Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Transformar Taquarinhas em parque natural vai ganhando forma

O presidente da Caixa parece ter concordado com a necessidade de preservação

Sexta, 22/3/2019 10:49.
Fotos Divulgação
Prefeito Fabrício (E) e vereador Meirinho (D) na reunião em Brasília

Publicidade

O prefeito Fabrício Oliveira está convencido que a ideia de criar um Parque Natural na praia de Taquarinhas está ganhando forma. Isso depois do encontro que participou essa semana em Brasília, com o presidente da Caixa Econômica Pedro Guimarães, que teria prometido encerrar definitivamente o leilão anunciado para venda de seis terrenos naquela praia.

Segundo o prefeito, o presidente da Caixa entendeu a necessidade de preservar aquela praia.

“Ressaltei a importância e o significado para Balneário Camboriú, uma cidade muito adensada, em ter preservada esta praia, implantando um parque que promova a educação ambiental, a proteção da fauna e da flora e o turismo ecológico. A ideia é criar um cinturão ecológico que una todas as praias agrestes e as regiões protegidas da cidade. O presidente da caixa foi muito solícito e se comprometeu em retirar os seis terrenos dos leilões da entidade. Na próxima semana, voltarei a Brasília para novos encaminhamentos”, completou Fabrício Oliveira.

O vereador André Meirinho também estava na reunião de Brasília, que foi intermediada pelo senador Esperidião Amin, considerou positivo o encontro e disse que várias ideias e possibilidades de parcerias foram discutidas.

“Pedimos apoio e solicitamos prazo maior para manter suspenso o leilão, debatemos possibilidade de parcerias, compensações ambientais e conseguimos manter aberto canal de negociação”. afirmou o vereador.

O Movimento Pró Taquarinhas representado na reunião por Cristiano Voitina, do Instituto Ideia e Giovan Nardelli, da OAB, marcou presença no encontro e aproveitou para entregar um documento oficializando o pedido da suspensão do leilão que foi assinado também pelo prefeito e pelo vereador.

“Resultou da reunião a abertura de um novo canal de diálogo com a Caixa, o prefeito ficou de chamar a Comissão Pró-Taquarinhas que solicitou o Decreto (com Ideia, OAB, Laboratório de Conservação e Gestão Costeira da Univali) para debatermos as possibilidades de negociações e os novos encaminhamentos sobre o assunto”, disse Meirinho.

O encontro em Brasília foi um pedido do vereador ao senador Amin em fevereiro.

“Também falamos ao prefeito que seria fundamental sua presença nesse encontro. Além disso, Taquarinhas conseguiu reunir dois senadores e cinco deputados federais neste encontro”, disse Meirinho.

Participaram da reunião os senadores Esperidião Amin e Dário Berger; os deputados federais Angela Amin, Carmen Zanotto, Darci de Matos, Rogério Peninha e Celso Maldaner; Amaro Silva, chefe de gabinete do senador Amin e a representação de Balneário Camboriú, o prefeito Fabricio Oliveira, o procurador do municipio, Diego Montibeler, o vereador André Furlan Meirinho, o advogado Giovan Nardelli e o presidente do Instituto Ideia, Cristiano Voitina.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Fotos Divulgação
Prefeito Fabrício (E) e vereador Meirinho (D) na reunião em Brasília
Prefeito Fabrício (E) e vereador Meirinho (D) na reunião em Brasília

Transformar Taquarinhas em parque natural vai ganhando forma

O presidente da Caixa parece ter concordado com a necessidade de preservação

Publicidade

Sexta, 22/3/2019 10:49.

O prefeito Fabrício Oliveira está convencido que a ideia de criar um Parque Natural na praia de Taquarinhas está ganhando forma. Isso depois do encontro que participou essa semana em Brasília, com o presidente da Caixa Econômica Pedro Guimarães, que teria prometido encerrar definitivamente o leilão anunciado para venda de seis terrenos naquela praia.

Segundo o prefeito, o presidente da Caixa entendeu a necessidade de preservar aquela praia.

“Ressaltei a importância e o significado para Balneário Camboriú, uma cidade muito adensada, em ter preservada esta praia, implantando um parque que promova a educação ambiental, a proteção da fauna e da flora e o turismo ecológico. A ideia é criar um cinturão ecológico que una todas as praias agrestes e as regiões protegidas da cidade. O presidente da caixa foi muito solícito e se comprometeu em retirar os seis terrenos dos leilões da entidade. Na próxima semana, voltarei a Brasília para novos encaminhamentos”, completou Fabrício Oliveira.

O vereador André Meirinho também estava na reunião de Brasília, que foi intermediada pelo senador Esperidião Amin, considerou positivo o encontro e disse que várias ideias e possibilidades de parcerias foram discutidas.

“Pedimos apoio e solicitamos prazo maior para manter suspenso o leilão, debatemos possibilidade de parcerias, compensações ambientais e conseguimos manter aberto canal de negociação”. afirmou o vereador.

O Movimento Pró Taquarinhas representado na reunião por Cristiano Voitina, do Instituto Ideia e Giovan Nardelli, da OAB, marcou presença no encontro e aproveitou para entregar um documento oficializando o pedido da suspensão do leilão que foi assinado também pelo prefeito e pelo vereador.

“Resultou da reunião a abertura de um novo canal de diálogo com a Caixa, o prefeito ficou de chamar a Comissão Pró-Taquarinhas que solicitou o Decreto (com Ideia, OAB, Laboratório de Conservação e Gestão Costeira da Univali) para debatermos as possibilidades de negociações e os novos encaminhamentos sobre o assunto”, disse Meirinho.

O encontro em Brasília foi um pedido do vereador ao senador Amin em fevereiro.

“Também falamos ao prefeito que seria fundamental sua presença nesse encontro. Além disso, Taquarinhas conseguiu reunir dois senadores e cinco deputados federais neste encontro”, disse Meirinho.

Participaram da reunião os senadores Esperidião Amin e Dário Berger; os deputados federais Angela Amin, Carmen Zanotto, Darci de Matos, Rogério Peninha e Celso Maldaner; Amaro Silva, chefe de gabinete do senador Amin e a representação de Balneário Camboriú, o prefeito Fabricio Oliveira, o procurador do municipio, Diego Montibeler, o vereador André Furlan Meirinho, o advogado Giovan Nardelli e o presidente do Instituto Ideia, Cristiano Voitina.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade