Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Festa interrompida e mais de quatro mil abordagens no final de semana em Balneário Camboriú

Prefeitura intensificou controle, mas ainda falta conscientização

Segunda, 27/7/2020 18:20.
Divulgação/PMBC

Publicidade

Incomodados com o barulho e o desrespeito às regras de combate ao coronavírus, vizinhos chamaram a Guarda Municipal, volta das 2 horas da madrugada desta segunda-feira (27), por causa de uma festinha no Bairro Ariribá.

No local, os guardas encontraram 10 pessoas, nenhuma de máscara, bastante bebida alcoólica e um som bem alto. As bebidas e o som foram apreendidos e uma multa de 18 UFMs (R$ 5.653,44) foi aplicada.

Enquanto a GM estava no local, alguns vizinhos se apresentaram para relatar que as festas aconteciam frequentemente. Esta não foi a primeira vez que a GM esteve no local, orientando os moradores sobre a proibição de festas, devido ao decreto municipal nº 9.974.

Quatro mil abordagens

A prefeitura divulgou que durante o fim de semana, foram feitas mais de quatro mil abordagens nas praias, barreiras sanitárias e comércios na operação que envolveu uma centena de pessoas (guardas municipais, policiais militares, agentes de trânsito, bombeiros militares e voluntários, fiscais de postura, vigilância sanitária e servidores municipais), para orientar e conferir se as regras estão funcionando na prática, principalmente o uso de máscaras e aglomerações.

Metade das abordagens foram para orientar sobre a importância do uso da máscara, sobre a prática esportiva irregular na faixa de areia e aglomerações de pessoas.

Também foram interditados dois estabelecimentos comerciais, na Atlântica e na Rua 1822, por sete dias, além de receber multa de R$ 5 mil cada um, por descumprir as medidas sanitárias do decreto nº 9.999.

Nas barreiras sanitárias da Avenida do Estado e da Rua 3.300 foram abordados 2.707 carros com 5.657 pessoas. Dessas, 13 apresentaram sintomas leves para a Covid-19 e foram orientadas a buscar a unidade de saúde mais próxima.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação/PMBC

Festa interrompida e mais de quatro mil abordagens no final de semana em Balneário Camboriú

Prefeitura intensificou controle, mas ainda falta conscientização

Publicidade

Segunda, 27/7/2020 18:20.

Incomodados com o barulho e o desrespeito às regras de combate ao coronavírus, vizinhos chamaram a Guarda Municipal, volta das 2 horas da madrugada desta segunda-feira (27), por causa de uma festinha no Bairro Ariribá.

No local, os guardas encontraram 10 pessoas, nenhuma de máscara, bastante bebida alcoólica e um som bem alto. As bebidas e o som foram apreendidos e uma multa de 18 UFMs (R$ 5.653,44) foi aplicada.

Enquanto a GM estava no local, alguns vizinhos se apresentaram para relatar que as festas aconteciam frequentemente. Esta não foi a primeira vez que a GM esteve no local, orientando os moradores sobre a proibição de festas, devido ao decreto municipal nº 9.974.

Quatro mil abordagens

A prefeitura divulgou que durante o fim de semana, foram feitas mais de quatro mil abordagens nas praias, barreiras sanitárias e comércios na operação que envolveu uma centena de pessoas (guardas municipais, policiais militares, agentes de trânsito, bombeiros militares e voluntários, fiscais de postura, vigilância sanitária e servidores municipais), para orientar e conferir se as regras estão funcionando na prática, principalmente o uso de máscaras e aglomerações.

Metade das abordagens foram para orientar sobre a importância do uso da máscara, sobre a prática esportiva irregular na faixa de areia e aglomerações de pessoas.

Também foram interditados dois estabelecimentos comerciais, na Atlântica e na Rua 1822, por sete dias, além de receber multa de R$ 5 mil cada um, por descumprir as medidas sanitárias do decreto nº 9.999.

Nas barreiras sanitárias da Avenida do Estado e da Rua 3.300 foram abordados 2.707 carros com 5.657 pessoas. Dessas, 13 apresentaram sintomas leves para a Covid-19 e foram orientadas a buscar a unidade de saúde mais próxima.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade