Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Aprovada nova loja da Havan pelo Conselho da Cidade

Sexta, 2/3/2018 7:09.

O Conselho da Cidade de Balneário Camboriú aprovou ontem, por 12 votos a favor e 4 contra o Estudo de Impacto de Vizinhança para instalação de uma segunda loja da Havan, esta localizada na confluência entre Avenida do Estado e das Flores, em frente ao Balneário Shopping.

A representante da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Eliane Colla é contra o projeto e pediu prorrogação do seu pedido de vista por mais 30 dias alegando que não conseguiu analisar porque o material foi fornecido em mídia magnética “com problemas” e não em papel.

Posto em votação a maioria dos conselheiros entendeu que se tratava de retardamento deliberado e negou o pedido de prorrogação.

A direção da CDL é contra o projeto e para combatê-lo tentou ressuscitar uma proposta já reprovada pelo Conselho da Cidade, que a Havan fosse inserida no projeto denominado Praça do Cidadão.

Em seguida o relatório foi lido e, depois de quase cinco anos aguardando uma resposta o empreendedor teve seu projeto aprovado.

Ainda falta uma última decisão, esta da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú que tende a ser rápida.

Alguns vereadores respondem processo na justiça devido à acusação do dono do terreno onde se instalará a Havan, Jorge Caseca, de que pediram propina no governo anterior para tratar dessa loja que na época integrava a proposta da Praça do Cidadão.

Além disso, os vereadores em 2017 retardaram durante meses votações de projetos importantes e foram criticados pela opinião pública.

Existe o risco, ainda que neste momento remoto, da Câmara não aprovar o projeto por represália a Jorge Caseca ou por apoiar a parcela do comércio que enxerga na Havan o que ela é: uma arrasa-quarteirão em preços que afeta a concorrência, porém beneficia os consumidores.

Detalhes da loja

Área total de loja: 5.000 m2

Área total de estacionamento: 10.800 m2

Vagas para necessidades especiais: 7

Vagas para idosos: 14

Vagas comuns: 256

Geração de 200 a 240 vagas com remuneração mínima ao redor de R$ 1.850,00 mensais.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Aprovada nova loja da Havan pelo Conselho da Cidade

Sexta, 2/3/2018 7:09.

O Conselho da Cidade de Balneário Camboriú aprovou ontem, por 12 votos a favor e 4 contra o Estudo de Impacto de Vizinhança para instalação de uma segunda loja da Havan, esta localizada na confluência entre Avenida do Estado e das Flores, em frente ao Balneário Shopping.

A representante da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Eliane Colla é contra o projeto e pediu prorrogação do seu pedido de vista por mais 30 dias alegando que não conseguiu analisar porque o material foi fornecido em mídia magnética “com problemas” e não em papel.

Posto em votação a maioria dos conselheiros entendeu que se tratava de retardamento deliberado e negou o pedido de prorrogação.

A direção da CDL é contra o projeto e para combatê-lo tentou ressuscitar uma proposta já reprovada pelo Conselho da Cidade, que a Havan fosse inserida no projeto denominado Praça do Cidadão.

Em seguida o relatório foi lido e, depois de quase cinco anos aguardando uma resposta o empreendedor teve seu projeto aprovado.

Ainda falta uma última decisão, esta da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú que tende a ser rápida.

Alguns vereadores respondem processo na justiça devido à acusação do dono do terreno onde se instalará a Havan, Jorge Caseca, de que pediram propina no governo anterior para tratar dessa loja que na época integrava a proposta da Praça do Cidadão.

Além disso, os vereadores em 2017 retardaram durante meses votações de projetos importantes e foram criticados pela opinião pública.

Existe o risco, ainda que neste momento remoto, da Câmara não aprovar o projeto por represália a Jorge Caseca ou por apoiar a parcela do comércio que enxerga na Havan o que ela é: uma arrasa-quarteirão em preços que afeta a concorrência, porém beneficia os consumidores.

Detalhes da loja

Área total de loja: 5.000 m2

Área total de estacionamento: 10.800 m2

Vagas para necessidades especiais: 7

Vagas para idosos: 14

Vagas comuns: 256

Geração de 200 a 240 vagas com remuneração mínima ao redor de R$ 1.850,00 mensais.

Publicidade

Publicidade