Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Prefeitura vai instalar paraciclos em 20 pontos da cidade
ACBC
Uso da bike é incentivado, mas ainda falta estrutura

Terça, 10/5/2016 9:19.

Não é difícil circular por Balneário Camboriú e se deparar com bicicletas amarradas em postes e árvores. Apesar de ilegal, é a única alternativa na quase totalidade dos casos. Essa falta de infraestrutura vai na contramão do incentivo para o uso do meio de transporte, mas deve começar a mudar, mesmo que lentamente. Isso porque a prefeitura está licitando a implantação de paraciclos pela cidade. 

A reivindicação é uma das bandeiras da Associação de Ciclismo de Balneário e Camboriú, que recentemente entregou um mapa cicloviário com sugestão para implantar paraciclos em mais de 80 pontos pelo município.

De acordo com a licitação, serão instalados paraciclos em 20 pontos (ainda indefinidos), cada um com cinco vagas. O número é bem aquém do ideal, mas representa um começo.

“É muito provável que isso esteja saindo por causa de uma provocação nossa requisitando melhorias na malha cicloviária”, comentou o presidente da ACBC, Chaves Júnior. Ele informou que os modelos dos paraciclos atendem aos padrões repassados pela associação há cerca de dois anos.
Até agora as tentativas do poder público em instalar os equipamentos não seguiam as orientações da entidade e resultaram em necessidade de troca por estarem fora dos padrões e com materiais que sofreram rapidamente a ação da maresia, como na Tamandaré.

Há algumas semanas o Página 3 criticou a instalação mal feita de um paraciclo na Biblioteca. Nesta licitação que está em andamento, a Secretaria de Compras especificou todas as etapas, desde o corte do pavimento até a limpeza da obra. As propostas serão abertas no dia 16, mas a estimativa é investir até R$ 150 mil.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Política


Saúde

Evento é especial para mulheres e inscrições estão abertas


Publicidade

Revestimento que já foi sucesso é tendência novamente


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Prefeitura vai instalar paraciclos em 20 pontos da cidade

ACBC
Uso da bike é incentivado, mas ainda falta estrutura
Uso da bike é incentivado, mas ainda falta estrutura
Terça, 10/5/2016 9:19.

Não é difícil circular por Balneário Camboriú e se deparar com bicicletas amarradas em postes e árvores. Apesar de ilegal, é a única alternativa na quase totalidade dos casos. Essa falta de infraestrutura vai na contramão do incentivo para o uso do meio de transporte, mas deve começar a mudar, mesmo que lentamente. Isso porque a prefeitura está licitando a implantação de paraciclos pela cidade. 

A reivindicação é uma das bandeiras da Associação de Ciclismo de Balneário e Camboriú, que recentemente entregou um mapa cicloviário com sugestão para implantar paraciclos em mais de 80 pontos pelo município.

De acordo com a licitação, serão instalados paraciclos em 20 pontos (ainda indefinidos), cada um com cinco vagas. O número é bem aquém do ideal, mas representa um começo.

“É muito provável que isso esteja saindo por causa de uma provocação nossa requisitando melhorias na malha cicloviária”, comentou o presidente da ACBC, Chaves Júnior. Ele informou que os modelos dos paraciclos atendem aos padrões repassados pela associação há cerca de dois anos.
Até agora as tentativas do poder público em instalar os equipamentos não seguiam as orientações da entidade e resultaram em necessidade de troca por estarem fora dos padrões e com materiais que sofreram rapidamente a ação da maresia, como na Tamandaré.

Há algumas semanas o Página 3 criticou a instalação mal feita de um paraciclo na Biblioteca. Nesta licitação que está em andamento, a Secretaria de Compras especificou todas as etapas, desde o corte do pavimento até a limpeza da obra. As propostas serão abertas no dia 16, mas a estimativa é investir até R$ 150 mil.

Publicidade

Publicidade