Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Audiência pública volta a debater Plano de Mobilidade de Balneário Camboriú
Divulgação PMBC

Quarta, 4/7/2018 10:27.

O Plano de Mobilidade Urbana de Balneário Camboriú está sendo construído e nesta quinta-feira (5), novamente a comunidade poderá participar em audiência pública, na Câmara de Vereadores, a partir das 19h.

Desta vez serão explicados os eixos e ações elencadas para cada um deles. Cada ação poderá ter mais de uma proposta e por isso a administração destaca a importância da participação popular.

Itens que serão debatidos:

Pedestre

Ação 1: Acessibilidade de todas as calçadas e passeios
Ação 2: Traffic Calming
Ação 3: Redes de caminhabilidade – centralidades nos bairros
Ação 4: Calçadas caminháveis
Ação 5: Tratamento de travessias e cruzamentos
Ação 6: Sinalização e informação ao pedestre
Ação 7: Programa de educação e valorização do pedestre

Ciclistas

Ação 1: Rede cicloviária existente e proposta
Ação 2: Posicionamento de paraciclos e bicicletários
Ação 3: Implementação de sistema de aluguel e compartilhamento de bicicletas
Ação 4: Conexão com o sistema de transporte coletivo
Ação 5: Plano Diretor Cicloviário
Ação 6: Indicadores para análise da estrutura para bicicleta
Ação 7: Programas de incentivo, educação e valorização dos deslocamentos por bicicleta
Ação 8: Integração da rede cicloviária entre municípios vizinhos

Transporte Coletivo

Ação 1: Reestruturação do Sistema de Transporte Público Coletivo Urbano
Ação 2: Potencialização das faixas exclusivas
Ação 3: Sistema de informação físico e digital em tempo real
Ação 4: Integração de sistema de transporte coletivo com sistema cicloviário
Ação 5: Parâmetros de desempenho, conforto e qualidade
Ação 6: Sistema de bilhetagem eletrônica
Ação 7: Acessibilidade em todos os componentes do sistema de transporte coletivo
Ação 8: Plano de pontos, paradas, estações e terminais
Ação 9: Integração intermodal
Ação 10: Integração regional e intermunicipal

Transporte Motorizado Individual

Ação 1: Restrição de circulação de veículos na área central
Ação 2: Estacionamentos e oferta de vagas em espaço público para carro parado
Ação 3: Educação
Ação 4: Novas tecnologias

Sistema Viário

Ação 1: Propostas de aberturas e/ou alargamentos de vias
Ação 2: Implementação de zonas de traffic calming e ruas vivas em áreas identificadas
Ação 3: Hierarquia viária
Ação 4: Desenvolvimento do Manual de Organização do Espaço Público

Mercadorias

Ação 1: Sistema regional de distribuição de mercadorias
Ação 2: Zonas de restrição de circulação para veículos pesados

Turismo

Ação 1: Proposta de terminal turístico
Ação 2: Restrição e controle de circulação de ônibus rodoviários
Ação 3: Turismo a pé
Ação 4: Turismo de bicicleta
Ação 5: Turista usuário do sistema de transporte

Polo Gerador de Tráfego

Ação 1: Diretrizes para entrega de relatório de impacto de tráfego (RIT)
Ação 2: Metodologia para elaboração do PlanMob Corporativo

Gestão

Ação 1: Organizar e estruturar o plano de mobilidade com marcos legais, regulatórios e políticas conjuntas ao plano diretor municipal;
Ação 2: Atualização anual da análise sobre as estruturas de mobilidade existentes;
Ação 3: Definição de política tarifária para mudança cultural sobre forma das pessoas se deslocarem;
Ação 4: Definição de estrutura organizacional para gestão e regulação da mobilidade, transporte e trânsito;
Ação 5: Criação do BCMobLab

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Política

Vereador diz que projeto regularizando a situação não tramitará rápido


Política

Uma das comissões legislativas é controlada pela oposição


Cidade

Governo terá que agir rápido para não ficar desarticulado


Geral

Veja a previsão para Balneário Camboriú


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Audiência pública volta a debater Plano de Mobilidade de Balneário Camboriú

Divulgação PMBC

O Plano de Mobilidade Urbana de Balneário Camboriú está sendo construído e nesta quinta-feira (5), novamente a comunidade poderá participar em audiência pública, na Câmara de Vereadores, a partir das 19h.

Desta vez serão explicados os eixos e ações elencadas para cada um deles. Cada ação poderá ter mais de uma proposta e por isso a administração destaca a importância da participação popular.

Itens que serão debatidos:

Pedestre

Ação 1: Acessibilidade de todas as calçadas e passeios
Ação 2: Traffic Calming
Ação 3: Redes de caminhabilidade – centralidades nos bairros
Ação 4: Calçadas caminháveis
Ação 5: Tratamento de travessias e cruzamentos
Ação 6: Sinalização e informação ao pedestre
Ação 7: Programa de educação e valorização do pedestre

Ciclistas

Ação 1: Rede cicloviária existente e proposta
Ação 2: Posicionamento de paraciclos e bicicletários
Ação 3: Implementação de sistema de aluguel e compartilhamento de bicicletas
Ação 4: Conexão com o sistema de transporte coletivo
Ação 5: Plano Diretor Cicloviário
Ação 6: Indicadores para análise da estrutura para bicicleta
Ação 7: Programas de incentivo, educação e valorização dos deslocamentos por bicicleta
Ação 8: Integração da rede cicloviária entre municípios vizinhos

Transporte Coletivo

Ação 1: Reestruturação do Sistema de Transporte Público Coletivo Urbano
Ação 2: Potencialização das faixas exclusivas
Ação 3: Sistema de informação físico e digital em tempo real
Ação 4: Integração de sistema de transporte coletivo com sistema cicloviário
Ação 5: Parâmetros de desempenho, conforto e qualidade
Ação 6: Sistema de bilhetagem eletrônica
Ação 7: Acessibilidade em todos os componentes do sistema de transporte coletivo
Ação 8: Plano de pontos, paradas, estações e terminais
Ação 9: Integração intermodal
Ação 10: Integração regional e intermunicipal

Transporte Motorizado Individual

Ação 1: Restrição de circulação de veículos na área central
Ação 2: Estacionamentos e oferta de vagas em espaço público para carro parado
Ação 3: Educação
Ação 4: Novas tecnologias

Sistema Viário

Ação 1: Propostas de aberturas e/ou alargamentos de vias
Ação 2: Implementação de zonas de traffic calming e ruas vivas em áreas identificadas
Ação 3: Hierarquia viária
Ação 4: Desenvolvimento do Manual de Organização do Espaço Público

Mercadorias

Ação 1: Sistema regional de distribuição de mercadorias
Ação 2: Zonas de restrição de circulação para veículos pesados

Turismo

Ação 1: Proposta de terminal turístico
Ação 2: Restrição e controle de circulação de ônibus rodoviários
Ação 3: Turismo a pé
Ação 4: Turismo de bicicleta
Ação 5: Turista usuário do sistema de transporte

Polo Gerador de Tráfego

Ação 1: Diretrizes para entrega de relatório de impacto de tráfego (RIT)
Ação 2: Metodologia para elaboração do PlanMob Corporativo

Gestão

Ação 1: Organizar e estruturar o plano de mobilidade com marcos legais, regulatórios e políticas conjuntas ao plano diretor municipal;
Ação 2: Atualização anual da análise sobre as estruturas de mobilidade existentes;
Ação 3: Definição de política tarifária para mudança cultural sobre forma das pessoas se deslocarem;
Ação 4: Definição de estrutura organizacional para gestão e regulação da mobilidade, transporte e trânsito;
Ação 5: Criação do BCMobLab

Publicidade

Publicidade