Jornal Página 3
Coluna
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA

LULA LIVRE

Por mais que parecesse impossível aconteceu o que todo mundo temia, o ex-presidente Lula teve as sentenças aplicadas pelo juiz Sérgio Moro anuladas, e o processo agora recomeça na Vara Federal de Brasília, onde tudo pode acontecer. Inclusive a prescrição da maioria dos crimes, isso mesmo, Lula pode ao final desse novo processo, sair ileso de todos os crimes comprovados pela Lava Jato em Curitiba, e pior, rindo da cara de todo mundo. O PT tenta colar na população que Lula foi absolvido, quando na verdade, o processo foi apenas anulado. Esse assunto já é lugar comum, mas pra ninguém esquecer é sempre bom vir à tona. Ministro Edson Fachin dessa vez meteu os pés pelas mãos.

SUPERAÇÃO

Como no Brasil não há nada que não possa piorar, surpreendentemente a Ministra do STF Carmem Lúcia, até então um bastião da moralidade, trocou seu voto na última hora e emparelhada com os prós PT Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski mudou seu voto, e por 3x2 tornaram o ex-juiz Sérgio Moro imparcial no caso do triplex do Guarujá. Por essa nem os PTs de carteirinha esperavam. Como diz lá no interior “soltaram o boi com corda e tudo”. A insegurança jurídica permeia o judiciário brasileiro, principalmente na sua alta corte, onde voltar atrás num posicionamento está virando banalidade.

VITRINE

A polarização entre Lula e Bolsonaro não vai fazer bem ao país. São dois candidatos medíocres e que não vão trazer nada de melhor ao país. Precisamos buscar uma terceira via. Quem? Não sei, espero que apareça.

...

Bolsonaro após ver Lula ressuscitar e ver sua popularidade derreter por conta da má condução na pandemia, especialmente pelo mau exemplo, até então não usava máscara e promovia aglomerações, agora fala em vacinas e não vachinas e está até usando máscaras. Pressionado pelo centrão vai começar a demitir ministros e assessores próximos. O centrão é igual o nosso ego, não está satisfeito nunca. Tá feia a coisa.

...

Danilo Gentili que tem um pedido de prisão no STF por falar mal dos nossos congressistas, ao ser perguntado sobre o que fazer para evitar fake news, disse no programa Manhattan Connection da TV Cultura “saia dos grupos de WhatsApp”, esses grupos são disparado os maiores disseminadores de notícias falsas. De acordo. 

...

O ex-ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta havia previsto em janeiro que a transferência de pacientes infectados pela Covid-19 de Manaus para várias partes do Brasil, iria espalhar o vírus como rastilho de pólvora. Hoje 80% do vírus que circula pelo país é da variante de Manaus. O cara tava certo de novo. Socorro.

...

Empresários unidos buscam uma solução para as vacinas pelas mãos da iniciativa privada, mas esbarram na Lei aprovada recentemente no congresso, que obriga a quem adquiri-las a doar todas para o SUS. Somente após vacinados os grupos de risco é que poderiam usar 50% para uso próprio nas suas empresas. Se não mudarem a lei, vamos ficar nas mãos do Ministério da Saúde. Aí é o caos.

...

Os corruptos estão em festa porque nunca foi tão propício para eles colocarem as mãos no dinheiro público. A certeza da impunidade com o fim da operação Lava Jato (minada por todos os lados), deixa-os livres para agirem. Alguém lembra a última vez que a PF fez uma operação para levar empresários e políticos para cadeia? E não adianta pensar que é porque a corrupção acabou, é porque não há mais interesse que isso ocorra. Triste Brasil.

...

Você leitor do JP3 tem noção que o Brasil é hoje um pária internacional e nós não podemos entrar em praticamente nenhum país de primeiro mundo? A nossa condução da pandemia é tão catastrófica, que parecemos leprosos, ninguém nos quer por perto.

...  

Enquanto isso, o povo desesperado espera pela tão prometida chegada das vacinas. Perdemos o trem da história. Chegamos atrasados. Só Deus na causa.

...

Governador Dória está pautando as ações do governo federal. Primeiro falou que ia começar a vacinar o povo paulista e o governo federal se mexeu e requisitou todas as vacinas (que havia rejeitado) para o Ministério da Saúde. Agora Dória lançou a vacina Butanvac do Instituto Butantan em parceria com o hospital Mount Sinai de NY e o governo federal saiu correndo e apresentou a sua vacina Versamune. Bom pro povo que espera ansioso por vacinas que salvem vidas.


Esse ano faça certo. Use máscara. Faça a sua parte.

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 29/03/2021 às 17h10 | jonasramos3011@hotmail.com

Júlio Tedesco, perda irreparável

Essa semana tive um momento de grande tristeza quando soube que meu amigo de mais de 30 anos, Júlio Tedesco, havia nos deixado, vitimado por esse maldito vírus. No mesmo dia eu e minha esposa cumpríamos quarentena em casa, também por ter contraído a Covid-19.

Somos acostumados a conviver com as pessoas e acreditar que nada vai acontecer com elas, não somos preparados para administrar essas perdas, e na maioria das vezes ficamos em choque.

Júlio Tedesco consegue, a exemplo de alguns filhos adotivos dessa cidade, deixar um legado de benemerência e inovação. O Bondinho Aéreo e a Marina Tedesco são um divisor de águas na cidade. Deixa uma família maravilhosa que, com certeza, saberá levar adiante seus sonhos, e a dedicar à cidade todo o amor que ele tinha por ela.

Sentimento profundo de gratidão pelas oportunidades que me deu. Descanse em paz.


VARIANTES

O assunto da semana é a proliferação acelerada do vírus da Covid-19, como ainda não havíamos visto, e a certeza cada vez maior de que só estaremos a salvo quando formos vacinados em massa. A mutação do vírus é uma forma de ele sobreviver e se não o contermos rapidamente ele a cada dia ceifará mais e mais pessoas. É insaciável. Haja vista o que se vê no mundo todo. Não tem teoria que se sustente e quem negou ou continua negando a gravidade da pandemia só colabora para mantê-lo vivo. Cuide-se, faça a sua parte, não aglomere, porque o menor descuido pode ser fatal. Não brinque, leve muito a sério.


VITRINE

Circula na internet uma piadinha de mau gosto que diz “que o vírus não vai embora do Brasil tão cedo, ele é muito bem tratado por aqui”. Seria cômico, não fosse uma tragédia.

Todos os governantes, em todas as esferas de governo, desdenharam o poder do vírus e agora pagam um preço alto por terem pensado com a cabeça voltada às eleições. A economia é muito importante, mas sem pessoas vivas e saudáveis tem pouca utilidade. As medidas de isolamento e higienização são ainda a única forma de evitar a proliferação da Covid-19. O resto são teorias e ilações.

Fique esperto

Congresso nacional ou melhor dizendo a Câmara Dos Deputados a toque de caixa tenta passar a PEC da Imunidade, que já passou a ser chamada de PEC da Impunidade. O mundo todo correndo atrás de salvar vidas e os políticos em Brasília pensando em salvar o próprio pescoço. A capital federal é o câncer do Brasil.

A corrida atrás de vacinas está sendo liderada, pasmem, pelo senador pelo Amapá Randolfe Rodriguez, da Rede Sustentabilidade que, em tese, é opositora do governo federal. Juntamente com o novo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco aprovaram essa semana uma lei que permite com algumas ressalvas, a compra de vacinas pelos governos estaduais e municipais e, em alguns casos, por empresas particulares. Juntos lideraram uma reunião com os principais laboratórios que produzem vacinas no mundo. Ou seja, apesar de saber que se a vacinação der certo quem leva os louros será o Ministério da Saúde, resolveu abrir mão desse ganho político e pensou no seu país. Ganhou meu respeito.

Enquanto isso o ministro Pazuello está igual barata tonta correndo atrás do prejuízo, por ter deixado a boiada passar, ou melhor dizendo, deixar a compra das vacinas somente pra agora, quando o mundo todo já está vacinando e inclusive vem faltando vacinas. Se quem comprou antecipadamente, como Europa e EUA, não estão recebendo as doses prometidas, imagina quem ainda nem comprou. Quem tem memória lembra Bolsonaro falando que haveria filas de laboratórios pra nos vender vacinas. Cadê os vendedores? Esnobaram a Pfizer que nos ofereceu milhões de doses e agora estamos rastejando pra aceitar seus termos, que aliás mais de 69 países já aceitaram. Não é uma questão de política, é uma questão de vida. Basta falar com quem já perdeu alguém.

Esse ano faça certo. Use máscara. Faça distanciamento. Faça a sua parte.

 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 26/02/2021 às 16h19 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

FARRA DAS MOTOS

Dificilmente você vai achar alguém que não tenha uma queixa com relação a circulação das motos de entrega na cidade. Tamanho é o absurdo que os motoqueiros estão proporcionando ao circular pelas ruas em alta velocidade, buzinando no meio dos carros, andando na contramão e por cima das calçadas. Pra fazer uma entrega e voltar rápido pro QG eles estão pouco se lixando pras leis de trânsito. E quando alguém reclama o xingamento vem forte e em tom ameaçador. Alegam que a categoria é unida e que ninguém pode fazer nada. O pior é que parece verdade, visto que realmente as autoridades nada fazem. São poucos os que cumprem as leis na íntegra. Torcer pra não ser atropelado por um deles.


ELEIÇÕES

Essa semana o Brasil inteiro assistiu ao teatro montado no congresso nacional onde ocorria a eleição pra presidência da câmara e do senado. De um lado o até então todo poderoso deputado Rodrigo Maia – que achava que a câmara era dele- e de outro o centrão – agora aliado de Bolsonaro – que deu uma surra no candidato de Maia (baleia Rossi). No senado o jogo já tava todo combinado e Rodrigo Pacheco se elegeu facilmente. O Brasil é maior que Brasília e a esperança do povo é que os novos dirigentes das casas do povo e dos estados coloquem as tão necessárias reformas tributárias, fiscal e administrativa em andamento. Quem sabe assim o país sai mais rápido da crise que tá atolado. 2021 vai ser um ano difícil.


VITRINE


  • Essa semana um dos administradores da Big Wheel comentou que a iluminação noturna não está sendo usada a pedido do MP, que quer evitar aglomeração no seu entorno. Então tá.
  • A cidade há muito tempo vive de suas belezas naturais e das atrações que a toda hora aparecem. O alargamento acredito também entrará nesta lista e ficará marcado como um marco na cidade. Precisamos muito dessa obra que trará um novo folego pra praia. Que venha logo.
  • A queda nos preços das diárias dos hotéis tem ajudado o setor a atrair alguns turistas de última hora. As notícias de que Santa Catarina saiu da situação gravíssima no noticiário também tem ajudado. Sem carnaval e com muitos órgãos públicos cancelando o feriado de carnaval, deve diminuir a vinda de turistas nessa época tão esperada. Fazer o quê? Se agarrar no que pintar.
  • Quem conhece as paradisíacas praias de Porto Belo e região – leia-se Bombas, Bombinhas), comenta que a procura por aluguéis caiu mais de 60% e o ano pra quem vive dessa renda vai ser duro. A pandemia não poupa ninguém. O pau canta geral.
  • Semana que vem a ansiedade de pais e filhos deve diminuir um pouco com o retorno das aulas. A criançada não aguenta mais ficar em casa e os pais já não sabem o que fazer para entretê-los. Está difícil pros dois lados. Tomara que dê tudo certo.
  • Bolsonaro, o negacionista, esteve em Santa Catarina entregando viaturas compradas com as emendas da bancada catarinense, e pra variar, deu mau exemplo. Ele e seus ministros não usavam máscara. Não se trata de acreditar ou não. É pensar no coletivo. O exemplo é modelar. O cara não ajuda.
  • Cadê as vacinas? Sem elas não vamos poder circular livremente e abraçar e curtir amigos e familiares. # Eu quero vacina.

Esse ano faça certo. Use mascará. Faça a sua parte. 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 04/02/2021 às 23h40 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

EXEMPLO É MODELAR

Diz o ditado que em porteira que passa um boi passa uma boiada. Pois é o que vem ocorrendo nas calçadas da cidade. Alguns motoristas colocam o carro sobre o passeio colado na parede do condomínio, comércio etc. Na rua 2550 entre Brasil e Terceira Avenida começou atrás de uma pousada e agora o vizinho logo à frente também adotou a prática. Um pouco mais acima um comerciante colocou uma carretinha também em cima do passeio. Ou seja, se eles podem eu também posso. O mais incrível é que os agentes de trânsito passam por ali a bordo de seus veículos e nada fazem.

Com a palavra as autoridades de trânsito.

COVID-19

Uma grande parte do mundo já está vacinando sua população e trazendo uma esperança de que dias melhores estão por vir. Por aqui iniciamos timidamente por meio da vacina do Butantã, que tanta polêmica causou entre o governador de São Paulo, João Dória e o presidente Bolsonaro. Enquanto os dois faziam da pandemia uma antecipação das eleições de 2022, o mundo inteiro saiu à compra de vacinas e nós ficamos para trás. Agora estamos rastejando para China e para a Índia para nos fornecer os insumos necessários à produção das vacinas. Pra resumir, não temos, seringas, vacinas e nem governo.

É lamentável.


 

Essa semana meu irmão de coração Paulo Antonio comemorou idade nova. Vida longa e felicidades sempre!

 


VITRINE

*Bolsonaro e seus filhos falaram mal da China e da sua vacina. Os acusaram de criar a Covid-19 e começaram a chamá-la de gripe chinesa. Agora correm atrás dos chineses e fazem de conta que nada houve. O craque Romário tinha uma frase ótima para os bocudos “Tem gente que calado é um poeta”.

*A temporada despencou e as perspectivas não são nada favoráveis a curto prazo. A hotelaria caiu a níveis alarmantes e a ocupação beira entre 25 a 30%. O comércio amarga uma queda de 60%. A pandemia aliada à falta de uma vacina vai levar muito comerciante a bancarrota. Após o carnaval e o início das aulas, a tendência é piorar ainda mais. Sem contar que argentinos e chilenos não vêm pra cá tão cedo. Isso não é pessimismo é realismo.

Tá feia a coisa.

*Leitores da coluna pedem pra alertar a prefeitura sobre a ocupação das calçadas com mesas, cadeiras, bancos, banners, geladeiras, máquinas de frango, vendedores ambulantes, Trimania etc. Dizem que na Rua 1500 tem até banca de Trimania e venda de outros produtos em cima do passeio público. E ali a calçada já é estreita. A pergunta que fica. Cadê a fiscalização de posturas da cidade?

*A abertura do PZ Ecomall na avenida Brasil 3393 caiu no gosto do público e tem atraído pra lá um pessoal que gosta desse tipo de ambiente mais natureba. Destaque para o Café Cultura e a Trattoria Barolo (em breve). O lugar conta com serviço de Valet Parking, o que facilita pra quem vai de carro. Vale conferir.

*A cidade tá bacana, tem atrações das mais variadas, uma gastronomia de excelente qualidade, oferece segurança e um leque de praias lindas e maravilhosas. Só falta o povo poder vir com segurança sanitária em razão da pandemia. É torcer para em breve voltarmos ao normal. Dedos cruzados.

ESSE ANO FAÇA CERTO. USE MÁSCARA. FAÇA A SUA PARTE.

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 22/01/2021 às 21h00 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

IMPREVISÍVEL

Estamos literalmente à mercê da sorte e ninguém que tenha um pouquinho de consciência se arrisca a fazer uma previsão acerca da temporada. Alguns prevêem que será grande, porque as pessoas não vão viajar pra lugares mais distantes, e a aposta é que venham pra nossa região. Outros menos otimistas acreditam que o alarme dos últimos dias de que a Covid-19 voltou com força total deve diminuir bastante a procura pelas praias da região. Ou seja, estamos vivendo uma loteria como há muito não víamos. Quem viver verá. A sorte está lançada.


CORONA

Estamos bem próximos de tomar a tão sonhada vacina e não fosse pela demora do governo federal em apresentar um plano nacional de vacinação, talvez a exemplo da Eeuropa e dos EUA, já tivéssemos uma vacinação em massa no início do ano. Afora isso temos um presidente negacionista que já avisou que não vai tomar a vacina. Não fosse ele o mandatário do país e que deveria dar o exemplo não teria problema. Por isso estou lançando a campanha "eu quero vacina", e quem não quiser, tudo bem, assim acredito que vai sobrar vacina pra quem quer. Por que não se iluda, não vai ter a vacina pra todo mundo no próximo ano. Então, se você quer seguir o exemplo do presidente Bolsonaro, beleza, deixa pra mim e pra quem quer. 


VITRINE


  • Perdemos essa semana nosso grande amigo Álvaro Silva, a memória viva da cidade, e que participou da vida política e social de BC nos últimos 60 anos. Desde a luta pela sua emancipação até os dias atuais. Sempre preocupado com seu desenvolvimento sustentável. Tive o privilégio de conviver com ele por mais de 30 anos. Aprendi muito e sou grato por isso. Valeu muito tê-lo conhecido. Meu fraterno abraço aos familiares. Descanse em paz.
  • Presidente Bolsonaro também esteve aqui na região e juntamente com políticos locais se deliciou com as belezas da nossa costa atlântica. Prefeito Fabrício e o empresário Luciano Hang, Big Boss da Havan, estiveram com ele. Sobrevoou também a região de Presidente Getúlio de helicóptero. Porém, não desceu pra ver de perto os estragos. Tomara que libere uma grana pra reconstruir a cidade que foi duramente atingida por fortes temporais.
  • Dia 15 último comemorei 39 anos de convívio com essa bela cidade que a cada dia me encanta mais. Fico pensando que em 1982 a cidade era tão devagar após o carnaval que pensei em voltar pra Lages minha terra natal. Hoje agradeço ao Laire Branco, ex-gerente do Besc que me transferiu pra cá definitivamente. Amo essa cidade e quando sou perguntado de onde sou, respondo sem pestanejar, daqui com certeza. Paixão eterna.
  • Cresce a olhos nús o número de pessoas perambulando pelas ruas da cidade e engordando os números de moradores de rua. Alguns vendem paçoquinha e gomas, e outros nem isso, apenas esmolam. A Secretaria de Inclusão Social faz o que pode. Mas, tá complicado.
  • A cada dia que passa a cidade ganha novos equipamentos turísticos que encantam os moradores e turistas, como é o caso da Roda Gigante, que caiu como uma luva e virou novo cartão postal da cidade. Novas avenidas ganham espaço e ajudam a diminuir o estresse do trânsito que está bem complicado. 
  • Essa semana passei com a bem casada no Italiano's Café na rua 511 que há 23 anos atende a todos com muita competência e serve produtos de primeira. A empanada do nosso amigo argentino Chico faz sucesso por ali. Vale a pena provar.
  • Feliz Natal, próspero Ano Novo e não esqueça de olhar pro lado e ver se algum semelhante precisa de algo. Segue uma frase copiada da revista Forbes "Acalentar a paz e a boa vontade, ser abundante em misericórdia; esse é o verdadeiro espírito do Natal". 

ESSE ANO FAÇA CERTO. USE MÁCARA. FAÇA A SUA PARTE


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 23/12/2020 às 18h17 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

.

INCOMPREENSÍVEL 1 

Está bombando nas redes sociais o megalomaníaco projeto da FG e Havan que pretendem construir onde hoje é o estacionamento do teleférico uma torre de 101 andares, com mais de 1000 apartamentos tipo quitinete, travestida de apart hotel. É disparado o maior absurdo já proposto pela construção civil nos últimos, e o que mais causa estranheza é essa proposta partir de uma das mais conceituadas empresas de construção civil do Brasil. O projeto é lindo e geraria milhares de empregos temporários, mas o custo ambiental e paisagístico seria imensurável. A Barra Sul já está esgotada com os atuais arranha céus e o trânsito está cada dia mais congestionado. Com o devido respeito aos empreendedores, mas se o Conselho da Cidade e a Câmara de Vereadores aprovarem uma aberração dessas, estarão decretando o fim da Barra Sul.


IMCOMPREENSÍVEL 2

Um estudo de impacto ambiental sério jamais vai admitir que um projeto desses seja levado a cabo, e pra isso não precisa ser nenhum expert no assunto. Basta imaginar a quantidade de pessoas por unidade, carros, lixo, consumo de água e esgoto, energia que será necessário para se colocar um mega projeto desses em atividade. Uma coisa é fazer 100 apartamentos de alto padrão, outra bem diferente é colocar num terreno exíguo como aquele 1000 pequenos apartamentos. O mínimo necessário seria triplicar a pista de rolamento que liga a Barra Sul ao centro e vice e versa. Inimaginável o tamanho do impacto ambiental. A sociedade organizada e os órgãos de controle público precisam ficar atentos 


V I T R I N E


  • O que há muito tempo vimos escrevendo aqui na coluna é que a maioria dos prefeitos no país seria reeleita, e não foi outra coisa que ocorreu. Quando o Congresso insistiu em realizar as eleições esse ano é porque a maioria de seus membros já sabia que manteria nos cargos a maioria dos prefeitos. No Congresso ninguém dá ponto sem nó. Enquanto isso o povo fica de mero espectador.
  • A eleição para a Câmara de Vereadores trouxe poucas surpresas e a maioria dos seus membros que concorreu à reeleição conseguiu tal intento. Com pequenas surpresas como a suplência dos vereadores Roberto de Souza Jr e Juliethe Nitz, os demais resultados já eram esperados. A renovação bateu a porta da Câmara e a média de idade ficou bem menor que em anos anteriores. A juventude aos poucos toma conta do cenário político.
  • Prefeito Fabrício se reelegeu com folga, como era esperado, e tem o compromisso de fazer uma gestão mais enxuta e promover uma reforma administrativa, além de modernizar ainda mais os serviços públicos. O tamanho da máquina pública inviabiliza maiores investimentos, numa cidade que cresce a passos largos e tem um futuro preocupante. Somos muitos num espaço bem exíguo.
  • A expectativa em termos de Brasil é a eleição em São Paulo com Boulos no calcanhar de Bruno Covas e de Manuela Dávila, em Porto Alegre. Duas grandes capitais que podem cair nas mãos de dois políticos sem a menor experiência administrativa, e que terão orçamentos e desafios enormes pela frente. Vai ser uma revoada pra Santa Catarina de paulistas e gaúchos. A sorte está lançada.

ESSE ANO FAÇA CERTO. USE MÁSCARA.  FAÇA A SUA PARTE.


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 26/11/2020 às 12h52 | jonasramos3011@hotmail.com



1 2 3 4 5 6

Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: [email protected]

Página 3
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA

LULA LIVRE

Por mais que parecesse impossível aconteceu o que todo mundo temia, o ex-presidente Lula teve as sentenças aplicadas pelo juiz Sérgio Moro anuladas, e o processo agora recomeça na Vara Federal de Brasília, onde tudo pode acontecer. Inclusive a prescrição da maioria dos crimes, isso mesmo, Lula pode ao final desse novo processo, sair ileso de todos os crimes comprovados pela Lava Jato em Curitiba, e pior, rindo da cara de todo mundo. O PT tenta colar na população que Lula foi absolvido, quando na verdade, o processo foi apenas anulado. Esse assunto já é lugar comum, mas pra ninguém esquecer é sempre bom vir à tona. Ministro Edson Fachin dessa vez meteu os pés pelas mãos.

SUPERAÇÃO

Como no Brasil não há nada que não possa piorar, surpreendentemente a Ministra do STF Carmem Lúcia, até então um bastião da moralidade, trocou seu voto na última hora e emparelhada com os prós PT Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski mudou seu voto, e por 3x2 tornaram o ex-juiz Sérgio Moro imparcial no caso do triplex do Guarujá. Por essa nem os PTs de carteirinha esperavam. Como diz lá no interior “soltaram o boi com corda e tudo”. A insegurança jurídica permeia o judiciário brasileiro, principalmente na sua alta corte, onde voltar atrás num posicionamento está virando banalidade.

VITRINE

A polarização entre Lula e Bolsonaro não vai fazer bem ao país. São dois candidatos medíocres e que não vão trazer nada de melhor ao país. Precisamos buscar uma terceira via. Quem? Não sei, espero que apareça.

...

Bolsonaro após ver Lula ressuscitar e ver sua popularidade derreter por conta da má condução na pandemia, especialmente pelo mau exemplo, até então não usava máscara e promovia aglomerações, agora fala em vacinas e não vachinas e está até usando máscaras. Pressionado pelo centrão vai começar a demitir ministros e assessores próximos. O centrão é igual o nosso ego, não está satisfeito nunca. Tá feia a coisa.

...

Danilo Gentili que tem um pedido de prisão no STF por falar mal dos nossos congressistas, ao ser perguntado sobre o que fazer para evitar fake news, disse no programa Manhattan Connection da TV Cultura “saia dos grupos de WhatsApp”, esses grupos são disparado os maiores disseminadores de notícias falsas. De acordo. 

...

O ex-ministro da saúde Luiz Henrique Mandetta havia previsto em janeiro que a transferência de pacientes infectados pela Covid-19 de Manaus para várias partes do Brasil, iria espalhar o vírus como rastilho de pólvora. Hoje 80% do vírus que circula pelo país é da variante de Manaus. O cara tava certo de novo. Socorro.

...

Empresários unidos buscam uma solução para as vacinas pelas mãos da iniciativa privada, mas esbarram na Lei aprovada recentemente no congresso, que obriga a quem adquiri-las a doar todas para o SUS. Somente após vacinados os grupos de risco é que poderiam usar 50% para uso próprio nas suas empresas. Se não mudarem a lei, vamos ficar nas mãos do Ministério da Saúde. Aí é o caos.

...

Os corruptos estão em festa porque nunca foi tão propício para eles colocarem as mãos no dinheiro público. A certeza da impunidade com o fim da operação Lava Jato (minada por todos os lados), deixa-os livres para agirem. Alguém lembra a última vez que a PF fez uma operação para levar empresários e políticos para cadeia? E não adianta pensar que é porque a corrupção acabou, é porque não há mais interesse que isso ocorra. Triste Brasil.

...

Você leitor do JP3 tem noção que o Brasil é hoje um pária internacional e nós não podemos entrar em praticamente nenhum país de primeiro mundo? A nossa condução da pandemia é tão catastrófica, que parecemos leprosos, ninguém nos quer por perto.

...  

Enquanto isso, o povo desesperado espera pela tão prometida chegada das vacinas. Perdemos o trem da história. Chegamos atrasados. Só Deus na causa.

...

Governador Dória está pautando as ações do governo federal. Primeiro falou que ia começar a vacinar o povo paulista e o governo federal se mexeu e requisitou todas as vacinas (que havia rejeitado) para o Ministério da Saúde. Agora Dória lançou a vacina Butanvac do Instituto Butantan em parceria com o hospital Mount Sinai de NY e o governo federal saiu correndo e apresentou a sua vacina Versamune. Bom pro povo que espera ansioso por vacinas que salvem vidas.


Esse ano faça certo. Use máscara. Faça a sua parte.

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 29/03/2021 às 17h10 | jonasramos3011@hotmail.com

Júlio Tedesco, perda irreparável

Essa semana tive um momento de grande tristeza quando soube que meu amigo de mais de 30 anos, Júlio Tedesco, havia nos deixado, vitimado por esse maldito vírus. No mesmo dia eu e minha esposa cumpríamos quarentena em casa, também por ter contraído a Covid-19.

Somos acostumados a conviver com as pessoas e acreditar que nada vai acontecer com elas, não somos preparados para administrar essas perdas, e na maioria das vezes ficamos em choque.

Júlio Tedesco consegue, a exemplo de alguns filhos adotivos dessa cidade, deixar um legado de benemerência e inovação. O Bondinho Aéreo e a Marina Tedesco são um divisor de águas na cidade. Deixa uma família maravilhosa que, com certeza, saberá levar adiante seus sonhos, e a dedicar à cidade todo o amor que ele tinha por ela.

Sentimento profundo de gratidão pelas oportunidades que me deu. Descanse em paz.


VARIANTES

O assunto da semana é a proliferação acelerada do vírus da Covid-19, como ainda não havíamos visto, e a certeza cada vez maior de que só estaremos a salvo quando formos vacinados em massa. A mutação do vírus é uma forma de ele sobreviver e se não o contermos rapidamente ele a cada dia ceifará mais e mais pessoas. É insaciável. Haja vista o que se vê no mundo todo. Não tem teoria que se sustente e quem negou ou continua negando a gravidade da pandemia só colabora para mantê-lo vivo. Cuide-se, faça a sua parte, não aglomere, porque o menor descuido pode ser fatal. Não brinque, leve muito a sério.


VITRINE

Circula na internet uma piadinha de mau gosto que diz “que o vírus não vai embora do Brasil tão cedo, ele é muito bem tratado por aqui”. Seria cômico, não fosse uma tragédia.

Todos os governantes, em todas as esferas de governo, desdenharam o poder do vírus e agora pagam um preço alto por terem pensado com a cabeça voltada às eleições. A economia é muito importante, mas sem pessoas vivas e saudáveis tem pouca utilidade. As medidas de isolamento e higienização são ainda a única forma de evitar a proliferação da Covid-19. O resto são teorias e ilações.

Fique esperto

Congresso nacional ou melhor dizendo a Câmara Dos Deputados a toque de caixa tenta passar a PEC da Imunidade, que já passou a ser chamada de PEC da Impunidade. O mundo todo correndo atrás de salvar vidas e os políticos em Brasília pensando em salvar o próprio pescoço. A capital federal é o câncer do Brasil.

A corrida atrás de vacinas está sendo liderada, pasmem, pelo senador pelo Amapá Randolfe Rodriguez, da Rede Sustentabilidade que, em tese, é opositora do governo federal. Juntamente com o novo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco aprovaram essa semana uma lei que permite com algumas ressalvas, a compra de vacinas pelos governos estaduais e municipais e, em alguns casos, por empresas particulares. Juntos lideraram uma reunião com os principais laboratórios que produzem vacinas no mundo. Ou seja, apesar de saber que se a vacinação der certo quem leva os louros será o Ministério da Saúde, resolveu abrir mão desse ganho político e pensou no seu país. Ganhou meu respeito.

Enquanto isso o ministro Pazuello está igual barata tonta correndo atrás do prejuízo, por ter deixado a boiada passar, ou melhor dizendo, deixar a compra das vacinas somente pra agora, quando o mundo todo já está vacinando e inclusive vem faltando vacinas. Se quem comprou antecipadamente, como Europa e EUA, não estão recebendo as doses prometidas, imagina quem ainda nem comprou. Quem tem memória lembra Bolsonaro falando que haveria filas de laboratórios pra nos vender vacinas. Cadê os vendedores? Esnobaram a Pfizer que nos ofereceu milhões de doses e agora estamos rastejando pra aceitar seus termos, que aliás mais de 69 países já aceitaram. Não é uma questão de política, é uma questão de vida. Basta falar com quem já perdeu alguém.

Esse ano faça certo. Use máscara. Faça distanciamento. Faça a sua parte.

 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 26/02/2021 às 16h19 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

FARRA DAS MOTOS

Dificilmente você vai achar alguém que não tenha uma queixa com relação a circulação das motos de entrega na cidade. Tamanho é o absurdo que os motoqueiros estão proporcionando ao circular pelas ruas em alta velocidade, buzinando no meio dos carros, andando na contramão e por cima das calçadas. Pra fazer uma entrega e voltar rápido pro QG eles estão pouco se lixando pras leis de trânsito. E quando alguém reclama o xingamento vem forte e em tom ameaçador. Alegam que a categoria é unida e que ninguém pode fazer nada. O pior é que parece verdade, visto que realmente as autoridades nada fazem. São poucos os que cumprem as leis na íntegra. Torcer pra não ser atropelado por um deles.


ELEIÇÕES

Essa semana o Brasil inteiro assistiu ao teatro montado no congresso nacional onde ocorria a eleição pra presidência da câmara e do senado. De um lado o até então todo poderoso deputado Rodrigo Maia – que achava que a câmara era dele- e de outro o centrão – agora aliado de Bolsonaro – que deu uma surra no candidato de Maia (baleia Rossi). No senado o jogo já tava todo combinado e Rodrigo Pacheco se elegeu facilmente. O Brasil é maior que Brasília e a esperança do povo é que os novos dirigentes das casas do povo e dos estados coloquem as tão necessárias reformas tributárias, fiscal e administrativa em andamento. Quem sabe assim o país sai mais rápido da crise que tá atolado. 2021 vai ser um ano difícil.


VITRINE


  • Essa semana um dos administradores da Big Wheel comentou que a iluminação noturna não está sendo usada a pedido do MP, que quer evitar aglomeração no seu entorno. Então tá.
  • A cidade há muito tempo vive de suas belezas naturais e das atrações que a toda hora aparecem. O alargamento acredito também entrará nesta lista e ficará marcado como um marco na cidade. Precisamos muito dessa obra que trará um novo folego pra praia. Que venha logo.
  • A queda nos preços das diárias dos hotéis tem ajudado o setor a atrair alguns turistas de última hora. As notícias de que Santa Catarina saiu da situação gravíssima no noticiário também tem ajudado. Sem carnaval e com muitos órgãos públicos cancelando o feriado de carnaval, deve diminuir a vinda de turistas nessa época tão esperada. Fazer o quê? Se agarrar no que pintar.
  • Quem conhece as paradisíacas praias de Porto Belo e região – leia-se Bombas, Bombinhas), comenta que a procura por aluguéis caiu mais de 60% e o ano pra quem vive dessa renda vai ser duro. A pandemia não poupa ninguém. O pau canta geral.
  • Semana que vem a ansiedade de pais e filhos deve diminuir um pouco com o retorno das aulas. A criançada não aguenta mais ficar em casa e os pais já não sabem o que fazer para entretê-los. Está difícil pros dois lados. Tomara que dê tudo certo.
  • Bolsonaro, o negacionista, esteve em Santa Catarina entregando viaturas compradas com as emendas da bancada catarinense, e pra variar, deu mau exemplo. Ele e seus ministros não usavam máscara. Não se trata de acreditar ou não. É pensar no coletivo. O exemplo é modelar. O cara não ajuda.
  • Cadê as vacinas? Sem elas não vamos poder circular livremente e abraçar e curtir amigos e familiares. # Eu quero vacina.

Esse ano faça certo. Use mascará. Faça a sua parte. 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 04/02/2021 às 23h40 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

EXEMPLO É MODELAR

Diz o ditado que em porteira que passa um boi passa uma boiada. Pois é o que vem ocorrendo nas calçadas da cidade. Alguns motoristas colocam o carro sobre o passeio colado na parede do condomínio, comércio etc. Na rua 2550 entre Brasil e Terceira Avenida começou atrás de uma pousada e agora o vizinho logo à frente também adotou a prática. Um pouco mais acima um comerciante colocou uma carretinha também em cima do passeio. Ou seja, se eles podem eu também posso. O mais incrível é que os agentes de trânsito passam por ali a bordo de seus veículos e nada fazem.

Com a palavra as autoridades de trânsito.

COVID-19

Uma grande parte do mundo já está vacinando sua população e trazendo uma esperança de que dias melhores estão por vir. Por aqui iniciamos timidamente por meio da vacina do Butantã, que tanta polêmica causou entre o governador de São Paulo, João Dória e o presidente Bolsonaro. Enquanto os dois faziam da pandemia uma antecipação das eleições de 2022, o mundo inteiro saiu à compra de vacinas e nós ficamos para trás. Agora estamos rastejando para China e para a Índia para nos fornecer os insumos necessários à produção das vacinas. Pra resumir, não temos, seringas, vacinas e nem governo.

É lamentável.


 

Essa semana meu irmão de coração Paulo Antonio comemorou idade nova. Vida longa e felicidades sempre!

 


VITRINE

*Bolsonaro e seus filhos falaram mal da China e da sua vacina. Os acusaram de criar a Covid-19 e começaram a chamá-la de gripe chinesa. Agora correm atrás dos chineses e fazem de conta que nada houve. O craque Romário tinha uma frase ótima para os bocudos “Tem gente que calado é um poeta”.

*A temporada despencou e as perspectivas não são nada favoráveis a curto prazo. A hotelaria caiu a níveis alarmantes e a ocupação beira entre 25 a 30%. O comércio amarga uma queda de 60%. A pandemia aliada à falta de uma vacina vai levar muito comerciante a bancarrota. Após o carnaval e o início das aulas, a tendência é piorar ainda mais. Sem contar que argentinos e chilenos não vêm pra cá tão cedo. Isso não é pessimismo é realismo.

Tá feia a coisa.

*Leitores da coluna pedem pra alertar a prefeitura sobre a ocupação das calçadas com mesas, cadeiras, bancos, banners, geladeiras, máquinas de frango, vendedores ambulantes, Trimania etc. Dizem que na Rua 1500 tem até banca de Trimania e venda de outros produtos em cima do passeio público. E ali a calçada já é estreita. A pergunta que fica. Cadê a fiscalização de posturas da cidade?

*A abertura do PZ Ecomall na avenida Brasil 3393 caiu no gosto do público e tem atraído pra lá um pessoal que gosta desse tipo de ambiente mais natureba. Destaque para o Café Cultura e a Trattoria Barolo (em breve). O lugar conta com serviço de Valet Parking, o que facilita pra quem vai de carro. Vale conferir.

*A cidade tá bacana, tem atrações das mais variadas, uma gastronomia de excelente qualidade, oferece segurança e um leque de praias lindas e maravilhosas. Só falta o povo poder vir com segurança sanitária em razão da pandemia. É torcer para em breve voltarmos ao normal. Dedos cruzados.

ESSE ANO FAÇA CERTO. USE MÁSCARA. FAÇA A SUA PARTE.

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 22/01/2021 às 21h00 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

IMPREVISÍVEL

Estamos literalmente à mercê da sorte e ninguém que tenha um pouquinho de consciência se arrisca a fazer uma previsão acerca da temporada. Alguns prevêem que será grande, porque as pessoas não vão viajar pra lugares mais distantes, e a aposta é que venham pra nossa região. Outros menos otimistas acreditam que o alarme dos últimos dias de que a Covid-19 voltou com força total deve diminuir bastante a procura pelas praias da região. Ou seja, estamos vivendo uma loteria como há muito não víamos. Quem viver verá. A sorte está lançada.


CORONA

Estamos bem próximos de tomar a tão sonhada vacina e não fosse pela demora do governo federal em apresentar um plano nacional de vacinação, talvez a exemplo da Eeuropa e dos EUA, já tivéssemos uma vacinação em massa no início do ano. Afora isso temos um presidente negacionista que já avisou que não vai tomar a vacina. Não fosse ele o mandatário do país e que deveria dar o exemplo não teria problema. Por isso estou lançando a campanha "eu quero vacina", e quem não quiser, tudo bem, assim acredito que vai sobrar vacina pra quem quer. Por que não se iluda, não vai ter a vacina pra todo mundo no próximo ano. Então, se você quer seguir o exemplo do presidente Bolsonaro, beleza, deixa pra mim e pra quem quer. 


VITRINE


  • Perdemos essa semana nosso grande amigo Álvaro Silva, a memória viva da cidade, e que participou da vida política e social de BC nos últimos 60 anos. Desde a luta pela sua emancipação até os dias atuais. Sempre preocupado com seu desenvolvimento sustentável. Tive o privilégio de conviver com ele por mais de 30 anos. Aprendi muito e sou grato por isso. Valeu muito tê-lo conhecido. Meu fraterno abraço aos familiares. Descanse em paz.
  • Presidente Bolsonaro também esteve aqui na região e juntamente com políticos locais se deliciou com as belezas da nossa costa atlântica. Prefeito Fabrício e o empresário Luciano Hang, Big Boss da Havan, estiveram com ele. Sobrevoou também a região de Presidente Getúlio de helicóptero. Porém, não desceu pra ver de perto os estragos. Tomara que libere uma grana pra reconstruir a cidade que foi duramente atingida por fortes temporais.
  • Dia 15 último comemorei 39 anos de convívio com essa bela cidade que a cada dia me encanta mais. Fico pensando que em 1982 a cidade era tão devagar após o carnaval que pensei em voltar pra Lages minha terra natal. Hoje agradeço ao Laire Branco, ex-gerente do Besc que me transferiu pra cá definitivamente. Amo essa cidade e quando sou perguntado de onde sou, respondo sem pestanejar, daqui com certeza. Paixão eterna.
  • Cresce a olhos nús o número de pessoas perambulando pelas ruas da cidade e engordando os números de moradores de rua. Alguns vendem paçoquinha e gomas, e outros nem isso, apenas esmolam. A Secretaria de Inclusão Social faz o que pode. Mas, tá complicado.
  • A cada dia que passa a cidade ganha novos equipamentos turísticos que encantam os moradores e turistas, como é o caso da Roda Gigante, que caiu como uma luva e virou novo cartão postal da cidade. Novas avenidas ganham espaço e ajudam a diminuir o estresse do trânsito que está bem complicado. 
  • Essa semana passei com a bem casada no Italiano's Café na rua 511 que há 23 anos atende a todos com muita competência e serve produtos de primeira. A empanada do nosso amigo argentino Chico faz sucesso por ali. Vale a pena provar.
  • Feliz Natal, próspero Ano Novo e não esqueça de olhar pro lado e ver se algum semelhante precisa de algo. Segue uma frase copiada da revista Forbes "Acalentar a paz e a boa vontade, ser abundante em misericórdia; esse é o verdadeiro espírito do Natal". 

ESSE ANO FAÇA CERTO. USE MÁCARA. FAÇA A SUA PARTE


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 23/12/2020 às 18h17 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

.

INCOMPREENSÍVEL 1 

Está bombando nas redes sociais o megalomaníaco projeto da FG e Havan que pretendem construir onde hoje é o estacionamento do teleférico uma torre de 101 andares, com mais de 1000 apartamentos tipo quitinete, travestida de apart hotel. É disparado o maior absurdo já proposto pela construção civil nos últimos, e o que mais causa estranheza é essa proposta partir de uma das mais conceituadas empresas de construção civil do Brasil. O projeto é lindo e geraria milhares de empregos temporários, mas o custo ambiental e paisagístico seria imensurável. A Barra Sul já está esgotada com os atuais arranha céus e o trânsito está cada dia mais congestionado. Com o devido respeito aos empreendedores, mas se o Conselho da Cidade e a Câmara de Vereadores aprovarem uma aberração dessas, estarão decretando o fim da Barra Sul.


IMCOMPREENSÍVEL 2

Um estudo de impacto ambiental sério jamais vai admitir que um projeto desses seja levado a cabo, e pra isso não precisa ser nenhum expert no assunto. Basta imaginar a quantidade de pessoas por unidade, carros, lixo, consumo de água e esgoto, energia que será necessário para se colocar um mega projeto desses em atividade. Uma coisa é fazer 100 apartamentos de alto padrão, outra bem diferente é colocar num terreno exíguo como aquele 1000 pequenos apartamentos. O mínimo necessário seria triplicar a pista de rolamento que liga a Barra Sul ao centro e vice e versa. Inimaginável o tamanho do impacto ambiental. A sociedade organizada e os órgãos de controle público precisam ficar atentos 


V I T R I N E


  • O que há muito tempo vimos escrevendo aqui na coluna é que a maioria dos prefeitos no país seria reeleita, e não foi outra coisa que ocorreu. Quando o Congresso insistiu em realizar as eleições esse ano é porque a maioria de seus membros já sabia que manteria nos cargos a maioria dos prefeitos. No Congresso ninguém dá ponto sem nó. Enquanto isso o povo fica de mero espectador.
  • A eleição para a Câmara de Vereadores trouxe poucas surpresas e a maioria dos seus membros que concorreu à reeleição conseguiu tal intento. Com pequenas surpresas como a suplência dos vereadores Roberto de Souza Jr e Juliethe Nitz, os demais resultados já eram esperados. A renovação bateu a porta da Câmara e a média de idade ficou bem menor que em anos anteriores. A juventude aos poucos toma conta do cenário político.
  • Prefeito Fabrício se reelegeu com folga, como era esperado, e tem o compromisso de fazer uma gestão mais enxuta e promover uma reforma administrativa, além de modernizar ainda mais os serviços públicos. O tamanho da máquina pública inviabiliza maiores investimentos, numa cidade que cresce a passos largos e tem um futuro preocupante. Somos muitos num espaço bem exíguo.
  • A expectativa em termos de Brasil é a eleição em São Paulo com Boulos no calcanhar de Bruno Covas e de Manuela Dávila, em Porto Alegre. Duas grandes capitais que podem cair nas mãos de dois políticos sem a menor experiência administrativa, e que terão orçamentos e desafios enormes pela frente. Vai ser uma revoada pra Santa Catarina de paulistas e gaúchos. A sorte está lançada.

ESSE ANO FAÇA CERTO. USE MÁSCARA.  FAÇA A SUA PARTE.


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 26/11/2020 às 12h52 | jonasramos3011@hotmail.com



1 2 3 4 5 6

Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.