Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Lideranças pedem aumento no policiamento ostensivo nos bairros

Quinta, 30/5/2019 15:04.
Divulgação/PMBC

Publicidade

As forças da segurança de Balneário Camboriú se reúnem mensalmente para discutir o Plano Integrado de Segurança Pública, que está em andamento. Na reunião desta quarta-feira (29) participaram as associações de moradores da cidade, além das Polícias Civil e Militar, Secretaria de Segurança (Guarda Municipal e Agentes de Trânsito), Corpo de Bombeiros e Instituto Geral de Perícias (IGP).

Os representantes fizeram solicitações diretamente para os órgãos, pedindo mais rondas e melhora na iluminação pública.

O delegado regional de Balneário Camboriú, Fábio Moreira Osório, conta que o objetivo das reuniões é traçar e planejar as ações conjuntas para o próximo mês, desde operações mais detalhadas, como rondas e blitzes.

Apesar da comunidade ser representada nos encontros pelo Conselho de Segurança (Conseg), dessa vez foi aberto espaço para os moradores falarem diretamente.

“Os principais pedidos foram reforços de rondas, maior policiamento ostensivo, manutenção de iluminação pública e maior efetividade no combate ao tráfico de drogas. Acredito que a integração das forças da segurança vem sendo vista com bons olhos, e esperamos que seja algo fixo e que se prolongue”, destaca.

Para a presidente da Associação de Moradores do Bairro das Nações, Marisa Teresa Strebe, a ideia desses encontros é muito positiva, já que discutem diretamente com as polícias e demais órgãos da segurança.

“Nós podemos falar onde temos problemas e o que poderia ser melhorado nos nossos bairros. Eu recebo muitas reclamações dos moradores do bairro e, desde que começou a integração, diminuíram as mensagens sobre segurança. Nós temos uma sensação maior de segurança no Nações, e outros presidentes também relataram isso”, diz. 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Lideranças pedem aumento no policiamento ostensivo nos bairros

Divulgação/PMBC

Publicidade

Quinta, 30/5/2019 15:04.

As forças da segurança de Balneário Camboriú se reúnem mensalmente para discutir o Plano Integrado de Segurança Pública, que está em andamento. Na reunião desta quarta-feira (29) participaram as associações de moradores da cidade, além das Polícias Civil e Militar, Secretaria de Segurança (Guarda Municipal e Agentes de Trânsito), Corpo de Bombeiros e Instituto Geral de Perícias (IGP).

Os representantes fizeram solicitações diretamente para os órgãos, pedindo mais rondas e melhora na iluminação pública.

O delegado regional de Balneário Camboriú, Fábio Moreira Osório, conta que o objetivo das reuniões é traçar e planejar as ações conjuntas para o próximo mês, desde operações mais detalhadas, como rondas e blitzes.

Apesar da comunidade ser representada nos encontros pelo Conselho de Segurança (Conseg), dessa vez foi aberto espaço para os moradores falarem diretamente.

“Os principais pedidos foram reforços de rondas, maior policiamento ostensivo, manutenção de iluminação pública e maior efetividade no combate ao tráfico de drogas. Acredito que a integração das forças da segurança vem sendo vista com bons olhos, e esperamos que seja algo fixo e que se prolongue”, destaca.

Para a presidente da Associação de Moradores do Bairro das Nações, Marisa Teresa Strebe, a ideia desses encontros é muito positiva, já que discutem diretamente com as polícias e demais órgãos da segurança.

“Nós podemos falar onde temos problemas e o que poderia ser melhorado nos nossos bairros. Eu recebo muitas reclamações dos moradores do bairro e, desde que começou a integração, diminuíram as mensagens sobre segurança. Nós temos uma sensação maior de segurança no Nações, e outros presidentes também relataram isso”, diz. 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade