Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Casa de Passagem precisa melhorar estrutura e segurança

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Quinta, 3/3/2016 8:56.

A Casa de Passagem, destinada a abrigar andarilhos e outras pessoas que não têm um teto para dormir é mal planejada e oferece risco constante à segurança dos profissionais da prefeitura que lá trabalham.

São poucos funcionários, carentes de treinamento até em coisas básicas, como primeiros socorros. As instalações são precárias e às vezes faltam alimentos.

Em certos dias até 30 pessoas estão abrigadas, atendidas por uma ou duas funcionárias.

Segurança é o maior problema, ameaças ocorrem rotineiramente. Na semana passada um foragido da justiça com dezenas de passagens pela polícia foi preso no local. Em janeiro já havia ocorrido fato semelhante.

Em muitas ocasiões as funcionárias ficam sozinhas, atendendo pessoas com diferentes problemas, como abstinência de drogas ou que acabaram de sair do presídio da Canhanduba.

Não existe triagem, nem ao menos uma ficha para ser submetida ao controle da polícia para confirmar identidade, periculosidade etc.

O secretário da Administração da prefeitura, Paulo Milton dos Santos, admitiu que há problemas, entende que mulheres não podem executar o serviço sem o apoio de seguranças masculinos e adiantou que tomará providências.

Em quantidade

A temporada e a crise econômica atraíram uma grande quantidade de andarilhos para Balneário Camboriú. Eles são vistos dormindo nas ruas, em toda a região central. Normalmente aceitam alimentos, banho, uma noite de sono na Casa de Passagem e o bilhete de ônibus para outra cidade. É comum retornarem várias vezes, sobrecarregando o Resgate.

A legislação os ampara no direito de dormir nas ruas. Não é um problema policial e sim social.

No caso de precisar do Resgate Social ou diante de alguma situação de vulnerabilidade social ligue 8839-7075. A Casa de Passagem, localizada na BR-101 Km 130, atende no telefone 3361-7813.

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Educação

A comunidade de toda região está convidada para opinar


Eleições

Defendo congelar salários e vantagens dos deputados por 10 anos


Eleições

Ele é surdo e por isso conhece as dificuldades enfrentadas por pessoas em situação semelhante 


Eleições

Em entrevista ao Página 3 ele conta que quer ser deputado do empreendedorismo


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade