Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Udesc completa 11 anos em BC ainda com muito pelo que lutar
Renata Rutes/Página 3
Acadêmicos visitaram o Página 3

Quinta, 16/6/2016 9:19.

O presidente do Centro Acadêmico de Administração Pública da Udesc/BC, André Vechi considera um privilégio participar das comemorações dos 11 anos que o curso completou nesta semana, mas destaca que ainda há muitas coisas que precisam ser conquistadas. A maior expectativa é a abertura do campus oficial da Udesc BC, em construção no Bairro Nova Esperança.

O primeiro prédio, que contará com laboratórios para o curso de Engenharia do Petróleo, deve ser entregue no final deste ano, mas o segundo, onde estarão as salas de aula e demais laboratórios somente daqui a dois anos. Ele salienta que mesmo com a boa localização (hoje a Udesc está na Avenida Central), o prédio impede uma expansão.

“Hoje já temos dois prédios e logo precisaremos de mais um”, afirma.

Administração Pública

Investir na divulgação do curso, que sofreu com o fechamento e foi reaberto em 2014, também está na pauta dos acadêmicos. “O fechamento fez com que o número de candidatos por vaga caísse. No vestibular de inverno caiu de sete para três, mas no verão aumenta”, diz.

Daí surgiu a ideia do projeto Cidadania, que leva palestras sobre corrupção, política e gestão às escolas da cidade, servindo também de incentivo aos alunos a cursarem Administração Pública.

“Hoje o perfil dos estudantes mudou, antes ele era oferecido de manhã, agora é à noite, atraindo também os trabalhadores, que antes não podiam cursar por conta que trabalham no período matutino”, comenta.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Udesc completa 11 anos em BC ainda com muito pelo que lutar

Renata Rutes/Página 3
Acadêmicos visitaram o Página 3
Acadêmicos visitaram o Página 3
Quinta, 16/6/2016 9:19.

O presidente do Centro Acadêmico de Administração Pública da Udesc/BC, André Vechi considera um privilégio participar das comemorações dos 11 anos que o curso completou nesta semana, mas destaca que ainda há muitas coisas que precisam ser conquistadas. A maior expectativa é a abertura do campus oficial da Udesc BC, em construção no Bairro Nova Esperança.

O primeiro prédio, que contará com laboratórios para o curso de Engenharia do Petróleo, deve ser entregue no final deste ano, mas o segundo, onde estarão as salas de aula e demais laboratórios somente daqui a dois anos. Ele salienta que mesmo com a boa localização (hoje a Udesc está na Avenida Central), o prédio impede uma expansão.

“Hoje já temos dois prédios e logo precisaremos de mais um”, afirma.

Administração Pública

Investir na divulgação do curso, que sofreu com o fechamento e foi reaberto em 2014, também está na pauta dos acadêmicos. “O fechamento fez com que o número de candidatos por vaga caísse. No vestibular de inverno caiu de sete para três, mas no verão aumenta”, diz.

Daí surgiu a ideia do projeto Cidadania, que leva palestras sobre corrupção, política e gestão às escolas da cidade, servindo também de incentivo aos alunos a cursarem Administração Pública.

“Hoje o perfil dos estudantes mudou, antes ele era oferecido de manhã, agora é à noite, atraindo também os trabalhadores, que antes não podiam cursar por conta que trabalham no período matutino”, comenta.

Publicidade

Publicidade