Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Balneário Camboriú é destaque com o Selo Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa

Quinta, 16/1/2020 17:53.
Divulgação/PMBC

Publicidade

O prefeito Fabrício Oliveira sancionou no fim de 2019 a Lei nº 4.368/2019, que institui a Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa (EBAPI) na cidade. Ela estabelece serviços, ações, programas e projetos de diversas políticas públicas, a serem desenvolvidos neste município, com foco no envelhecimento ativo, saudável, sustentável e cidadão. Balneário já integrava o programa federal desde 2018, e em novembro/2019 recebeu o Selo Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa.

A EBAPI é uma iniciativa do governo federal para incentivar municípios a desenvolver políticas públicas com foco no envelhecimento ativo, saudável, cidadão e sustentável. A Lei conta com ações destinadas ao público 60+ nas áreas de transporte e mobilidade urbana, ambiente físico, apoio, cuidado e saúde, moradia, participação, respeito e inclusão Social, oportunidade de aprendizagem, comunicação, e informação e trabalho ao idoso.

O secretário da Pessoa Idosa, Rosan da Rocha, explica que a instituição da Estratégia através da lei municipal vem cumprir etapas do governo federal que propõe políticas públicas eficazes em prol da pessoa idosa no Brasil, e que Balneário Camboriú já é referência nesse sentido, fazendo políticas públicas com a participação da comunidade, inclusive com Comitê da Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa atuando no município.

“Balneário já vem cumprindo as ações que a Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa propõe, com várias atividades em favor dos idosos, nas áreas da saúde, trabalho, prevenção, segurança, com as mais diversas atividades de acolhimento ao idoso, inclusive com o Lar dos Idosos, que é administrado pelo município, e principalmente prevenindo o idoso em todas as áreas para que ele tenha um envelhecimento ativo e saudável, com condições autônomas de se viver”, diz.

Rosan cita o Núcleo de Atenção ao Idoso (NAI) e as atividades realizadas pela SPI, prevenindo doenças físicas e mentais.

“É preciso que tenhamos uma lei que seja perene, o governo municipal se preocupa em ter políticas públicas que se transformem em leis, para que fique para todos os governos que o sucederem. O idoso não pode ficar esperando que um ou outro governo atende ele, ele precisa de políticas públicas perenes. Estamos mostrando para o Brasil que Balneário Camboriú faz o seu papel para acolhimento da pessoa idosa”, avalia.

O secretário acrescenta que Balneário ainda tem muito o que aprender, mas que já está na frente de muitas cidades. Na opinião dele há melhorias a serem feitas, por exemplo, na questão da mobilidade urbana. “Mas estamos colocando em prática todas as políticas que estão previstas no Estatuto do Idoso, e fazer a lei municipal é a prova de que em qualquer governo os idosos terão satisfeita a sua qualidade de vida”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação/PMBC

Balneário Camboriú é destaque com o Selo Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa

Publicidade

Quinta, 16/1/2020 17:53.

O prefeito Fabrício Oliveira sancionou no fim de 2019 a Lei nº 4.368/2019, que institui a Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa (EBAPI) na cidade. Ela estabelece serviços, ações, programas e projetos de diversas políticas públicas, a serem desenvolvidos neste município, com foco no envelhecimento ativo, saudável, sustentável e cidadão. Balneário já integrava o programa federal desde 2018, e em novembro/2019 recebeu o Selo Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa.

A EBAPI é uma iniciativa do governo federal para incentivar municípios a desenvolver políticas públicas com foco no envelhecimento ativo, saudável, cidadão e sustentável. A Lei conta com ações destinadas ao público 60+ nas áreas de transporte e mobilidade urbana, ambiente físico, apoio, cuidado e saúde, moradia, participação, respeito e inclusão Social, oportunidade de aprendizagem, comunicação, e informação e trabalho ao idoso.

O secretário da Pessoa Idosa, Rosan da Rocha, explica que a instituição da Estratégia através da lei municipal vem cumprir etapas do governo federal que propõe políticas públicas eficazes em prol da pessoa idosa no Brasil, e que Balneário Camboriú já é referência nesse sentido, fazendo políticas públicas com a participação da comunidade, inclusive com Comitê da Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa atuando no município.

“Balneário já vem cumprindo as ações que a Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa propõe, com várias atividades em favor dos idosos, nas áreas da saúde, trabalho, prevenção, segurança, com as mais diversas atividades de acolhimento ao idoso, inclusive com o Lar dos Idosos, que é administrado pelo município, e principalmente prevenindo o idoso em todas as áreas para que ele tenha um envelhecimento ativo e saudável, com condições autônomas de se viver”, diz.

Rosan cita o Núcleo de Atenção ao Idoso (NAI) e as atividades realizadas pela SPI, prevenindo doenças físicas e mentais.

“É preciso que tenhamos uma lei que seja perene, o governo municipal se preocupa em ter políticas públicas que se transformem em leis, para que fique para todos os governos que o sucederem. O idoso não pode ficar esperando que um ou outro governo atende ele, ele precisa de políticas públicas perenes. Estamos mostrando para o Brasil que Balneário Camboriú faz o seu papel para acolhimento da pessoa idosa”, avalia.

O secretário acrescenta que Balneário ainda tem muito o que aprender, mas que já está na frente de muitas cidades. Na opinião dele há melhorias a serem feitas, por exemplo, na questão da mobilidade urbana. “Mas estamos colocando em prática todas as políticas que estão previstas no Estatuto do Idoso, e fazer a lei municipal é a prova de que em qualquer governo os idosos terão satisfeita a sua qualidade de vida”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade