Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Museu da Imagem e Som abre as portas em Balneário Camboriú nesta sexta-feira

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Divulgação

Quarta, 11/7/2018 15:44.

Por Daniele Sisnandes

Se Balneário Camboriú já era considerada um paraíso do turismo de sol e mar, comércio pujante e gastronomia diferenciada, passa a contar agora com um atrativo cultural de padrões internacionais: o Museu de Imagem e Som. A abertura ao público acontece nesta sexta-feira (20), aniversário da cidade.

O MIS-BC fica em um prédio construído especialmente para abrigar o acervo do Instituto Delatorre, na Rua 700, número 44, bem em frente ao Cine Itália. As construções começaram em 2012, ano de fundação do Instituto.

São sete pavimentos de museu que reúnem um acervo inestimável de 2,8 mil itens, entre equipamentos, moedas, selos, filmes, fitas e discos - fruto de quase 40 anos de pesquisas de seu idealizador, o empresário Fernando Delatorre, e família.

Em uma apresentação à imprensa, feita nesta quarta-feira (11), Fernando contou que cada peça tem sua história. Elas foram garimpadas em feiras pelo Brasil e no exterior, uma ideia que começou a ser idealizado na década de 80, durante viagem de Delatorre à Europa.

Ele se aprimorou em museologia e gosta de enfatizar que edificou o MIS-BC sem recorrer a profissionais de fora, apenas com mão de obra de sua empresa, do ramo da construção civil.

Até o restauro de equipamentos foi feito por sua própria equipe. O projeto de iluminação também é trabalho dela. O prédio tem mais de 1,5 mil lâmpadas, ativadas por sensores de movimento, que também ativam sons nos corredores dedicados aos rádios e gramofones.

O empreendimento não contou com recursos públicos. Todo o investimento foi da família Delatorre. Para o idealizador, esse é o legado que quer deixar para as futuras gerações e para a cidade. "Eu poderia ter construído o museu em qualquer cidade, mas escolhi fazer aqui", pontuou.

A família Delatorre foi a maior investidora em cinemas na cidade, construiu o Cinerama, o Cine Itália e o Auto Cine. 

Foi o Instituto Delatorre que catalogou tudo, uma verdadeira viagem à história do audiovisual no mundo, começando com o pré-cinema e suas lanternas mágicas que, através da luz de lamparinas alimentadas por querosene, projetavam slides pintados com bico de pena.

Há muitas curiosidades, como o primeiro filme feito - pelos irmãos Lumière, uma seção inteira dedicada a Charlie Chaplin e até um fonógrafo fabricado pela empresa de Thomas Edson - primeiro equipamento a gravar a voz humana.

O passeio merece tempo para apreciar tudo com calma e possivelmente vai intrigar as novas gerações com as primeiras câmeras, negativos em vidro, projetores de 35mm, rádios valvulados, máquinas de escrever e os primeiros telefones.

Santa Catarina e Balneário Camboriú são constantemente lembradas em fotos, discos de artistas locais, cartazes e equipamentos como projetores, que até cerca de cinco anos atrás ainda rodavam os filmes nos cinemas da cidade.

O MIS-BC reúne ainda um andar inteiro dedicado a exemplares do sistema monetário do Brasil e do mundo e um andar com auditório com 50 lugares, onde serão exibidos filmes clássicos.

Serviço:

O MIS-BC funcionará de terça a domingo, das 13h às 18h. Os ingressos custam R$ 20 (adultos) e R$ 10 (crianças, idosos e estudantes). Fica na Rua 700, número 44 - Centro de Balneário Camboriú.

Agendamentos para grupos pelo (47) 3363-5786.

Mais informações www.misbc.com.br

Fotos:

Fernando Delatorre

Máquina de escrever com fonte caligráfica do acervo de Delatorre. 

Cartaz original de filme com Vera Fischer, frequentadora do extinto Cinerama.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade


Cidade

As pessoas que tornaram mais conhecido o nome da cidade, aqui em formato digital 


Esportes

Atletismo masculino chegou ao título com 7 medalhas de ouro, uma prata e cinco bronzes.


Impresso

Edição é toda voltada para o aniversário da cidade. Garanta o seu exemplar.


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade