. O público pode vivenciar uma experiência única ao entrar no Ninho pelo caule da árvore, ao som do canto dos pássaros, quando foram levados a conhecer a história do monumento, sua ligação com a natureza e com a história da cidade.

Stop Shop
O Stop Shop nasceu com o objetivo de promover bons negócios, desenvolver a economia da região e gerar novos empregos, se consolidou como um dos principais roteiros de compras de agentes de viagem e lojistas de todo o Brasil. São muitos os segmentos, desde confecções femininas, masculinas e infantis, fitness, lingerie, moda praia, jeans, joias e acessórios, perfumes, cosméticos, pijamas, cama, mesa e banho, calçados, bolsas e acessórios. Com uma estrutura completa, o Stop Shop é um shopping moderno e funcional. Os detalhes podem ser percebidos tanto na área externa como na interna, pensada estrategicamente para oferecer comodidade e segurança. Está localizado na Rodovia Antônio Heil nº 635, em Brusque (SC).

Corpo perfeito a todo custo
Investigação aponta que medicamentos vendidos indiscriminadamente na internet como naturais na verdade possuem substâncias sintéticas e podem levar à morte. Coquetéis de substâncias químicas perigosas são vendidos como emagrecedores feito à base de plantas. Os supostos produtos naturais prometem emagrecimento rápido, saudável, sem grande esforço e seduzem quem precisa ou quer perder peso. Até 13 quilos em um mês, segundo um dos anúncios que circulam pelas redes sociais, escondendo os riscos de produtos que nada tem de inofensivos. Segundo análises pelo Instituto de Perícias (IGP) mostram que, por trás da fórmula milagrosa, existe uma combinação de estimulantes sintéticos, inibidores de apetites, antidepressivos e calmantes.

Economia avança
A economia catarinense cresceu 2,65% de janeiro a julho mostra cálculo do Índice de Atividade Econômica Regional (IBCR-SC). O desempenho catarinense só é menor do que o Rio Grande do Sul, com alta de 3,17% e do Amazonas, evolução de 2,68%.

Boletim especial
Dia 1º de setembro deste ano, completou 80 anos do início da Segunda Guerra Mundial, conflito que deixou profundas marcas, não só pelas táticas de guerra aplicadas, mas, e sobretudo, pelas perseguições e extermínio ocorridos. A Segunda Guerra Mundial é um tema muito colecionado e estudado no âmbito da filatelia, principalmente, e também na numismática. Por isso, o Clube Filatélico Brusquense oferece para sua leitura uma “edição especial” sobre o assunto, com textos curtos e imagens relacionadas.

Dívidas antigas
A Procuradoria Geral do Estado de Santa Catarina abriu a terceira rodada em 2019 de acordo para antecipação do recebimento de precatórios, que são dívidas antigas do poder público com pessoas físicas ou empresas, já reconhecidas em decisões judiciais. O prazo para envio das propostas encerra dia 4 de outubro. Nas duas primeiras rodadas, foram pagos mais de R$ 146 milhões em precatórios, com uma economia aos cofres públicos de quase R$ 40 milhões. Para a terceira rodada, estão disponíveis para acordo mais de R$ 208 milhões. Quem não o fizer, permanece na ordem cronológica de pagamento de precatórios, sem nenhum prejuízo, e receberá os valores conforme disponibilidade financeira prevista no orçamento anual do Poder Executivo.

Agonia na Venezuela
A Venezuela atual é um triste exemplo de como uma nação pode se afundar rapidamente. De 2014 para cá, a economia encolheu 60%. A inflação anual bate os 10 milhões por cento para se ter uma ideia, os preços dobram a cada 20 dias. O pesadelo não para por aí. Doenças como difteria se espalham, pacientes morrem nos hospitais por falta de luz e não há remédios. Pobres desnutridos passam horas em filas para receber alimento. Meninas se prostituem por comida e a gravidez precoce disparou. Quatro milhões de venezuelanos, quase 15% da população, já fugiram do país. Quem se opõe ao governo costuma se dar mal. Adversários são presos às centenas, impedidos de disputar eleições, exilados e, suspeita-se, torturados. Maduro negou a realidade. Disse que tudo não passa de um complô estrangeiro, sob ordens dos EUA.

Reforma tributária
O ponto principal da proposta de emenda à Constituição (PEC) prevê a criação do chamado Imposto sobre Operações com Bens e Serviços (IBS). A ideia é que o novo imposto substitua nove impostos: sete deles federais (IPI, IOF, PIS/Pasep, Cofins, Salário-Educação e Cid-Combustíveis), além de um estadual (ICMS) e um municipal (ISS). Nesse novo imposto haverá uma alíquota para a União e outras para Estados e municípios.

Rede SIM
A SIM Rede de Postos, com sede em Flores da Cunha (RS) incorporou a rede Mime, de Jaraguá do Sul. A transação ainda precisa do aval do CADE. O negócio cria a mais ampla rede de varejo de combustíveis da região Sul do país, com 200 postos, localizados nos três Estados do Sul. A SIM já tem 140 unidades antes da compra da Mime.

Unimed
É de 109 mil o número de beneficiários dos planos oferecidos pela Unimed no Vale do Itajaí. A empresa está celebrando 48 anos de atuação com o lançamento de uma nova versão do seu aplicativo voltado a clientes.

Centro de eventos
A Santur está adequando o edital de concessão do Centro de Eventos de Balneário Camboriú para enviar ao Tribunal de Contas. O chamamento público é previsto para dezembro, com assinatura de contrato em abril. A estimativa é que a estrutura esteja em funcionamento no segundo semestre do ano que vem.

Tirol no PR
O grupo Tirol, de Treze Tilias (SC), vai instalar uma fábrica de laticínios em Ipiranga, a 50 km a Oeste de Ponta Grossa, no Paraná. Investirá R$ 150 milhões para produzir, numa primeira etapa, 600 mil litros de leite por dia, a partir de 2021. A direção da Tirol definiu o projeto com o governador do vizinho estado, que viabilizou incentivos para sua implantação.

Regularização imobiliária
Imóvel regularizado vale a pena? Vamos citar alguns benefícios de se ter um imóvel regularizado: aumenta o valor do imóvel; concede alvará de funcionamento; evita a cobrança de multas; proporciona benefícios no seguro do imóvel; disponibiliza a venda por meio de financiamento bancário; possibilita o uso do imóvel como garantia de financiamento. O que é o projeto de regularização? O projeto é feito com a finalidade de legalizar a situação de edificações que não possuem licença prévia na prefeitura, segundo a lei de zoneamento e o código de obras de cada cidade, funcionando como uma identidade do imóvel. Precisando regularizar seu imóvel, entre em contato com a Notar – Regularização Imobiliária, em Brusque, na Rua Rodrigues Alves, 21 – Centro.

Calote
A Prefeitura e a população de Florianópolis são vítimas do maior calote já aplicado por uma empresa privada. A Dom Parking Estacionamento deve mais de R4 20 milhões pela exploração do Zona Azul. Nunca pagou um real ao município, mesmo arrecadando milhões todos os meses. Foi contratada em 2013, nunca recolheu o FGTS dos empregados. A Dom Parking virou caso de polícia.

Confiança
O índice de confiança dos empresários da indústria catarinense se manteve praticamente estável em setembro, passando de 60,5 em agosto para 60,4 no mês seguinte, um leve recuo de 0,1 ponto. No Brasil, o índice ficou em 59,4 pontos. Dos componentes do ICEI de Santa Catarina, houve aumento de 1,2 ponto do indicador de condições atuais, influenciado pela melhora da percepção das condições da economia brasileira e da própria empresa. Na contramão, as expectativas futuras registraram piora, passando de 64,2 para 63,4 pontos.

Investimento
Cerca de mil operários estão neste momento construindo a nova fábrica da WestRock, em Três Barras, no Planalto Norte de SC. A ampliação vai transformar a indústria na maior produtora de embalagens do Brasil e do mundo, com faturamento de quase 20 bilhões de dólares. A empresa está investindo R$ 5 bilhões em SC.

Novas regras
O trabalhador que pretende receber o teto do INSS, hoje em R$ 5.839,45 deve se encaixar em alguns requisitos. Atualmente, deve ter feito contribuições pelo teto desde julho de 1994 e ter mais de 60 anos. Após a reforma, o teto ficará mais difícil, pois o benefício será a média de todas as contribuições do trabalhador, tanto altas quanto baixas.

Roubo de cargas
Autoridades da segurança pública de oito Estados se reuniram em Florianópolis. Na pauta o problema dos roubos de cargas. No ano passado ocorreram 22 mil roubos. Em 2017 foram anotados quase 26 mil, segundo a NT&CLogística. O roubo de cargas é a nova fronteira do crime organizado. No encontro foram tratadas propostas de ações de combate a este tipo de crime.

Modelo de Justiça
Saiba porque a Arbitragem está se tornando a melhor opção para empresas e empresários. O professor Joel Dias Figueira Jr., que é PhD pela Universidade de Florença e Árbitro da Câmara de Mediação e Arbitragem da ACIF, estará proferindo palestra tratando do tema, considerando o momento e a crise na Justiça no Brasil, com o título “Arbitragem – modelo de Justiça para o século 21”. A palestra é destinada a empresários e comerciantes de todos os segmentos e apresenta uma nova oportunidade no meio jurídico. Será dias 26 e 27 de setembro, no Secmasc (Seminário de Conciliação, Mediação e Arbitragem de SC), na Unisul (Pedra Branca), em Palhoça. As inscrições podem ser feitas pelo site: www.fecema.org.br/secmasc.

Benefício maior
Três ações que afetam as aposentadorias e pensões do INSS poderão ser julgadas ainda neste ano pelos tribunais superiores do país: a revisão da vida toda, a do adicional de 25% para quem precisa de cuidados e a sobre a devolução ao INSS de valores pagos de forma indevida. Conheça o que leva em conta ao decidir se entra com ação na Justiça.

Salário mínimo
O Ministério da Economia estuda uma forma de autorizar o congelamento do salário mínimo quando houver crise. A ideia é retirar da Constituição a obrigatoriedade de que o valor seja corrigido pela inflação. A medida seria incluída na PEC que altera as regras fiscais e está em tramitação no Congresso.

Sem sair de casa
O segurado do INSS que deseja pedir a revisão de sua aposentadoria não precisa mais ir até uma agência. A solicitação pode ser feita pela internet, no portal Meu INSS. É preciso se cadastrar no site e enviar documentos que comprovem que o segurado tem direito a um benefício maior.

Contra decisão do INSS
Os segurados têm até dez anos para contestar uma decisão da Previdência. O prazo vale para quem considera o benefício baixo. Quem teve aposentadoria negada ou quem sofreu corte no pente-fino. Há o direito de receber atrasados de até cinco ano. A Procuradoria-Geral da República considerou o prazo ilegal no caso do pente-fino. A Justiça dará a palavra final.

Regra de transição
O trabalhador que hoje está na casa dos 50 anos e já pode se aposentar tem uma difícil decisão a tomar: se aposentar agora, com a aplicação do fator previdenciário no benefício, ou esperar as novas regras. O cálculo da reforma será mais vantajoso, em geral será preciso esperar mais anos para entrar em uma regra de transição.

Balanço
A Expo Concórdia gerou R$ 100 milhões em negócios. Contou com mais de 300 expositores, com estandes ligados ao agronegócio, tecnologia e robótica e mais de 300 mil visitantes. Voltou a ser realizada depois de seis anos. Expositores e autoridades lamentaram a não presença do governador de SC, da vice-governadora que é de Chapecó, nem do secretário da Agricultura, que já morou em Concórdia. Eles deveriam estar aqui em Concórdia para ver a pujança da região, eram os comentários.

Bom cidadão
Com o apoio da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de SC, está praticamente pronto para apreciação em plenário na Assembleia Legislativa importante projeto de lei que cria o Cadastro do Bom Cidadão, com incentivos para consumidores que pedirem nota fiscal, como já existe em vários estados. Ao acumular notas fiscais, o consumidor ganha uma pontuação que gera descontos para pagamentos diversos, como o IPVA. Na outra ponta, quem ganha é o Estado, com a redução da sonegação, o que gera aumento de receita. Iniciativa que merece total apoio.

Disney brasileira
O prefeito de Penha (SC) apresentou ao atual ministro do Turismo, o projeto do Distrito Turístico, que pretende transformar a cidade na versão brasileira de Orlando (EUA). A proposta vinha sendo acompanhada de perto pelo ex-ministro Vinicius Lummertz e a reaproximação é importante para que o projeto tenha o apoio de Brasília. Penha busca um financiamento de R$ 30 milhões para o projeto. O ministro pode vir a SC para conhecer de perto a proposta. A viabilização do Distrito Turístico começou pela redução do ISS para empreendimentos de lazer de 5% para 3%. Pelo menos 10 atrações nacionais e internacionais já demonstraram interesse em se instalar em Penha nos últimos meses, incluindo grupos chineses e norte-americanos. O prefeito citou a entrada da cidade no mercado de transatlânticos como parte do projeto do Distrito Turístico. A manobra-teste será feita na Praia da Armação.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 24/09/2019 às 16h24 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Perdas da poupança
Faltando pouco mais de oito meses para o final do prazo de pagamento formalizado no acordo de revisão da poupança, os bancos deixam 80% dos poupadores sem receber a grana, segundo o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor). Os pedidos de adesão ao acordo para pagamento das perdas dos planos econômicos Bresser, Verão e Collor 2 (vigentes entre 1987 e 1991), somam cerca de 176 mil, segundo a Febraban (Federação Brasileira dos Bancos). O número está longe do total inicialmente previsto, de mais de 2 milhões de poupadores. O prazo de pagamentos termina em abril de 2020. A estimativa é que entre 300 e 500 mil pessoas vão aderir aos acordos até o final do prazo.

Lunelli reforça portfólio
Sem muito alarde, a Lunelli, grupo têxtil com matriz em Guaramirim, reforçou o portfólio de marcas de vestuário com a compra da Fico, grife de surfwear presente em 23 estados. O valor da aquisição não foi divulgado, mas integra a estratégia da companhia em diversificar a atuação, entrando em nichos novos de mercado. Com a aquisição, o grupo agora administra seis marcas. Completam o portfólio as grifes Lunelli, Lumender, Lez a Lez, Hangar e Alakazzo, que atendem aos públicos masculino, feminino e infantil. Ao todo, soma 4,8 mil funcionários em 16 fábricas, uma delas de camisas em Luiz Alves, no mesmo espaço onde operava a Dudalina.

Avanço
O IBGE divulgou os dados da pesquisa industrial mensal (PIM) regional. O levantamento aponta que a indústria nacional avançou em oito estados no mês de julho, na comparação com o mesmo período de 2018. Santa Catarina cresceu 1,4% e aparece na sexta colocação. O Rio de Janeiro com 4,8%, lidera a expansão.

Destaques
Duas reportagens destacaram Joinville no jornal Valor da última semana. O jornal apresenta a cidade como um oásis que escapou da desindustrialização e, em outro texto, mostra a romaria de pais de alunos do Bolshoi para morar na cidade, acompanhando o ideal dos filhos em serem bailarinos profissionais.

Demora do INSS
O órgão tem 45 dias para analisar pedidos, mas está levando seis meses em média. Ação no Juizado Federal pode agilizar solicitação. Segurados do INSS que esperam há mais de um mês e meio a resposta do pedido de aposentadoria podem recorrer à Justiça. Oficialmente, o instituto deve responder em até 45 dias, mas leva até seis meses em média. Neste caso, o caminho mais comum é mover uma ação no Juizado Federal para que o INSS faça a análise do pedido do segurado.

Refaz Ajuste
O governo do Estado de SC publicou decreto nº 54.785 que institui o programa “Refaz Ajuste-ST” para regularização de débitos referentes ao ICMS. Enquadram-se no programa os contribuintes com créditos tributários, inscritos ou não em dívida ativa, inclusive ajuizados. A medida é uma maneira de auxiliar aqueles que estão com débitos referentes à complementação do ICMS da substituição tributária, depois que mudanças no processo de restituição e cobrança do imposto foram instituídas pelo STF. Os valores devidos, relativos ao período de 1º de março a 30 de junho deste ano, terão redução total dos juros e multas relativos ao atraso do pagamento e deverão ser pagos em parcela única até o dia 19 de setembro. Com o decreto, também fica dispensada a multa pela não entrega no prazo.

FGTS
Em decisão do dia 6 de setembro, o ministro do STF, Roberto Barroso, determinou a suspensão de todos os processos sobre a correção dos depósitos vinculados ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), atualizados pela Taxa Referencial (TR).

Investimento
O atual ministro da Economia acena com a intenção de acabar com as isenções de Imposto de Renda (IR) para as aplicações em LCI e LCA. A se confirmar, elas tendem a sumir do mercado porque perderão atratividade para os investidores.

Regime especial
Empresa que quer manter benefício fiscal concedido por meio de regime especial deve desembarcar mercadorias em portos catarinenses. Esse foi o entendimento da Justiça após defesa apresentada pela Procuradoria Geral do Estado em ação movida por importadora questionando a cobrança da diferença do ICMS.

Reestruturação
Em novo passo do processo de reestruturação operacional e financeira, que já incluiu vendas de fábricas na Argentina, na Europa e na Tailândia, a BRF anunciou na última semana a venda da participação societária em um negócio de processamento e distribuição de alimentos em Cingapura até então mantidos com a SATS, que comprou as ações da empresa catarinense. A operação foi concluída por R$ 51 milhões e incluiu a assinatura de um novo contrato de distribuição e licenciamento de marcas pertencentes à BRF.

Naturismo
As praias do Pinho, em Balneário Camboriú, e Pedras Altas, em Palhoça, as duas de SC dedicadas ao nudismo, passarão a ter um suporte legal proximamente. A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou projeto que regulamenta a prática em âmbito nacional. Cria regras gerais, mas deixa a cargo de cada Estado ou município a determinação de normas específicas. O texto segue para análise em plenário.

Hotelaria
Também há otimismo na hotelaria: o levantamento do governo federal mostra disposição dos hoteleiros em investir nos estabelecimentos. No país, 66% se declararam dispostos a fazer investimentos nos próximos seis meses. Em Santa Catarina, o índice é semelhante. Empresários estão aproveitando a baixa temporada para renovar os estabelecimentos, antes da volta dos turistas.

Pente-fino do INSS
O pente-fino do INSS nos auxílios-doença e nas aposentadorias por invalidez ainda não começou. Isso acontece porque o sistema para agendamento das perícias não está pronto. A previsão é que as convocações dos segurados comecem em outubro. Por outro lado, o pente-fino contra fraudes nos benefícios em geral já está ocorrendo.

Impostos injustos (1)
Parece que o governo enfim desistiu da péssima ideia de ressuscitar de mais um tributo. São tantos no país que nem existe um cálculo preciso para ficar só nos casos mais conhecidos, são 14 impostos e 35 tipos diferentes de contribuições sociais e econômicas. Como todo mundo sabe, a conta para os contribuintes é salgada. Em média, cada brasileiro entrega um terço da sua grana para bancar o governo federal, os estados e as prefeituras. Essa média, porém, esconde várias injustiças da cobrança de impostos no país. A maior delas é que quase metade da arrecadação vem de tributos disfarçados nos preços dos produtos e dos serviços. Muita gente não sabe, mas paga ICMS, PIS, Cofins, IPI e ISS todos os dias, ao fazer compras no mercado, ao tomar um ônibus ou pagar o plano de saúde.

Impostos injustos (2)
A taxação do consumo no Brasil é uma das mais altas do mundo. Só ela leva uns 16% do dinheiro dos contribuintes. Mas o pior é que os mais pobres saem perdendo como o imposto é o mesmo em cada mercadoria, o sacrifício para quem ganha menos acaba sendo maior. Num sistema justo, quem tem mais deve contribuir com uma parcela maior do salário ou do lucro. É o que acontece, por exemplo, no Imposto de Renda. O país poderia arrecadar mais com o IR, porque a alíquota máxima de 27,5% não é grande coisa. Em boa parte dos outros países, incluindo vizinhos, a mordida nos mais ricos vai a 35% ou mais. Não dá para imaginar que os tributos vão baixar, porque o governo está na pindaíba. Mas pelo menos seria possível simplificar as coisas, reduzindo o número de tributos e distribuir melhor a conta entre os contribuintes.

Atraso de imóvel
Os mutuários que compram imóvel na planta pelo programa Minha Casa, Minha Vida serão beneficiados por quatro novas decisões do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Os julgamentos favoráveis envolvem as faixas 1,5, 2 e 3 e dizem respeito a atraso na entrega do imóvel e à correção das parcelas. Um dos entendimentos prevê que, caso a entrega atrase (já com o período legal de tolerância), o comprador tem direito à indenização que pode ser na forma de aluguel mensal a ser pago pela construtora. Outro ponto é a alteração da correção monetária. Hoje, a taxa das prestações e do valor total do imóvel a ser quitado, até a entrega, é o INCC (Índice Nacional de Custo da Construção).

Semana do Brasil
Movimentar a economia, gerar oportunidade e valorizar o País. Este foi o objetivo do Governo Federal com a campanha Semana do Brasil. A Havan, varejista presente em 17 estados com 131 lojas em todo o País, foi uma das lojas participantes, pois acreditou que este foi um momento único de resgatar o verde e amarelo. O crescimento nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado foi de 65%. Só em SC foram 600 empresas que participaram da Semana do Brasil, oferecendo produtos e serviços com descontos.

Prejuízo
Magazine Luiza, Casas Bahia, B2W e Americanas perderam R$ 5 bilhões de valor de mercado em um dia com o anúncio da chegada de Amazor Prime ao Brasil. Comparado ao estrago que a Amazon fez com o valor de mercado das concorrentes nos EUA, isto ainda não é nada.

Têxtil
A Dohler (Joinville) faturou R$ 233,9 milhões no primeiro semestre deste ano. O lucro foi de R$ 573 mil. Entre janeiro e junho do ano passado, a receita totalizou R$ 226 milhões e o lucro somou R$ 16,9 milhões.

Fôlego
Após um período de crise, reforçado pela recessão econômica brasileira, a Ricardo Eletro – rede varejista com quase 500 lojas pertencentes ao grupo Máquina de Vendas, que desde março deste ano recebeu investimento da gestora StaboardAsset, apresentou um aumento de 50% no faturamento no primeiro semestre de 2019 comparado ao mesmo período do ano passado. A empresa que faturou R$ 2 bilhões no ano passado, poderá fechar 2019 em R$ 3 bilhões. A loja em Brusque foi fechada recentemente.

Prêmio internacional
A Al Fero Birrificio, cervejaria de Nova Trento, conquistou a medalha de prata na categoria American Pale Ale, no concurso Copa Cervezas de América 2019, realizado em Valparaiso, no Chile. A competição contou com participantes de toda a América. O bronze ficou com os EUA e o ouro com a Argentina. O concurso avaliou 1.844 cervejas de 459 cervejarias, originárias de 16 países. A Al Fero apresentou no concurso a Mérica 1875, a mais nova cerveja da empresa, lançada neste ano. Segundo a direção da empresa, ela nasceu da ideia de homenagear os imigrantes de língua italiana que vieram para o continente. Esse estilo, abreviado como APA, costuma ser um dos mais acirrados por medalhas, devido ao elevado número de competidores.

Inadimplência recorde
Em Santa Catarina, a inadimplência subiu 3,5% no primeiro semestre de 2019, na comparação com igual período do ano passado, revela pesquisa da Boa Vista e da Federação das Associações Empresariais de SC. A maior inadimplência foi observada em Blumenau: 7% e em Joinville, onde marcou 6,2%. Apenas em Lages houve recuo: 0,7% de queda. É o maior valor obtido para o acumulado dos primeiros semestres de cada ano, segundo a Facisc.

Atrasados do INSS
Os atrasados do INSS, como os de revisão de aposentadoria, ficam disponíveis para saque por dois anos. Depois desse período, lei determina que a grana parada seja devolvida para a União. O aposentado só é avisado quando o dinheiro já voltou ao Tesouro Nacional. Por isso, é importante que os segurados verifiquem se têm algum atrasado parado.

Dificultando as revisões
O governo está tentando dificultar o acesso dos segurados do INSS a revisões dos benefícios. Projeto de lei aprovado pelo Congresso nos últimos dias e a reforma da Previdência são parte desta investida. O primeiro prevê que os segurados só podem entrar com ação contra o INSS na Justiça estadual se não houver vara federal a 70 km de distância. Hoje, o processo é possível quando não há vara federal na cidade. Já na reforma, algumas mudanças também dificultarão as revisões. Uma delas acabará com a conversão do trabalho de risco em tempo especial após as novas regras entrarem em vigor.

Novos mantenedores
Jovens de escola públicas e privadas de SC têm ainda mais oportunidades de aprender sobre empreendedorismo, finanças pessoais e preparação para o trabalho. As empresas Unicred Florianópolis, Mueller Fogões e Eletrodomésticos, Hércules Motores e Thor Condutores Elétricos agora fazem parte do exército de voluntários e mantenedores da Junior Achievement no Estado. Atuando desde 1997 no Estado, a entidade teve até agora o apoio de 15 mil voluntários, beneficiando mais de 620 mil jovens de 300 escolas em 80 cidades catarinenses.

Na UTI
Não é a toa que os consumidores estão abandonando planos de saúde privados. Foram 3 milhões entre 2015 e 2017. Aqui em SC quem parece estar em agonia é a Agemed. Quem ainda atende como credenciado, seja através de consultas ou procedimentos e até cirurgias, recebe a seguinte orientação por parte da atendente: “Você encaminha a solicitação de pagamento antecipada para o plano, assim que for pago, a gente atende”. Pode isso?

Expansão no varejo
Em expansão no varejo, a Marisol acaba de inaugurar nova loja de moda infantil no Brava Mall, shopping de alto padrão de Itajaí. O espaço tem mais de 2 mil itens, a maioria ligados aos personagens Lilica Ripilica e Tigor T. Tigre. Até o final do ano, outros nove pontos de venda serão abertos em todo o país.

Nova revisão na Justiça
O Juizado Especial Federal em São Paulo determinou que o INSS revisasse a aposentadoria de um segurado que foi limitada ao teto em outubro de 2016, mas ficou menor que o valor máximo ao ser reajustada no ano seguinte. A Justiça entendeu que o cálculo inicial demonstrou que o benefício tinha que seguir o teto.

Moda na região
O evento denominado O Negócio da Moda terminou dia 12, semana passada, no Centro de Eventos Maria’s, em Camboriú. No local, grandes nomes do setor debateram sobre o tema em diferentes frentes e promoveram o fechamento de novos negócios. O evento, já em sua 5ª edição, contou com palestras e talks dentro de três nichos: business & marketing, design e comportamento, inovação e sustentabilidade. Foram mais de 60 palestrantes e mais de 20 horas de conteúdo. Segundo Ivan Jasper, que é de Brusque, o evento para todos que gostam de moda, desde estudantes ao design, ao comunicador e ao empreendedor. Debates de assuntos importantes dentro da área, proporcionando uma experiência enriquecedora, focada em aprendizado e conexões.

Inauguração
O presidente da OAB/SC inaugurou a nova sede da subseção de Balneário Piçarras. A nova estrutura, que vai atender a cerca de 300 advogados e à comunidade, com orientações jurídicas, coincide com o aniversário de 10 anos d subseção.

Cadastramento
Quem ganha BPC (Benefício de Prestação Continuada) precisa se cadastrar no CadÚnico para não ter o pagamento suspenso. Mais de 750 mil têm o BPC no Estado e 159 mil não foram cadastrados, segundo a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência. É preciso ir a um Cras (Centro de Referência de Assistência Social) ou postos de cadastramento do CadÚnico e levar o CPF da família. Para aniversariantes em abril o prazo acaba no dia 30.

Precatórios
A Câmara dos Deputados liberou a lista dos precatórios que serão pagos pela União no ano que vem, incluindo os valores para quem tem a receber atrasados do INSS acima de 60 salários mínimos (R$ 59.880). A grana é liberada uma vez por ano.

Segurança
Todos os produtores cadastrados nas Centrais de Abastecimento do Estado (Ceasa) têm que informar, em rótulos, a origem das frutas e hortaliças produzidas em Santa Catarina. O consumidor vai poder saber desde o local de plantio, até os agrotóxicos que foram usados no cultivo. A rotulagem é lei no país desde o ano passado, mas o Estado implantou uma certificação de procedência, o e-origem, que promete ser um diferencial competitivo. O sistema funciona online, e permite que os produtores identifiquem digitalmente os produtos.

Reforma reduz participação
A proposta de reforma tributária apresentada pelos secretários de Fazenda estaduais na Câmara dos Deputados aumenta a participação de estados e municípios na arrecadação nacional de tributos. De acordo com o texto do projeto, a parcela que fica com os municípios subirá de 19% para 21%. Para os estados, de 27% para 30%. Com isso, o governo federal ficará com menos da meta da receita tributária (49%, ante 55%, atualmente). A proposta conta com o apoio dos 27 secretários estaduais. Até o momento, 23 governadores assinaram o texto.

?Atrasados do INSS
Na queda de braço, a Cia. Hering levou a melhor no Tribunal de Justiça de SC. Os desembargadores que avaliaram o caso levaram em conta o pedido de registro no INPI da marca homônima e da figura dos dois peixinhos feito pela companhia em 1952. A Lojas Hering recorreu então ao STJ, mas o tribunal considerou que não havia como questionar a propriedade e negou o recurso.

Pentacampeã
A catarinense Prodapys, de Araranguá, conquistou pela 5ª vez consequtiva o troféu de Melhor Mel do mundo durante o 46º Congresso da Apimondia, realizado em Quebec, no Canadá. A empresa produz mel de qualidade, exportado para vários países, além de cosméticos e suplementos alimentares. Tudo começou com o farmacêutico e bioquímico Célio Silva, em 1977, montando o primeiro apiário.

Negócios
As viagens de negócios cresceram 14,7% no Brasil no primeiro semestre e movimentaram mais de R$ 5 bilhões considerando passagens aéreas e rodoviárias, hospedagens, aluguéis de veículos e toda a infraestrutura de eventos. Os números são da Abracorp e dão a dimensão do upgrade que o Centro de Eventos, um dos maiores do Sul do país, pode representar na economia do Balneário Camboriú. Só falta abrir.

Rodovias
O Tribunal de Contas do Estado vai fiscalizar, em tempo real, rodovias que estão em construção em SC. A seleção será feita por amostragem. Auditores e técnicos examinarão detalhes dos contratos, o uso dos materiais e a qualidade dos projetos. Isto será possível graças ao Laboratório de Obras Rodoviárias, já em funcionamento na Corte. Uma unidade móvel, devidamente equipada, vai circular pelo Estado. A primeira inspeção será na SC-390 na região de Lages. Perguntar não ofende: como fica a Rodovia Brusque/Itajaí (SC-486) paralisada há meses, com mais de 80% concluída? 

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 17/09/2019 às 14h09 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Direito
A expansão descontrolada de cursos de Direito no Brasil mereceu nova posição contra do Conselho Federal da OAB. Participando de reunião em Brasília, o conselheiro catarinense Tulio Cavallazi, defendeu o aprimoramento do Exame de Ordem e maior fiscalização no ensino. Revelou que em 2018 foram criados 322 novos Cursos de Direito no Brasil. O país conta hoje com 1.156 mil advogados.

Clube do bilhão
O Brasil tem pelo menos 650 empresas bilionárias. São companhias, nacionais ou estrangeiras que mantêm subsidiárias no país, cujas vendas líquidas ultrapassaram a barreira de R$ 1 bilhão em 2018, conforme levantamento Maiores e Melhores, publicado pela revista Exame. Este seleto grupo tem quatro representantes do Vale: Bunge (R$ 372 bilhões em vendas líquidas em 2018, 10ª posição), BRF (R$ 24,8 bilhões, 18ª), Havan (R$ 5,62 bilhões, 119ª) e Hering (R$ 1,56 bilhões, 465ª). As duas primeiras não surgiram na região, mas entram na lista por manterem sedes administrativas aqui, Gaspar, no caso da Bunge e Itajaí, em relação à BRF. As duas últimas, estas sim, são legítimas nascidas em Brusque e Blumenau, respectivamente.

Transporte de cargas
A Azul Cargo está inaugurando, no bairro Santa Rita, em Brusque. A empresa é uma representação de um dos braços da Azul Linhas Aéreas e vai ser a primeira no município desde o encerramento das atividades da Varig. A Azul Cargo trabalha com entregas de encomendas express, atendendo pessoas físicas e jurídicas. Com uma representação no município, o atendimento será mais flexível, pois a base da empresa será na cidade, com serviço diário das 8h às 18h. Para embarque da encomenda no mesmo dia, serão aceitos até as 16h.

Ações trabalhistas
Ações trabalhistas podem ser utilizadas pelo segurado do INSS ao pedir a aposentadoria ou ao solicitar a revisão do benefício. Assim, verbas que não foram pagas por um ex-patrão, como férias e horas extras, e posteriormente foram concedidas por decisão da Justiça, entram no cálculo e aumentam a aposentadoria.

FGTS atrasado
Mais de 8 milhões de brasileiros estão com o depósito do FGTS atrasado, segundo a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. Existem cerca de 225 mil patrões devedores do FGTS inscritos na dívida ativa da União, com um débito que gira em torno de R$ 32 bilhões. Com as liberações do Fundo, é importante saber se não é sua grana que está sendo desfalcada. Se a empresa não fizer o depósito, você não terá nada a receber e perderá a oportunidade. A recomendação é sempre acompanhar se o patrão está depositando o FGTS. A empresa deve recolher mensalmente no FGTS o valor de 8% sobre o salário bruto e qualquer outro tipo de remuneração extra.

Investimento chinês
O secretário de Turismo e Lazer de Blumenau fez contatos com investidores, apresentando o pacote de concessões que o município lançou no final de julho. O roteiro incluiu Brusque (Havan) e ao Centro Intercâmbio Comercial Brasil-China. Se em Brusque ouviu que o dono da Havan não tem interesse imediato em participar, de São Paulo trouxe a promessa de uma visita de empresários chineses a Blumenau. Uma comitiva deve vir acompanhar a abertura da Oktoberfest, dia 9 de outubro. Será uma oportunidade para apresentar em detalhes a cidade as alternativas de concessões. Outros empresários já manifestaram interesse nos projetos, segundo o secretário.

Mundo dos tecidos
Há uma linha condutora nas histórias dos empreendedores do design artesanal contemporâneo que passa pelo desejo incontrolável de produzir algo a partir de suas vivências pessoais. Foi assim que surgiu a Stampa, criada por Camila Menezes, depois de mais de 15 anos de uma vida nômade pelo mundo. Ela não estudou moda, mas as temporadas entre a Europa, a Ásia e a Índia lhe apresentaram uma gama de produção têxtil que não passou despercebida. A partir daí, já instalada em Florianópolis, montou a marca que produz peças artesanais e exclusivas com tecidos trazidos e enviados por amigos. Desenvolver uma marca é muito gratificante, comenta.

Moda e arquitetura
Nascida em Florianópolis, a design Gabriela Faraco começou a montar as suas bijus há 20 anos, em casa mesmo. A mãe vendia para as tias e a mesma, na época com 14 anos, vendia para as amigas no colégio. Típica história de adolescente que poderia ter caído no esquecimento, caso o talento já não fosse nato. Hoje Gabi cria quatro coleções ao ano, vende para lojas de todo o Brasil e no exterior, como Miami e Amsterdan e toca uma loja no centro da capital. A intenção é estar presente em mais de 300 pontos de vendas no Brasil em dois anos. Atualmente, se estrutura para abrir franquias.

Ronco e apneia do sono
O ronco é um dos principais sinais de indicação de Apneia do Sono, quando não tratada pode desenvolver problemas de saúde potencialmente graves relacionados à síndrome metabólica, diabetes tipo II, pressão alta, doenças cardiovasculares (como infarto e arritmia cardíaca), AVC (acidente vascular cerebral) e obesidade. A Sonomax está aparelhada para cuidar do seu sono. Marque uma consulta com a fisioterapeuta, na rua Alvin Bauer, 655 sala 01, em Balneário Camboriú. Telefone 99251-7205, fale com Tatiane Kremer.

Cultura da sentença
O Judiciário brasileiro precisa abandonar a “cultura da sentença” para ser uma instância que encontra soluções para conflitos entre pessoas, entre empresas, defende o presidente do STF. Segundo o ministro, ainda prevalece no Brasil a “visão míope de que a Justiça é uma instância para resolver processos”. O foco não deveria ser quem perde e quem ganha, quem está certo e quem está errado, mas a pacificação do conflito da forma que melhor atender aos interesses dos envolvidos.

Conciliação
A obrigação de nossa profissão, segundo o ministro, é o de sermos conciliadores de conflitos humanos. Para cumprir com nossas obrigações tradicionais, devemos fornecer mecanismos que possam produzir resultados aceitáveis no menor tempo possível, com o menor gasto possível e com o menor nível de desgaste possível para os envolvidos. Isso é Justiça.

Negativa
A família herdeira do Beto Carrero desistiu de vender o parque, segundo informações publicadas na última semana pelo jornal O Estado de São Paulo. Nos últimos meses, o complexo de entretenimento de Penha teria sido alvo de propostas que chegaram a R$ 1 bilhão. A direção, por outro lado, sempre negou que a operação estivesse à venda.

Mais em conta
Em agosto, o tomate caiu -24,49%, seguido por passagens aéreas, com corte de -15,66% e pela batata-inglesa, que diminuiu -9,11%. A gasolina ficou -0,45% mais em conta, segundo a inflação oficial do país, medida pelo IBGE. Já a cebola, frutas, etanol e conta de luz ficaram mais caros. O IPCA desacelerou para 0,11% em agosto, abaixo da taxa de 0,19% registrada em julho.

Fim da estabilidade
Em fase de ajustes finais, a reforma administrativa que será apresentada pelo governo deve prever o fim da estabilidade para a maioria dos servidores públicos, uma drástica redução no número de carreiras, salários mais alinhados com o setor privado, rigorosa avaliação de desempenho e travas para as promoções. O pacote será enviado ao Congresso ainda neste semestre. As principais mudanças valerão só para quem se tornar servidor após a aprovação. Os atuais também serão afetados, mas por mudanças pontuais. Será criado um novo formato de contratação por tempo indeterminado sem essa proteção que hoje dificulta as demissões.

Acidente de trabalho
O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu que o empregador tem responsabilidade civil em acidente de trabalho em atividades de risco. Assim, o trabalhador terá direito de receber indenização acidentária e civil.

Chance de se aposentar
Para ampliar as suas chances de conseguir a aposentadoria ou uma revisão, o trabalhador pode incluir no processo uma carta ao INSS detalhando a sua situação. É possível, por exemplo, explicar um processo trabalhista que pode melhorar a média salarial do segurado.

Gestão participativa
Itajaí é a primeira cidade do país a desenvolver uma ferramenta online de gestão participativa. O modelo é inspirado em Madrid, capital da Espanha, e permite que os moradores opinem em tempo real sobre diferentes assuntos que estão em debate na prefeitura. É um novo jeito de exercitar a democracia. O site itajaidecide.com.br estreou perguntando o que o cidadão pensa sobre o transporte coletivo e soluções para a mobilidade urbana. O espaço é aberto para opinar, como um fórum online.

Para garantir aposentadoria
Segurados do INSS têm de fazer a atualização cadastral a cada 12 meses, sob o risco de terem o benefício bloqueado, suspenso ou cortado. Atualmente, 2 milhões não fizeram a prova de vida. Em geral, o segurado faz o recadastramento no banco onde recebe. Recentemente, o INSS definiu casos em que não é preciso ir até a agência bancária.

Proibição de cartazes e placas
A Coordenadoria de Fiscalização e a Coordenadoria de Placas do Instituto Brusquense de Planejamento realizam desde o início do ano campanha com o comércio central para o cumprimento da Lei Complementar 139/2008, referente à proibição de cartazes e placas de publicidade em calçadas, postes e muros. A medida visa garantir o deslocamento sem obstáculos dos pedestres e diminuir a poluição visual. Perguntar não ofende: como ficam as bicicletas sobre as calçadas em plenas ruas do centro de Brusque?

Falência
A Metalúrgica Duque, uma das mais tradicionais indústrias de Joinville, teve a falência decretada na última semana pela Justiça. A medida já era esperada depois que os credores rejeitaram, em abril, o plano de recuperação judicial proposto pela empresa.

Premiação internacional
A Zen, empresa do setor metalmecânico de Brusque, foi indicada como finalista do Global Kaizen Award, um dos maiores prêmios internacionais destinados a reconhecer práticas de melhoria continua aplicadas por meio da filosofia Lean. “Este é um motivo de orgulho para Brusque e toda Santa Catarina, afinal uma empresa catarinense representará o Brasil numa importante premiação mundial. Junto à Zen, por exemplo, concorrem grandes empresas representantes de outros países, como a italiana Ducati Motor e a portuguesa Galp”, comemora a empresa, em nota divulgada recentemente.

Girassol
Todas as manhãs o girassol parte em busca do sol, seguindo a luminosidade insistentemente, porque precisa dela para crescer e florescer. Mesmo quando o sol está escondido entre as nuvens, a flor gira persistente, apesar da dificuldade, em direção à luz. Em alusão a esse comportamento da natureza, o girassol foi escolhido como símbolo da campanha. Na Direção da Vida – Depressão sem Tabu, iniciativa do movimento mundial Setembro Amarelo, que tem o objetivo de abrir o diálogo e alertar a sociedade sobre o tema.

Devedor contumaz
Quem não conhece algum velhaco na vida, aquele que não paga o que deve, mesmo em condições de fazê-lo? Pois a vida destes tipos repugnantes tende a não ficar mais tão fácil. Uma comissão especial do Congresso analisou o projeto do Executivo 1646/19 em sua primeira audiência pública. O projeto quer punir o devedor contumaz, aquele que extrapola os limites da inadimplência e se situa no campo da ilicitude e que tem por principal estratégia de negócio burlar as obrigações tributárias.

Fábrica na China
A WEG inaugurou sua quarta fábrica na China. Voltada para a produção de equipamentos de automação industrial, amplia o portfólio de produtos no país. Situada em Changzhou, província de Jiangsu, onde a WEG possui outras duas unidades de fabricação de motores elétricos e componentes, a nova unidade tem 14.500 m2 de área construída e nesta primeira fase produzirá inversores de frequência de baixa tensão, mini-disjuntores e dispositivos diferenciais-residuais. Ao todo a companhia emprega 2.200 pessoas na China. A WEG é uma das mais importantes multinacionais do Brasil e tem atividades em diferentes continentes.

Escândalo
Estourou como uma bomba política em Balneário Camboriú a notícia sobre a aquisição do helicóptero PR-HGH pela Polícia Militar. O aparelho, comprado da Helisul pela Volare Táxi Aéreo por R$ 680 mil foi adquirido pela PM por R$ 8,3 milhões. Helisul e Volare são do mesmo grupo.

Valor da aposentadoria
Ao se aposentar pelo INSS, o trabalhador que não concordar com o valor do benefício concedido pode contestar o cálculo e até desistir da aposentadoria se achar que é melhor continuar na ativa. O pedido de revisão do valor deve ser feito diretamente ao INSS. Durante a análise da solicitação, o trabalhador não pode sacar o benefício.

Ótima Moderna
A Ótima Moderna está abrindo nova loja em Guabiruba. Atuando há 56 anos no mercado, a empresa tem como carro chefe a confecção e venda de óculos, mas também atua no ramo de joalheira e relojoaria. Atualmente, conta com duas unidades em Brusque e uma em Nova Trento.

Sulfabril
Caberá ao professor Edson Roberto Scharf (Furb) a responsabilidade de fazer uma nova análise sobre o valor da marca Sulfabril. Ele foi nomeado para o trabalho pela juíza Quitéria Tamanini Peres, na mesma decisão da magistrada que determinou um novo pagamento aos ex-funcionários. O prazo para a apresentação do laudo é de 60 dias. Assim que essa perícia for concluída, um novo leilão da marca Sulfabril será marcada. A expectativa é que isso aconteça ainda em 2019.

Difícil retomada
Não bastasse a fraca procura interna por produtos e serviços a economia brasileira encontra, no cenário externo, dificuldade adicional a sua tentativa de retomada. Sem sinais de trégua na guerra comercial entre EUA e China, o crescimento do PIB mundial deve perder fôlego, o que acende a ameaça de crise global nos próximos anos. Além de provocar efeitos no mercado financeiro, com a desvalorização do real frente ao dólar, o quadro tende a abalar exportações de países emergentes, como é o caso do Brasil. Os temores ganham força no momento em que a economia nacional ainda patina. No segundo trimestre, o PIB do país avançou 0,4%, conforme dados do IBGE. Apesar de ter afastado o fantasma da recessão técnica, o resultado reforça a leitura de que a reação caminha a passos lentos.

Sistema de monitoramento
A empresa brusquense Pros & Vigs, que atua no ramo de monitoramento, tem expandido atividades na região. A empresa criou uma central de monitoramento com câmeras que possuem tecnologia de reconhecimento ótico de caracteres que está sendo utilizado pela Prefeitura de Navegantes para vigilância, assim como pelas polícias, na investigação de crimes, já que o sistema permite detectar placas de veículos, sua situação, se alvo de furto ou roubo, assim como identificar pessoas.

Grande Hotel
O novo empreendedor do Grande Hotel é do Grupo Paraíso, que atua no ramo hoteleiro em Rondônia e Ceará, além de atuar no comércio varejista com 10 lojas na região Norte. Em Blumenau, a intensão é instalar um novo hotel. Ainda não sabem quanto vão investir para renovar completamente o prédio, mas arriscam prever que o novo empreendimento pode ser inaugurado em três anos.

Souza Cruz
A Souza Cruz comunicou o encerramento das atividades da unidade de Blumenau. A medida faz parte de uma reestruturação do negócio, viando alcançar maior competitividade na operação. A empresa também anunciou que vai desativar o posto de compra localizado em Sombrio, no Sul do Estado. A compra de tabaco dos produtores na região será redistribuída para o novo posto de Timbó e outras unidades da companhia no Rio Grande do Sul e no Paraná, de acordo com a melhor opção logística para os 8 mil produtores integrados no Estado. O processamento do tabaco será direcionado para as plantas de Rio Negro (PR) e Santa Cruz do Sul (RS), que têm estrutura para suprir a demanda. Além dos 71 funcionários efetivos, a empresa gerava centenas de empregos temporários durante a safra do tabaco, em Blumenau. Foram 745 vagas em 2018 e 760 neste ano. São postos de trabalho, ainda que sazonais, que deixarão de abrir a partir de 2020.

Fugindo da reforma
Com a reforma cada vez mais perto de entrar em vigor, segurados do INSS buscam meios de aumentar o tempo de contribuição para conseguir regras mais brandas. Pagar contribuições atrasadas pode melhorar o cálculo do trabalhador, mas é preciso ficar atento para não perder grana. Algumas dicas são quitar períodos curtos, pagar débitos à vista, analisar a dívida com cautela e até mesmo parcelá-la.

Turismo
O trade turístico do Bombinhas trouxe à cidade representantes de alguns dos maiores players do setor no país para a estreia do projeto Visite Bombinhas. A ideia é colocar a cidade, frequentemente na lista das melhores praias do Brasil, a na linha de frente dos pacotes de viagem.

Desemprego em queda
A taxa de desemprego no país recuou para 11,8% no trimestre finalizado em julho deste ano. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, divulgada pelo IBGE, a taxa é inferior aos 12,5% do trimestre encerrado em abril deste ano e aos 12,3% de julho de 2018. A população desocupada ficou em 12,6 milhões de pessoas no trimestre finalizado em julho, 4,6% abaixo do trimestre encerrado em abril (menos 609 mil pessoas). Estatisticamente estável em relação a igual período de 2018. Já a população ocupada ficou em 93,6 milhões de pessoas e chegou ao maior número da série histórica iniciada em 2012. 

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 10/09/2019 às 14h29 | acdiegoli@gmail.com

Economia na Semana

Aplicações Financeiras
O mês de agosto fechou com as seguintes alterações: CDI (+0,50%) acumulado no ano de (+4,18%); CDB (+0,45%) acumulado/ano (+4,08%); Poupança (+0,34%) acumulado/ano (+2,98%); Ibovespa (-0,67%) acumulado/ano (+15,07%); Dólar (+8,46%) acumulado/ano (+6,90%); Euro (+7,66%) acumulado/ano (+2,70%); Ouro (+17,95%) acumulado/ano (+34,13%); IGP-M (-0,67%) acumulado/ano (+4,09%). Últimos 12 meses, o IGP-M teve variação de (+4,95%) índice que servirá para reajuste dos alugueis em setembro deste ano.

Livro sobre Arbitragem
O desembargador aposentado Joel Figueira Junior será um dos palestrantes no IX Secmasc, que será realizado dias 26 e 27 de setembro em Palhoça (SC), na Unisul. Renomado desembargador catarinense, está iniciando sua atuação como árbitro e lança neste mês de setembro um livro de sua autoria intitulado “Arbitragem, um novo Modelo de Justiça”. As inscrições para o evento podem ser feitas pelo site: www.fecema.org.br/secmasc.

Argentina vive descontrole
O assunto mais recorrente nas ruas, mercados e cafés de Buenos Aires é como o país chegará até 10 de dezembro, quando assume o novo presidente. O atual presidente encontra-se desmoralizado. Apenas as grandes redes, como Carrefour e Coto, respeitam o congelamento de preços. Os produtos que são vendidos a menor preço estão em geral em estantes separadas, num canto dos mercados. Já nos supermercados chineses ou pequenos mercados, onde a maioria da população de classe média faz suas compras, não há controle. Ninguém fiscaliza. O mesmo ocorre em bares e restaurantes sobre os quais não há regras estipuladas de congelamento de preço. Uma refeição para duas pessoas num restaurante de Palermo, sem bebida, não sai por menos de 1.800 pesos. Há poucas semanas atrás, por 1.200 pesos era possível comer bem e tomar uma garrafa de vinho.

Sul reage
O Boletim Regional Porto Alegre, do Banco Central, anima: enquanto o ritmo da atividade econômica no resto do Brasil é quase desolador, os números de SC, Paraná e Rio Grande do Sul são mais animadores. O Índice de Atividade Econômica aponta 3,1% nos últimos 12 meses, quase o dobro da região Centro-Oeste (1,6%).

Dudalina
O número de lojas da marca Dudalina mantidas pela varejista Restoque em todo o país ao final do primeiro semestre deste ano era de 66. São oito a menos do que havia no mesmo período de 2018.

Indicadores
O índice de produção da indústria brasileira subiu 9,6 pontos em julho frente a junho, atingindo a marca de 53 pontos. O indicador está cinco pontos acima da média histórica e é o maior desde outubro do ano passado, segundo dados divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Novo Centro
A catarinense Aurora acaba de inaugurar o Centro de Distribuição e Logística em Arujá, na região de Guarulhos (SP). Investimentos de R$ 130 milhões, com geração de 300 empregos diretos e 600 indiretos. Tem área construída de 23.660 m2 em terreno de 191,5 mil m2.

Exclusividade
Os vários de fabricantes de prosecco em SC, tidos como os melhores do Brasil e até premiados internacionalmente, não sabem ainda o que fazer diante de um impasse. Com a formalização do tratado de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia, será chamada prosecco apenas a bebida fabricada pelos italianos. O tratado prevê a exclusividade de nomes às regiões de origem. Compensatoriamente, será chamada cachaça só a bebida produzida no Brasil. O mais provável é que o prosecco receba uma adaptação e se encaixe como espumante, expressão genérica que também é usada pelos brasileiros para a champanhe.

Aposentados que trabalham
Toda a grana guardada no FGTS é liberada assim que o trabalhador consegue sua aposentadoria e fica mais fácil sacar os novos depósitos para quem continua trabalhando. Em caso de demissão, há garantia da multa de 40% sobre o período trabalhado. Quem pagava parte do plano de saúde da empresa pode manter a cobertura médica.

Inflação do aluguel
O IGP-M (Índice Geral de Preços-Mercado), índice usado para reajustar a maior dos contratos de aluguel no país, caiu 0,67% em agosto e fechou os últimos 12 meses cotado a 4,95%. O percentual é inferior a julho, quando a taxa foi de 0,40%. No ano, o IGP-M acumula alta de 4,09%. Em agosto de 2018, o índice havia subido 0,70% no mês e acumulava alta de 8,89% em 12 meses. O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, caiu 1,14%.

Novo prazo dos precatórios
O Senado Federal prepara uma moratória no pagamento de precatórios com potencial para prejudicar mais de um milhão de credores no país. Há casos de pessoas que aguardam desde os anos 80. Se aprovada, será a sexta moratória. A última foi há menos de dois anos.

Sem boné
Foi publicada pelo Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJ-SC) uma resolução que define diretrizes de segurança em todas as unidades judiciárias e administrativa do Estado. Entre as novas normas, há a proibição do acesso a fóruns com uso de bonés e gorros. O texto proíbe, a partir de 23 de setembro, o uso de bonés, gorros ou outros itens de uso na região na cabeça. Isso porque, segundo o TJ-SC, estes artigos atrapalham o reconhecimento em sistemas de videomonitoramento.

Outras definições
O texto afirma ainda que “independentemente do cargo, função ou profissão, todas as pessoas que queiram ter acesso às unidades judiciárias e administrativas do poder judiciário deverão se submeter a identificação e cadastramento em meio eletrônico, preferencialmente, ou em livros próprios e à inspeção de segurança pessoal, de objetos, de volumes e de bagagens pelos instrumentos de detecção eletrônica, a fim de identificar itens que coloquem em risco a integridade física ou o patrimônio público”.

Revisões milionárias
O segurado que está aposentado pode ter direito a uma revisão seja porque o INSS errou no cálculo ou porque ele mesmo conseguiu novos documentos. Algumas revisões garantem uma bolada em atrasados, como a do teto para benefícios concedidos entre 1988 e 1991, a do buraco negro, em 1992, ou uma combinação de revisões.

Trégua comercial
Após duas semanas muitos ruins, a Bolsa brasileira teve boa alta na última semana por conta do cenário mais tranquilo no exterior. Por incrível que pareça, Trump (EUA) indicou avanços nas negociações com os chineses, o que trouxe alívio ao mercado, mesmo que as taxas às exportações de ambos os países continuem de pé. Internamente, a economia brasileira finalmente mostrou números positivos. Ainda é cedo para comemorar, mas depois de muito tempo o PIB surpreendeu positivamente. O desemprego também reforçou o otimismo, já o IGP-M pede cautela. A Oi dispara quase 50% em meio a sinalizações de uma possível aquisição pela americana AT&T.

Mais lojas em Joinville
A Havan tem ambicioso plano de expansão para Joinville. A rede de lojas de departamentos, com sede em Brusque, planeja abrir mais três lojas no maior município de SC. Uma delas, na avenida Santa Catarina, região Sul, um projeto antigo, que ainda não se efetivou porque há a necessidade de obter licença ambiental para o empreendimento por parte da prefeitura. As outras duas unidades futuras na cidade serão erguidas nos bairros Costa e Silva e Aventureiro, mas não há data de inauguração prevista. No total, estes investimentos vão somar R$ 100 milhões. Em Santa Catarina, a Havan ainda vai abrir estabelecimentos em Balneário Camboriú, no dia 28 de setembro, e mais uma em Itajaí que será inaugurada em 26 de outubro. Também estão no radar do grupo outras unidades em Florianópolis (Ilha Shopping e Campeche) e mais uma em Palhoça, estas ainda sem data definida para começar.

Vida centenária
Estilo de vida influencia mais que a genética, medicina avança e a chance de ultrapassar a marca dos 100 anos de idade cresce a cada dia. A medicina avança diariamente e até as estatísticas apontam que a chance de chegar lá aumenta a cada década. Mas quem quer passar dos 100 anos precisa se cuidar desde já. Na pior das hipóteses, caso não atinja essa meta que é para poucos, terá uma velhice bem mais saudável. A chance de se tornar centenário vem dos hábitos do dia a dia. Quanto mais cedo puder ter um estilo de vida saudável, maior a possibilidade de chegar com mais reservas funcionais e estar bem. Em resumo, beber muito e acender um cigarro atrás do outro são vícios que não vão prolongar a vida de ninguém, mesmo com boa vontade dos gens.

Cheque especial
Estão em vigor, desde julho, as novas regras para o uso do cheque especial. Os clientes que utilizarem mais de 15% do limite de crédito concedido pelo banco por 30 dias seguidos serão convidados a optarem por outra forma de financiamento menos cara. O cheque especial e o cartão de crédito são as duas modalidades que mais corroem as finanças pessoais.

Turismo
Cidades da região Costa Verde & Mar tiveram “upgrade” na classificação de desempenho no Mapa do Turismo Brasileiro, do Ministério do Turismo. Itapema, que era categoria B, passou para A, que representa os municípios com maior fluxo turístico e número de empregos e estabelecimentos no setor de hospedagem. Já estão nesta categoria, em SC, as cidades de Balneário Camboriú, Bombinhas, Florianópolis e Joinville. Os municípios de Navegantes, Balneário Piçarras também subiram de categoria: passaram de C para B.

Espantoso
Espantosa, pelos volumes anunciados, a Operação Alba Virus, realizada pela Polícia Federal, para desarticular um grupo de traficantes de drogas que enviou ao menos seis toneladas de cocaína para países da Europa por meio dos portos de Navegantes, Santos e Paranaguá. Mobilizou 180 agentes para cumprimento de 18 mandados de prisão temporária e 42 buscas, em várias cidades de país, incluindo Balneário Camboriú, Itajaí, Blumenau, Balneário Piçarras e Ilhota.

Investimentos
Entre 2011 e 2018 os imigrantes residentes no Brasil investiram mais de R$ 1,5 bilhão em negócios no País, conforme o Observatório das Migrações Internacionais (OBMigra) e dados sobre fluxos migratórios do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Apenas no ano passado foram mais de R$ 180 milhões aplicados em diversos setores.

Aposentadoria especial
Quem trabalhou em condições prejudiciais à saúde até 1995 pode incluir o período especial e antecipar a aposentadoria se provar que a atividade era parecida com uma das profissões que estão na lista do INSS. A Turma Nacional de Uniformização (TNU), dos Juizados Especiais Federais, garante o direito para quem comprovar essa similaridade.

Emprego para jovens
O governo federal lançará um modelo de contrato inédito no país para tentar aumentar a chance de emprego de jovens de baixa renda. Na iniciativa, chamada de contrato de impacto social, uma organização privada será responsável por qualificar mil jovens de forma a que eles consigam trabalho e se mantenham nas vagas por pelo menos quatro meses. A entidade só será paga se um avaliador independente comprovar que as metas foram cumpridas. Comum em vários países, o modelo não deslanchou nas duas vezes em que foi tentado no Brasil.

Aposentadoria automática
Desde maio de 2019, o INSS concede aposentadorias e pensões sem o segurado precisar ir até uma agência. O novo sistema exige mais cuidado na hora de verificar o cálculo e de selecionar os documentos a serem enviados pela internet. Além de conferir se há erro ou se aparecem pendências no cadastro de contribuições, é preciso atenção ao agendar o benefício na internet. No agendamento, o segurado tem de responder a algumas perguntas e, após essa etapa, também há a opção de enviar documentos. Se o trabalhador informou que já foi servidor, por exemplo, deve encaminhar a certidão do órgão que trabalhava.

SOS Joinville
A reestruturação do Joinville Esporte Clube foi abordada recentemente numa reunião da Associação Empresarial. Na pauta discutiu-se a grave crise financeira do clube. O evento aconteceu dia 26 de agosto e movimentou todo o potencial empresarial da maior cidade do Estado de SC.

Economia menos ruim (1)
Muita gente comemorou o resultado geral da economia do país, que demonstrou crescimento de 0,4% no segundo trimestre, em comparação com o primeiro. Mas isso é bom mesmo? O número foi de fato melhor do que o 0,2% esperado, mas essa diferença pequena depois da vírgula tem muito pouco efeito na vida real. Boa parte do alívio aconteceu porque não veio um valor negativo, que mostraria a renda do país encolhendo mais uma vez. De janeiro a março ocorreu queda de 0,1%. Já havia quem tivesse medo de uma recaída na recessão, que acontece quando toda a economia piora por um período prolongado. Esse risco parece afastado, pelo menos por ora. Os dados do IBGE apontaram até uma boa melhora nos investimentos (os gastos com obras e compra de equipamentos), que aumentaram 3,2%.

Economia menos ruim (2)
Mas, olhando para o quadro geral, não há muito a celebrar. O Brasil continua crescendo num ritmo em torno de 1% ao ano, o que é uma mixaria, ainda mais, depois da crise de 2014/2016, quando houve um empobrecimento. Antes da recessão, desempenho a ser comemorado era de 4% ao ano para cima. Hoje existe torcida para que o número chegue aos 2% em 2020. Mas nem assim conseguiremos retornar o nível de renda de 2013. É muito tempo perdido. Com o governo sem grana, o impulso precisa vir do setor privado. Por isso é importante liberar para empresas a exploração de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos, por exemplo. Os juros também precisam baixar mais. O governo pode até comemorar o 0,4%, mas não deveria se conformar com tão pouco.

Agora é regra
Segundo o governo federal, o presidente ao assinar a MP 891/2019, transformou a antecipação dos pagamentos em regra. Anteriormente, a gratificação em agosto era determinada com assinatura de decreto presidencial a cada ano. Com a medida, a partir de agora, haverá previsibilidade para que, no futuro, os aposentados e pensionistas do INSS possam se programar, uma vez que terão uma garantia real de que receberão esse adiantamento no mês de agosto.

Cebola
A Epagri recebeu na última semana cerca de R$ 430 mil em royalties sobre a comercialização de duas variedades de cebola desenvolvidas pela empresa em Ituporanga (SC). Os recursos serão usados para custear novas pesquisas. Santa Catarina é o maior produtor brasileiro do bulbo, em torno de 500 mil toneladas a cada colheita. A cultura movimenta cerca de R$ 370 milhões por ano em SC.

Arrecadação em alta
A arrecadação das receitas federais somou R$ 137,7 bilhões em julho de 2019, segundo a Secretaria da Receita Federal do Ministério da Economia. O crescimento real (descontada a inflação) comparado ao mesmo mês de 2018, chegou a 2,95%. É o maior resultado para o mês desde julho de 2011 (R$ 141,8 bilhões). O resultado do mês foi influenciado por eventos atípicos. O principal motivo foi aumento da arrecadação de receitas extraordinárias de aproximadamente R$ 3,2 bilhões com Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido. Isso aconteceu devido a reorganizações societárias, em que há incidência dos tributos sobre o ganho de capital com a nova organização societária das empresas. Também houve influência do crescimento da arrecadação de depósitos judiciais.

Koch em Brusque
Com 23 lojas em SC, a rede de supermercados Koch pretende inaugurar uma filial em Brusque no primeiro semestre de 2020. A loja ficará localizada nas proximidades da ponte do Trabalhador, no bairro Santa Rita, em um terreno de 17 mil m2.

Veículos
O superintendente do Porto de Itajaí e o diretor superintendente da APM Terminais apresentaram o potencial do terminal à Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), em Moema (SP). A ideia é captar novas operações de importação de carros para o terminal, que já atende à GM.

No ranking
Em 2018 a Clamed (marcas Drogaria Catarinense e Preço Popular, entre outras) ultrapassou a marca de 500 lojas em mais de 150 cidades das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste, com faturamento de R$ 2,19 bilhões. A perspectiva para 2019 é consolidar a presença das marcas nos locais onde já está presente com a abertura de 70 novas lojas. A meta é faturar R$ 2,4 bilhões este ano. O grupo figura na posição 306 no ranking das maiores e melhores empresas da revista Exame.

Mais tempo
A Caixa prorrogou até o fim do ano o prazo para empresas e pessoas físicas renegociarem suas dívidas com o banco.

No ar
O turismo catarinense pode festejar. A companhia aérea chilena JetSmart, pediu autorização à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para iniciar operações no Brasil. Se junta à companhia de baixa tarifa e custo Sky Airline, que já tem ligações de Santiago para Rio, São Paulo e Florianópolis. A capital catarinense também nas intenções das argentinas Flybondi e Avian.

Conforto
Lava um pouco a alma saber que a Advocacia-Geral da União está cobrando R$ 3,6 bilhões em 1.116 ações ajuizadas contra autores de irregularidades nos primeiros sete meses deste ano. Na lista estão ações de improbidade, execução de condenações impostas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e outros pedidos de ressarcimento ao erário e cobranças por ilícitos cometidos por ex-agentes públicos ou particulares.

Aumento populacional
Santa Catarina ganhou 89,2 mil habitantes no último ano. O dado da Pesquisa de Estimativa Populacional do IBGE aponta um crescimento de 1,3% na população do Estado, puxado especialmente por cidades do litoral e do Norte. Conforme o IBGE, 186 cidades catarinenses (63%) tiveram aumento na população, enquanto 101 (34%) perderam habitantes e oito (3%) mantiveram estabilidade populacional de 2018 para 2019. O destaque está com Araquari, que aumentou 3,9% em um ano, tendo a maior taxa de crescimento do Estado e a 23ª do Brasil. Entre as 10 maiores cidades, somente Lages perdeu habitantes. Brusque cresceu 2,23%, Guabiruba 2,4% e São João Batista 3,25% foram os destaques na região.

Mercado americano
Indústrias catarinenses tiveram a oportunidade de conhecer a SelectUSA, programa do governo norte-americano que incentiva a internacionalização dos negócios, em um encontro que aconteceu na última semana na Federação das Indústrias (Fiesc). Especialistas debateram as tendências para internacionalização.

Trabalho perigoso
Os trabalhadores de áreas insalubres terão regras mais duras na reforma da Previdência. Eles deixarão de ter o benefício integral, passarão a ter idade mínima e ainda ficarão sem a conversão do período especial em comum. Entre os afetados estão metalúrgicos, químicos, eletricitários, funcionários da saúde e de segurança patrimonial.

Fruki em SC
Três anos depois de atravessar pela primeira vez a fronteira e desembarcar com seus produtos em Santa Catarina, a Fruki, quase centenária indústria gaúcha de bebidas, vai reforçar sua presença no Estado com a abertura do Centro de Distribuição próprio. A estrutura funcionará em um galpão no bairro Itoupava Central, em Blumenau, que será o primeiro da Fruki fora do Rio Grande do Sul e vai empregar 40 pessoas.

OAB em Brusque
O presidente da seccional de Santa Catarina, Rafael Horn, esteve em Brusque na última semana, para mais uma edição dos projetos “Papo de Colega” e “Conversa com a Advocacia”. A proposta dos dois programas é estreitar os laços entre a seccional e os advogados do estado, ouvindo os profissionais mais jovens e os mais experientes sobre as necessidades e o mercado de trabalho.

Escrito por Augusto Cesar Diegoli, 03/09/2019 às 13h24 | acdiegoli@gmail.com



1 2 3 4 5 6

Augusto Cesar Diegoli

Assina a coluna Economia & Negócios

Contabilista aposentado, graduado em Direito pela Univali (ex-Fepevi), pós graduado em Direito tributário e Finanças Empresariais pela Furb, árbitro/mediador e diretor da Câmara de Mediação e Arbitragrem de Brusque e diretor da Facema - Federação Catarinense das Entidades de Mediação e Arbitragem.