Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Forças da segurança passaram por curso e receberam dicas de higiene para atuação em tempos de Coronavírus

Terça, 24/3/2020 11:33.
Divulgação
Forças de segurança trabalham em conjunto e atacam todas as frentes possíveis

Publicidade

Um leitor procurou o Página 3 preocupado com a atuação das forças da segurança da cidade, já que guardas municipais, policiais e bombeiros ficam nas ruas e depois retornam para suas casas. O secretário de Segurança de Balneário Camboriú, David Queiroz, relatou que houve uma capacitação sobre medidas de higiene que os profissionais precisam ter neste momento.

Antes das medidas municipais de contenção ao Coronavírus começarem, como as barreiras que seguem 24h em todas as entradas da cidade, os profissionais foram preparados

“Instruímos que eles tirem a roupa antes de entrarem em casa, tomem banho imediatamente, lavem as mãos e o uso de máscaras e luvas. Para aqueles que não se sentem confortáveis em retornarem para suas casas, por conviverem com crianças ou idosos, por exemplo, nós oferecemos alojamento, mas até o momento nenhum guarda municipal quis fazer uso”, diz.

Barreiras funcionam mesmo

O secretário defende as barreiras, salientando que elas integram o primeiro grupo de medidas de segurança propostas pelo prefeito Fabrício Oliveira e afirmando que elas ‘mostraram resultado’, citando que a cidade conseguiu conter a curva de aumento dos casos.

“Balneário Camboriú e Santa Catarina estão conseguindo não aumentar a curva do número de casos, como está acontecendo no Brasil e no mundo. As barreiras demandam muito esforço, já que precisamos manter guardas municipais nelas 24h, mas estão mostrando resultado e seguirão acontecendo”, destaca.

União de forças

O trabalho nas ruas segue sendo feito por todas as forças da segurança – polícias Civil e Militar, Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros, e Queiroz afirma que estão trabalhando em conjunto, cada um ‘atacando’ uma frente, como as barreiras no trânsito, fiscalização de obras, comércios e nas praias.

“Pedimos que as pessoas por favor fiquem em casa”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação
Forças de segurança trabalham em conjunto e atacam todas as frentes possíveis
Forças de segurança trabalham em conjunto e atacam todas as frentes possíveis

Forças da segurança passaram por curso e receberam dicas de higiene para atuação em tempos de Coronavírus

Publicidade

Terça, 24/3/2020 11:33.

Um leitor procurou o Página 3 preocupado com a atuação das forças da segurança da cidade, já que guardas municipais, policiais e bombeiros ficam nas ruas e depois retornam para suas casas. O secretário de Segurança de Balneário Camboriú, David Queiroz, relatou que houve uma capacitação sobre medidas de higiene que os profissionais precisam ter neste momento.

Antes das medidas municipais de contenção ao Coronavírus começarem, como as barreiras que seguem 24h em todas as entradas da cidade, os profissionais foram preparados

“Instruímos que eles tirem a roupa antes de entrarem em casa, tomem banho imediatamente, lavem as mãos e o uso de máscaras e luvas. Para aqueles que não se sentem confortáveis em retornarem para suas casas, por conviverem com crianças ou idosos, por exemplo, nós oferecemos alojamento, mas até o momento nenhum guarda municipal quis fazer uso”, diz.

Barreiras funcionam mesmo

O secretário defende as barreiras, salientando que elas integram o primeiro grupo de medidas de segurança propostas pelo prefeito Fabrício Oliveira e afirmando que elas ‘mostraram resultado’, citando que a cidade conseguiu conter a curva de aumento dos casos.

“Balneário Camboriú e Santa Catarina estão conseguindo não aumentar a curva do número de casos, como está acontecendo no Brasil e no mundo. As barreiras demandam muito esforço, já que precisamos manter guardas municipais nelas 24h, mas estão mostrando resultado e seguirão acontecendo”, destaca.

União de forças

O trabalho nas ruas segue sendo feito por todas as forças da segurança – polícias Civil e Militar, Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros, e Queiroz afirma que estão trabalhando em conjunto, cada um ‘atacando’ uma frente, como as barreiras no trânsito, fiscalização de obras, comércios e nas praias.

“Pedimos que as pessoas por favor fiquem em casa”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade