Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Nova rua pode solucionar gargalo da Avenida das Flores
Daniele Sisnandes/Página 3

Sexta, 5/2/2016 12:15.

Segundo a Secretaria de Planejamento, falta pouco para a conclusão da rua que está sendo aberta atrás do fórum de Balneário. O secretário, Fábio Flor disse que a topografia já foi concluída e que agora começa o trabalho de finalização da base para receber asfalto.

O principal objetivo com a abertura da Avenida das Flores será acabar com o gargalo causado pelo trânsito intenso da saída da cidade e em torno da Faculdade, o que piora e muito nos horários de pico.

Como será

“Vamos repavimentar toda a Rua das Flores e faremos um novo retorno, que vai desafogar o trânsito daquela região”, adiantou. Fábio explicou que os detalhes estão sendo definidos, mas a princípio, a Rua das Madeireiras, como está sendo chamada provisoriamente, terá sentido único, da BR-101/Faculdade Avantis desembocando na Rua Goiás/Avenida das Flores.

O retorno que hoje na Av. das Flores será fechado. O gestor do Fundo Municipal do Trânsito, Jaime Mantelli, explicou que esse grande quarteirão que será circundado pela nova avenida, servirá como o retorno. Por isso a saída do fórum será instalada nos fundos do terreno e sairá na Rua das Madeireiras. Quem vier da Avenida das Flores e quiser voltar, terá de pegar a nova avenida e chegar até a Rua Goiás, aonde um semáforo deve ser instalado - isso ainda está dependendo de decisão.

Como a prefeitura continua com dificuldades para resolver o futuro daquele trecho da Avenida das Flores que tem sentido contrário, ele deve continuar ali e deverá ser usado como uma saída para quem vem de trás do fórum e quer seguir em direção ao Centro.

Uma gambiarra que já dura três anos

A via chamada provisoriamente de Rua das Madeireiras, é produto de um planejamento equivocado. Quando o governo Piriquito definiu a Avenida das Flores em mão única como a principal saída da cidade, em novembro de 2012, os técnicos perceberam que quem estava no Fórum, na Câmara de Vereadores etc. não teria como voltar em direção ao Centro e Avenida do Estado.

Então foi feita uma gambiarra, uma das pistas da Avenida das Flores passou a funcionar no contra-fluxo, uma medida provisória que se arrasta por três anos.

Essa obra poderia estar pronta há mais de um ano. Quando deixou o cargo o ex-secretário do Planejamento Auri Pavoni entregou ao sucessor a maior parte do serviço concluído, faltava finalizar a drenagem e o asfalto.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Nova rua pode solucionar gargalo da Avenida das Flores

Daniele Sisnandes/Página 3
Sexta, 5/2/2016 12:15.

Segundo a Secretaria de Planejamento, falta pouco para a conclusão da rua que está sendo aberta atrás do fórum de Balneário. O secretário, Fábio Flor disse que a topografia já foi concluída e que agora começa o trabalho de finalização da base para receber asfalto.

O principal objetivo com a abertura da Avenida das Flores será acabar com o gargalo causado pelo trânsito intenso da saída da cidade e em torno da Faculdade, o que piora e muito nos horários de pico.

Como será

“Vamos repavimentar toda a Rua das Flores e faremos um novo retorno, que vai desafogar o trânsito daquela região”, adiantou. Fábio explicou que os detalhes estão sendo definidos, mas a princípio, a Rua das Madeireiras, como está sendo chamada provisoriamente, terá sentido único, da BR-101/Faculdade Avantis desembocando na Rua Goiás/Avenida das Flores.

O retorno que hoje na Av. das Flores será fechado. O gestor do Fundo Municipal do Trânsito, Jaime Mantelli, explicou que esse grande quarteirão que será circundado pela nova avenida, servirá como o retorno. Por isso a saída do fórum será instalada nos fundos do terreno e sairá na Rua das Madeireiras. Quem vier da Avenida das Flores e quiser voltar, terá de pegar a nova avenida e chegar até a Rua Goiás, aonde um semáforo deve ser instalado - isso ainda está dependendo de decisão.

Como a prefeitura continua com dificuldades para resolver o futuro daquele trecho da Avenida das Flores que tem sentido contrário, ele deve continuar ali e deverá ser usado como uma saída para quem vem de trás do fórum e quer seguir em direção ao Centro.

Uma gambiarra que já dura três anos

A via chamada provisoriamente de Rua das Madeireiras, é produto de um planejamento equivocado. Quando o governo Piriquito definiu a Avenida das Flores em mão única como a principal saída da cidade, em novembro de 2012, os técnicos perceberam que quem estava no Fórum, na Câmara de Vereadores etc. não teria como voltar em direção ao Centro e Avenida do Estado.

Então foi feita uma gambiarra, uma das pistas da Avenida das Flores passou a funcionar no contra-fluxo, uma medida provisória que se arrasta por três anos.

Essa obra poderia estar pronta há mais de um ano. Quando deixou o cargo o ex-secretário do Planejamento Auri Pavoni entregou ao sucessor a maior parte do serviço concluído, faltava finalizar a drenagem e o asfalto.

 

Publicidade

Publicidade