Jornal Página 3
Coluna
Marisa Fernandes
Por Marisa Zanoni Fernandes

AMOR E DOR: UM SOPRO DE VIDA

No meio da noite, em uma sala do hospital, fazia frio e o local estava levemente escuro. Haviam pessoas vestidas de azul, sentia dores fortes ... em meio a este contexto, veio ela – minha/nossa filha. Olhos pequenos, pele rosada, poucos cabelos ... ela olhou para mim, eu para ela... a toquei, sorri e, assim, em meio as manifestações físicas: tremores, o pulsar do coração, a emoção, o amor.

Nascera então, aquela menina tão esperada.

DOR, AMOR pareciam completar-se antagonicamente, magicamente como tudo é assim:  múltiplo, único, fugaz, continuo, forte/fraco. A vida vem, a vida pulsa, a vida roda e a roda te possibilita encontros encantos.

O Amor e a dor te provocam, te desestabilizam, te tiram do fluxo comum e te permitem voar: assim, plenamente e consciente que és gente.

A capacidade de dar a vida te permite a experiência de dar valor a outras vidas.  Nesse movimento, não há hierarquia, há simetria, mas a insistência assimétrica te rouba a proximidade, a leveza e a beleza de ser igual.

Volto ao quarto da “luz”, retorno mais forte, mais corajosa, menos dor e permito resgatar a vida plena. Como um sopro de vento, como um primeiro respiro, encontro o ar que movimenta, que acalenta, que afugenta o medo. Abro assim, muitas portas, muitas janelas e com elas deixo a luz entrar, aquecer, alimentar a alma e a vida com amor e com dor.

O momento exige que voltemos para o quarto da “LUZ”,  para que possamos relembrar quem somos e como nossa existência e presença no mundo impactam na coletividade, na existência.
 
Fonte imagem: Gustavo Klimt 
 
Escrito por Marisa Zanoni Fernandes, 27/05/2019 às 14h01 | marisazf@hotmail.com



Marisa Zanoni Fernandes

Assina a coluna Marisa Fernandes

Ex-vereadora em Balneário Camboriú, é doutora em educação e professora universitária.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
Marisa Fernandes
Por Marisa Zanoni Fernandes

AMOR E DOR: UM SOPRO DE VIDA

No meio da noite, em uma sala do hospital, fazia frio e o local estava levemente escuro. Haviam pessoas vestidas de azul, sentia dores fortes ... em meio a este contexto, veio ela – minha/nossa filha. Olhos pequenos, pele rosada, poucos cabelos ... ela olhou para mim, eu para ela... a toquei, sorri e, assim, em meio as manifestações físicas: tremores, o pulsar do coração, a emoção, o amor.

Nascera então, aquela menina tão esperada.

DOR, AMOR pareciam completar-se antagonicamente, magicamente como tudo é assim:  múltiplo, único, fugaz, continuo, forte/fraco. A vida vem, a vida pulsa, a vida roda e a roda te possibilita encontros encantos.

O Amor e a dor te provocam, te desestabilizam, te tiram do fluxo comum e te permitem voar: assim, plenamente e consciente que és gente.

A capacidade de dar a vida te permite a experiência de dar valor a outras vidas.  Nesse movimento, não há hierarquia, há simetria, mas a insistência assimétrica te rouba a proximidade, a leveza e a beleza de ser igual.

Volto ao quarto da “luz”, retorno mais forte, mais corajosa, menos dor e permito resgatar a vida plena. Como um sopro de vento, como um primeiro respiro, encontro o ar que movimenta, que acalenta, que afugenta o medo. Abro assim, muitas portas, muitas janelas e com elas deixo a luz entrar, aquecer, alimentar a alma e a vida com amor e com dor.

O momento exige que voltemos para o quarto da “LUZ”,  para que possamos relembrar quem somos e como nossa existência e presença no mundo impactam na coletividade, na existência.
 
Fonte imagem: Gustavo Klimt 
 
Escrito por Marisa Zanoni Fernandes, 27/05/2019 às 14h01 | marisazf@hotmail.com



Marisa Zanoni Fernandes

Assina a coluna Marisa Fernandes

Ex-vereadora em Balneário Camboriú, é doutora em educação e professora universitária.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade