Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Brasil
Câmara aprova flexibilização de horário da Voz do Brasil

Programa existe desde 1930

Quarta, 14/3/2018 8:31.
EBC.

Publicidade

ANGELA BOLDRINI
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) projeto que flexibiliza os horários de transmissão da Voz do Brasil nas rádios.

O texto segue para sanção presidencial. Pelo texto aprovado, o programa poderá ser transmitido entre as 19h e as 22h em rádios comerciais, e até as 23h em rádios legislativas.

Hoje o programa estatal de transmissão obrigatória, que tem duração de uma hora, vai ao ar às 19h.

A flexibilização é um pleito antigo das empresas de comunicação, que querem a possibilidade de exibir o programa em horários alternativos.
O projeto mantém a veiculação compulsória do programa às 19h nas rádios educativas.

O texto foi alvo de longa discussão no plenário e de obstrução por parte de partidos da oposição e da base, contrários à flexibilização.

A Voz do Brasil está no ar desde a década de 1930 e transmite informativo oficial dos três poderes. Já houve tentativa de acabar com a obrigatoriedade, mas há muita resistência no meio político.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
EBC.

Câmara aprova flexibilização de horário da Voz do Brasil

Programa existe desde 1930

Publicidade

Quarta, 14/3/2018 8:31.

ANGELA BOLDRINI
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) projeto que flexibiliza os horários de transmissão da Voz do Brasil nas rádios.

O texto segue para sanção presidencial. Pelo texto aprovado, o programa poderá ser transmitido entre as 19h e as 22h em rádios comerciais, e até as 23h em rádios legislativas.

Hoje o programa estatal de transmissão obrigatória, que tem duração de uma hora, vai ao ar às 19h.

A flexibilização é um pleito antigo das empresas de comunicação, que querem a possibilidade de exibir o programa em horários alternativos.
O projeto mantém a veiculação compulsória do programa às 19h nas rádios educativas.

O texto foi alvo de longa discussão no plenário e de obstrução por parte de partidos da oposição e da base, contrários à flexibilização.

A Voz do Brasil está no ar desde a década de 1930 e transmite informativo oficial dos três poderes. Já houve tentativa de acabar com a obrigatoriedade, mas há muita resistência no meio político.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade