Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

O desemprego bate à porta de Balneário Camboriú
Arthur Mmiranda/PMBC
Até pouco tempo as vagas para serviços de limpeza sobravam na cidade

Quarta, 30/3/2016 6:02.

A estimativa da direção da Empresa Municipal de Água e Saneamento, Emasa, é que o concurso que está promovendo para contratar garis atraia 2.000 inscritos. É efeito do desemprego. Em anos anteriores os responsáveis pela limpeza pública não conseguiam sequer completar o quadro de funcionários para varrer a cidade e tinham que trazer pessoas até do Nordeste do país.

Mesmo com uma temporada aquecida pelo turismo, a crise vem se instalando em Balneário e a tendência é que o desemprego avance ainda mais com o fim do verão. Conforme o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), a cidade fechou os dois primeiros meses do ano com a extinção de 665 postos de trabalho. É nada menos do que o triplo de vagas fechadas no mesmo período do ano passado.

Esse quadro vem afetando todos os setores. As funções com maior número de desligamentos foram vendedor, repositor de mercadorias e operador de caixas, ocupações que costumam absorver mais pessoal no verão e demitir ao final da temporada. Mas há também saldos negativos na construção civil e nos serviços.

Conforme José Peixer, coordenador do posto local do Sistema Nacional de Empregos, essa situação não é exclusividade de Balneário. “O problema é que está diminuindo a oferta de emprego, porém está estável, se comparado a outras cidades”, disse. Ele reconhece que a procura pelo Seguro-Desemprego tem crescido, assim como a busca de pessoas por colocação no mercado de trabalho.

Concursos

Um termômetro para avaliar a situação do emprego são os concursos públicos. O processo seletivo realizado pela prefeitura em novembro teve mais de 16 mil inscritos. Grande adesão também teve o concurso da Câmara.

Na última semana a Emasa abriu inscrições para processo seletivo de agentes de limpeza e teve uma procura nunca vista. Só nos primeiros três dias foram mais de 640 inscritos para receber salários de R$ 1.182,20 com adicionais de insalubridade e R$ 300 de alimentação, fora possíveis horas extras. Conforme Marcelo Achutti, diretor da Emasa, a expectativa é que passe de dois mil candidatos até o dia 9, quando as inscrições serão encerradas.

A prefeitura de Itapema também lançou edital de concurso, e só no primeiro dia alcançou mais de 10 mil leitores no Página 3, o que reforça a preocupação com emprego e principalmente estabilidade neste momento.

Concursos abertos

A prefeitura de Itapema lançou edital de concurso público para contratação sob regime celetista. As provas acontecem no dia 22 de maio. As inscrições seguem até o dia 25 de abril neste link. Custam entre R$ 50 e R$ 110, dependendo do cargo e nível de escolaridade. O requisito mínimo é Ensino Fundamental.

Os salários também variam conforme a função, e ficam entre R$ 900 e R$ 11.801,09.

O resultado do concurso é válido por dois anos. Saiba mais aqui.

Emasa

A Emasa abriu 300 vagas temporárias. As inscrições são gratuitas, abertas para pessoas alfabetizadas e acima dos 18 anos. A prova será aplicada no dia 17 de abril, no colégio João Goulart, a partir das 14h. Os aprovados vão atuar em diferentes funções, como varrição, roçada, raspagem e pintura de meio-fio. O contrato é de seis meses, prorrogáveis.

Inscrições na sede do Departamento de Limpeza Urbana, na Rua 2.550, nº 639, de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 17h30min e aos sábados das 8h30min às 13h. Detalhes aqui.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

O desemprego bate à porta de Balneário Camboriú

Arthur Mmiranda/PMBC
Até pouco tempo as vagas para serviços de limpeza sobravam na cidade
Até pouco tempo as vagas para serviços de limpeza sobravam na cidade
Quarta, 30/3/2016 6:02.

A estimativa da direção da Empresa Municipal de Água e Saneamento, Emasa, é que o concurso que está promovendo para contratar garis atraia 2.000 inscritos. É efeito do desemprego. Em anos anteriores os responsáveis pela limpeza pública não conseguiam sequer completar o quadro de funcionários para varrer a cidade e tinham que trazer pessoas até do Nordeste do país.

Mesmo com uma temporada aquecida pelo turismo, a crise vem se instalando em Balneário e a tendência é que o desemprego avance ainda mais com o fim do verão. Conforme o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), a cidade fechou os dois primeiros meses do ano com a extinção de 665 postos de trabalho. É nada menos do que o triplo de vagas fechadas no mesmo período do ano passado.

Esse quadro vem afetando todos os setores. As funções com maior número de desligamentos foram vendedor, repositor de mercadorias e operador de caixas, ocupações que costumam absorver mais pessoal no verão e demitir ao final da temporada. Mas há também saldos negativos na construção civil e nos serviços.

Conforme José Peixer, coordenador do posto local do Sistema Nacional de Empregos, essa situação não é exclusividade de Balneário. “O problema é que está diminuindo a oferta de emprego, porém está estável, se comparado a outras cidades”, disse. Ele reconhece que a procura pelo Seguro-Desemprego tem crescido, assim como a busca de pessoas por colocação no mercado de trabalho.

Concursos

Um termômetro para avaliar a situação do emprego são os concursos públicos. O processo seletivo realizado pela prefeitura em novembro teve mais de 16 mil inscritos. Grande adesão também teve o concurso da Câmara.

Na última semana a Emasa abriu inscrições para processo seletivo de agentes de limpeza e teve uma procura nunca vista. Só nos primeiros três dias foram mais de 640 inscritos para receber salários de R$ 1.182,20 com adicionais de insalubridade e R$ 300 de alimentação, fora possíveis horas extras. Conforme Marcelo Achutti, diretor da Emasa, a expectativa é que passe de dois mil candidatos até o dia 9, quando as inscrições serão encerradas.

A prefeitura de Itapema também lançou edital de concurso, e só no primeiro dia alcançou mais de 10 mil leitores no Página 3, o que reforça a preocupação com emprego e principalmente estabilidade neste momento.

Concursos abertos

A prefeitura de Itapema lançou edital de concurso público para contratação sob regime celetista. As provas acontecem no dia 22 de maio. As inscrições seguem até o dia 25 de abril neste link. Custam entre R$ 50 e R$ 110, dependendo do cargo e nível de escolaridade. O requisito mínimo é Ensino Fundamental.

Os salários também variam conforme a função, e ficam entre R$ 900 e R$ 11.801,09.

O resultado do concurso é válido por dois anos. Saiba mais aqui.

Emasa

A Emasa abriu 300 vagas temporárias. As inscrições são gratuitas, abertas para pessoas alfabetizadas e acima dos 18 anos. A prova será aplicada no dia 17 de abril, no colégio João Goulart, a partir das 14h. Os aprovados vão atuar em diferentes funções, como varrição, roçada, raspagem e pintura de meio-fio. O contrato é de seis meses, prorrogáveis.

Inscrições na sede do Departamento de Limpeza Urbana, na Rua 2.550, nº 639, de segunda a sexta-feira, das 8h30min às 17h30min e aos sábados das 8h30min às 13h. Detalhes aqui.

Publicidade

Publicidade