Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Iniciadas vistorias para lacrar pontos poluentes do Canal do Marambaia
Daniele Sisnandes/Página 3

Terça, 1/3/2016 12:12.

Na manhã desta terça-feira (1º), funcionários da Emasa, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros foram até o Canal do Marambaia para analisar os pontos poluentes, que deverão ser lacrados. Os pontos não são novos, na verdade o problema é muito antigo e até agora o poder público fingiu que nada acontecia ali, até porque também é responsável por poluir o Canal.

O diretor geral da Emasa, Marcelo Achutti, conta que hoje foram identificar os pontos de esgoto irregulares no Canal para posteriormente os lacrarem. “Fomos de bote e foi um percurso bem difícil. Encontramos vários pontos ilegais, tanto de prédios quanto de hotéis”, disse.

O próximo passo é fazer o percurso a pé pela galeria pluvial que fica nas proximidades do Atlântico Shopping, pois lá também há pontos ilegais que levam ao Canal do Marambaia. “E então poderemos começar a lacrar, vai demorar um pouco por conta da questão operacional. Iremos fechá-los com cimento”, diz.

Foram identificados pontos clandestinos que já haviam sido lacrados, mas surgiram muitos novos. “Iremos cuidar com a questão da segurança, para não haver risco de contaminação”, comenta.

Como foi dito pelo diretor, o fechamento das canalizações clandestinas ainda deve demorar, mas se sair mesmo do papel pode ser o primeiro passo para a tão prometida revitalização do Canal do Marambaia.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Saúde

Evento é especial para mulheres e inscrições estão abertas


Esportes


Publicidade

Revestimento que já foi sucesso é tendência novamente


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Iniciadas vistorias para lacrar pontos poluentes do Canal do Marambaia

Daniele Sisnandes/Página 3
Terça, 1/3/2016 12:12.

Na manhã desta terça-feira (1º), funcionários da Emasa, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros foram até o Canal do Marambaia para analisar os pontos poluentes, que deverão ser lacrados. Os pontos não são novos, na verdade o problema é muito antigo e até agora o poder público fingiu que nada acontecia ali, até porque também é responsável por poluir o Canal.

O diretor geral da Emasa, Marcelo Achutti, conta que hoje foram identificar os pontos de esgoto irregulares no Canal para posteriormente os lacrarem. “Fomos de bote e foi um percurso bem difícil. Encontramos vários pontos ilegais, tanto de prédios quanto de hotéis”, disse.

O próximo passo é fazer o percurso a pé pela galeria pluvial que fica nas proximidades do Atlântico Shopping, pois lá também há pontos ilegais que levam ao Canal do Marambaia. “E então poderemos começar a lacrar, vai demorar um pouco por conta da questão operacional. Iremos fechá-los com cimento”, diz.

Foram identificados pontos clandestinos que já haviam sido lacrados, mas surgiram muitos novos. “Iremos cuidar com a questão da segurança, para não haver risco de contaminação”, comenta.

Como foi dito pelo diretor, o fechamento das canalizações clandestinas ainda deve demorar, mas se sair mesmo do papel pode ser o primeiro passo para a tão prometida revitalização do Canal do Marambaia.

Publicidade

Publicidade