Jornal Página 3
Coluna
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA

RECADO

O povo soberano foi as urnas e mandou um recado pra velha política que insiste em não apear do poder, que está de saco cheio de políticos muito mais interessados nos seus interesses pessoais, do que nas demandas da população. Não raro é ver políticos que entraram na vida pública com pouco ou quase nada e hoje moram e vivem como milionários. O maior exemplo vem de Lula da Silva, que de simples torneiro mecânico, amealhou uma fortuna de dar inveja em muita gente que ralou a vida inteira. Aqui na nossa região não é diferente, tem muito político que não resiste a uma auditoria pelo Ministério Público. O recado tá dado. Quem não quiser ouvir, vai se dar mal.


PREVISÃO

Havia comentado aqui na coluna que pesquisas de intenção de votos para deputados indicavam que os nossos candidatos não seriam bem votados nessa eleição. Primeiro, pela quantidade de candidaturas que acabam pulverizando os votos. Segundo, porque diferentemente do que pensam não tem densidade eleitoral, e acabam por confundir eleição de vereador com eleição de deputado estadual e federal. O buraco é mais embaixo. E por fim, porque não entenderam que o maior fenômeno dessa eleição atendia pelo nome de Jair Messias Bolsonaro. Quem colou nele se deu bem. Quem não colou, ficou pra trás.


 

  V  I  T  R  I  N  E   

  • A votação de Bolsonaro e de quem colou nele Brasil afora colocou de joelhos os institutos de pesquisa, IBOPE e Datafolha correm atrás de explicações para previsões furadas por todos os lados. A maior delas está aqui em Santa Catarina com a ida para o segundo turno de Merísio e Comandante Moisés. A quase eleição de Lucas Esmeraldino também foi arrasadora pros institutos. Tentam culpar o eleitor por uma forte guinada nos últimos dias. Bobagem, há muito tempo o eleitor já sabia em quem votaria. Eles é que não queriam enxergar. O nível de confiança foi a zero.
  • Carlos Humberto Silva chegou muito próximo de se eleger e acabou ficando como primeiro suplente da sua coligação. Maurício Eskudlark ficou com a última vaga e o superou em pouco mais de 2000 votos. Carlos Humberto mostrou que tem potencial para brigar na esfera política regional. É um nome pra se ficar atento.
  • Outro fenômeno é o jovem político Lucas Gottardo que fez uma excelente votação na cidade e na região, e que também demonstra ter apelo eleitoral pra ser melhor observado pela classe política. Costuma fazer suas campanhas com poucos recursos e baseada na colaboração de amigos e correligionários. Outro nome pra se ficar atento.
  • Ir a Blumenau na Oktoberfest e não sair de lá impressionado com a organização da maior festa da cerveja do Brasil é coisa rara. A variedade de cervejas e de pratos típicos não deixam ninguém ficar com sede ou fome. A limpeza dos salões e dos banheiros merece nota dez. A segurança também é destaque. Vale conferir.
  • Acachapante a vitória de Jair Bolsonaro no primeiro turno frente a todos os adversários que vinham batendo pesado nele. Longe do que as pesquisas mostravam a realidade das ruas foi mais forte, e o mito como é chamado pelo público, mostrou que só não sobe a rampa do palácio do planalto se outro louco o encontrar pelo caminho. Não existe um motivo plausível para que não vença o segundo turno com uma boa diferença. É uma questão matemática. Tá na hora de começar a apresentar melhor suas propostas e a pensar num bom ministério pra colocar o país nos trilhos. A esperança é grande.
  • O PT derreteu nessas eleições e saiu chamuscado por todo o país, seus líderes só encontraram respaldo nos estados do nordeste, onde a sigla se mantem às custas de líderes populistas nos governos estaduais. A crença de que Lula elege até um poste no Nordeste é falaciosa. O trunfo do PT no Nordeste são governadores como Rui Costa da Bahia que atingiu mais de 70% dos votos baianos. Lula já era. É carta fora do baralho. 
  • Dilma Rousseff ao ser indagada pelos repórteres na saída do colégio onde votou, negou-se a atendê-los, porque só o faria na coletiva que daria a noite. Tinha como certa sua vitória ao senado por Minas Gerais. O resultado todo mundo já sabe. Ficou em quarto lugar. Mais um grande furo das pesquisas eleitorais. Tchau querida.
  • A tarefa de Gelson Merísio de barrar no segundo turno o tsunami chamado Comandante Moisés é bem mais complicada. Há por parte da população um sentimento de renovação. E Merísio com certeza não se encaixa nesse perfil. Pra piorar, o candidato ainda tem um nome bíblico. Daí fica difícil.
  • Tem gente falando a boca pequena que a eleição à assembleia e à câmara foi um teste pra medir as forças políticas locais pra daqui a dois anos. Tá todo mundo de olho nos altos da Rua Dinamarca. Quem duvidar é louco, afinal, teve gente ali muito mal votada.

ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO AOS POLÍTICOS CORRUPTOS. FAÇA A SUA PARTE.


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 11/10/2018 às 09h18 | jonasramos3011@hotmail.com

Jota Júnior

3ª Edição Do Pic Nic Baby

Arquivo Pessoal

No último dia 30 aconteceu a 3ª Edição Do Pic Nic Baby promovido pelo Grupo “As Cinco”. O Pic Nic Baby promovida pelo Grupo de Sling Dance Aconchego, onde mamães e bebes dançaram juntos com o recurso do Sling, foi um sucesso. A intenção do Grupo Aconchego foi mostrar que é possível para as mamães fazerem atividade física e recreativa, carregando junto a si, seus bebês. Com isso, estimulando uma maternidade feliz, onde ambos criam uma vinculação positiva e se divertem juntos, além de prevenir a depressão pós-parto. Para o Sling Dance, é utilizado o Wrap Sling que é um carregador de bebê, confeccionado com um tecido longo de maneira ergonômica, onde o mesmo é ajustado no corpo do bebê e de quem carrega. A atividade é recomendada a partir do 1º Mês de vida. O Grupo de Sling Dance Aconchego realiza encontros semanais, trazendo além de muita dança, conversa e troca afetiva. Dica da Cris S. Ramos, que dançou com o pequeno Nicolas. Para acompanhar e saber mais acesse as redes sociais. @sling_dance_aconchego \ @Enlove_ ou entre em contato pelo telefone: (47) 9 9784 1385.


Aniversariantes da Semana

Daniele Sisnandes

Marlene Sisnandes festejou nova idade esta semana com os filhos Dani e Gui e amigos

Marlise Schneider Cezar

Gilmar Quati Fabris(D) comemorou idade nova esta semana. Na foto com a mãe Sila e o mano Laka.

Daniele Cezar Lopes

Beatriz Helena Cezar rasgou a folhinha dia 3 e comemorou com filhos e amigos.


Mala Direta

RETA FINAL
Agora não da mais para ficar em cima do muro e a real é saber se você está a fim de ser governado pelo PT de novo ou se prefere uma segunda alternativa. O nós, contra eles, usado na campanha de 2014, voltou com força total e não temos como fugir dessa realidade. A alternativa que nos sobrou é a de arriscar ficar nas mãos de um cidadão que fala o que pensa e, é inimigo declarado de Lula, Dirceu e companhia. Tá longe de ser o ideal. Mas é o que temos. Baseado nisso, o que me resta é torcer pelo Brasil e parar de pensar individualmente, o meu candidato, aquele em quem eu como liberal deposito todas as minhas fichas, vai ter que esperar. Desculpe João Amoedo, na próxima estamos juntos. Brasil acima de tudo. Deus acima de todos. Domingo vou de Bolsonaro. Vou de 17. Fora PT.

BOCA FECHADA
A facada que Jair Bolsonaro levou de um cidadão maluco só lhe trouxe benefícios eleitorais. O período em que ficou internado o candidato do PSL falou pouco e manteve-se distante do embate político. Não participou de debates e não se expôs além daquilo que já lhe é peculiar. De boca fechada o Bolsonaro é um poeta. Acho difícil a eleição acabar no domingo. Segundo turno é outra eleição. O País vai se dividir de novo entre classes e a esperança é que Bolsonaro consiga transmitir as classes favorecidas que o PT faz, mas rouba, e que dá pra fazer sem roubar. Tarefa nada fácil, visto que em mentira eles são imbatíveis. A sorte está lançada.

Vitrine

*Pra quem anda estranhando as visitas semanais do Haddad à carceragem da PF em Curitiba, basta lembrar, que há muito tempo o crime organizado comanda de dentro dos presídios uma multidão de bandidos Brasil afora. Na política não está sendo diferente. Lula comanda de dentro da sede da PF a campanha do seu partido e do seu novo poste. Tudo dentro da normalidade. Esse país tá longe de ser sério.

*Qual o interesse da Folha de São Paulo em querer entrevistar Lula da Silva a poucos dias da eleição? Qual o interesse de Sérgio Moro divulgar as delações de Palocci a poucos dias das eleições? A imprensa assim como o judiciário já mostrou que tem lado nessa eleição. Ou melhor, quem querem no poder. A esquerda ou a direita? Com a palavra final você eleitor.

*Oktoberfest, Marejada e Fenarreco só pra falar das principais festas da região começando essa semana. Então coloca seu chapéu de Fritz, pega tua Frida e vai se divertir. Só não esqueça que se beber não dirija. Alternativas não faltam. Prosit.

*Tive acesso a uma pesquisa para deputados estaduais e federais e não vi ninguém da nossa cidade em condições de chegar à assembleia estadual ou a câmara federal. Tem muito candidato bom de voto e indo à reeleição superando nossa turma. Então, mãos à obra, que esse é um tipo de voto que se ganha até os últimos minutos das urnas abertas. Boa sorte.

ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO AOS POLÍTICOS CORRUPTOS. FAÇA A SUA PARTE.

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 05/10/2018 às 09h44 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

VIAGEM AO SUL

Manuela e Jonas, curtindo a boa gastronomia e o bom vinho da serra gaúcha com um grupo de amigos


SERRA GAÚCHA I

Semana que passou estive na companhia de alguns amigos na cidade de Bento Gonçalves, saímos de lá impressionados com a qualidade nas acomodações e o atendimento desde a chegada até a partida. Comemos e bebemos muito bem, e a visita às vinícolas foi o ponto alto do passeio. Saltom, Valduga e Miolo mostram a força do vinho, sucos e uma centena de produtos derivados do vinho. Os viticultores aproveitam 100% da fruta.


SERRA GAÚCHA II

O forte naquela região e o mais tradicional é o galeto a primo canto com massa, polenta e radite. De lamber os beiços, como diz o Marzinho. Nessa passada pela Serra Gaúcha uma coisa nos chamou a atenção, foi a tarifa dos hotéis que superam bastante as nossas e se baseiam na máxima da oferta/procura. No hotel Spa do Vinho da vinícola Miolo as diárias são flutuantes e iniciam em 450 reais até 1400 reais. Uma boa ideia pra nossa hotelaria que com a chegada do verão e com a conclusão do Centro de Eventos, sempre tem uma procura maior. Pra pensar.


DESCASO PÚBLICO

Este é de um dos chuveiros da praia que estão desperdiçando muita água
por estarem quebrados e sem o chuveirinho. Chama o síndico.


   V I T R I N E   

  • Os ambulantes se espalham pela cidade e em especial na faixa de areia. No último sábado tinha desde salgados até aparelhos eletrônicos. Tem um carrinho de batatas fritas que ocupa um espaço grande na praia e lembra a bagunça das praias de Floripa. Chama o síndico. 
  • As vinícolas gaúchas no melhor estilo americano te jogam dentro de uma loja com produtos extraídos das uvas assim que termina o passeio guiado, que aliás, é imperdível. Vale a pena conhecer. Difícil quem sai sem algo nas mãos. 
  • Pra encerrar o assunto da Serra Gaúcha achei curioso que na cidade de Garibaldi comemoravam na praça central a semana Farroupilha. Lá tinha menos gente que aqui em Balneário Camboriú. Os gaúchos daqui são mais tradicionalistas? 
  • Se você quiser ir à praia na Barra Sul deve chegar bem cedo pra encontrar um lugar pra colocar a cadeira e o guarda sol. As praças de esportes se multiplicam. Afinal, a praia é de todos ou não? O esporte é super bem-vindo, mas não tem um horário específico. Ou quem sabe áreas específicas. Pra estudar. 
  • Carlos Humberto Silva, vice-prefeito e candidato a Deputado Estadual, é o que mais aparece pelas ruas da cidade. Promove bandeiraço em certos horários na área central e promove carreatas nos bairros e cidades vizinhas. Em tempos de proibição de ajuda financeira das empresas, sobra pro bolso das pessoas físicas e o próprio candidato. Seu número é 22444. 
  • Aos poucos a resistência ao candidato ultradireitista Jair Bolsonaro começa a ruir com o medo dos petistas voltarem ao poder, pelas mãos do novo poste do Lula. Ele é visto por uma parcela que antes apoiava o PSDB e MDB como a única trincheira capaz de nos livrar da volta da turma do mensalão e da clientela da lava jato. Enquanto isso seu líder maior comanda de dentro da prisão a campanha petista na maior cara dura. Esse país tá ferrado. 
  • Em Santa Catarina Mauro Mariani e Gelson Merísio disputam palmo a palmo os votos dos catarinenses. Décio Lima aos poucos vai ficando prá trás. No Senado Amin e Colombo se esforçam para se distanciar de Paulo Bauer que vem grudado na cola deles. Os resultados fazem parte da pesquisa IBOPE feita pela NSCTV. Ideli Salvatti que já foi senadora por Santa Catarina vem apresentando números bem abaixo do esperado. É esperar pra ver.  

ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO A POLÍTICOS CORRUPTOS. FAÇA A SUA PARTE. 


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 24/09/2018 às 21h49 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

ARMA BRANCA

O atentado covarde e traiçoeiro sofrido pelo candidato a presidente pelo PSL Jair Bolsonaro em plena campanha eleitoral, à luz do dia, mostra o quanto a política do nós e eles, que a esquerda prega, e em especial o PT, traz à tona malucos como esse, que resolvem decidir os rumos do processo eleitoral matando um dos favoritos a ocupar o palácio do Planalto. O baixo nível da política em geral acaba por levar a esses radicalismos sem explicação. O Brasil é um país dividido e sem rumo. Pra azar de quem ele defende é que a vítima deixou de ser o Lula PRESO e passou a ser Jair Bolsonaro na UTI. O messias que encanta a muitos, nunca esteve tão perto da morte ou de chegar à presidência do Brasil. Que país é esse?


DISPARADO

O sonho de muitos candidatos é que algum fato os leve ao topo das pesquisas, ou seja, sair do zero e bater no cem em pouquíssimo tempo. Como aconteceu agora com o Museu Nacional da Quinta da Boa Vista, que até ser torrado em um incêndio que dizimou uma boa parte da história do Brasil, ninguém o conhecia, ou sabia que existia, e sob o calor ardente das chamas passou a ser notícia nacional. A comoção foi geral e a gritaria só não é maior porque a turma acostumada a fazer esse tipo de barulho estava com as chaves do museu nas mãos. A UFRJ é dominada pela turma do PSOL e destinava menos de 30 mil mensais da milionária verba da universidade ao Museu Nacional. Já imaginaram o contrário? A turma da direita seria chamada de assassinos da história. Triste Brasil.


 

  V I T R I N E  

 

  • Essa semana se falou muito em manutenção de prédios públicos e por isso convém lembrar que alguns prédios privados também carecem de manutenção. Essa semana a prefeitura deixou uma intimação no meu condomínio cobrando aspectos da Lei que determina uma vistoria anual nas edificações. Seria prudente dar uma passadinha naquele edifício na esquina da Brasil com Rua 2000, antes que desabe na cabeça de alguém. Tá perigoso.
  • O programa Hall da Fama do site TripAdvisor escolhe os melhores estabelecimentos do setor de turismo no mundo que prestam um serviço de alta qualidade. São contemplados com o título os estabelecimentos que receberam as melhores avaliações nos últimos 5 anos. O Parque Unipraias Camboriú – conquistou o Certificado de Excelência pelo quinto ano consecutivo. Os conselheiros do Parque, Patrícia Tedesco e Carlinho Bogo comemoraram.  "Este é um mérito de todos os colaboradores, que fazem com que a experiência de cada visitante seja tão bem avaliada".
  • Agora que já sou vovô tenho percebido que muitos estabelecimentos públicos não tem um lugar pra trocar as fraldas dos bebes. Aí a solução é apelar para os Shoppings que nesse quesito são eficientes. Pontos pra eles.
  • A foto que reuniu a fina flôr da política local em passeata pelas ruas da cidade e que indignou milhares de internautas é um retrato de quanto o povo é tido como bobo pelos políticos. A máxima “na próxima eleição ninguém lembra”, começa a cair por terra. Em tempos de redes sociais e fotografias digitais não é bem assim. Cuidem para não subestimar demais os eleitores.
  • Feriado de 7 de setembro e a maioria do povo brasileiro não sabe nem porque é feriado. Historicamente é claro. Só para lembrar um pouquinho, “foi nesse dia em 1822 às margens do riacho Ipiranga que o Brasil se viu livre dos portugueses”. Os mesmos que agora devolvem um pouco do que levaram daqui (das nossas riquezas), acolhendo milhares de brasileiros. Lá a gente é igual venezuelano por aqui, corre-se atrás de uma vida melhor. Tá explicado. Bom feriado.
  • Até o momento que escrevo a coluna às 22:57 de quinta feira (6) o candidato Bolsonaro ainda estava na UTI. Reza Brasil 

ESSE ANO FAÇA CERTO. ELEJA CANDIDATOS FICHA LIMPA. FAÇA A SUA PARTE.  


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 09/09/2018 às 14h52 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

PEGADINHA

O plano do PT de enganar a todo mundo fingindo que o ex-Presidente Lula é candidato a presidente pelo partido está dando certo, pelo menos por enquanto. As pesquisas indicam que Lula da Silva mantém uma média acima dos 30 pontos na preferência do eleitorado. Isso quer dizer que o plano de levar um candidato ficha suja até a urna eletrônica e no meio disso indicar outro candidato, no caso Fernando Haddad, tendo como vice a comunista Gabriela Davila, está perto de se concretizar. Basta que os prazos judiciais sejam devidamente esgotados e a maracutaia do PT terá dado certo. Ou melhor dizendo, conseguiram fazer com que milhares de brasileiros saiam de casa para votar em Lula, quando na verdade vão votar em Haddad. Eles nos tratam assim como imbecis na maior cara dura. Triste Brasil.

IDIOTES

Essa sema vi um vídeo do filósofo Mario Sergio Cortella que resume o momento que estamos vivendo e que se resumia a palavra Idiota em Grego e a a capacidade do ser humano em inverter as coisas. No site da Veja tem uma breve explicação pra palavra Idiota , vejamos "Quando surgiu no grego, a palavra idiotes não era tão pesadamente ofensiva – ou pesadamente precisa, a depender do cidadão a que se refere – quanto acabaria por se tornar depois que, por meio do latim idiota, se espalhou pelo mundo e gerou descendentes em diversas línguas, entre elas o português, o francês e o inglês. O sentido primitivo de idiotes era o de “homem privado”, isto é, metido com seus próprios afazeres, afastado da gestão da coisa pública. Na sociedade grega da época, isso era o mesmo que dizer “pessoa sem instrução”, pois só tomava parte na vida pública quem tivesse algumas luzes. No núcleo de idiotes está idios, que tem o sentido de “próprio, particular, peculiar”. Trata-se do mesmo elemento que viria a dar em vocábulos como idioma (“língua pátria”, mas inicialmente “particularidade de estilo”) e idiossincrasia (“característica peculiar de comportamento”). Etimologicamente, a palavra não carregava juízo de valor. Naturalmente, já no próprio grego a palavra começou a ter uso pejorativo. Afinal, a condição de “homem privado”, de leigo em questões do Estado, era uma marca de inferioridade de classe. Quando chegou ao latim, idiota já carregava, ao lado da acepção primitiva de “pessoa simples, sem instrução, iletrada”, a de “pateta, parvo, tolo”.qualquer relação com o que o PT vem fazendo com os eleitores não é mera coincidência. Pra pensar.

VITRINE

A abertura da nova loja da cadeia americana de lanchonetes Burguer King na Avenida Brasil, trouxe, além do seu fast food delicioso, um ar mais cool aquele pequeno calçadão, anexo ao tradicional Hotel Guns. O resultado deve ser um lugar  super movimentado já no próximo verão. Quem sabe por ali não nasce um novo Passeio San Miguel . Os turistas vão adorar.

A esquerda brasileira se notabiliza por fazer vista grossa para alguns regimes menos democraticos nas nossas fronteiras, o caso da Venezuela é a que mais solta aos olhos. O povo ta comendo comida estragada, quando tem, e nem por isso se ouve vozes gritando contra essa barbaridade. É a tal democracia de cuecas.

Dias desses o prefeito Fabrício reuniu um pequeno grupo de assessores para um café no Posto do Neco na Terceira avenida, entre eles estava o homem das obras o ex- vereador Tatá, que conhece a secretaria de obras como poucos. Fabrício tem confirmado seu apoio ao seu vice Carlos Humberto que é candidato a deputado estadual pelo PR.

Já na quinta feira encontrei o jornalista Bola Teixeira se dirigindo ao lançamento da candidatura de Ary Souza a deputado Estadual pelo PPS. Ary já foi vereador e tem experiência na área pública. Bola me disse que o Ary é o nosso Obama pela sua elegância e cordialidade.

Pouca gente se deu conta da importância de elegar um bom candidato a Deputado Federal, que afinal é quem vai apoiar e votar as reformas que o Brasil precisa. Sem uma Câmara Federal e um Senado a altura, não tem governo que faça milagres. Pense nisso.

A grande sensação dessa eleição atende pelo nome de João Amoedo do partido Novo. Aos poucos o Brasil começa a conhecer suas ideias pra desenvolver o país e a retomada de empregos. Sua base principal é uma educação focada na base. Sem um bom alicerce ninguém chega a lugar nenhum. O Novo é o único partido que exige um curso preparatório para seus candidatos e não aceita verba do fundo partidário. Um rombo de 2.6 bilhões sugados da educação, saúde e segurança. Pra pensar.

ESSE ANO FAÇA CERTO. ELEJA CANDIDATOS FICHA LIMPA. FAÇA A SUA PARTE.

 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 24/08/2018 às 11h48 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

PASSADO E FUTURO

Tem muita gente indignada com a qualidade dos entrevistadores nos encontros realizados pela TV Cultura e Globo News, onde as questões abordadas eram mais de cunho pessoal do que programático. No debate da Band não foi muito diferente. A maioria é formada por repórteres consagrados e que tem uma longa história no jornalismo brasileiro. Acontece que nessa fase de candidaturas recém lançadas é importante que se conheça um pouco da vida pregressa dos candidatos. Afinal, são eles que comandarão uma das maiores economias do planeta e com uma população de mais de 200 milhões de habitantes, divididos em um país continental, com diferenças culturais enormes e uma desigualdade brutal. Enfim, já diz o dito popular: “Diga-me com quem andas e te direi quem és”. Conhecer a fundo os candidatos é importantíssimo.


INTOLERÂNCIA

Talvez uma das palavras que mais está em voga ultimamente seja “intolerante” que no dicionário Houaiss quer dizer “que(m) não tolera modos de ser ou agir diferentes dos seus”. É impressionante que isso venha de pessoas ditas letradas, educadas e que tem uma posição de destaque na sociedade. A campanha política que se desenrola costuma aflorar em alguns indivíduos o seu lado mais sóbrio, revela, de forma rude e cruel, uma face muitas vezes desconhecida. Estamos vivendo um momento onde não existem mais adversários e sim inimigos. A liberdade é o bem mais precioso que possuímos e por isso ninguém pode ser vilipendiado nos seus direitos. Ignorante e intolerante é quem tenta te colocar um cabresto. Por isso nessas eleições não dê satisfações do seu voto, a não ser a você mesmo. Democracia já.


Foto: Arquivo Pessoal

Este colunista 'corujando' no Dia dos Pais com os filhos, Gustavo e Cris 


  

   V I T R I N E   

  

  • Domingo dia dos pais reunimos a família no Restaurante Sabores do Mar e nos deliciamos com seu excelente bufê. O momento não poderia ser melhor porque naquele dia passei o tempo todo com meu netinho Nicolas ao meu lado. A vida se renova. Sou grato a Deus por esses momentos maravilhosos. Espero que o meu paizão que agora mora no andar de cima tenha assistido a tudo de camarote. Amor eterno.
  • A todo momento a gente vê na TV a guerra das empresas de cartão de crédito que disputam a preferência dos comerciantes pelas suas maquininhas, que hoje cabem na palma da mão. Os custos de aquisição e manutenção, bem como os juros de antecipação, estão cada vez menores em função dessa disputa entre as bandeiras. Daí a pergunta que não quer calar. Porque, por exemplo no 2º Ofício de Registro de Imóveis não aceitam nem cartão de débito? A grita é geral e o cidadão que paga pelas custas e emolumentos merece uma resposta. Afinal, carregar dinheiro vivo além de perigoso está quase em desuso.
  • A lista de candidatos da região é enorme e alguns nomes causam surpresa por não fazerem parte do cenário político da cidade e região. A disputa vai ser grande e aqueles que já tem uma mínima atividade política no seu curriculum acabam por levar vantagem. Não necessariamente já ter disputado eleições, mas viver nas hostes políticas propriamente dito. A sorte está lançada.
  • Em épocas de crise financeira e desemprego por todo lado, fica difícil saber como muitos candidatos pretendem arrumar dinheiro pra sua campanha política. Antigamente as empresas eram as maiores doadoras, agora com as novas regras eleitorais que só permitem doações de pessoas físicas, e bem limitadas, quem vai bancar a disputa? Vão ter que botar a mão no bolso.
  • Cidadão saiu do seu estabelecimento comercial perto da uma hora da madrugada e relata que sentiu medo de atravessar aquele trecho da praça Almirante Tamandaré, devido a quantidade de malacos que rondam a região. Disse que pensou em voltar ou chamar um Uber. E isso que bem ali tem uma base da GM. Os malacos comandam aquele trecho da Avenida Atlântica. Socorro! Chama o síndico.
  • Tem uma frase que diz "nunca se explique a ninguém, porque aos amigos não é preciso e aos inimigos não adianta”. Pense nisso!

 ESSE ANO FAÇA CERTO. ELEJA CANDIDATOS FICHA LIMPA. FAÇA A SUA PARTE. 


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 16/08/2018 às 08h48 | jonasramos3011@hotmail.com



1 2 3

Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA

RECADO

O povo soberano foi as urnas e mandou um recado pra velha política que insiste em não apear do poder, que está de saco cheio de políticos muito mais interessados nos seus interesses pessoais, do que nas demandas da população. Não raro é ver políticos que entraram na vida pública com pouco ou quase nada e hoje moram e vivem como milionários. O maior exemplo vem de Lula da Silva, que de simples torneiro mecânico, amealhou uma fortuna de dar inveja em muita gente que ralou a vida inteira. Aqui na nossa região não é diferente, tem muito político que não resiste a uma auditoria pelo Ministério Público. O recado tá dado. Quem não quiser ouvir, vai se dar mal.


PREVISÃO

Havia comentado aqui na coluna que pesquisas de intenção de votos para deputados indicavam que os nossos candidatos não seriam bem votados nessa eleição. Primeiro, pela quantidade de candidaturas que acabam pulverizando os votos. Segundo, porque diferentemente do que pensam não tem densidade eleitoral, e acabam por confundir eleição de vereador com eleição de deputado estadual e federal. O buraco é mais embaixo. E por fim, porque não entenderam que o maior fenômeno dessa eleição atendia pelo nome de Jair Messias Bolsonaro. Quem colou nele se deu bem. Quem não colou, ficou pra trás.


 

  V  I  T  R  I  N  E   

  • A votação de Bolsonaro e de quem colou nele Brasil afora colocou de joelhos os institutos de pesquisa, IBOPE e Datafolha correm atrás de explicações para previsões furadas por todos os lados. A maior delas está aqui em Santa Catarina com a ida para o segundo turno de Merísio e Comandante Moisés. A quase eleição de Lucas Esmeraldino também foi arrasadora pros institutos. Tentam culpar o eleitor por uma forte guinada nos últimos dias. Bobagem, há muito tempo o eleitor já sabia em quem votaria. Eles é que não queriam enxergar. O nível de confiança foi a zero.
  • Carlos Humberto Silva chegou muito próximo de se eleger e acabou ficando como primeiro suplente da sua coligação. Maurício Eskudlark ficou com a última vaga e o superou em pouco mais de 2000 votos. Carlos Humberto mostrou que tem potencial para brigar na esfera política regional. É um nome pra se ficar atento.
  • Outro fenômeno é o jovem político Lucas Gottardo que fez uma excelente votação na cidade e na região, e que também demonstra ter apelo eleitoral pra ser melhor observado pela classe política. Costuma fazer suas campanhas com poucos recursos e baseada na colaboração de amigos e correligionários. Outro nome pra se ficar atento.
  • Ir a Blumenau na Oktoberfest e não sair de lá impressionado com a organização da maior festa da cerveja do Brasil é coisa rara. A variedade de cervejas e de pratos típicos não deixam ninguém ficar com sede ou fome. A limpeza dos salões e dos banheiros merece nota dez. A segurança também é destaque. Vale conferir.
  • Acachapante a vitória de Jair Bolsonaro no primeiro turno frente a todos os adversários que vinham batendo pesado nele. Longe do que as pesquisas mostravam a realidade das ruas foi mais forte, e o mito como é chamado pelo público, mostrou que só não sobe a rampa do palácio do planalto se outro louco o encontrar pelo caminho. Não existe um motivo plausível para que não vença o segundo turno com uma boa diferença. É uma questão matemática. Tá na hora de começar a apresentar melhor suas propostas e a pensar num bom ministério pra colocar o país nos trilhos. A esperança é grande.
  • O PT derreteu nessas eleições e saiu chamuscado por todo o país, seus líderes só encontraram respaldo nos estados do nordeste, onde a sigla se mantem às custas de líderes populistas nos governos estaduais. A crença de que Lula elege até um poste no Nordeste é falaciosa. O trunfo do PT no Nordeste são governadores como Rui Costa da Bahia que atingiu mais de 70% dos votos baianos. Lula já era. É carta fora do baralho. 
  • Dilma Rousseff ao ser indagada pelos repórteres na saída do colégio onde votou, negou-se a atendê-los, porque só o faria na coletiva que daria a noite. Tinha como certa sua vitória ao senado por Minas Gerais. O resultado todo mundo já sabe. Ficou em quarto lugar. Mais um grande furo das pesquisas eleitorais. Tchau querida.
  • A tarefa de Gelson Merísio de barrar no segundo turno o tsunami chamado Comandante Moisés é bem mais complicada. Há por parte da população um sentimento de renovação. E Merísio com certeza não se encaixa nesse perfil. Pra piorar, o candidato ainda tem um nome bíblico. Daí fica difícil.
  • Tem gente falando a boca pequena que a eleição à assembleia e à câmara foi um teste pra medir as forças políticas locais pra daqui a dois anos. Tá todo mundo de olho nos altos da Rua Dinamarca. Quem duvidar é louco, afinal, teve gente ali muito mal votada.

ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO AOS POLÍTICOS CORRUPTOS. FAÇA A SUA PARTE.


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 11/10/2018 às 09h18 | jonasramos3011@hotmail.com

Jota Júnior

3ª Edição Do Pic Nic Baby

Arquivo Pessoal

No último dia 30 aconteceu a 3ª Edição Do Pic Nic Baby promovido pelo Grupo “As Cinco”. O Pic Nic Baby promovida pelo Grupo de Sling Dance Aconchego, onde mamães e bebes dançaram juntos com o recurso do Sling, foi um sucesso. A intenção do Grupo Aconchego foi mostrar que é possível para as mamães fazerem atividade física e recreativa, carregando junto a si, seus bebês. Com isso, estimulando uma maternidade feliz, onde ambos criam uma vinculação positiva e se divertem juntos, além de prevenir a depressão pós-parto. Para o Sling Dance, é utilizado o Wrap Sling que é um carregador de bebê, confeccionado com um tecido longo de maneira ergonômica, onde o mesmo é ajustado no corpo do bebê e de quem carrega. A atividade é recomendada a partir do 1º Mês de vida. O Grupo de Sling Dance Aconchego realiza encontros semanais, trazendo além de muita dança, conversa e troca afetiva. Dica da Cris S. Ramos, que dançou com o pequeno Nicolas. Para acompanhar e saber mais acesse as redes sociais. @sling_dance_aconchego \ @Enlove_ ou entre em contato pelo telefone: (47) 9 9784 1385.


Aniversariantes da Semana

Daniele Sisnandes

Marlene Sisnandes festejou nova idade esta semana com os filhos Dani e Gui e amigos

Marlise Schneider Cezar

Gilmar Quati Fabris(D) comemorou idade nova esta semana. Na foto com a mãe Sila e o mano Laka.

Daniele Cezar Lopes

Beatriz Helena Cezar rasgou a folhinha dia 3 e comemorou com filhos e amigos.


Mala Direta

RETA FINAL
Agora não da mais para ficar em cima do muro e a real é saber se você está a fim de ser governado pelo PT de novo ou se prefere uma segunda alternativa. O nós, contra eles, usado na campanha de 2014, voltou com força total e não temos como fugir dessa realidade. A alternativa que nos sobrou é a de arriscar ficar nas mãos de um cidadão que fala o que pensa e, é inimigo declarado de Lula, Dirceu e companhia. Tá longe de ser o ideal. Mas é o que temos. Baseado nisso, o que me resta é torcer pelo Brasil e parar de pensar individualmente, o meu candidato, aquele em quem eu como liberal deposito todas as minhas fichas, vai ter que esperar. Desculpe João Amoedo, na próxima estamos juntos. Brasil acima de tudo. Deus acima de todos. Domingo vou de Bolsonaro. Vou de 17. Fora PT.

BOCA FECHADA
A facada que Jair Bolsonaro levou de um cidadão maluco só lhe trouxe benefícios eleitorais. O período em que ficou internado o candidato do PSL falou pouco e manteve-se distante do embate político. Não participou de debates e não se expôs além daquilo que já lhe é peculiar. De boca fechada o Bolsonaro é um poeta. Acho difícil a eleição acabar no domingo. Segundo turno é outra eleição. O País vai se dividir de novo entre classes e a esperança é que Bolsonaro consiga transmitir as classes favorecidas que o PT faz, mas rouba, e que dá pra fazer sem roubar. Tarefa nada fácil, visto que em mentira eles são imbatíveis. A sorte está lançada.

Vitrine

*Pra quem anda estranhando as visitas semanais do Haddad à carceragem da PF em Curitiba, basta lembrar, que há muito tempo o crime organizado comanda de dentro dos presídios uma multidão de bandidos Brasil afora. Na política não está sendo diferente. Lula comanda de dentro da sede da PF a campanha do seu partido e do seu novo poste. Tudo dentro da normalidade. Esse país tá longe de ser sério.

*Qual o interesse da Folha de São Paulo em querer entrevistar Lula da Silva a poucos dias da eleição? Qual o interesse de Sérgio Moro divulgar as delações de Palocci a poucos dias das eleições? A imprensa assim como o judiciário já mostrou que tem lado nessa eleição. Ou melhor, quem querem no poder. A esquerda ou a direita? Com a palavra final você eleitor.

*Oktoberfest, Marejada e Fenarreco só pra falar das principais festas da região começando essa semana. Então coloca seu chapéu de Fritz, pega tua Frida e vai se divertir. Só não esqueça que se beber não dirija. Alternativas não faltam. Prosit.

*Tive acesso a uma pesquisa para deputados estaduais e federais e não vi ninguém da nossa cidade em condições de chegar à assembleia estadual ou a câmara federal. Tem muito candidato bom de voto e indo à reeleição superando nossa turma. Então, mãos à obra, que esse é um tipo de voto que se ganha até os últimos minutos das urnas abertas. Boa sorte.

ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO AOS POLÍTICOS CORRUPTOS. FAÇA A SUA PARTE.

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 05/10/2018 às 09h44 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

VIAGEM AO SUL

Manuela e Jonas, curtindo a boa gastronomia e o bom vinho da serra gaúcha com um grupo de amigos


SERRA GAÚCHA I

Semana que passou estive na companhia de alguns amigos na cidade de Bento Gonçalves, saímos de lá impressionados com a qualidade nas acomodações e o atendimento desde a chegada até a partida. Comemos e bebemos muito bem, e a visita às vinícolas foi o ponto alto do passeio. Saltom, Valduga e Miolo mostram a força do vinho, sucos e uma centena de produtos derivados do vinho. Os viticultores aproveitam 100% da fruta.


SERRA GAÚCHA II

O forte naquela região e o mais tradicional é o galeto a primo canto com massa, polenta e radite. De lamber os beiços, como diz o Marzinho. Nessa passada pela Serra Gaúcha uma coisa nos chamou a atenção, foi a tarifa dos hotéis que superam bastante as nossas e se baseiam na máxima da oferta/procura. No hotel Spa do Vinho da vinícola Miolo as diárias são flutuantes e iniciam em 450 reais até 1400 reais. Uma boa ideia pra nossa hotelaria que com a chegada do verão e com a conclusão do Centro de Eventos, sempre tem uma procura maior. Pra pensar.


DESCASO PÚBLICO

Este é de um dos chuveiros da praia que estão desperdiçando muita água
por estarem quebrados e sem o chuveirinho. Chama o síndico.


   V I T R I N E   

  • Os ambulantes se espalham pela cidade e em especial na faixa de areia. No último sábado tinha desde salgados até aparelhos eletrônicos. Tem um carrinho de batatas fritas que ocupa um espaço grande na praia e lembra a bagunça das praias de Floripa. Chama o síndico. 
  • As vinícolas gaúchas no melhor estilo americano te jogam dentro de uma loja com produtos extraídos das uvas assim que termina o passeio guiado, que aliás, é imperdível. Vale a pena conhecer. Difícil quem sai sem algo nas mãos. 
  • Pra encerrar o assunto da Serra Gaúcha achei curioso que na cidade de Garibaldi comemoravam na praça central a semana Farroupilha. Lá tinha menos gente que aqui em Balneário Camboriú. Os gaúchos daqui são mais tradicionalistas? 
  • Se você quiser ir à praia na Barra Sul deve chegar bem cedo pra encontrar um lugar pra colocar a cadeira e o guarda sol. As praças de esportes se multiplicam. Afinal, a praia é de todos ou não? O esporte é super bem-vindo, mas não tem um horário específico. Ou quem sabe áreas específicas. Pra estudar. 
  • Carlos Humberto Silva, vice-prefeito e candidato a Deputado Estadual, é o que mais aparece pelas ruas da cidade. Promove bandeiraço em certos horários na área central e promove carreatas nos bairros e cidades vizinhas. Em tempos de proibição de ajuda financeira das empresas, sobra pro bolso das pessoas físicas e o próprio candidato. Seu número é 22444. 
  • Aos poucos a resistência ao candidato ultradireitista Jair Bolsonaro começa a ruir com o medo dos petistas voltarem ao poder, pelas mãos do novo poste do Lula. Ele é visto por uma parcela que antes apoiava o PSDB e MDB como a única trincheira capaz de nos livrar da volta da turma do mensalão e da clientela da lava jato. Enquanto isso seu líder maior comanda de dentro da prisão a campanha petista na maior cara dura. Esse país tá ferrado. 
  • Em Santa Catarina Mauro Mariani e Gelson Merísio disputam palmo a palmo os votos dos catarinenses. Décio Lima aos poucos vai ficando prá trás. No Senado Amin e Colombo se esforçam para se distanciar de Paulo Bauer que vem grudado na cola deles. Os resultados fazem parte da pesquisa IBOPE feita pela NSCTV. Ideli Salvatti que já foi senadora por Santa Catarina vem apresentando números bem abaixo do esperado. É esperar pra ver.  

ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO A POLÍTICOS CORRUPTOS. FAÇA A SUA PARTE. 


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 24/09/2018 às 21h49 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

ARMA BRANCA

O atentado covarde e traiçoeiro sofrido pelo candidato a presidente pelo PSL Jair Bolsonaro em plena campanha eleitoral, à luz do dia, mostra o quanto a política do nós e eles, que a esquerda prega, e em especial o PT, traz à tona malucos como esse, que resolvem decidir os rumos do processo eleitoral matando um dos favoritos a ocupar o palácio do Planalto. O baixo nível da política em geral acaba por levar a esses radicalismos sem explicação. O Brasil é um país dividido e sem rumo. Pra azar de quem ele defende é que a vítima deixou de ser o Lula PRESO e passou a ser Jair Bolsonaro na UTI. O messias que encanta a muitos, nunca esteve tão perto da morte ou de chegar à presidência do Brasil. Que país é esse?


DISPARADO

O sonho de muitos candidatos é que algum fato os leve ao topo das pesquisas, ou seja, sair do zero e bater no cem em pouquíssimo tempo. Como aconteceu agora com o Museu Nacional da Quinta da Boa Vista, que até ser torrado em um incêndio que dizimou uma boa parte da história do Brasil, ninguém o conhecia, ou sabia que existia, e sob o calor ardente das chamas passou a ser notícia nacional. A comoção foi geral e a gritaria só não é maior porque a turma acostumada a fazer esse tipo de barulho estava com as chaves do museu nas mãos. A UFRJ é dominada pela turma do PSOL e destinava menos de 30 mil mensais da milionária verba da universidade ao Museu Nacional. Já imaginaram o contrário? A turma da direita seria chamada de assassinos da história. Triste Brasil.


 

  V I T R I N E  

 

  • Essa semana se falou muito em manutenção de prédios públicos e por isso convém lembrar que alguns prédios privados também carecem de manutenção. Essa semana a prefeitura deixou uma intimação no meu condomínio cobrando aspectos da Lei que determina uma vistoria anual nas edificações. Seria prudente dar uma passadinha naquele edifício na esquina da Brasil com Rua 2000, antes que desabe na cabeça de alguém. Tá perigoso.
  • O programa Hall da Fama do site TripAdvisor escolhe os melhores estabelecimentos do setor de turismo no mundo que prestam um serviço de alta qualidade. São contemplados com o título os estabelecimentos que receberam as melhores avaliações nos últimos 5 anos. O Parque Unipraias Camboriú – conquistou o Certificado de Excelência pelo quinto ano consecutivo. Os conselheiros do Parque, Patrícia Tedesco e Carlinho Bogo comemoraram.  "Este é um mérito de todos os colaboradores, que fazem com que a experiência de cada visitante seja tão bem avaliada".
  • Agora que já sou vovô tenho percebido que muitos estabelecimentos públicos não tem um lugar pra trocar as fraldas dos bebes. Aí a solução é apelar para os Shoppings que nesse quesito são eficientes. Pontos pra eles.
  • A foto que reuniu a fina flôr da política local em passeata pelas ruas da cidade e que indignou milhares de internautas é um retrato de quanto o povo é tido como bobo pelos políticos. A máxima “na próxima eleição ninguém lembra”, começa a cair por terra. Em tempos de redes sociais e fotografias digitais não é bem assim. Cuidem para não subestimar demais os eleitores.
  • Feriado de 7 de setembro e a maioria do povo brasileiro não sabe nem porque é feriado. Historicamente é claro. Só para lembrar um pouquinho, “foi nesse dia em 1822 às margens do riacho Ipiranga que o Brasil se viu livre dos portugueses”. Os mesmos que agora devolvem um pouco do que levaram daqui (das nossas riquezas), acolhendo milhares de brasileiros. Lá a gente é igual venezuelano por aqui, corre-se atrás de uma vida melhor. Tá explicado. Bom feriado.
  • Até o momento que escrevo a coluna às 22:57 de quinta feira (6) o candidato Bolsonaro ainda estava na UTI. Reza Brasil 

ESSE ANO FAÇA CERTO. ELEJA CANDIDATOS FICHA LIMPA. FAÇA A SUA PARTE.  


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 09/09/2018 às 14h52 | jonasramos3011@hotmail.com

Mala Direta

PEGADINHA

O plano do PT de enganar a todo mundo fingindo que o ex-Presidente Lula é candidato a presidente pelo partido está dando certo, pelo menos por enquanto. As pesquisas indicam que Lula da Silva mantém uma média acima dos 30 pontos na preferência do eleitorado. Isso quer dizer que o plano de levar um candidato ficha suja até a urna eletrônica e no meio disso indicar outro candidato, no caso Fernando Haddad, tendo como vice a comunista Gabriela Davila, está perto de se concretizar. Basta que os prazos judiciais sejam devidamente esgotados e a maracutaia do PT terá dado certo. Ou melhor dizendo, conseguiram fazer com que milhares de brasileiros saiam de casa para votar em Lula, quando na verdade vão votar em Haddad. Eles nos tratam assim como imbecis na maior cara dura. Triste Brasil.

IDIOTES

Essa sema vi um vídeo do filósofo Mario Sergio Cortella que resume o momento que estamos vivendo e que se resumia a palavra Idiota em Grego e a a capacidade do ser humano em inverter as coisas. No site da Veja tem uma breve explicação pra palavra Idiota , vejamos "Quando surgiu no grego, a palavra idiotes não era tão pesadamente ofensiva – ou pesadamente precisa, a depender do cidadão a que se refere – quanto acabaria por se tornar depois que, por meio do latim idiota, se espalhou pelo mundo e gerou descendentes em diversas línguas, entre elas o português, o francês e o inglês. O sentido primitivo de idiotes era o de “homem privado”, isto é, metido com seus próprios afazeres, afastado da gestão da coisa pública. Na sociedade grega da época, isso era o mesmo que dizer “pessoa sem instrução”, pois só tomava parte na vida pública quem tivesse algumas luzes. No núcleo de idiotes está idios, que tem o sentido de “próprio, particular, peculiar”. Trata-se do mesmo elemento que viria a dar em vocábulos como idioma (“língua pátria”, mas inicialmente “particularidade de estilo”) e idiossincrasia (“característica peculiar de comportamento”). Etimologicamente, a palavra não carregava juízo de valor. Naturalmente, já no próprio grego a palavra começou a ter uso pejorativo. Afinal, a condição de “homem privado”, de leigo em questões do Estado, era uma marca de inferioridade de classe. Quando chegou ao latim, idiota já carregava, ao lado da acepção primitiva de “pessoa simples, sem instrução, iletrada”, a de “pateta, parvo, tolo”.qualquer relação com o que o PT vem fazendo com os eleitores não é mera coincidência. Pra pensar.

VITRINE

A abertura da nova loja da cadeia americana de lanchonetes Burguer King na Avenida Brasil, trouxe, além do seu fast food delicioso, um ar mais cool aquele pequeno calçadão, anexo ao tradicional Hotel Guns. O resultado deve ser um lugar  super movimentado já no próximo verão. Quem sabe por ali não nasce um novo Passeio San Miguel . Os turistas vão adorar.

A esquerda brasileira se notabiliza por fazer vista grossa para alguns regimes menos democraticos nas nossas fronteiras, o caso da Venezuela é a que mais solta aos olhos. O povo ta comendo comida estragada, quando tem, e nem por isso se ouve vozes gritando contra essa barbaridade. É a tal democracia de cuecas.

Dias desses o prefeito Fabrício reuniu um pequeno grupo de assessores para um café no Posto do Neco na Terceira avenida, entre eles estava o homem das obras o ex- vereador Tatá, que conhece a secretaria de obras como poucos. Fabrício tem confirmado seu apoio ao seu vice Carlos Humberto que é candidato a deputado estadual pelo PR.

Já na quinta feira encontrei o jornalista Bola Teixeira se dirigindo ao lançamento da candidatura de Ary Souza a deputado Estadual pelo PPS. Ary já foi vereador e tem experiência na área pública. Bola me disse que o Ary é o nosso Obama pela sua elegância e cordialidade.

Pouca gente se deu conta da importância de elegar um bom candidato a Deputado Federal, que afinal é quem vai apoiar e votar as reformas que o Brasil precisa. Sem uma Câmara Federal e um Senado a altura, não tem governo que faça milagres. Pense nisso.

A grande sensação dessa eleição atende pelo nome de João Amoedo do partido Novo. Aos poucos o Brasil começa a conhecer suas ideias pra desenvolver o país e a retomada de empregos. Sua base principal é uma educação focada na base. Sem um bom alicerce ninguém chega a lugar nenhum. O Novo é o único partido que exige um curso preparatório para seus candidatos e não aceita verba do fundo partidário. Um rombo de 2.6 bilhões sugados da educação, saúde e segurança. Pra pensar.

ESSE ANO FAÇA CERTO. ELEJA CANDIDATOS FICHA LIMPA. FAÇA A SUA PARTE.

 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 24/08/2018 às 11h48 | jonasramos3011@hotmail.com

MALA DIRETA

PASSADO E FUTURO

Tem muita gente indignada com a qualidade dos entrevistadores nos encontros realizados pela TV Cultura e Globo News, onde as questões abordadas eram mais de cunho pessoal do que programático. No debate da Band não foi muito diferente. A maioria é formada por repórteres consagrados e que tem uma longa história no jornalismo brasileiro. Acontece que nessa fase de candidaturas recém lançadas é importante que se conheça um pouco da vida pregressa dos candidatos. Afinal, são eles que comandarão uma das maiores economias do planeta e com uma população de mais de 200 milhões de habitantes, divididos em um país continental, com diferenças culturais enormes e uma desigualdade brutal. Enfim, já diz o dito popular: “Diga-me com quem andas e te direi quem és”. Conhecer a fundo os candidatos é importantíssimo.


INTOLERÂNCIA

Talvez uma das palavras que mais está em voga ultimamente seja “intolerante” que no dicionário Houaiss quer dizer “que(m) não tolera modos de ser ou agir diferentes dos seus”. É impressionante que isso venha de pessoas ditas letradas, educadas e que tem uma posição de destaque na sociedade. A campanha política que se desenrola costuma aflorar em alguns indivíduos o seu lado mais sóbrio, revela, de forma rude e cruel, uma face muitas vezes desconhecida. Estamos vivendo um momento onde não existem mais adversários e sim inimigos. A liberdade é o bem mais precioso que possuímos e por isso ninguém pode ser vilipendiado nos seus direitos. Ignorante e intolerante é quem tenta te colocar um cabresto. Por isso nessas eleições não dê satisfações do seu voto, a não ser a você mesmo. Democracia já.


Foto: Arquivo Pessoal

Este colunista 'corujando' no Dia dos Pais com os filhos, Gustavo e Cris 


  

   V I T R I N E   

  

  • Domingo dia dos pais reunimos a família no Restaurante Sabores do Mar e nos deliciamos com seu excelente bufê. O momento não poderia ser melhor porque naquele dia passei o tempo todo com meu netinho Nicolas ao meu lado. A vida se renova. Sou grato a Deus por esses momentos maravilhosos. Espero que o meu paizão que agora mora no andar de cima tenha assistido a tudo de camarote. Amor eterno.
  • A todo momento a gente vê na TV a guerra das empresas de cartão de crédito que disputam a preferência dos comerciantes pelas suas maquininhas, que hoje cabem na palma da mão. Os custos de aquisição e manutenção, bem como os juros de antecipação, estão cada vez menores em função dessa disputa entre as bandeiras. Daí a pergunta que não quer calar. Porque, por exemplo no 2º Ofício de Registro de Imóveis não aceitam nem cartão de débito? A grita é geral e o cidadão que paga pelas custas e emolumentos merece uma resposta. Afinal, carregar dinheiro vivo além de perigoso está quase em desuso.
  • A lista de candidatos da região é enorme e alguns nomes causam surpresa por não fazerem parte do cenário político da cidade e região. A disputa vai ser grande e aqueles que já tem uma mínima atividade política no seu curriculum acabam por levar vantagem. Não necessariamente já ter disputado eleições, mas viver nas hostes políticas propriamente dito. A sorte está lançada.
  • Em épocas de crise financeira e desemprego por todo lado, fica difícil saber como muitos candidatos pretendem arrumar dinheiro pra sua campanha política. Antigamente as empresas eram as maiores doadoras, agora com as novas regras eleitorais que só permitem doações de pessoas físicas, e bem limitadas, quem vai bancar a disputa? Vão ter que botar a mão no bolso.
  • Cidadão saiu do seu estabelecimento comercial perto da uma hora da madrugada e relata que sentiu medo de atravessar aquele trecho da praça Almirante Tamandaré, devido a quantidade de malacos que rondam a região. Disse que pensou em voltar ou chamar um Uber. E isso que bem ali tem uma base da GM. Os malacos comandam aquele trecho da Avenida Atlântica. Socorro! Chama o síndico.
  • Tem uma frase que diz "nunca se explique a ninguém, porque aos amigos não é preciso e aos inimigos não adianta”. Pense nisso!

 ESSE ANO FAÇA CERTO. ELEJA CANDIDATOS FICHA LIMPA. FAÇA A SUA PARTE. 


 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 16/08/2018 às 08h48 | jonasramos3011@hotmail.com



1 2 3

Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade