Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Motoboys de Balneário se reúnem neste domingo

Sexta, 19/8/2016 14:44.

O grupo de motoboys de Balneário Camboriú, fundado em abril, realiza neste domingo (21) reunião para discutir vários assuntos de interesse da categoria e o principal deles: a formação de uma associação. Thiago Silva Alves, motoboy há 10 anos, está na liderança do grupo e acredita que esta é uma maneira de crescer profissionalmente.

“Nossa experiência de grupo deu certo, além de motoboys de Balneário, já temos de Camboriú e Itajaí, são cerca de 100. Achamos que para profissionalizar a classe, desvincular essa má impressão que muitas pessoas têm do motoboy, é hora de avançar, criando uma associação”, disse Thiago. Ele acredita que em Balneário trabalhem cerca de 500 motoboys. Somando Camboriú e Itajaí, o número chega perto de mil.

“Só com o grupo já conseguimos benefícios, como descontos em equipamentos como colete, pochete, mochila, luva, mecânica, peças de moto, serviços express, de atendimento no local como remendo de pneu, uniforme de trabalho”, disse. Thiago também pensa em cursos para o crescimento dos profissionais. Para receber os benefícios, os integrantes são identificados através de um adesivo na moto.

A reunião será às 9h30, na Pousada do Rio (Rua 3700, número 477).

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Motoboys de Balneário se reúnem neste domingo

O grupo de motoboys de Balneário Camboriú, fundado em abril, realiza neste domingo (21) reunião para discutir vários assuntos de interesse da categoria e o principal deles: a formação de uma associação. Thiago Silva Alves, motoboy há 10 anos, está na liderança do grupo e acredita que esta é uma maneira de crescer profissionalmente.

“Nossa experiência de grupo deu certo, além de motoboys de Balneário, já temos de Camboriú e Itajaí, são cerca de 100. Achamos que para profissionalizar a classe, desvincular essa má impressão que muitas pessoas têm do motoboy, é hora de avançar, criando uma associação”, disse Thiago. Ele acredita que em Balneário trabalhem cerca de 500 motoboys. Somando Camboriú e Itajaí, o número chega perto de mil.

“Só com o grupo já conseguimos benefícios, como descontos em equipamentos como colete, pochete, mochila, luva, mecânica, peças de moto, serviços express, de atendimento no local como remendo de pneu, uniforme de trabalho”, disse. Thiago também pensa em cursos para o crescimento dos profissionais. Para receber os benefícios, os integrantes são identificados através de um adesivo na moto.

A reunião será às 9h30, na Pousada do Rio (Rua 3700, número 477).

 

Publicidade

Publicidade