Jornal Página 3
Coluna
CINERAMA BC
Por André Gevaerd

Programação do Cinema - 2 a 5 de novembro

Confira a programação dessa semana:

 

CIRCUITO DE CINEMA

 

• Tudo Sobre Vincent

Horários: de quinta a domingo às 18:30

14 anos – 78 min – Fantasia/Comédia – França- 2016

Direção: Thomas Salvador

Sinopse: Vincent é um homem calmo e solitário, que tem um grande segredo: sua força fica dez vezes maior quando ele entra em contato com a água. Mas tudo muda quando ele conhece Lucie e se apaixona.

Trailer: youtu.be/qTRrCXjBl44


• Eva Não Dorme

Horários: de quinta a domingo às 20:00

12 anos – 85 min –  Drama – Argentina/Espanha/França – 2015

Direção: Pablo Agüero

Sinopse: Em 1952, Evita Péron, a Primeira Dama da Argentina, morre de câncer, aos 33 anos de idade e seu corpo é embalsamado. Três anos depois, o presidente Juan Perón sofre um golpe de estado e o corpo de Evita é enviado para a Europa, com o intuito de apagar o legado dela da memória popular. Seu corpo então vira o centro de um confronto de poder que dura vinte e cinco anos.

Trailer: youtu.be/Qr1dr39lj7k


CINEFILIA

 

•  Um Dia Eu Voltaria

Horário: dia 02 às 17:15

Livre – 51 min – Documentário – Tailândia /Camboja/Vietnã – 2017 

Direção: Lucas Bogo

Sinopse: Letícia Mello te convida a viver essa experiência e viajar pela Tailândia, Camboja e Vietnã sob um olhar sensível e impactante. Muito mais do que “ver um filme”, Letícia convida a fazer parte de um mundo que chama de “DoForLove”.

Trailer: youtu.be/9GacTcppbeY

 

  Perdidos em Paris

Horário: dia 03 às 17:00

12 anos – 83 min –  Comédia – França/Bélgica – 2016 – Legendado

Direção: Dominique Abel, Fiona Gordon

Sinopse: Após o recebimento da carta sobre internação em um lar de idosos da sua tia Martha, Fiona vai até Paris procurá-la. Nessa viagem, ela convida Dom, um sem-teto tão esperto quanto chato.

Trailer: youtu.be/KcuK1rW-pRY

 

•  Blade Runner, o Caçador de Andróides

Horário: dia 04 às 16:15

14 anos – 117 minutos – Ficção Científica – EUA – 1982 – Legendado

Direção: Ridley Scott

Sinopse: No início do século XXI, uma grande corporação desenvolve um robô que é mais forte e ágil que o ser humano e se equiparando em inteligência. São conhecidos como replicantes e utilizados como escravos na colonização e exploração de outros planetas. Mas, quando um grupo dos robôs mais evoluídos provoca um motim, em uma colônia fora da Terra, este incidente faz os replicantes serem considerados ilegais na Terra, sob pena de morte. A partir de então, policiais de um esquadrão de elite, conhecidos como Blade Runner, têm ordem de atirar para matar em replicantes encontrados na Terra, mas tal ato não é chamado de execução e sim de remoção. Até que, em novembro de 2019, em Los Angeles, quando cinco replicantes chegam à Terra, um ex-Blade Runner (Harrison Ford) é encarregado de caçá-los.

Trailer: youtu.be/qoEyZoOTtss

 

•  O Reino da Beleza

Horário: dia 05 às 16:15

18 anos – 102 min – Legendado – Drama/Romance – Canadá – 2014 

Direção: Denys Arcand

Sinopse: Durante um colóquio na cidade de Toronto, Luc Sauvageau (Éric Bruneau), um arquiteto casado com Stéphanie (Mélanie Thierry) e natural do Quebec, conhece Lindsay (Melanie Merkosky), uma mulher intrigante. Luc acaba se apaixonando pela mulher e começa um relacionamento apaixonado e tortuoso com ela.

Trailer: youtu.be/5nsKs-9g4SU


Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda 

Ingressos antecipados em https://oneticket.com.br/casa/art-house-bc

 

Escrito por André Gevaerd, 30/10/2017 às 18h59 | andre@cineramabc.com

Programação do Cinema - 26 a 29 de outubro

 

 

Em cartaz essa semana na Cineramabc Arthouse!


CIRCUITO DE CINEMA

  

• Perdidos em Paris

12 anos – 83 min – Comédia – França/Bélgica – 2016

Data e horário: de quinta a domingo às 18:30

Direção: Dominique Abel, Fiona Gordon

Sinopse: Após o recebimento da carta sobre internação em um lar de idosos da sua tia Martha, Fiona vai até Paris procurá-la. Nessa viagem, ela convida Dom, um sem-teto tão esperto quanto chato.

Trailer: https://youtu.be/KcuK1rW-pRY

 

 

 

• Tudo Sobre Vincent

14 anos – 78 min – Fantasia/Comédia – França- 2016

Data e horários: de quinta a domingo às 20:00

Direção: Thomas Salvador

Sinopse: Vincent é um homem calmo e solitário, que tem um grande segredo: sua força fica dez vezes maior quando ele entra em contato com a água. Mas tudo muda quando ele conhece Lucie e se apaixona.

Trailer: https://youtu.be/qTRrCXjBl44


 

MOSTRA DE CINEMA "CLÁSSICOS DO SCI-FI"


Eles vivem (1988)
Data e horário: 27/10 – 21:25
Sinopse: De John Carpenter. Com Roddy Piper, Keith David e Meg Foster.Operário descobre um par de óculos que o permite ver que alienígenas dominaram a Terra, controlando os humanos através de propagandas subliminares. Com ácido comentário social, este cult de Carpenter é um dos filmes essenciais dos anos 80.

Trailer: https://youtu.be/WzyyPjG0PSQ

• O Planeta Proibido (1956)
Data e horário:
28/10 – 21:25 
Sinopse: Uma expedição liderada pelo Comandante John J. Adams (Leslie Nielsen) viaja rumo a um planeta distante para descobrir o que aconteceu com os cientistas que foram para lá iniciar uma colônia. Apenas um é encontrado: o arrogante Dr. Morbius (Walter Pidgeon), que vive em companhia da filha, Altaira (Anne Francis), e de um prestativo robô.

Trailer: https://youtu.be/F17CCRoMttQ


• Fuga no século 23 (1976)
Data e horário:
29/10 – 21:25 
Sinopse: De Michael Anderson. Com Michael York, Richard Jordan e Farrah Fawcett. No século 23, a vida é perfeita e cheia de prazeres. Porém, aos 30 anos, todos devem morrer. Quando chega a sua vez, Logan resolve fugir. Superprodução dos anos 70, este clássico apresenta uma das sociedades distópicas mais interessantes do cinema.

Trailer: https://youtu.be/4k_RdafinYw

 



CINEFILIA

• Sessão gratuita de curtas destinados ao público infanto-juvenil


 

CINE NIGHT - ESPECIAL HALLOWEEN

Dia 28/10

22:00 - Esquenta Cine Night
23:30 - Psicose, de Alfred Hitchcok (109 min - 14 anos - 1960 - EUA)
01:30 - Party Break 01
02:00 - O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper (83 min - 18 anos - 1974 - EUA)
03:30 - Party Break 02
04:00 - "Filme Surpresa"

 

 

-

 

Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda

Ingressos antecipados em https://oneticket.com.br/casa/art-house-bc

 

Escrito por André Gevaerd, 23/10/2017 às 10h31 | andre@cineramabc.com

Programação do Cinema - 19 a 22 de outubro

Em cartaz essa semana na Cineramabc Arthouse!

 

DAVID LYNCH – A VIDA DE UM ARTISTA

12 anos – 88 min – Documentário – EUA/Dinamarca – 2016

Horários: de quinta a domingo às 18:15

Direção: Jon Nguyen, Rick Barnes, Olivia Neergaard-Holm

Sinopse: Em uma íntima jornada, o documentário narra sobre os anos que formaram a vida do cineasta David Lynch. Desde sua criação idílica em uma pequena cidade até as ruas escuras de Filadélfia, acompanhamos Lynch à medida que ele traça os eventos principais para a sua formação, assim como para o seu estilo cinematográfico enigmático.

Trailer: https://youtu.be/3lDe-2rhOqs

 

PERDIDOS EM PARIS

12 anos – 83 min – Comédia – França/Bélgica – 2016

Horários: de quinta a domingo às 20:00

Direção: Dominique Abel, Fiona Gordon

Sinopse: Após o recebimento da carta sobre internação em um lar de idosos da sua tia Martha, Fiona vai até Paris procurá-la. Nessa viagem, ela convida Dom, um sem-teto tão esperto quanto chato.

Trailer: https://youtu.be/KcuK1rW-pRY

 

-

 

Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda

Ingressos antecipados em https://oneticket.com.br/casa/art-house-bc

Escrito por André Gevaerd, 17/10/2017 às 15h35 | andre@cineramabc.com

Programação do Cinema - 12 a 15 de outubro

 

Confira a programação dessa semana na Cineramabc Arthouse:


O REINO DA BELEZA
Horários: de quinta a domingo às 18:10
18 anos – 102 min – Drama/Romance – Canadá – 2014
Direção: Denys Arcand
Sinopse: Durante um colóquio na cidade de Toronto, Luc Sauvageau (Éric Bruneau), um arquiteto casado com Stéphanie (Mélanie Thierry) e natural do Quebec, conhece Lindsay (Melanie Merkosky), uma mulher intrigante. Luc acaba se apaixonando pela mulher e começa um relacionamento apaixonado e tortuoso com ela.


DAVID LYNCH – A VIDA DE UM ARTISTA
Horários: de quinta a domingo às 20:00
12 anos – 88 min – Documentário – EUA/Dinamarca – 2016
Direção: Jon Nguyen, Rick Barnes, Olivia Neergaard-Holm
Sinopse: Em uma íntima jornada, o documentário narra sobre os anos que formaram a vida do cineasta David Lynch. Desde sua criação idílica em uma pequena cidade até as ruas escuras de Filadélfia, acompanhamos Lynch à medida que ele traça os eventos principais para a sua formação, assim como para o seu estilo cinematográfico enigmático.


FOUCAULT CONTRA SI MESMO
Horários: sábado e domingo às 17:00
10 anos – 52 minutos – Documentário/Biografia – França – 2014
Direção: François Caillat
Sinopse: Filósofos e historiadores comentam as marcas da rica e contraditória produção intelectual de Michel Foucault num breve panorama de sua carreira, ilustrado por entrevistas com próprio pensador e relacionado com passagens de sua vida fora do ambiente acadêmico.


Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda 

 

•  PREÇO E FORMA DE PAGAMENTO

Os Ingressos custam R$ 20,00 inteira ou R$ 10,00 meia e podem ser comprados de duas maneiras:

01) Em dinheiro ou cartão na bilheteria do cinema. (a bilheteria do cinema abre as 16:00)

02) Pela internet através do site One Ticket. (sujeito a cobrança de taxa do serviço online)

Para sua comodidade sugerimos chegar 10 minutos antes do início da sessão.

 

•  ENDEREÇO

Cineramabc Arthouse

Rua São Paulo 581 – 1

Bairro dos Estados / Balneário Camboriú / Santa Catarina

 

 

Escrito por André Gevaerd, 10/10/2017 às 14h27 | andre@cineramabc.com

Comédia “Arrox Cum Ovu” volta a Balneário em única apresentação

Com Bruna Froehner e Potyra Najara. Direção: Júlio Batschauer

De volta a Baneário Camboriú em única apresentação

 

8 de Outubro, às 20h, Teatro Bruno Nitz

 

Renda do espetáculo será destinada à produção de filme sobre as personagens

 

Diversão garantida neste fim de semana em Balneário. No próximo domingo (8/10), às 20h, a comédia “Arrox Cum Ovu” sobe ao palco do Teatro Bruno Nitz, no Centro, em única apresentação. Comemorando seis anos de sucesso, o espetáculo nesta encenação traz uma novidade: todo o valor de sua renda será voltado para a produção do filme de Suzinete e Creuzinete. As divertidas personagens da peça que conquistaram a internet com seus simpáticos bordões e trejeitos catarinenses.

 

O filme será rodado em Balneário Camboriú com toda equipe de artistas e produtores locais. De acordo com a produção, cada pessoa que adquirir um ingresso será automaticamente um apoiador do filme e terá seu nome reconhecido nos créditos. Além disso, quem desejar pode procurar a equipe para também ser um incentivador do filme.

Os ingressos já estão à venda na bilheteria do teatro ou pela internet por meio do portal Tickt (http://www.portalticket.com.br/eventos/112-espetaculo-teatral-arrox-cum-ovu-balneario-camboriu/).

 

"Arrox Cum Ovu é uma comédia para levar a família, os amigos e se divertir muito. Brincamos com as situações da vida. Então marque na sua agenda, 08 de outubro, porque além de assistir uma super comédia, você será um incentivador da Cultura", ressalta Potyra Najara, atriz da peça. 

 

A peça conta a divertida história de duas amigas que enfrentam situações inusitadas, a partir de seus defeitos e qualidades. Entre afinidades e discordâncias, Suzinete e Creuzinete passam pelos problemas cotidianos apoiando-se na amizade.

 

"O espetáculo é uma delícia, todo mundo que assiste sai do teatro mais leve, com um sorriso no rosto", conclui a atriz Bruna Froehner.

 

Serviço:

Quando: 08 de outubro

Onde: Teatro Municipal Bruno Nitz 

Endereço: Avenida Central, esquina com rua 300 - Centro, Balneário Camboriú 

Horário: 20h 

Quanto: R$ 40 (inteira) / R$ 20 (meia entrada) / R$ 30 (promocional) Levando um kg de alimento não perecível para ajudar na Campanha Solidária da RICTV Record. 

 

Ficha Técnica

Direção: Júlio Batschauer

Elenco : Bruna Froehner e Potyra Najara

Técnica: Monique Neves 

 

Sinopse:

A peça conta a divertida história de duas amigas que enfrentam situações inusitadas, a partir de seus defeitos e qualidades. Entre afinidades e discordâncias, Suzinete e Creuzinete passam pelos problemas cotidianos apoiando-se na amizade.

 

A comédia “Arrox Cum Ovu” circula por Santa Catarina e Paraná há seis anos. As divertidas personagens ganharam a internet e vem conquistando a plateia com o jeitinho especial de falar dos catarinenses. Hã hã tax tolo! Bobiça não nego?

 

Conheça o canal de Suzinete e Creuzinete na internet: https://www.youtube.com/channel/UCm0DqH5dDnquLkVwncPCvDA

 

Contato produção e assessoria de imprensa:

Bruna Froehner (47) 99733-3539

 

 

 

Escrito por André Gevaerd, 05/10/2017 às 12h01 | andre@cineramabc.com

Wander "Fuc*#$@" Wildner!

Não quero começar um texto com o velho papo nostálgico dos nossos avós que começava mais ou menos assim: "Filho, no meu tempo..." e assim por diante, mas deve ser o tempo que está me persiguindo e me transformando em um prematuro saudosista. Vamos ao assunto que me chamou atenção. Para quem curte o bom e velho rock'n'roll o nome do mítico Wander Wildner não é nenhuma novidade, mas para a tristeza das novas gerações que vive em meio a funkeiras "Anitas" e a universitários "Queixo Grosso e Topete Fino" essa é uma triste realidade. O personagem do Wander Wildner sempre foi controverso e sempre foi parte dele afugentar alguns e balançar as estruturas sociais com frases como:

"Alô racistas disfarçados / Com suas idéias de argila / Votando a favor da igualdade / E tocando os negros pro fim da fila"

ou

"Juventude idiota está levantando as lajotas / está dançando em blumenau"

A manchete chamava atenção para um miolo que dizia: "Um show do cantor Wander Wildner na Fatiado Discos e Cervejas Especiais, em São Paulo, acabou mal. O artista gaúcho teve seu microfone desligado e a apresentação interrompida após ter feito declarações consideradas machistas e racistas. A situação foi exposta pela casa em um post no Facebook, que foi posteriormente apagado. A frase que motivou a interrupção teria sido "já que nenhuma vadia me traz uma cerveja". O cantor teria ainda se referido a um funcionário do local como "o 'nêgo' que trabalha no bar". "Desligamos o microfone e o amplificador para que esse tipo de babaquice não se propague. Falar as coisas que ele falou no microfone é um erro inadmissível, principalmente em pleno 2017. Wander Wildner aqui nunca mais", dizia o esclarecimento."

Wander Wildner, certamente perplexo frente a situação, publicou um texto em que diz ter sido "mal interpretado": "No show de ontem houve um mal entendido. É inegável que não sou racista nem machista, quem me conhece sabe. Sinto muito se o que falei foi mal interpretado. De agora em diante nos shows vou apenas cantar as músicas", escreveu o cantor.

Como pode a intolerância e hostilidade a um artista ser tamanha a ponto de impedir que o mesmo se manifeste ou ao menos se faça entender?Resumo da história: TODOS SAEM PERDENDO!

A coisa continuou na internet, onde as conversas calorosas dizem de um lado que:

"Arte não tem licença pra machismo ou racismo. Se ele respeita mulheres e negros (quem conhece sabe segundo diz) não fala essas merda."

Outros rebatem:

"É caretice mesmo! Esse politicamente correto que não relativiza nada é a mais nova forma da mais velha caretice."

O fato é que o que aconteceu no dia 27 de maio não pode ser entendido apenas a partir da leitura de uma matéria de jornal sem conhecer e entender a persona que foi moralmente julgada. Como pode uma sociedade, e pior, a parte pensante que deveria estar preparada e lúcida, tornar-se em uma simples camada reacionária, motivada por fofocas e canalhices que partem de opiniões regurgitadas no facebook. Acontece que no mundo da pós-verdade levantar bandeira dos outros é refresco para o vazio existencial das pessoas.

Na minha opinião muitas das opiniões, inclusive a dos donos que agiram como agentes da censura, só manifestam o nascimento de um novo tipo de hipócrita. Reflita uma vez que o próprio espaço apresenta um presunto na logo do espaço... hora, como o proprietário de um espaço tão lúcido e elevado moralmente poderia fazer qualquer tipo de "elogio" a morte de um animal ou a um frigorífico? Não seria motivo da patrulha vegana perseguir a casa de shows "Fatiado Discos e Cervejas Especiais" que persegue o cantor?

Sem generalizar, reconheço grandes avanços nas questões de defesa de minorias, feminismo e etnias, mas é preciso cautela para que palavras de ordem e má interpretação de movimentos não sejam uma verdade absoluta. Existe uma diferença crucial entre Crença e Razão. Espero que não surja uma nova espécie de facista. O facista moralmente superior. Sobre estes a história já nos mostrou do que são capazes.

Escrito por André Gevaerd, 31/05/2017 às 10h17 | andre@cineramabc.com



1 2 3 4 5 6 7

André Gevaerd

Assina a coluna CINERAMA BC

Nasceu em Balneário Camboriú, resolveu fazer cinema, mudou-se para São Paulo, fez muitos filmes, voltou para Balneário. Continua fazendo filmes. Diretor do Festival CinemaramaBC e idealizador da sala de cinema e eventos, ArtHouse.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
CINERAMA BC
Por André Gevaerd

Programação do Cinema - 2 a 5 de novembro

Confira a programação dessa semana:

 

CIRCUITO DE CINEMA

 

• Tudo Sobre Vincent

Horários: de quinta a domingo às 18:30

14 anos – 78 min – Fantasia/Comédia – França- 2016

Direção: Thomas Salvador

Sinopse: Vincent é um homem calmo e solitário, que tem um grande segredo: sua força fica dez vezes maior quando ele entra em contato com a água. Mas tudo muda quando ele conhece Lucie e se apaixona.

Trailer: youtu.be/qTRrCXjBl44


• Eva Não Dorme

Horários: de quinta a domingo às 20:00

12 anos – 85 min –  Drama – Argentina/Espanha/França – 2015

Direção: Pablo Agüero

Sinopse: Em 1952, Evita Péron, a Primeira Dama da Argentina, morre de câncer, aos 33 anos de idade e seu corpo é embalsamado. Três anos depois, o presidente Juan Perón sofre um golpe de estado e o corpo de Evita é enviado para a Europa, com o intuito de apagar o legado dela da memória popular. Seu corpo então vira o centro de um confronto de poder que dura vinte e cinco anos.

Trailer: youtu.be/Qr1dr39lj7k


CINEFILIA

 

•  Um Dia Eu Voltaria

Horário: dia 02 às 17:15

Livre – 51 min – Documentário – Tailândia /Camboja/Vietnã – 2017 

Direção: Lucas Bogo

Sinopse: Letícia Mello te convida a viver essa experiência e viajar pela Tailândia, Camboja e Vietnã sob um olhar sensível e impactante. Muito mais do que “ver um filme”, Letícia convida a fazer parte de um mundo que chama de “DoForLove”.

Trailer: youtu.be/9GacTcppbeY

 

  Perdidos em Paris

Horário: dia 03 às 17:00

12 anos – 83 min –  Comédia – França/Bélgica – 2016 – Legendado

Direção: Dominique Abel, Fiona Gordon

Sinopse: Após o recebimento da carta sobre internação em um lar de idosos da sua tia Martha, Fiona vai até Paris procurá-la. Nessa viagem, ela convida Dom, um sem-teto tão esperto quanto chato.

Trailer: youtu.be/KcuK1rW-pRY

 

•  Blade Runner, o Caçador de Andróides

Horário: dia 04 às 16:15

14 anos – 117 minutos – Ficção Científica – EUA – 1982 – Legendado

Direção: Ridley Scott

Sinopse: No início do século XXI, uma grande corporação desenvolve um robô que é mais forte e ágil que o ser humano e se equiparando em inteligência. São conhecidos como replicantes e utilizados como escravos na colonização e exploração de outros planetas. Mas, quando um grupo dos robôs mais evoluídos provoca um motim, em uma colônia fora da Terra, este incidente faz os replicantes serem considerados ilegais na Terra, sob pena de morte. A partir de então, policiais de um esquadrão de elite, conhecidos como Blade Runner, têm ordem de atirar para matar em replicantes encontrados na Terra, mas tal ato não é chamado de execução e sim de remoção. Até que, em novembro de 2019, em Los Angeles, quando cinco replicantes chegam à Terra, um ex-Blade Runner (Harrison Ford) é encarregado de caçá-los.

Trailer: youtu.be/qoEyZoOTtss

 

•  O Reino da Beleza

Horário: dia 05 às 16:15

18 anos – 102 min – Legendado – Drama/Romance – Canadá – 2014 

Direção: Denys Arcand

Sinopse: Durante um colóquio na cidade de Toronto, Luc Sauvageau (Éric Bruneau), um arquiteto casado com Stéphanie (Mélanie Thierry) e natural do Quebec, conhece Lindsay (Melanie Merkosky), uma mulher intrigante. Luc acaba se apaixonando pela mulher e começa um relacionamento apaixonado e tortuoso com ela.

Trailer: youtu.be/5nsKs-9g4SU


Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda 

Ingressos antecipados em https://oneticket.com.br/casa/art-house-bc

 

Escrito por André Gevaerd, 30/10/2017 às 18h59 | andre@cineramabc.com

Programação do Cinema - 26 a 29 de outubro

 

 

Em cartaz essa semana na Cineramabc Arthouse!


CIRCUITO DE CINEMA

  

• Perdidos em Paris

12 anos – 83 min – Comédia – França/Bélgica – 2016

Data e horário: de quinta a domingo às 18:30

Direção: Dominique Abel, Fiona Gordon

Sinopse: Após o recebimento da carta sobre internação em um lar de idosos da sua tia Martha, Fiona vai até Paris procurá-la. Nessa viagem, ela convida Dom, um sem-teto tão esperto quanto chato.

Trailer: https://youtu.be/KcuK1rW-pRY

 

 

 

• Tudo Sobre Vincent

14 anos – 78 min – Fantasia/Comédia – França- 2016

Data e horários: de quinta a domingo às 20:00

Direção: Thomas Salvador

Sinopse: Vincent é um homem calmo e solitário, que tem um grande segredo: sua força fica dez vezes maior quando ele entra em contato com a água. Mas tudo muda quando ele conhece Lucie e se apaixona.

Trailer: https://youtu.be/qTRrCXjBl44


 

MOSTRA DE CINEMA "CLÁSSICOS DO SCI-FI"


Eles vivem (1988)
Data e horário: 27/10 – 21:25
Sinopse: De John Carpenter. Com Roddy Piper, Keith David e Meg Foster.Operário descobre um par de óculos que o permite ver que alienígenas dominaram a Terra, controlando os humanos através de propagandas subliminares. Com ácido comentário social, este cult de Carpenter é um dos filmes essenciais dos anos 80.

Trailer: https://youtu.be/WzyyPjG0PSQ

• O Planeta Proibido (1956)
Data e horário:
28/10 – 21:25 
Sinopse: Uma expedição liderada pelo Comandante John J. Adams (Leslie Nielsen) viaja rumo a um planeta distante para descobrir o que aconteceu com os cientistas que foram para lá iniciar uma colônia. Apenas um é encontrado: o arrogante Dr. Morbius (Walter Pidgeon), que vive em companhia da filha, Altaira (Anne Francis), e de um prestativo robô.

Trailer: https://youtu.be/F17CCRoMttQ


• Fuga no século 23 (1976)
Data e horário:
29/10 – 21:25 
Sinopse: De Michael Anderson. Com Michael York, Richard Jordan e Farrah Fawcett. No século 23, a vida é perfeita e cheia de prazeres. Porém, aos 30 anos, todos devem morrer. Quando chega a sua vez, Logan resolve fugir. Superprodução dos anos 70, este clássico apresenta uma das sociedades distópicas mais interessantes do cinema.

Trailer: https://youtu.be/4k_RdafinYw

 



CINEFILIA

• Sessão gratuita de curtas destinados ao público infanto-juvenil


 

CINE NIGHT - ESPECIAL HALLOWEEN

Dia 28/10

22:00 - Esquenta Cine Night
23:30 - Psicose, de Alfred Hitchcok (109 min - 14 anos - 1960 - EUA)
01:30 - Party Break 01
02:00 - O Massacre da Serra Elétrica, de Tobe Hooper (83 min - 18 anos - 1974 - EUA)
03:30 - Party Break 02
04:00 - "Filme Surpresa"

 

 

-

 

Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda

Ingressos antecipados em https://oneticket.com.br/casa/art-house-bc

 

Escrito por André Gevaerd, 23/10/2017 às 10h31 | andre@cineramabc.com

Programação do Cinema - 19 a 22 de outubro

Em cartaz essa semana na Cineramabc Arthouse!

 

DAVID LYNCH – A VIDA DE UM ARTISTA

12 anos – 88 min – Documentário – EUA/Dinamarca – 2016

Horários: de quinta a domingo às 18:15

Direção: Jon Nguyen, Rick Barnes, Olivia Neergaard-Holm

Sinopse: Em uma íntima jornada, o documentário narra sobre os anos que formaram a vida do cineasta David Lynch. Desde sua criação idílica em uma pequena cidade até as ruas escuras de Filadélfia, acompanhamos Lynch à medida que ele traça os eventos principais para a sua formação, assim como para o seu estilo cinematográfico enigmático.

Trailer: https://youtu.be/3lDe-2rhOqs

 

PERDIDOS EM PARIS

12 anos – 83 min – Comédia – França/Bélgica – 2016

Horários: de quinta a domingo às 20:00

Direção: Dominique Abel, Fiona Gordon

Sinopse: Após o recebimento da carta sobre internação em um lar de idosos da sua tia Martha, Fiona vai até Paris procurá-la. Nessa viagem, ela convida Dom, um sem-teto tão esperto quanto chato.

Trailer: https://youtu.be/KcuK1rW-pRY

 

-

 

Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda

Ingressos antecipados em https://oneticket.com.br/casa/art-house-bc

Escrito por André Gevaerd, 17/10/2017 às 15h35 | andre@cineramabc.com

Programação do Cinema - 12 a 15 de outubro

 

Confira a programação dessa semana na Cineramabc Arthouse:


O REINO DA BELEZA
Horários: de quinta a domingo às 18:10
18 anos – 102 min – Drama/Romance – Canadá – 2014
Direção: Denys Arcand
Sinopse: Durante um colóquio na cidade de Toronto, Luc Sauvageau (Éric Bruneau), um arquiteto casado com Stéphanie (Mélanie Thierry) e natural do Quebec, conhece Lindsay (Melanie Merkosky), uma mulher intrigante. Luc acaba se apaixonando pela mulher e começa um relacionamento apaixonado e tortuoso com ela.


DAVID LYNCH – A VIDA DE UM ARTISTA
Horários: de quinta a domingo às 20:00
12 anos – 88 min – Documentário – EUA/Dinamarca – 2016
Direção: Jon Nguyen, Rick Barnes, Olivia Neergaard-Holm
Sinopse: Em uma íntima jornada, o documentário narra sobre os anos que formaram a vida do cineasta David Lynch. Desde sua criação idílica em uma pequena cidade até as ruas escuras de Filadélfia, acompanhamos Lynch à medida que ele traça os eventos principais para a sua formação, assim como para o seu estilo cinematográfico enigmático.


FOUCAULT CONTRA SI MESMO
Horários: sábado e domingo às 17:00
10 anos – 52 minutos – Documentário/Biografia – França – 2014
Direção: François Caillat
Sinopse: Filósofos e historiadores comentam as marcas da rica e contraditória produção intelectual de Michel Foucault num breve panorama de sua carreira, ilustrado por entrevistas com próprio pensador e relacionado com passagens de sua vida fora do ambiente acadêmico.


Confira nossa programação completa em: www.arthousebc.com/agenda 

 

•  PREÇO E FORMA DE PAGAMENTO

Os Ingressos custam R$ 20,00 inteira ou R$ 10,00 meia e podem ser comprados de duas maneiras:

01) Em dinheiro ou cartão na bilheteria do cinema. (a bilheteria do cinema abre as 16:00)

02) Pela internet através do site One Ticket. (sujeito a cobrança de taxa do serviço online)

Para sua comodidade sugerimos chegar 10 minutos antes do início da sessão.

 

•  ENDEREÇO

Cineramabc Arthouse

Rua São Paulo 581 – 1

Bairro dos Estados / Balneário Camboriú / Santa Catarina

 

 

Escrito por André Gevaerd, 10/10/2017 às 14h27 | andre@cineramabc.com

Comédia “Arrox Cum Ovu” volta a Balneário em única apresentação

Com Bruna Froehner e Potyra Najara. Direção: Júlio Batschauer

De volta a Baneário Camboriú em única apresentação

 

8 de Outubro, às 20h, Teatro Bruno Nitz

 

Renda do espetáculo será destinada à produção de filme sobre as personagens

 

Diversão garantida neste fim de semana em Balneário. No próximo domingo (8/10), às 20h, a comédia “Arrox Cum Ovu” sobe ao palco do Teatro Bruno Nitz, no Centro, em única apresentação. Comemorando seis anos de sucesso, o espetáculo nesta encenação traz uma novidade: todo o valor de sua renda será voltado para a produção do filme de Suzinete e Creuzinete. As divertidas personagens da peça que conquistaram a internet com seus simpáticos bordões e trejeitos catarinenses.

 

O filme será rodado em Balneário Camboriú com toda equipe de artistas e produtores locais. De acordo com a produção, cada pessoa que adquirir um ingresso será automaticamente um apoiador do filme e terá seu nome reconhecido nos créditos. Além disso, quem desejar pode procurar a equipe para também ser um incentivador do filme.

Os ingressos já estão à venda na bilheteria do teatro ou pela internet por meio do portal Tickt (http://www.portalticket.com.br/eventos/112-espetaculo-teatral-arrox-cum-ovu-balneario-camboriu/).

 

"Arrox Cum Ovu é uma comédia para levar a família, os amigos e se divertir muito. Brincamos com as situações da vida. Então marque na sua agenda, 08 de outubro, porque além de assistir uma super comédia, você será um incentivador da Cultura", ressalta Potyra Najara, atriz da peça. 

 

A peça conta a divertida história de duas amigas que enfrentam situações inusitadas, a partir de seus defeitos e qualidades. Entre afinidades e discordâncias, Suzinete e Creuzinete passam pelos problemas cotidianos apoiando-se na amizade.

 

"O espetáculo é uma delícia, todo mundo que assiste sai do teatro mais leve, com um sorriso no rosto", conclui a atriz Bruna Froehner.

 

Serviço:

Quando: 08 de outubro

Onde: Teatro Municipal Bruno Nitz 

Endereço: Avenida Central, esquina com rua 300 - Centro, Balneário Camboriú 

Horário: 20h 

Quanto: R$ 40 (inteira) / R$ 20 (meia entrada) / R$ 30 (promocional) Levando um kg de alimento não perecível para ajudar na Campanha Solidária da RICTV Record. 

 

Ficha Técnica

Direção: Júlio Batschauer

Elenco : Bruna Froehner e Potyra Najara

Técnica: Monique Neves 

 

Sinopse:

A peça conta a divertida história de duas amigas que enfrentam situações inusitadas, a partir de seus defeitos e qualidades. Entre afinidades e discordâncias, Suzinete e Creuzinete passam pelos problemas cotidianos apoiando-se na amizade.

 

A comédia “Arrox Cum Ovu” circula por Santa Catarina e Paraná há seis anos. As divertidas personagens ganharam a internet e vem conquistando a plateia com o jeitinho especial de falar dos catarinenses. Hã hã tax tolo! Bobiça não nego?

 

Conheça o canal de Suzinete e Creuzinete na internet: https://www.youtube.com/channel/UCm0DqH5dDnquLkVwncPCvDA

 

Contato produção e assessoria de imprensa:

Bruna Froehner (47) 99733-3539

 

 

 

Escrito por André Gevaerd, 05/10/2017 às 12h01 | andre@cineramabc.com

Wander "Fuc*#$@" Wildner!

Não quero começar um texto com o velho papo nostálgico dos nossos avós que começava mais ou menos assim: "Filho, no meu tempo..." e assim por diante, mas deve ser o tempo que está me persiguindo e me transformando em um prematuro saudosista. Vamos ao assunto que me chamou atenção. Para quem curte o bom e velho rock'n'roll o nome do mítico Wander Wildner não é nenhuma novidade, mas para a tristeza das novas gerações que vive em meio a funkeiras "Anitas" e a universitários "Queixo Grosso e Topete Fino" essa é uma triste realidade. O personagem do Wander Wildner sempre foi controverso e sempre foi parte dele afugentar alguns e balançar as estruturas sociais com frases como:

"Alô racistas disfarçados / Com suas idéias de argila / Votando a favor da igualdade / E tocando os negros pro fim da fila"

ou

"Juventude idiota está levantando as lajotas / está dançando em blumenau"

A manchete chamava atenção para um miolo que dizia: "Um show do cantor Wander Wildner na Fatiado Discos e Cervejas Especiais, em São Paulo, acabou mal. O artista gaúcho teve seu microfone desligado e a apresentação interrompida após ter feito declarações consideradas machistas e racistas. A situação foi exposta pela casa em um post no Facebook, que foi posteriormente apagado. A frase que motivou a interrupção teria sido "já que nenhuma vadia me traz uma cerveja". O cantor teria ainda se referido a um funcionário do local como "o 'nêgo' que trabalha no bar". "Desligamos o microfone e o amplificador para que esse tipo de babaquice não se propague. Falar as coisas que ele falou no microfone é um erro inadmissível, principalmente em pleno 2017. Wander Wildner aqui nunca mais", dizia o esclarecimento."

Wander Wildner, certamente perplexo frente a situação, publicou um texto em que diz ter sido "mal interpretado": "No show de ontem houve um mal entendido. É inegável que não sou racista nem machista, quem me conhece sabe. Sinto muito se o que falei foi mal interpretado. De agora em diante nos shows vou apenas cantar as músicas", escreveu o cantor.

Como pode a intolerância e hostilidade a um artista ser tamanha a ponto de impedir que o mesmo se manifeste ou ao menos se faça entender?Resumo da história: TODOS SAEM PERDENDO!

A coisa continuou na internet, onde as conversas calorosas dizem de um lado que:

"Arte não tem licença pra machismo ou racismo. Se ele respeita mulheres e negros (quem conhece sabe segundo diz) não fala essas merda."

Outros rebatem:

"É caretice mesmo! Esse politicamente correto que não relativiza nada é a mais nova forma da mais velha caretice."

O fato é que o que aconteceu no dia 27 de maio não pode ser entendido apenas a partir da leitura de uma matéria de jornal sem conhecer e entender a persona que foi moralmente julgada. Como pode uma sociedade, e pior, a parte pensante que deveria estar preparada e lúcida, tornar-se em uma simples camada reacionária, motivada por fofocas e canalhices que partem de opiniões regurgitadas no facebook. Acontece que no mundo da pós-verdade levantar bandeira dos outros é refresco para o vazio existencial das pessoas.

Na minha opinião muitas das opiniões, inclusive a dos donos que agiram como agentes da censura, só manifestam o nascimento de um novo tipo de hipócrita. Reflita uma vez que o próprio espaço apresenta um presunto na logo do espaço... hora, como o proprietário de um espaço tão lúcido e elevado moralmente poderia fazer qualquer tipo de "elogio" a morte de um animal ou a um frigorífico? Não seria motivo da patrulha vegana perseguir a casa de shows "Fatiado Discos e Cervejas Especiais" que persegue o cantor?

Sem generalizar, reconheço grandes avanços nas questões de defesa de minorias, feminismo e etnias, mas é preciso cautela para que palavras de ordem e má interpretação de movimentos não sejam uma verdade absoluta. Existe uma diferença crucial entre Crença e Razão. Espero que não surja uma nova espécie de facista. O facista moralmente superior. Sobre estes a história já nos mostrou do que são capazes.

Escrito por André Gevaerd, 31/05/2017 às 10h17 | andre@cineramabc.com



1 2 3 4 5 6 7

André Gevaerd

Assina a coluna CINERAMA BC

Nasceu em Balneário Camboriú, resolveu fazer cinema, mudou-se para São Paulo, fez muitos filmes, voltou para Balneário. Continua fazendo filmes. Diretor do Festival CinemaramaBC e idealizador da sala de cinema e eventos, ArtHouse.


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade