Jornal Página 3
Coluna
Mãe na Roda
Por Ana Paula Góis

Adolês: Língua viva, difícil, cheia de cultura!

Vivo sem grades e de portas abertas pro mundo e minhas conversas ‘filosóficas’ com meu filho de 12 anos me trazem diariamente uma realidade escancarada do que acontece na rua, na escola, lá fora, naquele mundo de portas fechadas.

Os adolescentes são os melhores comentaristas que já conheci. Têm uma opinião peculiar e sincera, mas que refletem exatamente o contexto cultural em que estamos inseridos.

Como ainda não são tão adultos, ainda têm poucos filtros e refletem a realidade que eles vêm lá fora, mas com os olhos que levaram aqui de dentro. Cada vez que meu filho narra um acontecimento da escola, percebo que ele viu aquilo por meus olhos e está apenas repetindo o meu padrão. As pessoas mudam o tempo todo e eu mudei muito da adolescência até aqui e continuo mudando.

Meu filho é agora a resposta do que já fui e será a resposta do que eu sou. Criar filhos é recriar-se todo o tempo. É buscar respostas para perguntas que você nem tinha.

Deleite-se com seu adolescente da mesma forma que fazia quando era bebê. Perceba o crescimento, a mudança na fala, a maneira como se desenvolve socialmente... continue olhando para o seu ‘bebê’ sem cobranças, como um ser em construção. Sintas os cheiros, escute os sons, ajude o a se respeitar e a conhecer seu corpo.

A adolescência é muito boa, mas sofrida também. Os adolescentes têm um tempo diferente. Um abraço apertado e um colo de mãe podem não ser mais tão bem vindos, mas a atenção sem cobranças de uma mãe e de um pai fazem toda a diferença nesta fase.

Lá fora já precisam competir e exibir suas ‘penas’ o tempo todo: que a sala seja o local mais aconchegante, que o banheiro de casa seja o melhor laxante e que o sorriso dos pais seja o melhor calmante.

Paz e bem!

Por uma humanidade mais fraterna.

Escrito por Ana Paula Góis, 02/03/2016 às 04h29 | conviteecia@hotmail.com



Ana Paula Góis

Assina a coluna Mãe na Roda














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
Mãe na Roda
Por Ana Paula Góis

Adolês: Língua viva, difícil, cheia de cultura!

Vivo sem grades e de portas abertas pro mundo e minhas conversas ‘filosóficas’ com meu filho de 12 anos me trazem diariamente uma realidade escancarada do que acontece na rua, na escola, lá fora, naquele mundo de portas fechadas.

Os adolescentes são os melhores comentaristas que já conheci. Têm uma opinião peculiar e sincera, mas que refletem exatamente o contexto cultural em que estamos inseridos.

Como ainda não são tão adultos, ainda têm poucos filtros e refletem a realidade que eles vêm lá fora, mas com os olhos que levaram aqui de dentro. Cada vez que meu filho narra um acontecimento da escola, percebo que ele viu aquilo por meus olhos e está apenas repetindo o meu padrão. As pessoas mudam o tempo todo e eu mudei muito da adolescência até aqui e continuo mudando.

Meu filho é agora a resposta do que já fui e será a resposta do que eu sou. Criar filhos é recriar-se todo o tempo. É buscar respostas para perguntas que você nem tinha.

Deleite-se com seu adolescente da mesma forma que fazia quando era bebê. Perceba o crescimento, a mudança na fala, a maneira como se desenvolve socialmente... continue olhando para o seu ‘bebê’ sem cobranças, como um ser em construção. Sintas os cheiros, escute os sons, ajude o a se respeitar e a conhecer seu corpo.

A adolescência é muito boa, mas sofrida também. Os adolescentes têm um tempo diferente. Um abraço apertado e um colo de mãe podem não ser mais tão bem vindos, mas a atenção sem cobranças de uma mãe e de um pai fazem toda a diferença nesta fase.

Lá fora já precisam competir e exibir suas ‘penas’ o tempo todo: que a sala seja o local mais aconchegante, que o banheiro de casa seja o melhor laxante e que o sorriso dos pais seja o melhor calmante.

Paz e bem!

Por uma humanidade mais fraterna.

Escrito por Ana Paula Góis, 02/03/2016 às 04h29 | conviteecia@hotmail.com



Ana Paula Góis

Assina a coluna Mãe na Roda