Jornal Página 3
Coluna
Enéas Athanázio
Por Enéas Athanázio

Memória

O Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina (IHGSC) publicou suas memórias. “Memória do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina”, organizada por Iza Vieira da Rosa Grisard, com a colaboração de Marly A. F. B. Mira, cobre o período de 1896 a 2014 e foi publicada em livro em 2015. É uma homenagem a José Arthur Boiteux, idealizador, proponente do nome, um dos fundadores e presidente da entidade, segundo a organizadora. “Conhecer aqueles que fundaram o IHGSC, – escreve ela – que participaram e contribuíram para o desenvolvimento dessa instituição científica e cultural essencial para o Estado de Santa Catarina, revelou-se não só necessário quanto oportuno para sua história” (p. XV).

Com esse propósito, ela mergulhou em infindáveis leituras de atas, registros e documentos para reconstituir a biografia de uma entidade com fundas raízes em nosso passado histórico. O resultado foi um livro fundamentado e minucioso que retrata a ação do Instituto dos primórdios aos nossos dias.

A primeira parte aborda a vida administrativa, as atas e as diretorias que comandaram a entidade, reproduzindo alguns documentos originais. Em seguida aparecem as notas biográficas dos que exerceram a presidência, iniciando-se por Hercílio Pedro da luz e concluindo com Augusto César Zeferino, atual ocupante do cargo, destacando as realizações de cada um. Na terceira parte são descritas e comentadas as insígnias e as sedes, indicando o significado de cada uma das primeiras, com reprodução de suas imagens. As sedes onde funcionou o Instituto são comentadas em detalhe, com realce para a Casa de Santa Catarina. Também as respectivas fotos são publicadas. A atual sede, prédio ilustre e de rico passado, mereceu abordagem especial. Foi o antigo Instituto Politécnico, hoje Casa de José Boiteux, um edifício imponente, de linhas clássicas e elegantes, onde o Instituto está instalado de maneira condigna.

Seguem-se os estatutos de 1896, 1939, 1971, 1984, 1997 e 2013, acrescidos de comentários que mostram a evolução da entidade, sua organização, métodos de ação e atualização aos novos tempos. Convênios e parcerias são relacionados com seus detalhes.

O quadro associativo merece capítulo especial. São relacionados o presidente honorário, os presidentes e vice-presidentes perpétuos, os membros fundadores e eméritos, os membros efetivos, correspondentes, honorários e beneméritos. As atividades científicas e culturais abrangem congressos, ciclos de estudos, simpósios, cursos, encontros, reuniões, colóquios, paineis, seminários, concursos e fórum, registrando intensa realização nas áreas científica e cultural. Comendas, prêmios e sessões especiais, solenes e comemorativas também são relacionadas, além das publicações do Instituto, como a revista, a coleção catariniana, a série de ensaios e o boletim mensal. Anais, livros, biblioteca, catálogos dos livros digitalizados da Família Boiteux, trabalhos de alunos, periódicos e documentos também merecem minuciosa descrição.

Trata-se, enfim, de um retrato fiel do Instituto como, creio eu, jamais fora realizado.

“A presença do IHGSC, - escreveu Jali Meirinho – no contexto cultural do Estado de Santa Catarina, já está se findando na primeira vintena do seu segundo século de existência, personalizando-o como agente perene de ações interessadas na constituição de estímulos à preservação da memória, formação de acervos e incentivo ao conhecimento do ser catarinense.”

Como demonstra em detalhes esta interessante “Memória”, o IHGSC é uma entidade vitoriosa e tem realizado em plenitude sua importante função científica e cultural. E a organizadora, sua colaboradora e o Instituto merecem efusivos aplausos.

“Tem o Instituto uma sede. Vive. Viverá.
Preservar, preservar; meu caro Lucas. E triunfa-se!
Como é bom triunfar...”
Palavras de José Boiteux ao irmão Lucas, em 1915, prevendo o profícuo futuro da Instituição.

Escrito por Enéas Athanázio, 27/12/2017 às 16h59 | e.atha@terra.com.br

publicidade





publicidade



Enéas Athanázio

Assina a coluna Enéas Athanázio

Promotor de Justiça (aposentado), advogado e escritor. Tem 48 livros publicados em variados gêneros literários. É detentor de vários prêmios e pertence a diversas entidades culturais. Assina colunas no Jornal Página 3, na revista Blumenau em Cadernos e no site Coojornal - Revista Rio Total.
















Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br