Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Prolongamento da Quarta Avenida vai atrasar

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Secretaria de Obras

Terça, 26/7/2016 11:45.

As obras no prolongamento da Quarta Avenida vão atrasar por conta da pausa de uma semana, problemas na tubulação e drenagem. No momento os trabalhos acontecem na Rua 3.198, onde vai passar a nova parte da avenida.

A empresa Balt, responsável pela obra, se viu obrigada a parar de trabalhar por problemas que fiscais do Comissão de Fiscalização de Obras Públicas (COMFIS) notaram. O presidente do Comitê e engenheiro Djandro Goulart, explica que as tubulações e obras de drenagens não estavam dentro das normas de execução e que isso aconteceu devido a problemas com o lençol freático no local. “O lençol dificultou a colocação da tubulação e então a empresa precisou mobilizar equipamentos para rebaixá-lo e pediu alguns dias para conseguir cumprir isso”, diz.

Agora as obras já seguem em ritmo normal e a drenagem continua a ser feita. Essa é a primeira parte do prolongamento e ainda não tem data para ser finalizada. Calculava-se que esse processo demoraria três meses, mas o prazo será reajustado devido aos atrasos. Djandro salienta que ao contrário de comentários da população (principalmente vizinhos do local) a obra não foi embargada e sim paralisada para ajustes técnicos.

Quando a drenagem e tubulação forem finalizadas o próximo passo é a pavimentação e sinalização da avenida. A secretaria de Obras também aguarda a demolição de algumas casas.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade