Jornal Página 3
Coluna
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA

 

INCHAÇO

Para uma cidade relativamente pequena como a nossa chama a atenção que a folha de pagamento consuma mais de 50% da arrecadação, e que tenhamos mais de 5000 funcionários públicos. O inchaço da máquina é impressionante e tem levado o município a viver no limite da lei de responsabilidade fiscal, que desde 2010 enquadra os poderes nas três esferas a se adequarem entre 50 e 60% da receita corrente liquida, caso contrário os governantes podem ser cassados e cumprir penas de 1 a 4 anos. Pra piorar existe um gatilho anual de reajustes em função do tempo de serviço dos funcionários, que por si só aumenta a folha independente do reajuste da categoria. Sabe quem paga essa conta? Você contribuinte.


DATAFOLHA

Pesquisa DataFolha indicou que 87% dos brasileiros apoiaram de alguma forma a greve dos caminhoneiros, da mesma forma os mesmos 87% responderam que não aceitam pagar a conta dos subsídios que o governo vai dar para baixar o litro do Diesel. Daí vem a pergunta que não quer calar? De onde os brasileiros acharam que sairiam os mais de 14 bilhões que vai custar a redução do Diesel? Do céu? De Marte? Do bolso dos políticos corruptos? Da diminuição de gastos dos três poderes? Não, vai sair da diminuição de gastos sociais, estradas, pontes, escolas, hospitais e etc. O governo não produz riquezas, só arrecada. Ou ainda, do aumento de impostos em outro lugar. Somos todos muito ingênuos. Essa conta vai cair na nossa cabeça. Aliás, já caiu.


DIA D0 SIM

Fotos: Jhonny Roedel

Para Mariana e Wilando foi em 26 de maio, após a cerimônia religiosa eles recepcionaram familiares e amigos no restaurante Indaiá em Itapema.

Com os pais do noivo, Dorly e Wilando Rahn.

As irmãs do noivo Mariane Rahn Forner e Marisa Rahn. Com o pai da noiva Mário Geraldo Belmiro (a mãe Tânia Espíndola Belmiro é falecida).


 Fotos: Marlise Schneider Cezar

Laka Fabris rasgou a folhinha e comemorou nova idade dia 31 de maio entre familiares e amigos. Na foto com a esposa Simone, os filhos Pri e Nando com sua namorada Jéssica.

O aniversariante abraçado pela mãe Sila e pelo irmão Gilmar 'Coati'


 

  V I T R I N E  

 

  • Rubens Spernau pra alegria de mais da metade da cidade voltou aos altos da Rua Dinamarca, num posto que conhece muito bem, o de secretário de planejamento. Depois de dar uma baita mão pra Paulinha em Bombinhas, Spernau vem socorrer o governo de Fabrício que começa a decolar. Promete agilizar o andamento de obras por toda cidade. Bagagem tem de sobra. 
  • A CIA a famosa agência central de inteligência americana abriu seus arquivos sobre o Brasil que contém relatos de seus embaixadores a época da ditadura. Se extrai dali que os milicos não eram tão santos assim e, entre muitas coisas reveladas, está a ordem de execução de adversários do regime e denúncias de que junto com ministros civis havia muita corrupção. Ou seja, o poder corrompe. Correr pra que lado? 
  • Dia 6 de junho a bem casada (Manuela) reuniu a família no restaurante mexicano Guacamole na Barra Sul para comemorar seu aniversário. Por lá a diversão é garantida e todo mundo sai pra lá de Bagdá. Via coluna meu desejo de vida longa e repleta de amigos, filhos, genros e netos, além do maridão é claro. Beijo grande nesse coração de ouro. Amor eterno. 
  • Feriado foi morninho e muita gente sentiu falta dos turistas que em função da greve e da falta de combustíveis cancelaram a vinda pra cá. A hotelaria que contava com 95% de reservas, contentou-se com 30%. Esse prejuízo vai levar um bom tempo pra ser recuperado. O berreiro é geral. 
  • Essa semana nas escadarias da Camvel batiam um papo os amigos Macita Werner (big boss da Camvel), Fernando Marchiori (chefão do setor de compras da prefa) e o advogado conhecido por Pingo (primeiro ministro). Na pauta entre outras coisas a administração municipal. Gente que trabalha pra cidade seguir seu rumo ao futuro com competência, trabalho e respeito a coisa pública. Gente do bem. 
  • Deputado estadual Leonel Pavan já se encontra no quarto e recupera-se lentamente do AVC que sofreu. Esse italiano é duro na queda. Família unida não saiu do seu lado um só minuto. Desejo pronta recuperação.

ESSE ANAO FAÇA CERTO. DIGA NÃO A CORRUPÇÃO. FAÇA A SUA PARTE. 


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 07/06/2018 às 09h07 | jonasramos3011@hotmail.com



Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA

 

INCHAÇO

Para uma cidade relativamente pequena como a nossa chama a atenção que a folha de pagamento consuma mais de 50% da arrecadação, e que tenhamos mais de 5000 funcionários públicos. O inchaço da máquina é impressionante e tem levado o município a viver no limite da lei de responsabilidade fiscal, que desde 2010 enquadra os poderes nas três esferas a se adequarem entre 50 e 60% da receita corrente liquida, caso contrário os governantes podem ser cassados e cumprir penas de 1 a 4 anos. Pra piorar existe um gatilho anual de reajustes em função do tempo de serviço dos funcionários, que por si só aumenta a folha independente do reajuste da categoria. Sabe quem paga essa conta? Você contribuinte.


DATAFOLHA

Pesquisa DataFolha indicou que 87% dos brasileiros apoiaram de alguma forma a greve dos caminhoneiros, da mesma forma os mesmos 87% responderam que não aceitam pagar a conta dos subsídios que o governo vai dar para baixar o litro do Diesel. Daí vem a pergunta que não quer calar? De onde os brasileiros acharam que sairiam os mais de 14 bilhões que vai custar a redução do Diesel? Do céu? De Marte? Do bolso dos políticos corruptos? Da diminuição de gastos dos três poderes? Não, vai sair da diminuição de gastos sociais, estradas, pontes, escolas, hospitais e etc. O governo não produz riquezas, só arrecada. Ou ainda, do aumento de impostos em outro lugar. Somos todos muito ingênuos. Essa conta vai cair na nossa cabeça. Aliás, já caiu.


DIA D0 SIM

Fotos: Jhonny Roedel

Para Mariana e Wilando foi em 26 de maio, após a cerimônia religiosa eles recepcionaram familiares e amigos no restaurante Indaiá em Itapema.

Com os pais do noivo, Dorly e Wilando Rahn.

As irmãs do noivo Mariane Rahn Forner e Marisa Rahn. Com o pai da noiva Mário Geraldo Belmiro (a mãe Tânia Espíndola Belmiro é falecida).


 Fotos: Marlise Schneider Cezar

Laka Fabris rasgou a folhinha e comemorou nova idade dia 31 de maio entre familiares e amigos. Na foto com a esposa Simone, os filhos Pri e Nando com sua namorada Jéssica.

O aniversariante abraçado pela mãe Sila e pelo irmão Gilmar 'Coati'


 

  V I T R I N E  

 

  • Rubens Spernau pra alegria de mais da metade da cidade voltou aos altos da Rua Dinamarca, num posto que conhece muito bem, o de secretário de planejamento. Depois de dar uma baita mão pra Paulinha em Bombinhas, Spernau vem socorrer o governo de Fabrício que começa a decolar. Promete agilizar o andamento de obras por toda cidade. Bagagem tem de sobra. 
  • A CIA a famosa agência central de inteligência americana abriu seus arquivos sobre o Brasil que contém relatos de seus embaixadores a época da ditadura. Se extrai dali que os milicos não eram tão santos assim e, entre muitas coisas reveladas, está a ordem de execução de adversários do regime e denúncias de que junto com ministros civis havia muita corrupção. Ou seja, o poder corrompe. Correr pra que lado? 
  • Dia 6 de junho a bem casada (Manuela) reuniu a família no restaurante mexicano Guacamole na Barra Sul para comemorar seu aniversário. Por lá a diversão é garantida e todo mundo sai pra lá de Bagdá. Via coluna meu desejo de vida longa e repleta de amigos, filhos, genros e netos, além do maridão é claro. Beijo grande nesse coração de ouro. Amor eterno. 
  • Feriado foi morninho e muita gente sentiu falta dos turistas que em função da greve e da falta de combustíveis cancelaram a vinda pra cá. A hotelaria que contava com 95% de reservas, contentou-se com 30%. Esse prejuízo vai levar um bom tempo pra ser recuperado. O berreiro é geral. 
  • Essa semana nas escadarias da Camvel batiam um papo os amigos Macita Werner (big boss da Camvel), Fernando Marchiori (chefão do setor de compras da prefa) e o advogado conhecido por Pingo (primeiro ministro). Na pauta entre outras coisas a administração municipal. Gente que trabalha pra cidade seguir seu rumo ao futuro com competência, trabalho e respeito a coisa pública. Gente do bem. 
  • Deputado estadual Leonel Pavan já se encontra no quarto e recupera-se lentamente do AVC que sofreu. Esse italiano é duro na queda. Família unida não saiu do seu lado um só minuto. Desejo pronta recuperação.

ESSE ANAO FAÇA CERTO. DIGA NÃO A CORRUPÇÃO. FAÇA A SUA PARTE. 


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 07/06/2018 às 09h07 | jonasramos3011@hotmail.com



Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade